História Saint Seiya:Batalha do tempo (a saga de Ares e Hades) - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Tags Fanfic, Hades, Saga De Ares, Saint Seiya
Visualizações 3
Palavras 642
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Luta, Romance e Novela, Saga, Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


estou de volta, desculpe a demora em postar mas descobri o belo mundo do trabalho e do RPG de whatsapp kk, bem mas prometo me organizar e voltar a postar os capítulos pois ainda tem muita coisa pra rolar nessa Guerra Santa

Capítulo 23 - Dividas do passado


Pandora fitava Ícaro com um oCapitulo 22:Mãe x filho

Pandora fitava Ícaro com um olhar de ódio, mas logo uma lágrima escorre de seu rosto, Ícaro observa sua mãe que agora havia se tornado sua inimiga, então logo o cavaleiro de fênix diz sorrindo:

-Anda logo, faz isso, cumpra sua missão.

Século 21, Fortaleza do Caos

No salão principal do Palácio, Hades observava a postura de Pandora na luta quando Ares se aproxima:

-O que acha do desempenho de sua serva?

-Pandora não irá fazer nada contra seu filho, mesmo após os anos distante, hunf, típico de uma humana fraca.

-Já esperava isso de Pandora imperador Hades-Responde Hypnos que adentra calmamente o saguão trajado com um longo sobretudo preto, calcas jeans negras com um medalhão com a estrela dourada, símbolo do deus do sono, então Hypnos se sentou em frente aos 2 deuses e continuou:

-Eu sempre desconfiei de Pandora desde a Guerra do século 18, e na Guerra dos Elíseos ela mostrou sua verdadeira face ao ajudar o cavaleiro de fênix a entrar nos Elíseos.

-Então por que você mandou ela eliminar o cavaleiro meio sangue tio Hades?-Questionou Ares preocupado, o imperador do inferno calmamente sorriu e apontou para a projeção cosmica onde acompanhava o combate:

-Eu quero testar o cavaleiro meio sangue, ver o quão puro é seu coração.

-Imperador, esse garoto não necessita ser puro, pois não precisamos de seu corpo em si, o que queremos é o sangue celeste e o cosmo negro que ele possui.-questionou o deus do sono

-Você tem razão nesse ponto Hypnos, não usarei ele como hospedeiro então pouco importa seu coração ser puro ou não. Agora contemplemos uma mãe arrependida demostrar seus sentimentos supérfluos.

Casa de câncer, século 20

Pandora estava pronta para dar o golpe final em Ícaro, quando o cavaleiro com sua mão direta da um puxão para o lado fazendo o tridente se partir e com sua mão esquerda dispara uma esfera de fogo lançando a líder dos espectros para o alto, logo, fênix se levanta com uma expressão de ódio em seu rosto,suas chamas logo se tornam negras e a armadura é coberta pelo negro de uma sapuri,assim como aconteceu na luta contra máscara da morte, o cavaleiro então com seu cosmo elevado de forma extremamente agressiva avança contra Pandora que ao tentar esboçar defesa é atingida no estômago por fênix, que continua em uma sequência de golpes diretos contra Pandora, que não conseguia esboçar reação, parecendo aceitar aquilo como uma punição por ter largado o filho para a morte, então fênix ao ver a falta de reação de Pandora disse com um tom de puro ódio e extrema raiva:

-Vamos, onde está sua lealdade a Hades, suas ordens são de me matar! Vamos! Reaja!

Pandora estava extremamente ferida e obsevava inerte Ícaro tomado pelo cosmo negro então, Ícaro estende a mão direita e logo Pandora é cercada por chamas negras que vão cercando e afunilando a serva de Hades que em lágrimas vê seu filho e diz com dificuldades:

-Fi...filho, espero...que um dia me perdoe, mas o que fiz foi unicamente por você meu filho...um dia espero ter o seu perdão.

-CALE-SE E SUMA AGORA SEPULCRO DE CHAMAS!!! -Brada Ícaro tomado pela fúria do cosmo negro.

Logo Pandora é envolvida por um círculo de chamas que vão queimando as vestes da líder dos espectros, porém um lapso de luz faz com que Ícaro volte a si e pare o golpe deixando Pandora caida aparentemente morta.

-Você pagou por seus pecados minha mãe, a justiça foi feita.-Fala o cavaleiro suspirando e saindo da casa de câncer atrás de seus companheiros.

Enquanto isso os cavaleiros restantes chegam a casa de Leão e vêem o lendário Aioria escorado em uma pilastra lhes observando com um ar de desprezo.

-Hunf,aqui é o fim da linha para vocês malditos invasores.

Fim do capítulo



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...