História Say Something (HIATUS) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Lily Collins
Personagens Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber
Tags Drama, Morte, Romance
Visualizações 70
Palavras 899
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu dividi esse capitulo em dois pois é nele que eu conto o porque do Justin ser desse jeito com a Lily ok?
Boa leitura ♥

Capítulo 2 - I hate you


Fanfic / Fanfiction Say Something (HIATUS) - Capítulo 2 - I hate you

Lily Bieber, 9:00 am

Acordo me sentindo pesada, não dormi quase nada noite passada. Me levanto a arrumo a cama em que dormi, vou até o banheiro e faço minhas higienes matinais. Penso em tomar banho mas mudo de ideia assim que pego meu celular e vejo que já são nove horas, devo estar no hospital as 10:30 para ajudar com o resto da decoração do local. Apenas visto uma calça preta, uma regata da mesma cor, um casaco branco com algumas borboletas e um salto bege e coloco um colar de pedra. 

Desço as escadas e vejo a porta do meu quarto aberta, passo direto e desço as escadas e posso escutar risadas vindo da cozinha. -Deus, que seja minha mãe, meu pai, qualquer pessoa menos Justin- penso eu, mas assim que entro na cozinha posso ver Justin fazendo ovos fritos no fogão apenas de bermuda enquanto tem uma mulher que aparenta ter seus 20 anos apenas com uma blusa e uma cueca box de Justin, com marcas pelo seu corpo e o cabelo bagunçado sentada na mesa.

Por favor Lily, não chora.

Engulo em seco e entro na cozinha fazendo a mulher me notar.

- Oh, ai meu deus. Me desculpe, não sabia que tinha mais gente em casa- A mulher diz tentando abaixar a blusa.

Justin olha pra trás e encontra meu olhar sobre ele.

- Não tem problema. Já estou acostumada.- digo rude passando pela mulher e indo até a geladeira pegando morangos. Coloco-os no balcão e vou até a prateleira e pego os cereais. Volto até o balcão e pego uma tigela colocando um pouco de cereal e alguns morangos picados. Pego uma colher e logo me sento na mesa.

- Meu nome é Helena, prazer.

-Tenho o prazer de não dizer o mesmo.- Digo fazendo Justin me olhar com as sombrancelhas arqueadas.

-Uhn, ok.

Justin serve a mulher  e em seguida se serve sentando do lado da mulher e começando uma conversa animada.

Flashback on-

Sou acordada por beijos em meu rosto.

-Uhm me deixe dormir- digo.

-Ande amor, vamos, vocês tem que comer.

-Ah Justin.- Sento-me na cama e abro os olhos podendo assim ver o sorriso radiante do meu marido

-Bom dia dorminhoca- fala logo após me dar um selinho.

-Bom dia amor.

-Fiz o café da manhã para as minhas princesas- diz e então olha  para o seu lado onde encontro uma bandeja com frutas, suco de manga, pães e iogurte.

-Hum.. Tudo isso pra gente?- Digo com um sorriso no rosto.

-Sim, tudo de melhor pros amores da minha vida.

-Eu te amo tanto- Digo me jogando em cima dele em um abraço apertado.

E então ele nós separa minimamente a abre um sorriso encantador.

- Eu te amo muito mais.

Flashback off.

Como ele pode simplesmente não se importar? Ele me trai na minha própria casa, na minha própria cama e finge que nada aconteceu. Eu já deveria estar acostumada não é? Afinal isso acontece todo dia. Quando saímos juntos o que é raramente ele dá em cima de mulheres na minha frente. Ele simplesmente não liga para mim. Ele virou o oposto do que era. Esse Justin, não é o meu Justin. Depois do acidente tudo pois a desmoronar, eu precisava dele, e ele? Ele simplesmente se fechou no mundo dele aonde não existe  espaço para Lily. Eu fui a que mais sofri em toda essa historia. Eu á amava, muito mais do que alguém podia imaginar. Foi tão díficil perde-la. Eu já não aguento mais. Mas eu simplesmente não consigo pedir o divórcio, eu o amo demais para isso, eu morreria por ele. Como ele pode me abandonar no momento mais dificil da minha vida?

Saio dos meu pensamentos quando o vejo beija-la.

Empurro a mesa com força me impulsionando para levantar já com algumas lagrimas caindo. E subo correndo para meu quarto.

Ele simplesmente beijou ela quando estava á mesa comigo, sua mulher.

Entro no meu quarto e empurro a porta com força mas ela não se fecha porque logo um Justin raivoso entra por ela.

- Qual o seu problema?- Grita.

- O meu problema é você. EU TE ODEIO- Grito já jogando qualquer coisa que vejo pela frente em cima dele.

- Para de show droga. A culpa disso tudo é sua- Grita me pegando pelos braços.

- PORQUE VOCÊ ME CULPA PELA MORTE DELA?ELA TAMBÉM ERA A MINHA FILHA. NÃO É SÓ VOCÊ QUE SENTE, TODO DIA EU SINTO A FALTA DELA JUSTIN. TODO SANTO DIA EU CHORO PELA MINHA FILHA JUSTIN. - Grito sentindo minha garganta arranhar por tamanha força usada.

Permito-me cair em seus braços.

Ele olha nos fundos dos meus olhos e simplesmente me abraça forte como não tem feito a um ano. 

-Sh..

-Dói tanto, dói tanto aqui dentro de mim.

-Não fala nada. Vai ficar tudo bem.

-Eu perdi o meu bebê Justin eu perdi a minha pequena. A vida é tão injusta Justin- digo já soluçando.

Então do nada ele se separa de mim e me encara com um olhar raivoso

- A culpa dessa merda é sua. Se você não tivesse feito aquela merda a minha filha estaria aqui. Dá licença porque tem uma mulher de verdade me esperando lá embaixo. .- Disse saindo e batendo a porta com força.

- EU TE ODEIO- Grito o mais alto que eu posso me desabando no chão...


Notas Finais


Esse cap ficou meio bostinha por que eu queria postar logo pra vcs, então sorry.

A fic ta acontecendo muto rápido porque vai ter no máximo uns 12 capítulos, quando eu pensei em escreve-la eu pensei em escrever uma coisa curta e rápida.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...