História Se eu te amo? Demais! - Capítulo 88


Escrita por: ~

Postado
Categorias Júlio Cocielo
Personagens Júlio Cocielo, Personagens Originais
Tags Julio Cocielo, Kelsey Calemine, Romance, Tequila
Exibições 185
Palavras 934
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, tudo bem com vcs?
Não postei na quarta, pois não havia conseguido terminar o capítulo e na quinta, quando eu achei que ia conseguir postar uns dois capítulos no dia, meu irmão em chamou pra ir pra casa dele e se eu não aceitar ir, ele fica falando um monte pra mim. Enfim, chega de enrolação! ♥
Boa leitura, Tequilinhas e Tequilinhos! ♥

♥ Foto aleatório do Cocielo ♥

Capítulo 88 - Praia (Parte cinco)


Fanfic / Fanfiction Se eu te amo? Demais! - Capítulo 88 - Praia (Parte cinco)

Júlio começou a cantar outra música e depois parecia que estávamos num karaokê. Júlio me pegou no colo e me levou para o banheiro, me colocou sentada na pia e enquanto ele ia trancar a porta do banheiro, eu tomei a garrafa de Vodca quase toda. Ele tirou a garrafa da minha mão, tomou um gole e a colocou a duas pias de distância de nós dois. Ele ficou apoiado na pia e ficou me encarando, eu fiquei fazendo o mesmo. Ele colocou as mãos no meu rosto e começou a me beijar, eu correspondi. Um beijo calmo, com gosto de Vodca, molhado e gostoso de se sentir. Entrelacei minhas pernas nas costas dele e ele me pegou no colo e me encostou na parede. Ele desceu os beijos para o meu pescoço quando o ar se fez necessário. Ele sugava levemente o meu pescoço, deixando muitos chupões pelo mesmo. Ele me pôs na pia novamente e voltou quando ele ia tirar minha blusa eu puxei o rosto dele e comecei a beijar a boca dele novamente, então eu separei o beijo e disse:

- Júlio, tem certeza que quer transar aqui?

E ele respondeu:

- Qualquer lugar é bom de transar... desde que seja com você.

E sorriu. Ele voltou a me beijar, e eu resolvi deixar rolar. Ninguém irá vir até o banheiro da balada, espero que não agora. Desci da pia e o encostei na parede, me abaixei e desabotoei a calça dele, desci um pouco a mesma e junto foi a cueca dele, comecei a chupá-lo e ele segurou meu cabelo num rabo de cavalo e controlou os movimentos. Parei de chupar ele e subi, beijei ele e ele me colocou sentada na pia, tirou minha calça jeans e começou a me chupar, coloquei minhas pernas nos ombros dele e ele apertou minha coxa esquerda. Eu soltava leves gemidos e ele começou a penetrar um dedo em mim, segurei nos cabelos do Júlio e tive um orgasmo. Ele subiu e começou a me beijar e começou a me penetrar, eu estava ficando louca, soltava gemidos altos sem poder me controlar. Gozamos juntos e foi maravilhoso. Ele me beijou até o ar faltar e depois de afastou para que eu me vestisse. Subi em cima dele de novo e comecei a beijar ele sem parar, à essa altura o efeito do álcool já até passou. Voltamos para o camarote, mas antes eu peguei a garrafa de Vodca, claro. No caminho, virei a mesma e o líquido acabou. Chegando no camarote, peguei a garrafa de Tequiloca e comecei a beber, começou a tocar uma música agitada que era Major Lazer feat. Justin Bieber & MØ - Cold Water mas era um remix muito animado, comecei a cantar a parte do Justin Bieber e depois a da MØ e por fim acabou.

| | Q U E B R A | D E | T E M P O | |

Já passavam das três da manhã e eu já estava completamente bêbada de novo, Júlio também havia bebido novamente, mas nem tanto como eu, mas ele também estava bêbado. Ele ficava rindo das minhas quedas e ficava me beijando e depois que nos separávamos ele dizia: “Vou acabar ficando ainda mais bêbado que você!” e eu ria. Já passou praticamente todas as músicas que eu conheço e eu fiquei cantando e o Júlio cantava apenas as músicas sertanejas que ele conhecia. As meninas já haviam voltado, e estavam ficando com os meninos. A Gabii ficou com o Igor, mas agora ele está com a Raquel e a Gabii com um menino que ela viu na balada e gostou. A Ana Juh ficou com o T3ddy e o restante dos meninos já estavam acompanhados. A Dani não tinha pegado ninguém, achei um pouco estranho, mas deixei pra lá.

[...]

Quando deu por volta de quatro da manhã, voltamos todos pra casa, mas voltamos a pé, pois todos estávamos completamente bêbados. Foi uma bela zoação no caminho de volta, eu gravei vários Snaps bêbada e continuei gravando no caminho de volta pra casa. O T3ddy foi cantando uma música que eu não sei qual era e saía tudo completamente embolado. Júlio caiu e ficou rindo, eu caí e derrubei o Júlio comigo e fiquei falando besteiras pra todo mundo. Eu puxei a a Gabii de canto e ela também estava bêbada, abracei ela de lado e falei:

- O Júlio tem um pau enorme.

Todos ouviram e riram, estávamos bêbados então eles apenas acharam graça.

- O T3ddy eu não sei bem, ainda não vi, mas passei a mão por cima da calça. A-D-O-R-E-I – Gabii disse e em seguida começou a rir, T3ddy quase morreu de vergonha mas riu junto com todo mundo.

[...]

Chegamos em casa e cada um foi para o seu quarto, mas Júlio ficou enrolando comigo na cozinha, fingindo que estávamos comendo para podermos dormir no mesmo quarto “sem que ninguém nos visse” mas amanhã provavelmente todos iram ver e pensar: “Ui, eles dormiram juntos, provavelmente voltaram”. Quando todos subiram, fomos para o quarto do Júlio, pois provavelmente o quarto dele estava mais arrumado que o meu. Tirei a calça e o sutiã, fiquei de calcinha e com a blusa gigante do Júlio. Ele dormiu com a calça e sem camisa, ele está mais gostoso que antes. Transamos antes de dormir e ele ficou fazendo carinho no meu cabelo enquanto eu estava deitado no peito dele fazendo linhas imaginários em sua barriga. Coloquei minha perna em cima das pernas dele e me agarrei mais nele, acabei dormindo primeiro que ele.


Notas Finais


Vou escrever um capítulo aqui do dia seguinte, porém, não sei se saí hoje, mas espero que saía, né? AHSUHAUSHAUSHAHSUAHSUA

Por enquanto, ou por hoje, é só isso e espero que tenham gostado do capítulo, hein! ♥
Boa noitinha Zzz
Que o crush de vcs notem vcs e que eu consiga postar mais um capítulo hoje, amém! qqqq ♥♥♥♥♥
Tchauzinho, beijinhos de LED :))


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...