História Second Chance For Love - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, Kai, Lay, Lu Han, Sehun, Suho
Tags Baekhyun, Exo, Romance
Exibições 89
Palavras 1.185
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpem a demora S2

Capítulo 19 - Capitulo 19


Fanfic / Fanfiction Second Chance For Love - Capítulo 19 - Capitulo 19

Havia pedido frango frito coreano e japchae para o nosso jantar. Tinha arrumado a mesinha de centro deixando o vaso de flor que Baekhyun havia me dado no centro com pratos, hashis, copos e velas (sim, velas) e posto algumas almofadas para nos sentarmos.

Sehun já tinha saído para a casa do Lay e me ligado falando que estava tudo bem e que iria demorar um pouco pois estavam conversando.

Eu tinha tomado banho e colocado um vestido curto de cor marrom e uma sapatinha preta, fiz ondas no meu cabelo e uma maquiagem simples, mas bonita.

Agora estava andando pela casa esperando ele chegar com apenas as velas iluminando o ambiente, minhas mãos estavam suadas e tinha “borboletas” no estomago. Percebi que estava nervosa, mas não sabia o porquê. Olhei para a mesinha e fiquei pensando se não tinha exagerado com aquela arrumação toda quando escuto a campainha o que me faz levar um susto. Meu coração acelera cada vez mais que chego perto da porta.

Abro a porta e ele estava lindo usando calça de sarja preta com uma camisa social azul escuro por dentro da calça.

Baekhyun: Oi! (Olhando para mim e sorrindo)

- Olá!

Baekhyun: Você está linda! (Quando ouço isso tenho certeza que fiquei vermelha)

- Obrigada. Entra! (Digo tímida)

Ele entra e fica meio confuso por ver as luzes apagadas e velas no meio da sala.

- O Chanyeol e o Sehun tiveram imprevistos e não vão jantar...Então é só nós dois. (Digo fechando a porta)

Baekhyun: Tudo bem. (Ele olha para mim e seu sorriso aumenta mais ainda)

Levo ele até a mesinha onde ele senta e vou na cozinha pegar a comida dentro do micro-ondas. Sento ao seu lado colocando a comida no canto.

- Pedi comida coreana. Pensei que você estaria com saudades de lá.

Baekhyun: Muito obrigado. Realmente estou com saudades da comida de lá.

Nos servimos e começamos a comer.

Baekhyun: Hummm. Está uma delícia. Muito obrigado mais uma vez.

Realmente a comida estava uma delícia, era a primeira vez que provava comida coreana e tinha gostado muito do sabor.

- Nossa, está uma delícia mesmo. Todas as comidas de lá são assim gostosas?

Baekhyun: A maioria, você tem que provar kimbap.

- O que é isso?

Baekhyun: É arroz envolto em alga com legumes e carne no meio. Faço para você algum dia. (Diz piscando para mim).

Voltamos a comer.

Baekhyun: Você não sabe como é bom ver que você ainda tem essas flores. Que está cuidando delas.

- Meu objetivo é nunca deixa-las morrer.

Ele me olha com intensidade e faço o mesmo.

Baekhyun: Parece que estou em um encontro. (Sorrindo)

- Ah...sério? Desculpa, não era o que eu queria...

Baekhyun: Não precisa se desculpar, quem disse que eu não estou gostando? Muito pelo contrário.

Meu rosto esquenta e volto minha atenção para minha comida antes que ele perceba.

~Quebra de Tempo~

Baekhyun tinha me ajudado a arrumar a mesa e a lavar a louça mesmo eu insistindo para ele que não precisava. Colocamos as almofadas amontoadas em frente a enorme janela e estávamos sentados nelas no escuro, um ao lado do outro, olhando a paisagem de NYC de noite e cheia de luzes. Aquilo estava nostálgico, não conseguia parar de sorrir, estava muito feliz.

Baekhyun: Esse definitivamente é meu melhor dia em NY. (Rindo)

Olho para ele e me olha de volta.

- Sério?

Não conseguia desgrudar meus olhos dos seus e pelo jeito ele também não. Ele coloca a mão em meu rosto, especificamente em minha bochecha, e faz carinho nela o que me faz fechar os olhos. Depois de um tempo sinto algo encostando em meus lábios, abro os olhos e vejo que são seus lábios. Meu Deus, ele estava me beijando?! O beijo começa calmo, abro passagem para sua língua e começo a ficar com calor, meu corpo está descontrolado, não consigo raciocinar direito só sei que não quero que ele pare. Essa sensação e sentimento que estou agora é familiar e não de um jeito bom, mas não consigo me lembro o porquê, pois seu beijo não me deixa pensar direito.

O beijo fica mais intenso e quando percebo estou sentada em seu colo com uma mão em seus cabelos e a outra em seu abdômen. Sinto suas mãos passearem pelo meu corpo até pararem em minha cintura e a aperta bem forte, sinto também algo duro encostando na minha intimidade e em pesar o que é quase desmaio. Seu membro quente encostando na minha intimidade me faz delirar e solto um gemido sem querer o que faz ele apertar minha cintura mais forte.

De repente me assusto com o barulho da porta se abrindo o que me faz cair para trás. É Sehun que chegou de sua volta na casa do Lay, ele me encontra deitada de costas no chão e Baekhyun sentado com cara de assustado.

Sehun: Está tudo bem? (Perguntou com cara de preocupado)

- Sim, claro. (Digo me levantando, Baekhyun ainda está paralisado no chão)

Sehun: Oi, Baekhyun!

Baekhyun não responde então o cutuco.

Baekhyun: Ahh, oi Sehun.

Sehun: Bom, vou tomar um banho então. (Diz indo em direção ao quarto com cara de desconfiado)

Baekhyun começa a rir e olho para ele que está nervoso. Ele se levanta.

Baekhyun: Acho melhor eu ir.

Levo-o até a porta e na hora de me despedir não sei como fazer e nem ele, mas no final acabamos nos beijando, mais um beijo intenso que me faz delirar. E assim nos despedimos essa noite. Ele vai embora e eu fico estática em frente a porta com aquela sensação e aquele sentimento.

Sehun me encontra, minutos depois, no mesmo lugar.

Sehun: O que está acontecendo?

- Nada! (Me viro para ele e o abraço)

- O Lay está bem mesmo? (Pergunto tentando mudar de assunto)

Sehun: Está se virando e acho que agora ele consegue superar.

- Como é bom ouvir isso.

Sehun: E como foi o jantar?

- ÓTIMO. Agora preciso tomar um banho também. (Digo sorrindo e dando mais um beijo nele)

~Quebra de Tempo~

Demoro no banho e quando saído encontro Sehun com as coisas prontas para ir embora o que me da um tristeza.

- Nãoo. Mora aqui comigo, baby.

Sehun: Quando você parar de me chamar assim eu penso no assunto.

- Ah, então esquece. (Digo rindo)

Sehun: Hahaha, sempre engraçadinha. Mas também gosto de ficar aqui com você, prometo que vou passar mais finais de semana com você.

- Assim espero.

Nos despedimos e ele vai embora deixando a casa meio solitário só comigo ali. Olho a hora e vejo que já são 22h então decido ir dormir. Me deito na cama e fecho os olho e minha mente é invadida pelos beijos de Baekhyun que me faz sorrir. Aquela sensação e sentimento voltam e tento me lembrar porque aquilo me incomoda mesmo gostando tanto de seus beijos. Aí me lembro, tudo volta a minha mente, lembranças de anos atrás, mas que ainda me machucam. Sinto lagrimas quentes escorrendo pelos meus olhos e começo a chorar baixinho até pegar no sono.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...