História Se eu pudesse voar... - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Akamaru, Anko Mitarashi, Asuma Sarutobi, Baki, Boruto Uzumaki, Chouchou Akimichi, Chouji Akimichi, Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Hiruzen Sarutobi, Hizashi Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ibiki Morino, Ino Yamanaka, Inojin Yamanaka, Itachi Uchiha, Jiraiya, Juugo, Kabuto, Kaguya Ootsutsuki, Kakashi Hatake, Kakuzu, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Killer Bee, Kimimaru, Kisame Hoshigaki, Konan, Konohamaru, Kushina Uzumaki, Madara Uchiha, Matsuri, Mei, Menma Uzumaki, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Mito Uzumaki, Moegi, Nagato, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Orochimaru, Pain, Rin Nohara, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sarada Uchiha, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shion, Shisui Uchiha, Shizune, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Tobirama Senju, Toneri Otsutsuki, Tsunade Senju, Zetsu
Tags Asuhina, Gaahina, Hinaten, Inohina, Jiraihina, Kakahina, Kibahina, Madahina, Menmahina, Naruhina, Orochihina, Sakuhina, Sasuhina, Shinohina, Tema Hina
Exibições 106
Palavras 1.129
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Luta, Magia, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Tudo que tinha para falar está lá nas notas finais, Ah...

Só uma coisa...


AMO VOCÊS!

Capítulo 9 - J a n t a r 1 / 2



Acordei as 6:00 da manhã, com deidara e Sasori transando.

- Puta que pariu. -

Revirei os olhos, peguei o travesseiro e afundei em meu rosto.

Como a Chyo não acordava? Deve está acostumada.

••••

45 minutos fazendo sexo, sério?

Não aguentando mais isso, levantei pronta para tomar meu banho.

- Porra, da próxima vez dormirei junto dos moradores de rua. -

Falei resmungando.

•••

Entrei no box, com a água gelada. Acho que estou acostumada demais com isso.

Por que eu não trabalho? Depois eu resolvo isso...por enquanto, vou me preocupar com meus estudos...

Se é que eu tenho.

Peguei o shampoo e lavei meus cabelos, sensação de paz. Nem me lembro oque é mais isso.

Limpei meu cabelo...ele está grande.

Lembro quando ele era pequeno. Mas ele era da antiga Hinata, e ela morreu faz tempo.

Peguei a toalha roxa que estava pendurada no box, e tirei toda a água do meu corpo.

- Porra, morreu ai dentro? -

Deidara e sua ótima educação...pera, do que eu estou reclamando? Eu faço pior.

-Se quiser limpar a goza que ta descendo pela sua garganta, espera Queridinho. -

To pedindo pra apanhar.

- Só porque Você está trancada aí? Deixa só você sair daí. -

Disse ele com uma voz mais grossa.

-Ui, que "meda". -

Eu acordei sem paciência.

- PORRA! -

Ele deu um soco na porta, não um Soco, foi um SOCÃO.

Ainda nem que ele não viu, mas eu dei um pulo imenso.

-Quebra, porra! -

A Chyo desceu.

Eu ri muito, a Chyo já odeia ele, ela deve odiar muito mais!

-Hina meu amor, Vem tomar café.-

Chyo me chamou, pude jurar que o Deidara bufou.

- Já estou saindo! -

Gritei.

Botei uma blusa preta sem estampa, e um Legg preta.

Passei um rímel, apenas.

Estou pronta.

Me aproximei da porta, e abri a mesma me deparando com dois demônios.

- Licença.-

Pedi passando pelos dois idiotas.

E se eu te falar que eles não fizeram nada? Acreditam? Eu fiquei supresa.

•••

Cheguei na sala de jantar (de todas as refeições né '-') e sentei na cadeira da mesa.

- Estava demorando, pensei que desceu pelo ralo.-. Disse Chyo rindo.

- Nãh, eu tava mesmo desmaiada lá. -

Falei brincando.

- Não duvido. - disse ela sorrindo, me fazendo sorrir junto.

Ela botou na mesa, panquecas, Pães, queijo, mortadela, suco.

- Hmm, deve estar delicioso. -disse eu.

Dito e feito, estava um delícia.

- Obrigada amor.- disse ela sorrindo.

•••

Depois de alguns minutos, terminei de comer.

-Não vai para escola? - Perguntou Chyo.

-O professor do primeiro tempo vai faltar. - disse.

- Essas escolas estão ficando uma merda! - ela disse me fazendo ri.

-"Estão", você quis dizer são, né?-

- Mãe... então, já deu a hora. Vou indo, beijos Kaa-san. - dei um abraço na mesma e me aproximei da porta.

-Pera Filha... então, sabe o Orochimaru, aquele que te falei? -

Balancei a cabeça, indicando que não.

- Ele vira aqui hoje. E eu falei de você pra ele. Ele quer te conhecer, e trará duas pessoas. -

Eu acho que ela está pensando que eu não irei aceitar...

- Sim Kaa-san, estarei aqui. -

Disse sorrindo.

Sabe, se esse homem é a felicidade dela, então que eles sejam muito felizes!

- Ah, obrigado meu amor! Esteja aqui as 19:00. - concordei balançando a cabeça.

- Ok Kaa-san, beijos. -

Depois disso, sai da casa e fui rumo a escola.

No Caminho lembrei de algo importante.

Orochimaru, eu conheço! Não, bem eu não o "conheço", mas eu o conheço pela profissão.

••••

Chegue atrás das grandes. E olhe lá, cheguei já sendo perturbada.

-Ohayo Hina-chan! -

Disse todo animado.

Ah não, já chega numa hora dessa

para me perturbar ?

- Ohayo Baaka. - ele fez bichinho.

- Eu não sou Baka. - disse fingindo estar bravo. Admito, ficou fofinho.

- É Sim, um verdadeiro Idiota. -

Ele fez uma cara indignada.

- Sua.... (Palavras estranhas, explico depois)- fiz uma careta em sinal de reprovação.

- Pelo amor de kami, pare com essa porra. Tá passado de japonês para Árabe? -

Ele tava falando tudo bugado, o que eu faço com essa perturbação?

- Err... Olha, eu até te convidaria para ir a algum lugar depois da aula, mas eu terei compromisso.-

- E quem disse que eu iria aceitar? De qualquer jeito, eu também tenho compromisso. - ele olhou meio bravo.

- Ah... é com quem? Algum menino da sala? -

Ciúmes do que nem é dele.

- Não - ele sorriu - Te interessa. - ele desmanchou o sorriso.

Eu sorri com isso, ele é tão... palhaço.

- Você é má, Hina-chan! -

Fiz uma cara de deboche.

- Legal, descobriu agora? - levantei a sombrancelha.

- Está debochada, sabia? - ri.

- F-O-D-A-S-E Meu irmão. -

A cara dele foi a melhor!

( Autora: RISOS ETERNOS, adoro fazer isso com os outros)

- Tá, chega. Vou pra aula. - ele disse.

De alguma forma, eu sei que ele não está bravo comigo.

- Tchauzinho. - Já foi tarde.

....não que eu não goste de sua companhia...mas você sabe que eu nunca admitiria, não é? Babaca.

•••

Estava na aula, olha, passou bem rápido.

Estou no último tempo do Hidan, um professor novo que acabara de chegar.

- Bom dia alunos, Meu Nome é Hidan. É e isso, tudo que vocês precisam saber. - ele é grosso. Gostei.

Um aluno, que no caso é a shion, levantou a mão para fazer perguntas.

Mas, é sério que precisava levantar, s espremer os seios na cara do coitado?

- "Prof", você não pode fazer isto, tem que se apresentar, isso é abuso da sua parte. -

Ele a olhou de cara feia.

- Primeiramente, é "Professor". Segundo, é "senhor", não você. Terceiro, eu posso, como vou. E não, não tem abuso nenhum, o único abuso aqui é você esfregando os peitos na minha cara sendo apenas uma universitária. -

Manooo, como dizer?

VOCÊ É A PESSOA MAIS FODA QUE EU JÁ VI, i LOVE YOU PROFESSOR.❤

Todos riram da cara dela, tadinha. (Mentira.)

•••

Bem, depois daquilo ele só deu uns dois, ou três foras em alguns alunos.

Depois a aula terminou.

•••

Eu só comecei a guardar minhas coisa, meus cadernos, estojo, etc.

Quando terminei Me dirigi a porta, quando...

- Hina, me espera. -

AH NÃO.

- Fala, Baka. -

- Bem, como o lugar que eu vou é perto da sua casa, eu vou te dar uma carona... - Já ia concordar, mas...- Mas antes, passaremos na minha casa. -

Não, não, não,não.

- Não. - ele me olhou confuso.

- Como assim, "Não"? - oshi, porque não.

- Isso não é óbvio, Naruto? -

- Por favor, Hina. Eu não demoro, te juro! -

- Tá bom, mas é só hoje, não pense que serei Amiguinha sua e da sua mãe, e passarei dias lá... -

Ele me olhou, provavelmente pedindo para parar.

- Vamos logo? - ele me perguntou.

- Tá esperando o que? - ergui a sobrancelha.

- Então, vamos.-

Rumo a casa do Naruto.

Parte 1/2❤

Amo deixar Suspense

Pode deixar que o próximo capítulo será o melhor!❤

Hinata P.O.V off~



Notas Finais


Gente, desculpa.

Do meu sincero coração.
Eu me sinto péssima, mas sabe as vezes eu fico triste, aí não escrevo, as vezes me motivo, mas penso que não está bom.

Então peço para que não me julguem.
Sei que estou sendo furona pra caralho.
Vocês devem estar putos comigo, não é?

Mas, sério. Me desculpem!

Amo tantos vocês, eu sinto falta quando eu Demoro a escrever e quando posto um cap, você vem com metralhadoras de comentários carinhoso, motivadores e Tals.❤


Mas obrigada mesmo, vocês são foda pra caralho!❤


Obrigada a os 66 favoritos!


Seja bem vindo ao mudinho da minha escrita para quem chegou agora!❤ Saiba que já está muito acolhido por mim, não sabe? Ah, então agora Sabe!


Meu Facebook para os Amorzinho que querem me conhecer e falar comigo!


Gabrielle Nara ( empresa papai.com)
( Uma menina morena, de cabelos preto/castanho, com um arco íris na cara ❤ )


Instagram Gabi_Uzumaki❤

Beijos meus amores.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...