História Samsara


Escrita por: ~ e ~FetoDeKaisoo


Sinopse:
Quando regras são quebradas. Quando tudo parece estar confuso. O que acontece quando os laços se tornam infindos? Luhan jamais imaginou que o amor fosse mais que uma palavra boba que os poetas inventaram para mocinhas frágeis. O que eles construíram jamais deverá deixar de existir. Afinal, em oposição a Sartre, toda a existência depende daquela essência.


[Exo!Fanfic] [+18] [Hunhan!] [Xiuhan!]
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 1.581
Favoritos 72
Comentários 31
Listas de Leitura 4
Palavras 31.831
Terminada Sim
Categorias EXO
Personagens Lu Han, Sehun, Xiumin
Tags Exo, Exo Fic, Hunhan, Luhan, Minseok, Sehun, Universo Alternativo, Xiuhan, Xiumin, Yaoi

Fanfic / Fanfiction Samsara
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Lemon, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Adultério, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Prólogo - Quando os laços se tornam infindos
9
345
876
 
2.
Quando você voltou para nós
3
221
2.367
 
3.
Quando dei vazão ao meu ego
3
178
3.341
 
4.
Quando fizemos promessas
3
143
3.558
 
5.
Quando nós nos demos conta
1
122
1.354
 
6.
Quando nos tornamos mais próximos
2
119
2.791
 
7.
Quando você nos amou novamente
1
100
2.454
 
8.
Quando você se entregou para mim
1
89
3.943
 
9.
Quando tudo parece estar confuso
2
84
7.008
 
10.
Quando o amor é a única solução
4
92
2.914
 
11.
Epílogo - Quando o fim é apenas um novo começo
2
88
1.225

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por ~daraxxi
Capítulo 11 - Epílogo - Quando o fim é apenas um novo começo
Usuário: ~daraxxi
Usuário
Ai meu coração, agora sim vou me despedir dessa fanfic com muita dor no coração, porque mesmo que esses lindos continuem se encontrando para sempre, esse foi o ultimo capitulo aqui </3
Tem como o meu coração estar mais abalado que isso? Acho que esse foi o capitulo inteiro que eu mais reli porque achei... Tão maneira a forma que de inicio foi um universo alternativo completamente diferente do habitual, com reinos e depois com corujas mutantes (brincadeira), mas foi realmente tudo diferente para no final eles se encontrarem no modo mais perto do que tivemos contato por algum tempo, ignoremos as ovelhas desgarradas que vão contra o fluxo, esses chineses levados. Eles três se encontrando foi tão aquele momento que eles realmente se encontraram pela primeira vez antes, só espero que dessa vez o Sehun não ataque o jovem para traumatizar ele de novo, coitado né, dois traumas já seria demais. Essa frase final então, não tem realmente outro modo de descrever tudo, foi tipo uma descrição para tudo deles, por mim a fanfic continuava até eles cansaram de voltar pra o mesmo "ponto" e reclamarem muito, mas vou me despedir aqui também com um lenço para secar minhas lágrimas, foi perfeito enquanto durou... Para falar a verdade, vai durar para sempre essa perfeição, porque sempre que eu vier reler, vou sentir exatamente as mesmas coisas que me fizeram amar tanto samsara <3
Postado por ~ByunSupreme
Capítulo 1 - Prólogo - Quando os laços se tornam infindos
Usuário: ~ByunSupreme
Usuário
Reloooouuu. Então, por onde começo? confesso que já tinha lido o prólogo antes de ser postado, há uns 4 a 5 meses atrás ahabdjshshs. Mas nada supera a emoção de ler agora, como todos os outros leitores e sentir os surtos e confusões do capítulo. era pra eu ter lido domingo mas não tive como pq lembrei que tinha um trabalho pro dia seguinte, então li ontem, na aula de matemática aajshdjshdh, pq essa fic desconcentra dos cálculos até a galera de exatas. Mas o que dizer, dessa revolta gigante de uma Hunhan Shipper por a estória ter começado em Xiuhan e com o Lu odiando o Sehun? quase dei nas suas caras por isso kkkkskskdjosis. mas ainda assim fiquei parecendo o Lay com uma enorme cara de interrogação no final e gritando MEU DEEEEEEEEEUS COMASSIMMM? ( por dentro claro, porque senão o professor me comia viva com farofa) e ficar tendo mini surtos e minha amiga do lado perguntando se eu era doida, Uenda do outro lado quase tomando o celular da minha mão querendo ler e eu sem palavras só imaginando e fazendo as teoria louca na minha cabeça.... Enfim são muitas emoções pra um comentário só que nau da pra resumir, quero muito choro. muita briga. muita treta. quero ver sangue e cabeças rolando nessa história, ou vou 'suicidar' vocês.

Beeeeeeeijo


Ps: Se não tiver Lemon Hunhan coloco creme depilatório no shampoo de vcs!
Postado por ~exohugz
Capítulo 1 - Prólogo - Quando os laços se tornam infindos
Usuário: ~exohugz
Usuário
Cá estou eu super envolta e iludida com Kim Minseok sendo lindo, gostoso, cavaleiro das trevas (oi, trevas?) e Luhan sendo a princesa valente que eu sei que ele nasceu pra ser (ok, ok, pode ser príncipe também) pronta pra chorar as pitangas com o menino Lu; agora órfão. Quando de repente... o moleque acorda, POXA CARA.
SE EU CAI DA MOTOQUINHA?
SE EU ME ILUDI BONITO?
sim e você, tudo bem?
enfim, eu adorei o a história e estou ansiosa pro próximo capitulo! Inclusive tô tentando ver o teaser por volta de uma eternidade e meia mais ou menos, porém nem deus nem minha internet estão de acordo com as minhas vontades de hoje. Mas eu vou superar.

Enfim, acho que é só isso mesmo sldajkhs. E ah, nas tags tem xiuhan e hunhan, a senhora poderia me informar qual vai ser o couple "principal"? Ou se não tem exclusividade pra nenhum, sei lá. Assim, só se não for pedir demais, é claro. E lembre-se que eu também posso te comprar umas coxinhas e tal, sorvete de pavê, quem sabe. Mas longe de mim querer te subornar com comida por uma resposta, ok? Juro de mindinho que sequer pensei nisso.

E então, até o próximo, bjinhos e pudim de leite! <3
Postado por ~daraxxi
Capítulo 1 - Prólogo - Quando os laços se tornam infindos
Usuário: ~daraxxi
Usuário
Aqui estoy eu, demorei? Magina, nada de drama. Tá certo, vou começar falando de todo aquele bláh bláh bláh que todo mundo está sabendo no grupo (sou bem comunicativa lá, estranho), esperei milênios por isso, sério, muito tempo mesmo, todo momento inspirando vocês a postarem e depois do trailer? Estava falecendo lentamente de ansiedade, finalmente chegou o momento de ler e sim, eu só não comentei quando favoritei porque estava jogando LoL, tomei uma surra de Ahri porque estava ocupada mexendo no iPad para ver sobre a fanfic, sinta só o nível de desespero. Agora vamos ao sério, quer dizer, ao que importa, já estou séria. Eu... Simplesmente... Amei... Iria fazer uma brincadeira falando que não gostei, mas já fui má em deixar os dois esperando minha opinião. A escrita é tão fascinante e perfeita, vamos dizer que caiu como uma luva para todo o enredo, li essa frase em algum livro pela vida, a combinação foi perfeita, dá para sentir sabe, o cuidado nela, principalmente pelo fato de que, se tratando de uma época antiga, uma escrita assim é mais necessária ainda, parabéns, ela está exatamente na medida certa, não era tipo uns livros que muitas vezes, quem não acostumado a ler o gênero, tem que procurar um significado de palavra. Amei o Lu ser chamado de pequeno príncipe, é uma referencia magnifica que todos deveriam amar. Olha, acho que falei demais da escrita, porque um capitulo tão curto, posso elogiar de tudo, mas isso é primordial porque é meu primeiro contato com algo de vocês assim, devo dizer que já esperava esse final porque meio que alguém (BareBear) me passou uns spoilers e o trailer já deixa isso bem explicito, eu poderia falar mais, só que ninguém quer um comentário de 2k de palavras, então... Estou ansiosa por mais, quero ver o perfeito Oh Sehun como cavaleiro e estudante, também quero muito ver o meu pequeno principe <3 (ignorem os erros, consegui deixar explicito o quanto amei?)