História Se fosse perfeito não seria Jerza - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Jellal Fernandes, Lucy Heartfilia, Meredy, Mystogan, Natsu Dragneel, Ultear Milkovich
Tags Brigas, Colegial, Erza, Fairy Tail, Fanfic Jerza, Jellal, Jerza, Nalu, Romance, Shoujo
Visualizações 34
Palavras 1.401
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Fantasia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Eu tava postando diariamente, mas ontem bateu aquela preguiça....
Boa leitura!

Capítulo 7 - Era para ser um dia de estudos


Fanfic / Fanfiction Se fosse perfeito não seria Jerza - Capítulo 7 - Era para ser um dia de estudos

JELLAL ON

A princípio, sabado é aquele dia que voce acorda 11 da manhã e nao5faz nada o dia inteiro, MAS quando deu 9 horas meu celular começar a parecer um vibrador de tanta mensagem que recebe ao mesmo tempo. Quando abro o WhatsApp vejo que é do grupo: FT Boys y Girls, desse jeito mesmo, misturando japonês, espanhol e inglês. Nele podemos ver uma Luvy desesperada.

Grupo on

Loira: Alguem me ajuda por favor! Preciso muito estudar Biologia e Fisica.
Metaleiro: Essa mensagem com certeza não é para mim. Levy já ta me ajudando.
Erza: Não posso ajudar, desculpa Lucy.
Gray Striper: Vou mais atrapalhar que ajudar.
Mira: Lucy, posso te ajudar, mas moro muito longe :(
Eu: Eu te ajudo, loirinha
Loira: MEU HERÓI!
Eu: Quer vir para ca ou eu que vou prai?
Loira: Vem pra cá. Senao meus pais pensam que estou fugindo dos estudos.
Eu: Okay. Me manda o endereço que já chego ai.
Loira: mando no privado. Te amo azulado.
Gray Striper: Nao façam nada de errado.
Metaleiro: Jellal voltando aos tempos do fundamental kkkk. Cuidado Lucy, senao voce cai nos encantos dele.
Eu: CALA A BOCA.
Foguinho: O queeeee?!
Erza: É só um dia de estudos... ne nao?
Eu: Tchau gente. Ate daqui a pouco Lucy.
Loira: Ate :3

Grupo off

Me arrumo e desço as escadas para a sala, lá está Mystogan jogado no sofá lendo um livro e Meredy vendo TV, bando de vagabundo.
Eu: Bom dia.
M: Bom dia- diz bem animada.
My: Bom dia- sem graça.
Eu: Vou para casa de uma amiga estudar. Volto mais tarde.
My: Voce? Estudando? Ta bom- vai começar- quem é a "amiga"- ele coloca amiga entre aspas.
Eu: Lucy, a garota loira que eu ja falei sobre.
M: Nada de gracinhas- Meredy é ciumenta demais.
Eu: sim sim.
My: Bons "estudos".
Eu e o Mystogan brigamos muito, nós dois não só somos parecidos fisicamente, mas traços da personalidade tambem são parecidos, principalmente, o sarcasmo e os iguais se repelem, pura fisica. O Myst é mais baixo que eu, a marca que eu tenho no rosto ele não tem e seu cabelo é mais curto e bem penteado, ao contrario do meu que eu deixei crescer e as vezes não penteio. Alem disso, ele não é de fazer brincadeiras que nem eu e é mais sério. Resumindo, somos muito iguais, mas muito diferente tambem.
Lucy me manda o endereço dela, pego o carro e dirijo até sua casa, quer dizer  para sua super mega master mansão fodastica. Eu toco a campainha e a mãe dela atende.
Eu: Oi, eu sou o Jellal, uma amigo da Lucy, vim ajuda-la a estudar.
?: Claro, entre, Lucy me falou que você viria. Me chamo Layla, prazer em te conhecer.
É notavel que a simpatia de Lucy veio da mãe. Lucy aparece na janela do terceiro andar e grita para eu subir. Bato na porta e ela diz para eu entrar.
L: Oii- ela me da um abraço e se senta na almofada em volta da mesa cheia de livros- senta ai.- me sento à sua frente.
Eu: pelo o que quer começar?
L: Fisica. Eu não entendo essas fórmulas.
Foi rápido ensinar fisica para Lucy. Eu fiquei a tarde toda lá, porque eu revisei tudas as outras materias com ela. Quando terminamos, lá pelas 17:00, a mãe dela nos preparou um lanche.
La: Comam à vontade. E Lucy, eu e seu pai vamos sair para comprar umas coisas. Tchau, Jellal, foi bom conhecê-lo.
Eu: Digo o mesmo.
Depois ficamos sozinhos comendo aquela comida deliciosa.
Eu: Esse bolo está muito bom, sua mãe cozinha muito melhor que minha irmã.
L: Ela faz bolo de morango várias vezes, ai acabou ficando boa. Sabe, a Erza AMA bolo de morango.
Eu: Serio? Bom saber.
L: Jellal, quero te fazer uma pergunta. Sou sua melhor amiga e espero que você confie em mim para contar.
Eu: Claro, sou um livro aberto.
L: Você gosta da Erza?- isso me pegou de surpresa, eu dei uma pausa para dar suspense.
Eu: Nop.- Lucy dá um suspiro- O que foi?
L: Eu nunca entendi porque Erza é do jeito que é. Talvez ela sempre foi assim ou tenha se tornado. Eu acho que se ela começasse a gostar de alguem, iria mudar.
Eu: E vice achou que eu fosse o melhor candidato?
L: De uma certa forma. Sabe, ela afasta todos os garotos e nenhum deles realmente gosta dela.

Eu: Mesmo assim, todos querem pegar Erza Scarlet. Mas Lucy Heartphilia nao fica para tras, infelizmente o seu coração pertença a alguem.- fiz a brincadeira para afastar desse assunto.
L: O-O que?
Eu: Eu shippo muito Nalu.
L: Nalu?!
Eu: Natsu mais Lucy igual a Nalu. - ela estava muito vermelha- Estou certo, nao é mesmo?
L: Sim... Mas ele é muito retardado para perceber que gosta de alguem, beira a inocência.
Eu: Pode ter certeza que ele sabe que gosta de voce.
Lucy pareceu triste por um instante e eu fico com pena, eu puxo ela para um abraço apertado e ela retribui. No exato momento, alguem abre a porta.
?: Mas que porra é essa?
Eu me afasto de Lucy bem rápido.
N: Não vai fazer nada,  foi o que você disse, Jellal.
Eu: Natsu, foi só um abraço- Natsu já havia me dito que estava apaixonado pela Lucy, eu sabia que ele estava com raiva.- Não tinha nenhuma intenç-
N: Voce sabe como eu me sinto, canalha!
Ele me acerta um soco no queixo, com certeza vai ficar roxo, ele vem para cima de mim e eu não pretendo revidar, mas eu vou segurá-lo, não vou apanhar.
L: Chega! - Natsu para e se volta para ela.
N: Lucy, me desculp-
L: Nao!- ela sobe para o quarto chorando.
Eu: Vai atras dela, eu já vou indo. E, Natsu, ela acabou de admitir para mim que gosta de voce.

NATSU ON

Eu agi muito errado ao socar o Jellal, principalmente sabendo que Lucy detesta violência. Pior ainda, eu não sei se ela vai ficar bravo, posso acabar perdendo meus dois melhores amigos.
Subo as escadas correndo e entro no quarto de Lucy sem bater. A loira está sentada na cama com o rosto enterrado no teavesseiro.
N: Lucy...
L: Vai embora! Não quero falar com você.
N: Voce pode me escutar, por favor.
L: Nao! Quero voce bem longe daqui.
N: Mas eu nao vou!- levanto um pouco a voz e ela se assusta- Desculpa...- falo baixo.
L: Natsu, eu nao te entendo! As vezes você parece ter ciume dos outros garotos que eu converso, outras vezes parece que nem liga! O qu-
N: Eu amo voce, Lucy!- imterrompo ela.- sempre amei. E quando eu vi você abraçada com o Jellal, pensei que gostasse dele e nao conti minha raiva. Desculpa, não fique brava. Não quero perder voce, não só porque gosto de você, mas tamvem porque é minha melhor amiga. - ela fica em silencio- Diz algo...
Lucy se levanta e fica na minha frente, ela me encara intensamente.
L: Eu tambem.
N: Tambem o q-
Ela me para com um beijo.

JELLAL ON

Aiaiaiaia. Isso ta doendo para caralho. Quando cheguei em casa com o queixo roxo, Meredy quase teve um ataque. Myst a acalmou dizendo que era só por gelo que melhorava, ele tem essas manhas já que antigamente entrava em brigas direto.
Espero que Natsu tenha se resolvido com a Lucy, eu torço muito por eles dois, embora meu shipp preferido seja Gajevy em disparada, a desproporcionalidade entre os dois é muito fofa, e fii eu que juntei os dois. Mas eu tenho que focar em outro shipp agora..... Me sinto até cupido haha.

ERZA ON

Eu já estava quase indo dormir quando recebo uma mensagem da Lucy.
L: NATSU BATEU NO JELLAL!- super apoio- POR CAUSA DE CIUME- o que diabos os dois estavam fazendo para o Natsu ter um ataque de ciume para apelar à violência, não é muito o estilo do rosado bater- ELE ME PEDIU EM NAMORO- finalmente, já torço por esse casal ha 3 anos!
Eu: Que bom, Lucy! Estou muito feliz por você!
L: Agora só falta um casal se formar.
Eu: o que quer dizer com isso?
L: Você descobre um dia. Vou dormir, bye.
Otimo, agora eu serei a vela master do grupo, já que sou a unica que não namora.


Notas Finais


Um pouco de Nalu não faz mal :3
O que acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...