História Salve este Coração - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Castiel, Lysandre, Personagens Originais
Tags Banda, Castiel, Mistério, Musica
Exibições 16
Palavras 1.288
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Lírica, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oiie pessoal \o/
Essa é a minha primeira fic de Amor Doce (e eu espero fazer varias ainda ^^) e adivinha quem vai protagoniza logo de primeira? Claro o nosso divo ruivo maravilhoso CASTIEL \o/ Vamos aplaudi o nosso maravilhoso :3

Espero que gostem da fic, esse capitulo ficou pequeno mas eu espero melhora e fica cada vez maior (gosto de capítulos grandes *--*)

Então sem mais delongas, espero que gostem :3

Boa Leitura ♥

Capítulo 1 - Garota Simples


Fanfic / Fanfiction Salve este Coração - Capítulo 1 - Garota Simples

 

Capitulo Um - Garota Simples 

"Algumas vezes as coisas mais simples são aquelas que mais nos surpreende"

 

No começo quando ela chegou eu mal notei sua presença, ela chegou tranquila e quieta e assim permaneceu por todo a metade do ano. Ela não é uma garota que se destaca ou mesmo é a excluída que todo mundo odeia, posso dizer que ela é uma garota normal como qualquer outra, até mais sem sal que as outras.

 

Uma garota de longos cabelos negros e olhos verdes escuros e com corpo magro mas que tinha lá suas belezas. Como eu disse antes uma garota simples aos olhos de qualquer um mas pra mim, não sei porque ela parecia cheia de mistérios.

 

Ela era tão simples que tinha no máximo uma ou duas meninas na qual conversa, ela sempre calma e com uma voz tranquila que chegava a ser irritante. Não gritava e nem fazia escândalos como a maioria das garotas, como eu disse antes, alguém completamente simples e sem graça.

 

O nome dessa garota? Ayla Maxwell, a garota mais simples do mundo e também aquela que mais parece me odiar. Como eu sei disso?

 

Pensem comigo, ser um cara é bonitão, popular , rico, guitarrista de uma banda e com uma ÓTIMA personalidade e você simplesmente não dar a menor bola pra ele e nem olha nos olhos dele, e nem ser sente muito atraída por ele ou você é lésbica ou porque deve me odiar por algum motivo não logico. 

 

E ainda mais você deve esta ser perguntando quem é esse cara maravilhoso do qual eu falo, muito bem para alegra o seu coração vou me apresenta sou Castiel Collins e esse cara sou eu ♪ 

 

E agora a pergunta que o mundo quer saber, como diabos eu acabei entrelaçando o meu destino ao dessa garota?

 

Serio até hoje eu me imagino com a minha antiga vida feliz e despreocupada mas não eu tive que cruza o meu caminho com o daquela garota naquela bendita noite e assim eu tive toda a porcaria da minha vida (perfeita) virada de cabeça pra baixo e comecei a fica engajando a descobri todos os segredos de uma garota "simples".

 

Bem, aqui vai o começo dessa estoria, que eu não tenho a minima ideia que vai ter final feliz. Não espere de mim algo como um príncipe encantado porque eu to muito longe disso e muito menos ela é uma princesa. Posso dizer que eu to mais pra um detetive e ela é o mistério que eu tenho que desvendar. ISSO! Meu mistério, isso cair perfeito para nomear o que ela é pra mim, nada mais que isso! 

 

~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*  let's go!  ~*~*~*~*~*~*~*~*~*~*

 

Naquele dia eu tinha acordado com uma puta dor de cabeça, era uma fodida segunda-feira e eu estava uma terrível ressaca do caraio. 

 

Sentei-me na minha cama segurando a minha cabeça, eu tinha a péssima impressão que ela ia ser solta do meu pescoço e começa o rolar por todo o quarto. E falando em quarto, o meu estava uma verdadeira bagunça, roupas, garrafas de bebidas, revistas, parecia um verdadeira chiqueiro e eu tava pouco me importando com isso, logo a diarista viria mesmo e arrumaria aquilo tudo.

 

Levantei da cama quando finalmente minha cabeça parou de brinca de carrocel demoníaco e apos o lençol cair e percebi que estava sem roupas. Cara, eu nunca perco essa mania de tira a roupa enquanto dormir.

 

Caminhei daquele jeito mesmo em direção a cozinha, não tinha nem o que me preocupar morava sozinho naquela apartamento desde os meus 15 anos, e não que eu me importa-se que me visse nu, o que é bonito é pra ser mostrado. 

 

Consegui me emancipa dos meus pais tão cedo por eles viverem viajando por ai, minha mãe é aeromoça e o meu pai piloto. Historia de amor clichê não? Parece até roteiro de filme meloso. Mas em compensação essa historia gerou toda a liberdade maravilhosa que eu tenho hoje por isso vivar o amor clichê! 

 

Voltando a minha vida que é bem mais interessante que a vida amorosa do meus pais (que nojo), depois de tomar quase um litro de cafe e comer uns pães me joguei no sofá e liguei a tv pra ver o que tinha de bom. Dali a meio hora teria que ir pro colégio e não estava lá com tanta vontade mas fazer o que era a exigência dos meus pais para me deixa viver feliz, livre e na boa como eu vivo. E logo eu me formaria daquele lugar e poderei ser realmente livre. 

 

Demorei mais uns minutos no sofá e levantei indo em direção ao banheiro precisava de um banho, enquanto a água cair sobre meu corpo lembrei da noite passada, eu tinha feito um show com minha banda na casa de show, foi uma máximo a galera gritava meu nome aquilo sim era o paraíso!  Ser aclamado, senti o som da musica de das pessoas desejando só o seu som, ali sim era o meu lugar! 

 

Depois dali só lembro de sair pra bebe com o pessoal e fiquei com algumas garotas e no final, Lysandre me deixo na porta de casa com algum sermão que eu prontamente ignorei. 

 

É, essa é a vida que eu goste de vive, livre e com musica parece uma ótima combinação pra mim! 

 

Quando sai do banho só peguei uma blusa e uma calça jeans que estava jogada no chão vesti e sair em direção a porta, já estava atrasado e eu não tava nem ligado aquela escola que deveria esta feliz por ter a minha maravilhosa presença todo o dia. 

 

Caminhando pra fora do meu apartamento foi em direção a escola, Sweet Amoris ficava a pouco metros do meu prédio por isso chegar até lá não era dificuldade alguma, ande tranquilamente mesmo estando atrasado e quando já estava entrando na escola um vulto negro acabou esparrando em mim e logo aquele maldito cheiro viciante invadiu meu ofato, sabia exatamente quem era.

 

Ayla Maxwell estava bem ali, é parecia que eu não fui o unico a me atrasa hoje. Nos dois ficamos nos encaramos por um tempo, na minha cabeça ela estava imaginando formas de como me matar porque pelo jeito que ela me olhava parecia pronta pra sacar uma faca e me esfaquear ali mesmo.

 

Enquanto ficamos naquela batalha e acabei expirando mais do cheiro daquela garota, ela cheirava muito a jasmin, não que eu fosse o tipo de cara que fica cheirando flor por ai, só conheço o cheiro porque minha avo adorava flores e viviam enchendo a minha casa de flores de todos os tipos.

 

Toda a santa vez que aquela garota passa por perto de mim mesmo que seja do outro lado da escola eu consigo senti esse cheiro que me deixa um "pouco" inebriando... Maldita garota simples!

 

Acho que meus pensamentos acabaram passando para a minha cara porque Ayla começou a levanta um sobrancelha olhando pra mim, droga! To fazendo caretas sem percebe, parei de fazer as malditas caretas e olhei novamente para ela, aqueles olhos  verdes me fitavam como ser estive ser preparando para algo... ESSA GAROTA VAI ME MATAR, TENHO CERTEZA! 

 

— Me desculpe... - Ela ser desculpou e depois acenou com a cabeça e saiu em direção a escola apresada...

 

Espera ai... Ela ser desculpou porque? Por esta panejando minha morte? Por me odiar? Por ser tão simples e eu não ter ficado com ela ainda? 

 

..... (carregando 30%) ........ (carregando 80%) ......(carregando 99%) ....... (Download concluído)

 

Aaah ela ser desculpou por ter esparrando em mim! Nossa agora eu fiquei surpreso que diria que ela ser desculparia comigo. Hum... Parece que essa segunda-feira promete! 

 

Quem saber essa fodida segunda-feira não tenha mais pra me surpreende. 
 


Notas Finais


Espero que tenha gostado da narração do nosso ruivo maravilha kkkk

Não sei ao certo como farei a narração dessa fic, pensou em deixa por toda fic o Castiel narrando pra ter todo o mistério mas também tenho vontade de coloca o lado da Ayla na história... huuuum.... veremos no futuro :3

Ser gostaram deixem um comentário aqui em baixo e façam um Crystal-san feliz ♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...