História Save Me - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Boygroup, Bts, Drama, Irmãos, Jungkook, Kpop
Exibições 179
Palavras 342
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Agora a história vai começar a ir pro passado, mas logo logo volta pra situação atual ^^

Capítulo 21 - Mama


Fanfic / Fanfiction Save Me - Capítulo 21 - Mama

Cinco anos atrás…
Pov’s Jungkook
— Annyeong, omma — dei um beijo em sua bochecha a abraçando.
— Annyeong — ela disse sorridente me entregando um copo de suco. — Você tá atrasado, filho.
— Eu sei, vou só tomar café — falei indo até a mesa. — Bom dia, Chin — dei um beijo no alto da cabeça da menor.
— Bom dia, oppa — ela sorriu pegando uma torrada.
Todos os dias eram assim, a omma, Chin e eu tomávamos café juntos, enquanto a Haneul dormia e appa e Jeonghyun trabalhavam.
Eu e Chin estudávamos na mesma escola, obviamente em séries diferentes, fazendo com que tivéssemos horários bastante parecidos e convivermos mais juntos.
Eu tinha meus quinze anos e Chinhwa tinha dez, ambos ainda sem preocupações, tendo apenas estudo e jogos como principal foco na vida.
Naquele dia, eu e Chin saímos um pouco atrasados, omma disse que iria comprar algumas coisas, mas voltaria antes de nós retornarmos.
Mas isso não aconteceu.
Quando voltamos, na casa só estavam Jeonghyun e Haneul, eu acreditava que nossos pais logo chegariam.
Mas isso também não aconteceu.
O telefone então tocou, Haneul por estar mais perto atendeu. Sua expressão feliz desapareceu conforme a ligação e logo estava chorando descontroladamente.
— O que foi? — Jeonghyun tentou fazê-la se acalmar.
— A omma… ela… — Haneul tentou falar, mas apenas o abraçou mais forte.
Eu sabia o que aquilo significava, meus olhos marejaram, e por impulso apenas abracei Chin ao meu lado, que agora já chorava em meus braços.

De madrugada...
Todos foram para seus quartos cedo, ninguém iria dormir de verdade, mas ver um ao outro chorar apenas aumentava nosso sofrimento.
Eu não saí da janela nenhum instante, ver as estrelas me fazia sentir que ela estava perto, mesmo não estando.
Ela dizia que quando as pessoas partiam, viravam estrelas para que pudessem ver as pessoas que amam na terra.
— A senhora tá aí, não é..? — falei num sussurro por causa do choro, ainda olhando as estrelas. — Eu te amo, omma...


Notas Finais


E.... chorei ㅠ.ㅠ


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...