História Scared of happy - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Fifth Harmony, One Direction, Selena Gomez
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, Lauren Jauregui, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Normani Hamilton, Selena Gomez
Tags Camila G!p, Camren, Larry, Norminah, Semi, Trolly, Vercy
Exibições 461
Palavras 1.505
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


UUUIIIII (2/6)

Capítulo 32 - Cap 29 - Pregnant


POV Narrador 

 2 meses depois 

 Maio 

 Aconteceu muita coisa nesse dois meses. Vamos por partes.

 Mês passado Alejandro passou muito mal, ele teve uma convulsão em casa. Ele está vivo porém ele está no hospital. Nisso viram que seu tumor era quase do tamanho de uma bola de golfe, ou seja, esse tumor é uma bomba. Ele tem menos de quatro meses de vida. Fazer a cirurgia seria muito arriscado tem oitenta por cento de chance de morte e só vinte por cento de sobrevivência.

 Ele decidiu ficar no hospital porque ele queria morrer lá não em casa. Camila ficou paralisada quando viu seu pai no chão de sua sala convulsionando, foi sua mãe que ligou para a ambulância. 

 Sofia e Camila choraram bastante mas foram fortes na frente de todos.

 Sofia e Chris estão se dando bem. A amizade está voltando aos poucos. Taylor e Sofia o namoro continua o mesmo, todo mundo respeitando.

 O casal Norminah continua zoeiro. Louis pediu em namoro Harry e foi a coisa mais fofa. Em abril o casal Vercy se separou por causa de ciúmes de Vero mas logo voltaram. Trolly continua hétero. Camren está melhor do que nunca, amores para todos os lados. Semi ainda é meio tímido.

 Mês passado também descobriram que a Diana, mãe de Demi, é dona da "BO$$" uma das melhores baladas de Miami. Então todo mundo vai para lá. 

 Estava Dinah e Lauren conversando no quintal. 

- Lauren, você sabe que eu te amo né?! 

- Claro que eu sei mas oque você quer?

- Eu tenho ir ver a Normani, estou até atrasada! 

- "Estou até atrasada" - Lauren disse a imitando. - Atrasada... Atrasada... Atrasada... DINAH! 

- Que susto garota! Que foi? 

- EU estou atrasada! - Lauren falava com olhos arregalados e logo Dinah se ligou.

- LAUREN!!

- Eu não posso estar grávida! Sou muito nova! Não! Não! - Lauren começou a se desesperar.

- Jauregui calma! Você não sabe se está! Mesmo se estiver isso não é um problema! Eu vou na farmácia comprar um teste...

- Não compra um não! Compra logo cinco, depois eu do o dinheiro! 

- Isso não é problema! Eu já volto! 

 10 minutos depois.

- Lauren...

- Amém, você chegou! - Lauren falou pegando a sacola na mão da Dinah. - Dinah, se ter positivo? Oque eu faço? Eu só tenho 17 anos

- Faça o teste e não se desespere. Você só tem 17 anos que ganhará uma grande responsabilidade. 

- Oque meus pais vão pensar de mim? E a Camila? Céus ela vai pirar!

- Com certeza seus pais vão te apoiar. A Camila então nem se fala! Ela já é louca por você imagina quando ela souber que você está carregando um filho dela! Ela vai ter um infarto!

- Verdade! Vou lá fazer o teste...

 45 minutos depois...

- Dinah e-eu não consigo ver... Olha para mim? 

- Tá... - Lauren ficou na porta do banheiro e Dinah olhou os testes.


 Positivo 

 Positivo

 Positivo

 Positivo

 Positivo 


- Laur... Você está grávida... - Lauren entrou em crise de choro. - Não chora... Calma... Respira... - Dinah a abraçava forte.

- Eu não quero... Não agora! 

- Você não vai tirar né?!

- Ta maluca?! Não tenho coragem...

- Então aborto não é uma opção? 

- Não mesmo! 

- Vai contar para ela quando? 

- Hoje a noite... - Camila estava na escola, Lauren não foi porque estava enjoada e Dinah matou aula.

- Quer comer algo? 

- Depois dessa notícia só quero durmi...

- Isso, descansa. Qualquer coisa me liga! Qualquer coisa mesmo! 

- Pode deixar... 

- Eu vou ser tia! Isso é louco!

- Meu Deus! Vou ter pena do meu filho, olha as tias que ele terá!

- Vai se foder Lauren, eu sou ótima com crianças agora já não sei elas...

- Idiota! Agora tchau que eu vou durmi...

- Tá mal agradecida... 

- Te amo DJ! 

- Também te me amo! 

 Dinah saiu do quarto e Lauren se jogou na cama.

Lauren: Quando você sair do colégio vem correndo para cá. Tenho algo a dizer para você...

Camila: Você melhorou? To preocupada até agora.

Lauren: Sim... Não precisa se preocupar estou bem! Mas sério vem correndo para minha casa!

Camila: Lauren, está me deixando nervosa! Eu vou agora!

Lauren: Pode ficando ai! Você pode esperar, eu vou durmi... 

Lauren: Te amo! 

Camila: Você é quem manda... Também te amo...

(...)

 POV Lauren

 Senti alguém me cutucando.

- Acorda... - Era Camila e logo abri meus olhos. - Boa tarde amor... - Ela disse com um lindo sorriso.

- Ótima tarde... - Disse colando nossos lábios.

 Esse beijo era de necessidade e medo. Enquanto eu a beijava, deixei algumas lágrimas caírem. 

- Lauren... - Ela nós separou. - Que foi? Porque está chorando? 

 Sequei minhas lágrimas, me levantei, estendi minha mão para ela e ela pegou.

- Fecha os olhos... - Disse

- Porque? 

- Só fecha não vale espiar...

- Tá bom... - Camila fechou os olhos e eu guiei ela até o banheiro.

POV Camila

 Estava tão nervosa com o que a Lauren iria me mostrar.

- Pode abrir... - Lauren soltou minha mão e abri meus olhos. Olhei para baixo onde estava a pia e tinha exames de gravidez? 

 Havia cinco testes e todos positivos. Lauren está grávida? 

- Q-que? L-Lauren? - Eu não to entendo nada.


- Eu estou grávida Camila... - Abri um enorme sorriso e fui rápido abraça-la. Deixei o choro livre para sair.

 Estava chorando feito bebê, chegava a soluçar.

- Camila... - Eu a beijei segurando seu rosto.

- Eu vou ser mãe, você vai ser mãe, NÓS vamos ser mães... - Eu realmente tinha o maior sorriso do mundo. Lauren tinha os olhos brilhantes.

- Sim! Nós vamos... - Levantei ela no colo e a girei. - Camila! - Deixei ela no chão e ajoelhei levantando sua blusa. 

- Oi bebê... - Estava acariciando sua barriga.

- Oque você está fazendo?

- Babando na minha filha ou filho. Oi meu amor, você deve estar no tamanho de um azeitona agora mas já pode saber que sua mama e sua mamãe te amam muito! Suas avós e seus avôs vão pirar quando souberem da sua existência! Te amo demais - Terminei beijando sua barriga. - Nós vamos ser muito felizes. 

- Nós vamos... - Lauren ainda chorava. - Que foi boo? 

- Eu estou muito feliz! Você está comigo mas estou pensando em nossos pais... Como vai ser nossa vida daqui para frente?

- Lauren, nossos pais sempre estarão ao nosso lado. Agora eu também tenho uma grande responsabilidade. Nós iremos sair da casa dos nossos pais. - Lauren se assustou 

- Que?

- Eu não quero seus pais sustentando algo que eu fiz!

- Vamos para aonde? E o dinheiro? 

- Vamos para um apartamento. Irei trabalhar na empresa sem parar nesses nove meses, tenho dinheiro guardado, posso vender meu carro e comprar um mais barato! 

- Isso até pode funcionar mas meus pais deixarem vai ser difícil ainda sou menor de idade...

- Então quando você for maior nós iremos morar juntas! 

- Para ajudar eu posso trabalhar! - Não curti essa ideia.

- Porque? 

- Camila, eu estou grávida não doente. Então para! 

- Ta bom... Você quer contar quando? 

- Essa semana... 

- Lauren? 

- Fale...

- Eu posso falar para meu pai? Tipo hoje...

- Claro! Que horas? 

- Agora. Só deixa eu tomar banho... Me acompanha? 

- Sempre...

(...)

 Eu e Lauren estávamos no elevador do Hospital Grey Sloan. Lauren apertava bem forte a minha mão.

- Lauren calma... 

- Eu não consigo! - Coloquei minha mão em sua nunca e a beijei, tentando acalma-lá. Ela logo correspondeu.

 Enquanto nossos lábios estavam colados, ela sorriu. Eu AMO quando ela faz isso. Infelizmente nosso andar chegou. 

 Saímos do elevador e fomos até o quarto do meu pai. Chegamos na porta e eu bati nela, meu pai abriu os olhos devagar.

- Oi filha, oi Lauren que surpresa agradável! 

- Oi papa... - Fui até ele deixando um beijo em sua bochecha e ele em minha testa.

- Oque trazem vocês aqui? 

- A gente não pode mais fazer visita não?!

- Pode claro mas vocês vêm todos juntos... 

- Isso é verdade... Temos uma notícia que você vai gostar muito! 

- Pode falar! 

- Quer falar Lauren? - Falei olhando para ela

- Ta maluca!? Fala você! 

- Ok... Eu e Lauren vamos ter um bebê! 

- V-você está grávida?!! - Ele disse com os olhos marejados e Lauren só mexeu a cabeça concordando. Ele começou a chorar com um belo sorriso no rosto.

- O senhor não está bravo com a gente? Sabe desapontado... - Lauren ainda estava bem assustada.

- Que? Claro que não! A família vai aumentar! Eu vou ser avô! Eu não estou acreditando! Já contaram para mais alguém da família? 

- Não... Ainda não. - Lauren

- Estou me sentindo honrado! - Rimos com a idiotice do meu pai mas Lauren fez uma cara feia.

- Que foi amor? 

- Acho que vou vomitar... - Lauren correu para o banheiro e eu fui junto segurando seus cabelos. - Cheiro de hospital. Desde criança não gosto desse cheiro agora grávida piorou! - Ela já estava de pé lavando sua boca.

- Está melhor? 

- Sim... 


Notas Finais


VRRRAAAA!!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...