História Scripts - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias League Of Legends, Undertale
Tags League Of Legends, Script Obviamente, Undertale
Visualizações 4
Palavras 1.609
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, FemmeSlash, Hentai, Luta, Magia, Violência
Avisos: Bissexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 26 - Procurando mais gente pro exército


Dia seguinte.
Pulando logo para a parte em que todos se reuniram, Fiddlesticks também tinha ido
Jung: Ok galera... seguinte... a porra ficou muito séria agora.
Lulu: Como assim? aconteceu algo na luta? *Disse ela muito preocupada*
Jung: Sim, o Teemo perdeu.
Todos ficaram surpresos
Kevin: O que? Ta zuando
Jung: Sim é verdade
Flyerbek: E o que caralhas aconteceu na porra da luta?
Fiddlesticks: Primeiro foi na porrada, depois um duelo de espadas, eles se cansaram e foram usar os poderes, é ai que ta o problema.
Annie: Mas o Teemo nos poderes consegue ganhar de qualquer um, ninguém consegue aguentar o efeito do fogo que ele faz.
Fiddlesticks: Como eu disse, o problema ta ai, o Teemo lançou uma chama com os itens ap favoritos dele, fez o cara ficar no chão, quase imóvel, só que depois o "Dremure" lançou 3 trovões azuis no Teemo, fez ele ficar no chão e imóvel, assim, ele revela quem era o tempo todo, a porra do Thunderlord.
Annie: Thunderlord?
Katarina: Espere, isso significa que...
Fiddlesticks: Thunder nos traiu, ele está conspirando contra nós, tudo o que ele quer agora é mais poder para governar o universo, e matar o Teemo foi um grande passo.
Katarina: ....Só um momento, preciso de um boneco de testes.
Luna: Aqui. *Ela pega um boneco*
Katarina: Se afastem.
Todos se afastaram.
Katarina: Será que... 
Ela usa o Lótus da Morte no boneco de testes e não deu efeito do trovão.
Katarina: Arghh... FILHO DA PUTA! *Ela soca o boneco com muita força, fez ele ir para muito longe* Como ele pôde conspirar contra tudo e todos... por causa de mais poder...
Flyerbek: Calma amor *Ele dá um abraço nela* não é o fim de tudo, além disso, temos outros talentos para usar.
Kevin: Mas será que usar um outro talento dá certo contra ele que já virou o satã também?
Flyerbek: É claro que dá certo po, somos scripters, podemos usar qualquer talento, mas nosso dano não irá mudar!
Lulu estava chorando pelo Teemo
Lulu: *Snif* Não acredito que aquele babaca tá conspirando contra nós... e ainda matou o Teemo... ele se foi... pra sempre...
Ela não aguentou e foi correndo lá pro quarto dela.
Annie: Eu vou lá. 
Annie foi subindo pro quarto da Lulu ajudar.
Akali: Agora sim ele nos pegou de verdade nessa...
Flyerbek: Pode ser que sim mas nós vamos fazer um contra-ataque
Luna: E para quem podemos pedir ajuda? Não dá pra ser a liga toda
Kevin: Já sei, o Kennen.
Hiro: O Kennen?
Kevin: Sim, o Kennen era um dos amigos do Teemo, e é do nosso clan também
Jung: Perai, porque não dá pra ser a liga toda?
Katarina: Lembre-se que ainda existe rivalidade, se pedirmos ajuda a liga inteira alguém pode arrumar uma armadilha para nós, sem falar que tem o grande risco de uma guerra começar, então é melhor deixar eles sem saber de nada, vou pedir ajuda somente para Noxus, enquanto isso podem
Jung: Eu vou lá no quarto da Lulu pegar o celular do Teemo e ligar pra ele.
Então ele foi subindo também. Lulu tava abraçando a Annie enquanto chorava.
Jung: Oi meninas, desculpe atrapalhar mas vou pegar o celular do Teemo um momento.
Ele pegou o celular do Kennen e ia ligar pra ele, mas pensou que o Kennen não confiaria num estranho então desceu lá pra sala.
Jung: Na verdade ele não vai ouvir um estranho, melhor você ligar pra ele Akali.
Então a Akali ligou pro Kennen e o Jung voltou pro quarto da Lulu, chegou lá obviamente ela ainda estava chorando.
Jung: Lulu, eu realmente sinto muito pelo Teemo, eu sei que você não vai aguentar... eu gostaria de dizer as ultimas palavras que ele disse para mim antes de correr até o castelo.
Lulu: *Sniff* e o que ele disse?
Jung: Ele me disse que mesmo que ele morresse, que eu nunca duvidasse do poder do código dele.
Annie: E o que ele quis dizer com isso?
Jung: Não entendi exatamente, mas do jeito que ele me disse, me deu uma impressão de que se ele morresse ele voltaria.
Lulu: O-o quê?...
Jung: Não sei mesmo se era isso que ele quis dizer, mas se for, eu acredito que seja difícil.
Lulu: Se ele... disse isso é porque ele volta.
Annie: Mas isso pode demorar, não dá tempo de ficar esperando.
Jung: Bom eu vou descendo pra sala.
Então ele desce e a Lulu parou de chorar.
AnnieEntão... se sente melhor?
Lulu: Sabendo que ele vai voltar me sinto ^^
As duas desceram e algum tempo depois o Kennen chegou e explicaram tudo pra ele.
Kennen: O que? QUE FILHO DA PUTA!
Jung: Você também não consegue usar trovão?
Kennen: Não, apesar de eu ter poder de choque, trovão é um talento.
Jung: Ata.
Enquanto isso a Kat tava em Noxus dando o aviso.
Katarina: Então é isso, alguém quer se juntar a nós?
Leblanc: Tá eu vou.
Talon: Eu vou também, fiquei puto com aquele cara agora.
Cassiopeia: Também quero ir, aliás faz tempo que você não vem aqui mana.
Darius: ELA ESTÁ CERTA, A LÂMINA SINISTRA NÃO VEM MAIS COM TANTA FREQUÊNCIA, AQUI ACONTECE DUELOS E BRIGAS, ISSO É COVARDIA, E EU NÃO TOLERO COVARDIA, IREI TE PUNIR!
Ele pegou o machado pra cortar a cabeça de Katarina, só que quando o machado chegou perto, ela segurou com a mão, segurou a lâmina com a mão, e o Darius além de ser forte ele não pega leve quando vai usar o machado, todo mundo ficou realmente surpreso com aquilo, e a Kat só colocou um pouquinho de força, após isso ela puxou o cabo do machado pro Darius cair junto, e quando ele caiu ela arrancou o machado da mão dele, ficou em cima dele e apontou a lâmina do machado pra cabeça dele.
Katarina: Escuta aqui, eu não tenho a menor paciência com você, então tudo bem pra mim duelar contra você, agora tome cuidado com o que tenta fazer comigo, porque mesmo você sendo tank, eu faço você sumir em menos de cinco segundos com skills, uso itens de penetração pra quebrar a porra dessa sua armadura, se quiser um corpo a corpo eu quebro do mesmo jeito, nas adagas ou no soco, então me diga, quer duelar?
Nisso ela ficava com um olhar intimidador, o Darius começou a ficar com medo, e ele nem pudia tentar virar nela porque a Kat tava dando muito peso em cima dele, ela é muito forte, Darius nem conseguia falar nessa situação, então ela saiu de cima dele e largou o machado.
Katarina: E você ainda diz que não tolera covardia, grande vergonha Darius. De qualquer forma, alguém mais quer ir?
Ninguém mais respondeu.
Katarina: Certo, eu vou procurar o Sion, onde está ele?
Swain: No lugar de sempre, naquela prisão do subsolo.
Então ela foi até a prisão e foi na sela do Sion, o motivo dele estar lá é que o Sion nunca se cansa de guerra, ele quer sangue e mais sangue, então pra mante-lo deixam ele naquela prisão.
Sion: Katarina? Quanto tempo tenho estado aqui? não lembro.
Katarina: Sion, você está liberado pra me ajudar numa batalha.
Sion: SERIA GUERRA?
Katarina: Não sei o que está por vir, mas venha comigo e mais outras pessoas, vamos começar o banho de sangue.
Então ela abriu a sela do Sion e ele saiu, os dois saíram da prisão e aqueles que aceitaram ir com a Kat os seguiram obviamente.
Cassiopeia: Você melhorou muito mana, fez o Darius ficar calado.
Talon: É a primeira vez que vejo alguém o derrubar, incrível.
Leblanc: Como você conseguiu fazer isso?
Katarina: Eu apenas treinei, com o Karthus.
Cassiopeia: Oh, e como você aguentou? ninguém conseguia aguentar todo o treino.
Katarina: Tudo bem que eu caí inúmeras vezes, mas nós continuamos até eu aguentar todas as dores
Sion: Esse é o espírito de assassina que você tem, porque DESCANSAR É PARA OS VIVOS! E para os fracos também.
Katarina: Mas eu acho que como ele virou o satã ele pode fazer de tudo pra nos impedir.
Sion: SE HOUVER UMA GUERRA, VAMOS FAZER OS INIMIGOS SANGRAREM ATÉ A MORTE! TODO O CHÃO ESTARÁ SUJO DE SANGUE!

Após um tempo eles chegaram lá na casa e tava todo mundo já.
Katarina: Voltei, e com o máximo que eu pude.
Sion: VAMOS FAZER UM MASSACRE!
Katarina: Ah, podem escolher novos talentos, eu vou ligar pra ahri pra saber se ela quer ir.
Ela foi no próprio quarto e ligou, a Ahri tava deitada na cama dela, e por algum motivo sem roupa, ela atende.
Ahri: Oi miga ^^ a quanto tempo.
Katarina: Oi, é que tem acontecido bastante coisa sabe. Olha... como posso te dizer isso... ok.
Então ela contou toda a história da família e das coisas que foram acontecendo.
Katarina: Então é basicamente isso, Thunder está conspirando contra nós.
Ahri: Caralho... aconteceu tanta coisa assim... mas espere, ainda dá pra usar o trovão?
Katarina: Não, ele desabilitou e ninguém mais pode usar.
Ahri: Que filho da puta.
Katarina: Tou com minha família, com o Sion, com o Talon e a Leblanc, só sobrou você como minha amiga pra ajudar, até porque você sabe que não dá pra ser todo mundo, e então, quer se juntar a nós pra vingança?
Ahri: Bom... tá bom, aceito!
Katarina: Estaremos te esperando, tchau.
Ela desligou e nessa hora o Flyer subiu pro quarto
Flyerbek: Então... ela aceitou?
Katarina deita na cama como se fosse de preguiça.
Katarina: É... aceitou, nossa lista terminou agora, vamos espera-la e quando chegar, vamos nos preparar para ir.


 


 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...