História The savior - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Walking Dead
Personagens Carl Grimes, Daryl Dixon, Enid, Eugene Porter, Maggie Greene, Michonne, Negan, Paul "Jesus" Monroe, Rick Grimes, Rosita Espinosa, Sasha, Tara Chambler
Exibições 108
Palavras 832
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Violência
Avisos: Incesto, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hi
Primeiramente um minuto de silêncio pra twd que terá uma pausa😢
Aí gente ja li tantos spoilers sem querer mas não se preocupem eu não vou dizer nenhum
Afinal eu tentei ao máximo esquecer de tudo.
Então aproveitem o capítulo 😚

Capítulo 6 - Sixth


Fanfic / Fanfiction The savior - Capítulo 6 - Sixth

                 P.O.V. Daryl

Assim que ouvi a voz dele eu me ajoelhei, e ela continuou parada olhando pra ele.

- Jade minha querida esqueceu o que tem que fazer quando eu chego- ele disse andando devagar até ela.

- não- ela disse séria.

- então- ele disse rindo.

- claro- ela disse e se ajoelhou.

- ótimo - ele disse- então não vão me explicar que merda está acontecendo aqui?- ele disse sentando em cima de uma das mesas.

- explicar o que?- Jade disse se levantando.

- porque eu acabei de ver uma das minhas esposas toda ensanguentada, indo até o Will- ele disse franzindo a testa.

- atá você está falando disso- ele disse rindo.

- então o que aconteceu- ele disse batendo com a Lucille no canto da mesa.

- nada ela apenas quis ser uma otária comigo e eu odeio gente otária- ela disse sentando em outra mesa que tinha ali.

- droga- escutei a voz do Dwight- vem- ele disse fazendo sinal para mim.

Eu me levantei e fui em direção dele, quando eu saí escutei Negan dizer.

- ótimo agora podemos resolver isso como homens.

Depois não consegui escutar mais nada, depois de ficar o dia inteiro preso nequela cela suja, como de costume de noite depois que todos já estavam dormindo, ela veio me trazer um sanduíche, percebi que ela estava com um grande curativo no braço, e um roxo no olho.

- foi ele que te fez isso?- eu disse assim que ela entrou e sentou do meu lado.

- não, ele me levou pra uma das vadias dele me bater- ela disse rindo.

- o que aconteceu no seu braço?- eu disse e ela olhou pra ele.

- ah isso aqui foi quando ele me arrastou até uma salinha aí eu me cortei no caminho- ele disse sorrindo.

- aquilo que aconteceu mais cedo- eu disse meio envergonhado- desculpa tá.

- tudo bem- ela disse e me olhou- você e aquele cara com o olhos azul- ela disse estalando os dedo.

- o Rick- eu disse ajudando ela a se lembrar do nome dele.

- isso vocês são bem amigos não é- ele disse sorrindo.

- sim eu e ele nos conhecemos a bastante tempo, a gente já passou por muita coisa, mortes, lutas contra outros grupos, sabe o segundo cara que o Negan matou aquela noite- eu disse e ela assentiu- ele estava com a gente desde o começo- eu disse mordendo um pedaço do sanduíche.

- eu sei que o que ele fez foi muito errado, e não tinha nenhum motivo pra ele ter matado eles- ele disse encostando a cabeça na parede que ela encostava as costas.

- tinha sim, foi eu que fiz ele matar o Glenn- eu disse com um nó na garganta.

- esse era o nome dele?- ela disse e eu assenti- você não teve culpa- ela disse pegando minha mão- o Negan já matou muita gente antes sem motivo- ela disse passando os dedos pela minha mão que estava na perna dela, sem querer eu apertei de leve, e ela riu- como você sabia que eu sinto cócegas ai- ele disse tirando minha mão.

- que lugar estranho pra sentir cócega- eu disse e ela me olhou séria.

- você quer falar os defeitos um do outro em voz alta?- ela disse arqueando a sobrancelha.

- não, obrigado- eu disse rindo.

- ah bom, por que você não tem nenhum- ela disse parei de rir- ah qual é, to brincando com você- ela disse me empurrando de leve.

- ata por que um defeito seu seria ser mais bonita que a maioria da mulheres- eu disse rindo e ela riu também.

- por que você gosta de mim?- ela disse sorrindo- quer dizer eu sou um amor de pessoa, mas você não parece ser o tipo de cara que faz amizade do nada- ela disse me olhando.

- sei lá, aquele dia todos estavam vendo a Meggie mal mas só você foi até ela pra ver se ela precisava de alguma coisa- eu disse e ela fez uma cara de "entendi".

- bom eu preciso ir tá bom amanhã à gente se vê- ela levantando- tchau- ela disse e saiu.

        P.O.V. Jade

Enquanto eu andava pelos corredores cantarolando uma música que o meu pai adorava, me lembrei que eu tinha que ir falar com Negan, mesmo que não quisesse nem olhar na cara dele, era preciso eu resolver alguns assuntos com ele.

Fui andando calmamente até a sala dele, assim que cheguei ali a porta não estava fechada, apenas encostada, achei que pudesse ter alguém dentro da sala dele, então fiquei com a arma em mãos, mas a única coisa que eu achei foi uma cena bem estranha, Megan e Negan estavam se agarrando em cima da mesa.

- Jade- Megan disse pegando uma blusa que, estava jogada ali, e colocando sobre o seios na tentativa de esconder eles, assim que eu entrei.

- sala errada....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...