História Sasaeng - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boy, Bts, Hentai, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Sasaeng, Sexo, Stalker, Suga, Taehyung
Visualizações 87
Palavras 1.013
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeong Bolinhos de Silla ^^

Capítulo 2 - Beco


Fanfic / Fanfiction Sasaeng - Capítulo 2 - Beco

Taehyung on

Chegando na casa, me separei dos meninos indo para meu quarto que dividia com Yoongi e Jungkook. Entrei pensando em dormir mas ainda teria que tomar um banho e tudo mais... 

Assim que pude me deitar na cama fechei os olhos querendo dormir num sono profundo de tão cansado que estava, súbito o celular apita me deixando irritado.


{Desconhecido}
Oppa o que está fazendo...
Não adianta me ignorar eu vou continuar a enviar mensagem.


{Taehyung}
Porque eu?
Porque não enche o saco de outro?
Vá fazer algo da vida e me deixa em paz


{Desconhecido}
É isso que quer?
Tem certeza?
Olha que eu vou e não volto mais...
Jal-ga

Respirei aliviado já que talvez essa garota pare de me encher o saco, estou com o humor de Yoongi e por pouco não digitei um palavrão para a mesma. Fechei os olhos e fim de adormecer mas foi ai que uns pensamentos toscos vieram.

E se ela se mata? Isso pode acontecer não é mesmo? E se ela se cortar, tem depressão ou sei lá vai jogar baleia azul... Merda odeio quando algo pesa.


{Taehyung}
Hey
Não se machuque por favor


{Desconhecido}
???


{Taehyung}
Se cuide está bem?


{Desconhecido}
Eu só estou comendo lámen...
Está preocupado com sua Sasaeng?
Owwt que bonitinho Oppa


{Taehyung}
Aish me esquece
Não fale mais comigo


{Desconhecido}
Tá de TPM...
Eu não fiz nada...
Você que veio me chamar...
Oppa está quente...
Acho que vou tomar um banho...
Oppa você se toca no banho?


{Taehyung}
Vai para PQP


{Desconhecido}
Na onde fica essa Parada de Quinta Portaria?


{Taehyung}
Você é idiota?


{Desconhecido}
Credo que mal educado...
Sabe nem brincar...
Quer uma foto minha...
Eu mando como você quiser ela


{Taehyung}
Manda semi-nua pra alguém que queira


{Desconhecido}
Uma foto foi envidada
Assim?


{Taehyung}
Putz...

E foi assim que algo involuntário cresceu, não era apenas uma foto de uma garota que se achasse na internet, era de uma Sasaeng que me escolheu para perseguir... Não quero dizer mas acho que o banheiro vai me ajudar um pouquinho...

Por incrível que pareça ninguém quis ir ao banheiro, ou eles estavam muito ocupados ou saíram e me deixaram em casa sozinho correndo perigo de ser abusado por uma garota desconhecida que eu nem sei se é mesmo uma garota. 

Assim que sai do banheiro de mãos lavadas, fui para a cozinha ver se havia algo para comer mas acabo me decepcionando com a expectativa de encontrar alguma coisa gostosa pra caramba que faria eu babar só de olhar.

— Aish porque não tem nada nessa horas – Reclamo sentindo meu estomago protestar junto – E agora? – Fico pensativo.

Se eu sair posso ser reconhecido, mas se eu não sair eu morro de fome... Então eu vou me vestir bem diferente para ninguém saber que sou eu, isso.

Sai correndo que nem um doido pela casa indo para o quarto, de longe notei que Yoongi estava dormindo e se eu o acordasse seria como assinar um contrato de morte. Fui de vagar até o guarda roupa e peguei algumas coisas para me vestir e sair de casa.

Assim que fiquei pronto fui para a porta para sair, abri a mesma como toda pessoa normal e sai vestindo a mascara facial. Não demora muito e uma nova mensagem chega no meu celular, desbloqueei para ver quem era.


{Desconhecido}
Oppa vão te ver
Você nem sabe se disfarçar...


{Taehyung}
Você não iria tomar um banho?


{Desconhecido}
Já tomei, sou rápida...
A água estava gelada


{Taehyung}
Estranha


{Desconhecido}
Falou o ser que saiu de casa de noite para comer
Sabe cozinha não?


{Taehyung}
Se eu soubesse não estaria na rua


{Desconhecido}
Credo...
Grosso


{Taehyung}
Grande também


{Desconhecido}
A
T
A
Ilusão é foda mesmo
Deve nem dar pra ver...
Vou ter que usar uma lupa para encontrar...


{Taehyung}
E quem disse que você vai ver?


{Desconhecido}
Quer apostar?
Olha que eu não desisto fácil


{Taehyung}
Esqueceu que ele é meu e eu não vou deixar você ver


{Desconhecido}
Olha para trás, tem varias pessoas tipo correndo atrás de você
Hihi você olhou


{Taehyung}
Sem graça
Acha que isso é para se brincar?


{Desconhecido}
Agora é serio...
Corre...

Foi ai que escutei uns sapatos batendo no chão, me virei para ver o que era e tinha um grupinho de três garotas vindo em minha direção. Comecei a correr como um louco para que as mesma não me alcançasse. 

Corri tanto e parei num lugar escuro que era um beco sem iluminação, engoli em seco me encostando na parede, logo as garotas param na abertura e ficam falando, se perguntando a onde eu teria ido.

— Sun Hee? Está tudo bem? – Uma outra voz tomou conta do ambiente.

— Perdemos o Taehyung – Retrucou.

— Taehyung? – Perguntou confusa.

— Sim o Idol – Tenta explicar, seria uma garota que não sabe da minha existência?

— Ata, ele passou por mim ali na frente – Aponta para algum lugar.

— E porque não segurou ele – Pergunta e logo a menina da de ombros. As três garotas passaram pela menina esbarando na mesma como se ela não fosse importante.

— Já pode sair – Diz colocando uma mascara facial, por erro meu nem tive tempo de ver quem era a garota.

— Porque fez aquilo? – Pergunto olhando para os lados e não vendo mais ninguém. Olhei para a onde deveria estar a garota mas a mesma já estava a andar em minha frente, corro até a mesma – Hey não iria pedir um autografo? 

— E porque eu faria isso? – Continua a andar.

— Eu sou um Idol – A seguro pelo braço – Um Idol belo.

— O problema não é meu, agora me solta – Diz puxando seu braço enquanto não tirava os olhos de mim.

— Não quer ir comer algo comigo? – Ela nega – Diga pelo menos seu nome – Pedi.

— Sou alguém sem importância, se me der licença tenho que procurar meu cachorro ainda – Sai rapidamente.

Fiquei ali parado tentando pensar no que havia acabado de acontecer, porque ela não quis nada, poderia pedir algo a mim, poderia ter pelo menos aceitado meu convite...

— Aish vamos para algum lugar que dê para comer – Sussurrei começando a andar.


Notas Finais


Comentem o que vier na cabeça (mas se for algo ruim guarda pra você)

Jal-ga


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...