História Save me - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Depressão, Drama, Gay, Hentai, Heterossexual, Homossexual, Jikook, Namjin, Psicopata, Tortura, Vhope, Vkook
Visualizações 7
Palavras 2.081
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Hentai, Mistério, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Capítulo novo ♡
ATENÇÃO:
Ainda n sei quais vão ser os dias que irei postar novos capítulos, mas provavelmente vai ser de quinta para o sábado, um desses três dias, e se eu estiver inspirada, posso até postar mais de um em uma semana.
Espero que gostem desse capítulo, boa leitura .
Desculpem se tiver erros

Capítulo 2 - Reencontro


Fanfic / Fanfiction Save me - Capítulo 2 - Reencontro

Pov Jimin

A primeira noite em meu novo lar foi tranquila. Vi meu colega de quarto, o Taehyung, apenas uma vez, e essa vez foi bem constrangedora, eu de toalha não era bem como eu imaginava me apresentar. Passei o dia no quarto e não vi o Taehyung, nem a noite, principalmente porque dormi muito cedo, passei quase a tarde toda arrumando meu quarto, não comi pois o sono estava maior que qualquer coisa em mim. 

Kim Taehyung parecia aquele tipo de garoto popular, que gosta de festa e pega todas as garotas que quiser, se ele não levar essas garotas para nosso quarto, por mim tudo bem. Mas o que ainda me intriga é aquele seu olhar, parecia de desejo... Mas enfim, oque importa agora é meus estudos, vou dar orgulho a minha omma.

Já no dia seguinte, acordo e logo vou ver a hora no relógio, que eu havia colocado no criado-mudo ao lado da minha cama, e ele marcava sete e meia da manhã. Eu era acostumado a acordar cedo para cuidar dos serviços de casa, já que minha mãe trabalhava período integral para ganhar mais dinheiro. 

Me levando e vou direto para banheiro, mas durante o caminho, percebo que o Taehyung não estava na cama e a mesma estava completamente arrumada como na última vez que a vi que foi antes de dormir. Entro no banheiro e faço minhas higienes. Ao sair, troco de roupa, colocando uma calça jeans e um moletom preto pois eu ainda não havia começado as aulas, então não era obrigado usar farda. E sim. Nessa universidade as pessoas usavam farda. 

Pego meu celular e ponho no bolso da frente da calça. Eu ia na secretaria fazer a inscrição das aulas extra-curriculares que estava escrito no horário de avisos em minha escrivaninha. Tinha muitas opções, dança, canto, teatro, artes, culinária etc. Com certeza eu ia escolher dança, gosto de cantar também, mas prefiro a dança, é  meu modo de expressão.

Já em frente a porta, antes que eu possa colocar a mão na maçaneta e abri-lá, a mesma se abre, e do lado de fora estava Taehyung, com os cabelos bagunçados e roupas amassadas. Arregalo os olhos ao ver ele naquela situação, podia ter acontecido algo sério

-O que aconteceu? Alguém te bateu? - falo em um tom preocupado e logo procurando ferimentos em seu corpo

-Não - fala ele rindo e logo começa a adentrar o quarto

-E por que está assim? Onde dormiu?  - o observo

-Mal me conhece e já quer saber da minha vida? - o garoto logo se joga em sua cama

-Ah... desculpa - percebo que estava sendo intrometido - só me preocupei - baixo a cabeça e fito o chão

-Eu tava no quarto de uma colega,  satisfeito? - reponde o Taehyung

-Bem melhor - levanto a cabeça satisfeito e vejo que o garoto já estava dormindo

Sorri e voltei ao meu ao caminho antes de Taehyung entrar nele. Começoa andar pelos corredores e vou até a secretária, o único lugar que eu sabia onde era. Faço a ficha e vou para sala de dança, queria saber como era, talvez podia ser aquele tipo de lugar para se ficar sozinho. Tento achar a sala, mas acabo me perdendo, eu já estava no jardim. Começo a andar pelos corredores e vejo um garoto de costa, com cabelos vermelhos, calça preta, blusa preta e um casaco azul escuro por cima da blusa.  Me aproximo do garoto e toco em seu ombro logo dizendo:

-Olá, pode me ajudar?  - falo sorridente

Mas logo meu sorriso se vai ao ver quem é o garoto

-Hoseok? - digo surpreso


Pov Hoseok

Acordei cedo com o som do despertador, aquele som me irritava, mas antes que eu me levantasse e desligasse o mesmo, me assusto com uma voz rouca e sonolenta

-Da para desligar essa merda? - diz a voz masculina 

Olho para direção de onde vinha a voz. Era meu colega de quarto querendo dormir, suspiro e o redondo

-Desculpa, Yoongi - digo e logo me levanto

logo escuto um som de ronco, o garoto já havia voltado a dormir. Ri e volto a andar em direções ao banheiro e ao chegar lá, faço minhas higienes e quando saio troco de roupa, colocando uma calça cor escura, a camisa também, e adiciono um casaco azul.

Pego meu celular e saio do quarto,  vou andando por ai para conhecer o lugar, mas logo quando saio, sinto meu corpo bater em algo, na verdade uma pessoa. Um garoto de cabelos vermelhos e meio desnorteado 

-Aigoo, tome cuidado - digo tentando não ser grosso

-Sai do meio - o garoto volta a andar

-Grosso - grito

Bufo e volto a andar para o lado oposto ao do garoto

-Parece que as pessoas daqui não são muitos diferentes a da escola - digo a mim mesmo

Volto a me concentrar em conhecer o lugar. Era grande e muito bonito, as coisas eram meio antigas, coisas de madeira e etc. Sorri ao perceber que eu estava em frente a porta da biblioteca, sempre gostei de ler, principalmente livros de romance e pouco de mistério. Entro no lugar e começo a  andar entre as prateleiras até chegar no gênero que eu queira, vou olhando alguns e um específico chama minha atenção, ele se chamava O recomeço. Parecia legal, pego ele e levo até a senhora que cuidava da biblioteca, ela anota e logo saio.

Vou até o jardim a procura de um lugar para ler. Ando entre as pessoas  enquanto olhando ao redor, paro perto de uma árvore e em baixo dela havia um banco. Quando fui sentar, sinto uma mão tocar meu ombro e logo em seguida uma voz familiar, me viro para ver que era e ao ver, fico sem reação

-Jimin? - esgulo seco

Eu não sabia o que sentir, na verdade sabia, eu devia ta feliz né? Mas por que eu não sentia isso? Talvez porque no mesmo estante, flashs de memória apareceram, dos gritos de desespero do Jimin a cada parte que o mensageiro tocava em seu corpo. As marcas ainda ddeviam estar ali

-Hoseok? - fala ele surpreso - O-oque v-você está fazendo aqui?

-O que se faz em uma uuniversidade, Jimin? - franzo a testa

-Você me entendeu... - baixa a cabeça mas logo sorri - senti sua falta Hobi - antes que podesse falar algo, os braços do garoto se enrolam em minha cintura

Eu não sabia o que fazer, Jimin sempre foi carinhoso, e eu sempre gostei de seus braços, mas agora o que mudou? Eu não retribui, não fiz nada, ainda estava surpreso

Ele me solta ao perceber que eu não ia retribuir o abraço

-Oque foi? Não sentiu saudades? - tomba a cabeça para o lado meio confuso

-Não é isso - esgulo seco - as coisas mudaram Jimin

-Vamos fazer voltar ao normal - fala ele esperançoso

-Passamos anos sem nos falar, achou que quando nos encontramos de novo como se nada tivesse acontecido?

- Não foi is... - ele fala mas logo interrompo

-Não vai ser assim, as lembranças ainda estão aqui, e nem que eu quisesse, poderia esquecer - afasto a manga do meu casaco fazendo uma parte de meu braço ficar a mostra,  mostro a ele algumas cicatrizes que haviam ficado no meu braço

Ele olha para meu braço e logo faz o mesmo com seu casaco e mostra seus machucados

-Sinto muito Jimin, mas ainda sinto medo, e se ficarmos juntos, pode trazer aquilo tudo de novo... Não quero, eu não aguentaria - toco seu ombro e volto a andar

A vontade de ler havia ido embora, não sabia o que sentir, medo, arrependimento por ter feito aquilo com o Jimin ou tristeza, talvez um pouco de tudo. Mas uma coisa eu tinha certeza, estava doendo muito


Pov Jimin

Vejo Hoseok dar as costas e voltar andar logo sinto uma lágrima fina escorrer pelo meu rosto e limpo rapidamente. Aquilo doeu, por que ele fez aquilo?  Não faz sentido, ele devia ter ficado feliz. Como vai ser? Vamos fingir que nunca nos conhecemos, ignorar a presença um do outro? 

Começo a correr em direção aos corredores da universidade, entro na primeira sala que apareceu em minha frente, abro a porta e fecho, encosto na porta e sento no chão e me encolho ali

- Estamos meio ocupados aqui, sabia? 

Escuto uma vvoz masculina pronunciar e logo levanto a cabeça meio assustado, me levanto e vejo uma garota sentada na mesa e um garoto moreno em sua frente

-D-desculpa, eu não sabia que tinha g-gente - engulo seco 

-Já estragou - o garoto bufar - vai embora - fala com a garota

-Mas... - fala a garota mas o moreno a interrompe

-Vai - diz ele sem nenhum pouco de delicadeza

-Não devia tratar um garota assim - falo em um tom baixo mas que o garota podesse escutar

-É mesmo? - diz ele e começa a se aproximar - E como você se  chama? 

-P-Park Jimin... e você - olho para o chão pois estava com vergonha

Por que eu estava com vergonha? Talvez fosse o olhar dele, era penetrante

-Jeon Jungkook, prazer Park Jimin - diz ele

Sinti cheiro de perfume, levanto a cabeça e logo vejo que ele estava bem próximo

-Você é o colega de quarto do Taehyung, né? - pergunta Jungkook

-Sim, conhece ele? - olho na direção dele mas não em seus olhos

-Sim, ele me falou de você, mas esqueceu de mencionar que você era  muito gostoso - vejo ele sorri 

Ele pronúncia aquilo e logo sinto minhas bochechas corarem, olho para o chão e fico imóvel, não sabia o que fazer ou dizer. Sinto seu dedo tocar minha bochecha e logo dei um passo para trás e isso me faz sentir a porta em minhas costas

-Só sua bochecha é quente assim? - diz o maior

-E-eu preciso ir - toco na maçaneta e abro a porta

Saio dali rapidamente sem olhar para trás


Pov Jin

Após sair da sala de culinária, volto a andar pelos corredores, mas vi que não havia nada para fazer, volto ao quarto e me jogo na cama

-Ai que tédio - digo fitando o teto

Eu ainda não havia conhecido meu colega de quarto, enquanto eu estava arrumando minhas coisas no quarto, ele não apareceu, eu nem ao menos sabia o nome dele.

Escuto a porta do banheiro se abrir e isso me faz fugir dos meus pensamentos, provavelmente era meu colega. Olho na direção da porta e vejo o garoto sair de lá, me surpreendo ao ver quem saia de lá

-Droga - murmuro

-Eu disse que nos veríamos no quarto, Jin - sorri o garoto

Era Namjoon, o garoto da sala de culinária, ele estava apenas com um toalha amarrada na cintura, tento não descer meu olhar para o resto do seu corpo, talvez ele pensasse outra coisa

Ele tira a toalha como se fosse a coisa mais normal do mundo e joga na cama, vai ao seu armário a procura de algo para vestir

-O que está fazendo? Ponha uma roupa logo - ponho a mão no rosto cobrindo minha visão

-Fala como se nunca tivesse visto nada disso - fala ele rindo

-Já está vestido? - pergunto ignorando seu comentário

Ele demora um tempo para responder

-Sim

Tiro a mão do rosto lentamente e vejo que ele realmente estava vestido

-Melhor assim - esgulo seco

-Certeza? Depois vamos trocar os papéis ai posso julgar

Fico vermelho ao e escutar oque Namjoon diz, e para disfarçar, volto a deitar e olhar o teto

-Vou dormir, nos vemos amanhã cedo, Jin - diz ele e se deita para dormir

Troco de roupa e me deito para dormir

         Quebra de tempo

Acordo com a luz do sol em minha cara, olho ao redor e vejo que Namjoon não se encontrava ali, respiro aliviado e me levanto. Vou ao banheiro e faço minhas higienes. Saio e troco de roupa, colocando uma calça jeans  e uma blusa qualquer.

Saio do quarto e vou vou fazer minhas inscrição nas aulas extra-curriculares, escolhi culinária e canto, podia ser mais de um. Após fazer a inscrição, vou a procura na refeitório, e depois de andar muito a procura, acho o lugar. Peço kimchi que era algo rápido pois estava com muita fome. Pego a comida e sento em uma mesa perto da janela onde era a vista era para o jardim, começo a comer e olhando a janela, até ver algo que me chama atenção, dois garotos conversando, mas eles pareciam muito o Jimin e o Hobi. Não podia ser, é coincidência demais para ser verdade. Olho novamente para ver se realmente eram eles

-Droga - murmuro a mim mesmo

Aquilo doía, juntos de novo, a última vez juntos foi dando depoimento a polícia sobre nosso sequestro por um assassino, não foi o melhor momento de nossa vida. 

O que vai ser daqui para frente?




Notas Finais


Capítulo pequeno de novo mas espero que esteja bom. Ta indo rápido dms? acho que não... Obrigado por lerem e até próximos capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...