História Save Me - Capítulo 19


Escrita por: ~ e ~princess_lucy

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Jeon Jungkook, Suga
Exibições 34
Palavras 694
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ficção, Lemon, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Moshi, Moshi Armys >M<

Capítulo 19 - Pesadelo


Namjoon on

Sonho on

Fumaça, era a unica coisa que se encaixava perfeitamente na nevoa escura.

Porque estou em meus sonhos?, me perguntava.

Estava flutuando sem lugar algum para ir, nada mais poderia estar ali se não eu. Parecia um perfeito perdedor solitário que insistia ser forte nos olhos de outra pessoa.

Seokjin: Namjoon - Diz baixo aparecendo perto de mim.

Namjoon: Seokjin - Digo tentando chegar perto mas ao mesmo tempo acabava não me movendo - Seokjin - Estendo minha mão tentando o pegar naquele lugar sombrio.

Seokjin: Fuja não à tempo - Pediu olhando para trás com pavor. 

Namjoon: Não posso lhe deixar - Digo no meio do desespero.

Seokjin: Deve me deixar, ande antes que sege tarde - Diz convicto.

Não podia o deixar, não dessa vez ainda mais quando eu sabia que o amava imensamente. Mas sempre que eu tentava amar algo ruim acontecia. Respirei fundo andando até o corpo do mesmo que estava no chão, era horrível tentar andar para perto do mesmo já que parecia estar preso por correntes.

xXx: A onde pensa que vai docinho - Fala a ultima voz que eu queria ouvir naquele pesadelo.

Namjoon: Saia de perto dele Ravenna - Digo com a voz de demônio.

Ravenna: Tão bonito ver o bobo apaixonado por um anjo - Disse minha patética irmãzinha - Que peninha que ele não sabe te amar - Sorriu pegando sua faca e a lançando no ar acertando Seokjin que no momento ficou paralisado e logo queimou virando cinzas.

Namjoon: Sua tola - Digo com fúria - Irei mata-la - Digo.

Ravenna: Uii que medo de você - Fala irônica sumindo na nevoa.

Fiquei olhando as cinzas no chão por breve momentos até perceber estar chorando, as lágrimas negras que borravam tudo que tocava.

Sonho off

Acordo com um certo calafrio como se eu precisasse ver Seokjin para confirmar se ele estava bem.
Como sempre, me lancei no ar tentando seguir seu cheiro, foi um pouco complicado já que a chuva atrapalhava-me de fazer alguma coisa.
Logo o aroma único invadiu minha narina, segui o cheiro indo até uma casa caindo aos pedaços. Aterrisso numa árvore sem folhas, logo vi

Seokjin sentado perto da janela encarando a parede.

Namjoon off

Seokjin on

Pela lua estar grande deveria ser por algum motivo que não consegui descifrar, estava chuviscando do lado de fora dando um conforto bom. Encaro a parede e logo um ser de asas abertas forma na mesma. Olho para trás e era Namjoon me observando, poderia ver o quanto estava preocupado com algo.

Assim que me viu olhando o mesmo, logo bateu as asas e voou no meio da chuva.

O que foi isso?, fico me perguntando até cair em um sono profundo 

Seokjin off 

Namjoon on 

Namjoon com a respiração pesada e com um alívio no coração se eu tiver um, volto para o submundo e vejo minhas criaturas Espalhadas por aí 

Namjoon: Faz tempo que não vejo sharkes - Vou até mais fundo daquele lugar que eu deveria chamar de casa, então vejo um belo cavalo preto com os seus olhos vermelhos como sangue, mas ele não era um cavalo normal *da hora no submundo ter coisas normais tá certo*ele era um pegasus.

Chego perto dele e ele relincha, suavemente chega perto de mim ele e abre as belas e enormes asas negras e bate elas levemente fazendo a poeira que tinha ali subir 

Namjoon: Ola velho amigo - Acaricio seu focinho - Faz tempo que não o vejo - Encosto minha testa em seus rosto - Quer voar um pouco rapaz? - Ele relincha novamente e bate o casco no chão, sorrio para ele então subo em suas costas e seguro sua clina, ele começa a andar depois a trotar então a correr, abro um portão para o mundo humano ele  abre mais as asas e voa pra longe daquele lugar horrível, ainda estava chovendo mas não ligamos para isso. Ficamos voando até ver o sol nascer, voltamos para o submundo e peço desculpas para rogue já que não podíamos voar mais - De noite voamos mais okay - Ele relincha e sai de perto de mim.


Notas Finais


Fiz umas imagines se quiserem ler vou deixar o Link.

Imagine Namjoon: https://spiritfanfics.com/historia/imagine-namjoon-6968128

Imagine Taehyung: https://spiritfanfics.com/historia/imagine-taehyung-6863623

E minha outra fic

Love The Distance: https://spiritfanfics.com/historia/love-the-distance-6640363

Bye >W<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...