História Se ela patina, eu patino! (Lutteo) - Capítulo 41


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Luna Valente, Matteo
Tags Luna, Lutteo, Matteo, Patinação, Romance
Visualizações 196
Palavras 1.723
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Esporte, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá pessoas tudo bom? Estou ótima e com sono! Mas com capítulo novo! E como falei, está em reta final! Não tão perto assim do final, mas cada vez mais perto... Compreenderam?

Enfim... Quero agradecer pelos favoritos! Somos mais de 220! Sério gente vocês são incríveis!

Desculpem os erros se tiverem, mas mais uma vez escrevi pelo celular... Agora chega de falar e boa leitura!

Capítulo 41 - Ciúme bobo, sobre rodas


POV SIMÓN

Ontem eu tive uma conversa com a minha mãe. Já que eu não poderia mais patinar, eu teria que arrumar um emprego. Eu nunca havia trabalhado antes, pois sempre minha vida se resumiu a duas coisas: estudos e patinação. E apesar de não ser milionário como o Matteo, meus pais sempre conseguiram me sustentar sem dificuldades.

Mas agora é diferente. Eu já tenho quase vinte e um anos. E eu preciso fazer algo da minha vida. Começar um faculdade também está nos meus planos. Mas no momento eu preciso mesmo é de independência financeira!

POV TAMARA

- Ok meninos, estão dispensados por hoje! E não se esqueçam de que tem que me trazer os documentos de vocês até depois de amanhã! Sem falta!

Depois que eu os mando embora, vou até minha sala organizar algumas coisas. As coisas por aqui estão mais frenéticas que o normal. É a competição internacional, os treinamentos, organizar tudo para podermos viajar já na semana que vem... Ufa! Eu só quero cinco minutos de relaxamento, será que é pedir demais?

Quando chego na minha sala, eu vejo que há alguém esperando por mim. E logo o reconheço.

- Simón? O que faz aqui?

POV LUNA

Nem acredito que eu tenho só dois dias para organizar meus documentos! Eu confesso que deixei isso para o último momento. Bom na verdade acho que ainda tenho tempo, afinal tenho hoje e amanhã! Mas eu não faço a menor ideia de onde coloquei meu passaporte!

M: E então Luna? Já achou seu passaporte? - Pergunta Matteo me assustando

- Ainda não! Mas não se preocupe que com certeza minha mãe sabe onde está!

M: Tomara mesmo! Eu nem mesmo sabia que já tinha viajado para fora do país! - Ele sorri

- Mais fácil você ter esquecido isso né? Ou dormia todas as vezes que te contava dos lugares que já conheci por causa das competições internacionais! Até te falei que a última foi no México!

M: Ahhhh claro que lembro! Você não parava de ficar falando sobre o seu país, o quanto tudo era lindo e blá-blá-blá... - Dizia ele me imitando

- Bobo! - dou um tapa em seu braço

M: Ai, doeu! - Diz ele me fazendo careta

- Ah para! - Vem vamos embora!

M: Sim senhora!

Mas enquanto saíamos, eu vi o Simón conversando com a Tamara, e ele parecia bem empolgado e até apertaram as mãos. Assim que ele me viu, veio rapidamente em nossa direção com um sorriso como se acabasse de ganhar na loteria!

S: Oi Luna! Matteo...

- Simón? O que faz aqui? - Pergunto surpresa

S: Adivinha quem é o novo assistente da Tamara?

- Não...

S: Sim! - Ele diz orgulhoso e eu o abraço sem pensar

M: Ei eu ainda tô aqui tá? - Diz Matteo querendo chamar a atenção

- Me desculpe... Nossa Simón, isso é incrível! Eu tô muito feliz, de verdade!

S: E isso nem é tudo...

- Como assim? Tem mais?? - Pergunto surpresa

S: Sim... Eu também... VOU COM VOCÊS PARA PARA A ITÁLIA!

E sem me controlar eu dei um gritinho, e mais um abraço.

- Amei, amei, amei! Melhor noticia do dia! Não, da semana! Melhor dizendo... Do ano!

S: Ai Luna sobre você mesmo!

M: Parabéns cara!

S: Obrigada! - Eles apertam as mãos. - Bom Luna, tenho que ir agora, pois tenho que ir... Começo amanhã mesmo e a Tamara me disse que tenho que entregar os documentos até depois dei amanhã! Sem contar que ainda tenho que falar pra minha mãe sobre essa viagem de última hora!

- É, nós também temos! Mas vai lá, depois nos falamos...

Ele vai na frente e e eu volto minha atenção ao Matteo.

- Não é incrível Matteo? O Simón também vai pra Itália! Nem acredito! E ainda como assistente da Tamara!

M: É... Muito legal! - Diz ele meio seco

- Algum problema Matteo?

M: Nenhum... Que coisa não? O Simón justo agora decidir ir para para a Itália também...

- Ele não decidiu nada Matteo! Pelo que pude entender, a Tamara o contratou como seu assistente... Então era óbvio que ela iria levá-lo conosco não é?

M: Claro... Mas ele não tinha outro lugar para arrumar emprego não?

- Como assim Matteo? Sinceramente não estou entendendo essa sua atitude.... – Cruzo os braços

M: Nada não... Vamos! – Ele me puxa para ir embora mas o paro

- Não, você vai me dizer qual o problema... Por que não quer que o Simón vá?

M: É quem disse que eu não quero? – Ele tenta se defender

- Simples! Sua atitude!

M: Olha Luna, isso não importa tá?

- Claro que importa! Esta sendo imaturo! Isso por acaso é ciúmes?

M: Imaturo, eu? E ciúmes? Por favor né Luna? Eu me garanto!

- Ah é? Pois não parece!

M: Quer saber? Não vou mais ficar aqui discutindo!

- É, tem razão! Não precisamos disso!

Eu viro as costas e saio andando, e percebo que ele vem atrás de mim. Ele só me acompanha em silêncio. Não damos as mãos, nem nada. Um silêncio sepulcral.

POV ÂMBAR

- Você viu isso Nico?

N: Se vi!

- O Matteo realmente tem ciúmes do Simón? Mas que decadência! Não basta estar namorando essa mosquinha morta, ainda fica fazendo ceninha de ciúmes patética! Que ridículo! Mas fazer o que? Melhor pra gente não é?

N: Com certeza!

Nos olhamos e sorrimos marotamente.

POV MILA

Já fazia um tempo que não tinha contato com a Âmbar e o Nico. Só espero que eles realmente estejam fazendo algo de útil. Pois não vou mais suportar falhas!

Eu estava observando e vi o Simón saindo do Roller. Por um segundo eu senti vontade de falar com ele. Mas o que? Por favor né Mila? Se concentra! Sem contar que ele nem quer te ver pintada de ouro! Agora preciso me concentrar em outra coisa. Eu iria esperar aqueles dois saírem de lá de dentro para falar com eles. Mas o que vi foi em seguida, saírem Luna e Matteo, e ao que parece não pareciam muitos felizes... Será que eles brigaram? Se foi eu só queria ser uma mosquinha para estar lá e ouvir o que aconteceu... Quem sabe isso seja um sinal de que o destino está ao meu favor?

E por fim, finalmente vejo Âmbar e Nico saindo... Mas quando eu iria falar com eles, sinto alguém colocando a mão no meu ombro, e uma voz que, juntando tudo, me deu um enorme susto:

J: Bancando a espiã, Mila?

- Juarez! Que susto!

J: Quem não deve não teme!

- E quem disse que estou devendo? – Falo com raiva

J: Não adianta tentar me enganar, eu já sei de tudo!

- De tudo o que?

J: Que agora você é o Matteo viraram amiguinhos dos robôs de patins! E que ele ainda virou um!

- Como soube?

J: Por acidente... Por que por vocês dois eu não saberia nunca!

- Não enche Juarez!

J: Olha, eu poderia nunca mais falar com você nem olhar na sua cara! Mas ainda estou sendo bonzinho, e te dando uma chance. Até por que sei que você ainda não se tornou uma robô não é?

- Claro que não!

J: Então desembucha!

- Tá bem... – Suspiro

Então, sem saída, começo a contar tudo para ele, sobre me vingar dele e da Luna, e que pedi a ajuda da Âmbar e do Nico para me ajudarem pois eles estariam mais próximos deles.

J: É conseguiu algo até agora?

- Não sei! Eu iria falar com meus cúmplices agora se você não tivesse me parado! – Respondo nervosa

J: É você não tem o contato deles?

- Não... Eu esqueci de pegar, só eles pegaram o meu... Mas não vieram falar comigo para que eu pudesse salvar.

J: Isso que dá confiar neles! Mas enfim damos um jeito nisso...

- Tá louco Juarez? Eles vão se irritar comigo se souberem que tem mais gente sabendo!

J: Tá, eu não preciso ir, mas você vai ter que me manter informado!

- Tá bem!

J: É nem tente me enganar! Pois não vou sair do seu pé!

- Sim senhor!

J: Então até logo...

Ele sorri para mim e me deixa lá. Só me faltava essa! Esse imbecil do Juarez se metendo no meu esquema. Mas agora já era. Só espero que ele não seja um problema...

POV LUNA

Matteo me deixa em casa como sempre, e eu apenas entro sem nem ao menos dar um selinho nele. Só vou pro meu quarto e me jogo na cama bufando. Não posso acreditar que Matteo está com ciúmes do Simón! Eu sinceramente achei que essa palhaçada já havia terminado, mas me enganei!

Enfim, não vou esquentar a cabeça com isso. Tenho que começar a procurar meu passaporte. Eu ligo para a minha mãe para perguntar onde ela guardou. Ela demora mas atende, dizendo que está ocupada e porque eu estava ligando para ela aquela hora, se havia acontecido algo. Falei que não aconteceu nada e perguntei pelo meu passaporte. Ela disse que estava em uma caixa preta dentro do guarda roupa dela. Eu agradeci e fui até seu quarto. Abri a porta, e comecei a procurar por uma caixa preta. Então a avistei na parte de cima. Não era muito alto, então achei não precisar de um banco. Fiquei na ponta dos pés e fui puxar. Mas ela estava embaixo de outra caixa, e a mesma caiu em cima de mim, batendo em minha cabeça. Falei um aí, mas peguei a caixa, que claro havia aberto e derrubado tudo. Catei rapidamente, e eu vi uma foto que havia caído também. Era uma foto antiga, dos meus pais. Fico olhando e vejo o quanto estavam felizes. E no verso estava escrito: “O primeiro encontro de muitos”. Sorrio de canto e me emociono. Daria tudo para que eles pudessem reviver esse dia...

Sinto uma lágrima escorrer pelos meus olhos, e rapidamente guardo a foto de volta na caixa. Pego meu passaporte, arrumo tudo e saio do quarto. Volto para o meu, e passando pelo espelho vejo que minha testa está um pouco vermelha pelo impacto da caixa nela. Vou para o banheiro lavar o rosto, e depois volto para começar a organizar os documentos necessários.

Hora de organizar, baby!


Notas Finais


Não me matem por provocar outra discussão Lutteo a essa altura do campeonato rs... É só isso mesmo! Beijinhos no ar 😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...