História Se livrando de uma fantasma-Imagine Jimin - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Mark, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Comedia, Hentai, Romance
Visualizações 49
Palavras 947
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Fantasia, Hentai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hoje estou inspirada, ler as fanfics da rabetania me deixa animada até de mais
Mano, essa mina lacra nas historias, nem sei como ela consegue, mas já só fanzona dela
I Love you Rabetania😍
Voltando, boa
HOJE É O NIVER DO PARK BUNDUDU JIMIN🎉🎉🎉🎉

Capítulo 8 - Guerra avisada não mata alejado


Fanfic / Fanfiction Se livrando de uma fantasma-Imagine Jimin - Capítulo 8 - Guerra avisada não mata alejado

©POv-S/n®


Ainda não sei o por quê do universo querer fuder com a minha vida, mas vou descobrir. Já que jimin não quer me ajudar, vou fazer sua vida virar um inferno, até ele mudar de ideia.

Como ninguém consegue me ver, sento em um banco na pracinha, a brisa fresca, embora eu seja um fantasma, com muito esforço ainda consigo tocar em algumas coisas, observo as crianças brincarem, tão felizes, uma delas chega perto de mim, me observa de cima a baixo.


- Mamãe  essa  moça  tá  triste -  diz apontando pra mim


- Meu  bem  não  tem  ninguém  aqui - segura na mão da pequena a puxando


Aquelas palavras mexeram comigo, me senti triste, a criança podia me ver, porém sua mãe não. Ela até me deu tchau, retribui sorrindo. Ainda não pensei numa maneira de fuder com jimin, mas algumas ideias vieram a minha mente, como colocar pó de mico na cama dele, chocolate derretido no quarto dele inteiro, gelo do cu e jogar em cima dele quando estiver dormindo, passar maquiagem e vestir ele de mulher, depois tirar foto e postar no twitter dele, e outras ideias. Ah jimin, você vai comer o pão que o diabo amassou .


[...]


Logo anoiteceu, tratei de colocar meus planos em pratica. Fui a casa dele com tudo que precisava, pó de mico, uma fantasia de Elsa que peguei em uma loja de fantasias, maquiagem e uma torta de limão, pra quando ele acordasse. Entrando em seu quarto, o vi deitado, dormindo igual a um bebé, estava animada com a trolagem. Primeiro tirei sua roupa com cuidado para não acorda-lo, e que corpo definido ele tem, quase me esqueço o por que de estar lá. Coloquei a fantasia nele, fiz uma maquiagem linda, eu não sei fazer, então tenta imaginar como ficou. Antes de colocar o pó, tirei uma bela foto e postei em seu twitter, e finalmente o pó de mico.

Toquei uma música no último volume em seu ouvido, o mesmo acorda no pulo assustado, ai taquei a torta em sua cara. 


- MAS QUE PORRA É ESSA - diz se coçando


Tirei mais uma foto e postei, estava pocando de rir, nunca vi Elsa mais linda, faltava só o Olaf. Quase morri de tanto rir, ele saiu correndo pro banheiro, tentando parar com a coceira, tirar a fantasia, maquiagem e a torta em pedaços de seu rosto. Os comentários nas fotos estavam hilários, um pior que o outro: "Jimin por que tu não me havisou que iria se vestir de Elsa, eu seria seu Olaf" , " Queria ser a Cinderela" , "  Ficaria melhor de anão, era só colocar um gorro " , " iai jimin, vai congelar algo hoje " , " Bora casar jimin, eu sou o fogo e você o gelo" , " Que princesa mais linda" , " Como jimin não pega ninguém, resolveu virar mulher pra ver se os crush quer ele agora " , " Nega bunduda, come to oppa " entre outros.

Nem ligava pro que ele iria dizer, já morri mesmo, o que ele poderia fazer?             O mesmo saiu puto do banheiro, jurava que parecia a reencarnação do capeta, todo vermelho de raiva, me fuzilava com seus olhos.


- Ta  olhando  o  que? Se  gosto,  tirá foto  que  dura  mais -  pego minhas coisas


- Eu  só  quero  saber  o  por  que  de você  ter  feito  essa  palhaçada - analisa seu corpo todo molhado, havia tomado banho


- Guerra avisada não mata alejado - digo num tom sarcástico e vou me embora


POv-S/n off® POv-Jimin on


Tá já perdi paciência, me vestir de Elsa, passar maquiagem, me acordar com um barulho dos infernos e tacar torta na minha cara, já foi longe de mais, e ainda tirou fotos e posto no MEU twitter. É PEDIR PRA MORRER!

Depois que aquela demonia desapareceu, coloquei de novo meu pijama. Verifiquei todos os comentários, e mano, acho que não vou pra escola por uns meses, eles vão literalmente me zuar por um longo tempo. 


No outro dia~


Acordei cedo, eram 06:27 da manhã, pensava na possibilidade de não ser zoado, mas essa possibilidade não existia, fui pra escola meio que disfarçado, com óculos escuros, toca preta e casaco preto, bem disfarçado neh?, deveria ganhar um óscar de melhor disfarce em uma escola.

Os corredores não tinham tantas pessoas, então andei rápido pra sala de aula. Sabe aquele momento que seu plano quase dá certo, ai o capeta sai do inferno pra estragar tudo, aconteceu.


- OLHA  GENTE  A  ELSA, LET'S GO, LET'S GO!!


Meu cu travo, me virei tremendo, jurava que tinha pouca gente, não sei de onde saiu tanta pessoas. Tiraram meu " disfarce", e adivinha quem havia tirado e gritado, Hoseok, aquele viado do caralho.


- Congela  a  escola, ai  nois  não precisa  estudar


- Cadê  seu  vestido, Elsa?


- Faz  raspadinha, quero  algo  gelado


- Cadê  a  reverência  gente?

 

Todos se reverenciaram perante a mim, não sabia o que fazer, nem como reagir, só sei que o sinal tocou e todos foram para suas devidas salas, e eu pra minha. Amém!

Em todas as aulas fizeram piadinhas de mim, me zoaram até no recreio, isso só seria apenas o começo, o começo do meu inferninho pessoal.

[..]


Cheguei em casa, troquei de roupa e fui ver séries. Ela não estava lá, menos mau. A série estava realmente interessante, estava tão cansado que o sono veio rápido. Assistindo a série " Os originais" cai no sono no sofá. Meu sonho estava tão bom, sonhava com minha crush da escola, até sentir algo extremamente gelado em minha costas. Dei um pulo do sofá, quase dei choque, meu corpo quente e o gelo em minhas costas.


- Você  vai  comer  o  pão  que  o  diabo amassou  querido  -   um sorriso psicopata surgem em seu rosto
















Notas Finais


Yaaaaa happy birthday de mim
bjssssss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...