História Saint Seiya - Um rumo do destino - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Freya, Hilda de Polaris, Saori Kido (Athena), Seiya de Pégaso, Shaina de Cobra
Tags Andreas, Asgard, Atena, Freya, Hilda, Loki, Saori, Seiya, Seiya X Hilda, Shaina
Exibições 161
Palavras 1.681
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Fantasia, Hentai, Luta, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Saint Seiya não me pertence. Desculpem os erros de português.

Capítulo 3 - Capítulo 03


Capítulo 03

Templo de Odin - Asgard

A revelação do casamento de Seiya e Hilda deixou os três que não sabiam na novidade perplexos.

Andreas: Isso… Não pode ser… Lady Hilda vai se casar e você recebeu a semente Yggdrasil como presente? - Questionou-se não entendendo a situação atual.

Fafner: Um casamento assim o conselho nunca aprovará! - Exclamou o homem mais velho chamando a atenção dos demais.

Hilda: Fafner! O conselho não pode ir contra a minha decisão e de nosso Odin! Seiya será o pai dos meus filhos e assim a minha linhagem sanguínea continuará - Pronunciou seriamente saindo detrás do noivo.

Andreas: Hilda-Sama não é uma decisão precipitada? Afinal ninguém sabia que estava se relacionando com… - Foi interrompido pelo cavaleiro de ouro.

Seiya: Hilda meu amor é hora de contarmos o nosso segredo - Começou a falar rodeando o braço na cintura da noiva que sorria - Eu e Hilda estamos num relacionamento secreto há alguns meses - Revelou surpreendendo os presentes e até mesmo a representante de Odin, que tratou de disfarçar o mais rápido que pode.

Sigmund: Um relacionamento secreto? Não me diga que Lady Hilda está grávida!? - Gritou o asgardiano fuzilando com o olhar o cavaleiro de sagitário.

Hilda: Sigmund! - Exclamou repreendendo o homem que abaixou a cabeça - Eu sou ainda uma donzela porque Seiya me respeitou! Se fosse por mim eu tinha consumado esse amor que queima dentro de mim - Falou carinhosamente encostando a cabeça no peito dele. - 'Não imaginei que eu teria aptidão para ser atriz Hihihi’ - Completou em pensamento.

Seiya: Eu pedi assumir como embaixador em Asgard, porque não quero ficar mais longe de Hilda e finalmente criei coragem lhe pedindo em casamento, que ela aceitou e o Odin abençoo com a semente de Yggdrasil ! - Exclamou abraçando carinhosamente a representante de Odin com a árvore do universo atrás deles.

Freya: Seiya e Hilda será uma união próspera para Asgard! - Proclamou sorrindo abertamente olhando o casal.

Sigmund: Sim, o nosso senhor Odin nos presenteou com a árvore do universo como símbolo dessa união - Concordou o irmão de Siegfried.

Andreas: Um casamento que devemos celebrar o mais rápido - Disse olhando com o casal enigmático. - 'Ninguém ficará no meu caminho e você será o primeiro a sair da equação Seiya’ - Finalizou em pensamento.

Seiya: Sim… - Sussurrou aproximando os lábios da noiva. - 'Deixe se levar pelos meus movimentos’ - Falou telepaticamente para a representante de Odin.

Hilda: 'Seiya’ - Pensou ao ter os lábios tomados pelo cavaleiro de sagitário e ela deixou se levar pelo movimentos dele.

Seiya: 'Os lábios dela são inocentes demais, uma dádiva dos deuses, mas ela aprende rápido Hihihi’ - Pensou sentindo o beijo dos dois aumentando e as cosmo-energias brilhando intensamente se mesclando.

Hilda: 'Ele está guiando divinamente por Odin!’ - Pensou sentindo um sentimento estranho dentro de si e o coração começar a bater acelerado.

Freya: Ele beija bem… - Sussurrou vendo a  sua irmã entrelaçando os braços no pescoço dele e correspondendo com veemência.

Fafner: Andreas-Sama isso muda os… - Foi interrompido pelo homem ao seu lado.

Andreas: Nada mudou… - Disse vendo o casal se separar para recuperar o fôlego.

Hilda: 'Com quem será que ele aprendeu isso?’ - Indagou-se mentalmente querendo começar de novo o beijo.

Seiya: Minha princesa - Falou carinhosamente acariciando o rosto dela com os cosmos dos dois brilhando intensamente.

Hilda: Eu quero de novo… - Sussurrou tomando os lábios do cavaleiro iniciando outro beijo intenso entre os dois.

Sigmund: Hilda-Sama… - Sussurrou com um sorriso vendo a felicidade no cosmo da representante de Odin.

Freya: Eu fiquei com ciúme agora Hihihi - Riu levemente a loira observando a cena e desviando o olhar para o descontentamento visível dos outros dois homens presentes. - 'Eu vou adorar ver a cara do conselho Hihihi’ - Pensou rindo mentalmente, já que sua irmã teria que revelar a união.

Salão do Grande Mestre - Santuário

No trono do salão a reencarnação de Atena estava sentada com uma expressão preocupada.

Saori: Há uma energia diferente vindo de Asgard e o cosmo do Seiya está ressoando com alguém!? - Exclamou surpresa apertando os braços do trono com força. - 'Não pode ser!’ - Exclamou mentalmente manifestando a própria cosmo-energia tentando descobrir quem era essa pessoa, mas internamente ela tinha reconhecido e levantou-se do trono rapidamente ao confirmar quem era - Hilda!? isso é impossível! - Pronunciou apertando o punho levemente com a mente a mil. - 'Preciso ir para Asgard o mais rápido possível’ - Pensou fechando e abrindo os olhos.

Palácio Valhala - Asgard

No salão do trono Seiya, Hilda e Freya estavam conversando sobre o encontro com o conselho de Asgard.

Freya: Eu não vou esquecer a cara de surpresa deles quando você contou a novidade irmã Hihihi - Riu a loira lembrando do momento.

Hilda: Foi engraçada realmente Hihihi, mas eu não esperava que isso fosse tão rápido, já que eles querem o casamento para daqui uma semana - Reclamou a representante de Odin.

Seiya: Eu não me importo com a data, mas será estranho quando bem… - Parou de falar notando a noiva vermelha.

Hilda: Você vai ter uma semana para me cortejar como se deve… Antes do dia do casamento - Falou tentando voltar a tonalidade normal.

Seiya: Hilda… Podemos esperar um pouco para o casamento ser consumado - Pronunciou com a moça negando com a cabeça.

Hilda: Não, eles suspeitariam de algo - Disse segurando a mão do cavaleiro. - 'Não quero mais esperar para me tornar mulher e o meu cosmo se mesclou incrivelmente com o do Seiya’ - Pensou controlando a imaginação que estava a mil imaginando como seria o momento, já que ele a beijou de uma maneira incrível.

Freya: Seiya com quem você aprendeu a beijar tão bem? - Indagou normalmente surpreendendo os dois noivos.

Hilda: Freya! Que tipo de pergunta é essa!? - Repreendeu a irmã, mas no fundo estava curiosa também.

Freya: Você não quis largar os lábios dele irmã Hihihi…. Eu fiquei curiosa oras! - Exclamou a loira sorrindo.

Seiya: Está tudo bem… Foi com uma amazona no santuário, que namorei por quase um ano e depois umas servas da casa de sagitário - Revelou para as duas presentes normalmente.

Freya: Você namorou uma amazona? Quem foi Seiya? - Indagou sorrindo com interesse.

Hilda: 'Servas da casa de sagitário... Eu preciso pedir para ele dispensar todas!’ - Pensou a representante de Odin sentindo ciúme.

Seiya: Shaina… Vocês duas a conheceram há alguns anos atrás - Respondeu com as duas princesas se entreolhando.

Hilda: A amazona de cobra… - Disse a noiva segurando a mão dele com força.

Seiya: Sim… Nós tentamos um relacionamento quando eu me tornei o sucessor de sagitário, mas não ocorreu como esperado e terminamos o nosso namoro, entretanto continuamos a amizade entre nós - Falou ocultando o fato que ele e Shaina foram bem mais que amigos quando terminaram. - 'A Hilda está esmagando a minha mão’ - Pensou olhando para a noiva que tinha uma expressão calma.

Hilda: Isso é interessante... E as servas? Foi somente beijos certo? - Questionou com uma voz cama, entretanto a força dela apertando a mão dele era colossal.

Freya: 'A minha irmã está com ciúmes’ - Pensou controlando o riso da cena.

Seiya: Sim… - Respondeu com a representante de Odin aumentando o aperto na mão dele - Quero dizer… Algumas foi mais além… - Corrigiu-se com ela aliviando o aperto e ele aproveitando o momento para recuar a mão. - 'Ela possui uma força esmagadora!’ - Pensou acariciando a sua mão com o seu cosmo.

Hilda: Seiya está tudo bem? - Perguntou inocentemente notando ele ter recuado a mão dele da sua e agora o mesmo usar a sua cosmo-energia nela.

Seiya: Er… Sim - Respondeu surpreso pelo olhar inocente dela. - 'Ela não notou que estava esmagando a minha mão!?’ - Indagou-se mentalmente.

Freya: 'Eu preciso descobrir algumas coisas hihihi’ - Riu maliciosamente com algumas ideias em mente.

Hilda: Deixa que eu cuido disso meu amor - Disse manifestando a sua cosmo-energia na mão dele. - 'Eu o chamei de meu amor!’ - Pensou com uma alegria interna cuidando da mão do noivo.

Seiya: 'O cosmo dela é tão suave e gentil’ - Pensou sentindo a representante de Odin cuidar da mão, que ela mesma esmagou, entretanto isso alertou ele para não contar mais nada do que houve no santuário.

Hilda: Seiya depois eu quero mais detalhes sobre o que houve no santuário - Falou inocentemente para o cavaleiro de sagitário.

Seiya: Er... Hilda que tal um passeio? - Perguntou sentindo o cosmo dela diferente após ela falar.

Hilda: Um passeio? Ah eu lhe prometi mostrar Asgard sob a minha visão e só mostrei o palácio! Vamos agora meu amor - Puxou rapidamente o cavaleiro de ouro, que suspirou aliviado com o cosmo dela voltando ao normal.

Freya: Hilda está tão animada Hihihi - Riu maliciosamente vendo a irmã arrastar o cavaleiro de sagitário.

Vilarejo próximo ao palácio Valhala

Nas ruas do vilarejo do reino nórdico, Seiya e Hilda andavam de mãos dadas, sendo recebidos pelos habitantes surpresos com a sacerdotisa acompanhada de um homem desconhecido.

Hilda- Sama é uma honra vê-la novamente! - Exclamou um dos habitantes mais velhos.

A senhorita está linda como sempre - Disse uma mulher de cabelos castanhos.

Senhorita Hilda o que é essa árvore gigante que surgiu? - Indagou um outro habitante que se aproximava do casal.

Quem é o homem que lhe acompanha? - Perguntou uma mulher idosa vendo a cena com um sorriso e os dois se entreolhando.

Hilda: Obrigada à todos! Há muitas coisas que preciso lhes falar, mas antes quero lhes apresentar o meu noivo - Falou com os habitantes arregalando os olhos levemente e após uns momentos começaram a sorrir - Seiya... O cavaleiro de ouro de sagitário… O meu futuro marido - Apresentou sorrindo beijando nos lábios de leve o futuro marido, que retribuiu o carinho e os habitantes aplaudindo vendo a cena.

Continua >

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...