História Secret - Imagine JungKook - Capítulo 38


Escrita por: ~ e ~TitiaPark13

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Dominador, Dores, Kook, Prazeres
Visualizações 165
Palavras 1.431
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Tami : Hi per !

Preparadas então ? Partiu !

Capítulo 38 - Submissa ? Eu ?


Fanfic / Fanfiction Secret - Imagine JungKook - Capítulo 38 - Submissa ? Eu ?

Eu sabia que no mesmo instante estaria mais que lascada , porém já nem tinha como fugir. Seria uma tentativa falha e provavelmente seria bem pior pra mim.

-Oi chefe - Sorri forçadamente.

-Garota , eu vou arrancar seu pescoço.

Jeon e seu jeito doce.

--Jady off--

--Jeon on --

Meu sangue estava fervendo e tudo que essa pirralha me fez podem ter certeza que vou fazer o dobro. Ela acha que é quem ?

É apenas uma vadia idiota.

-Você tem duas opções - Disse serio a encarando.

Pessoas nos olhavam estranho , talvez por eu ser um empresario de grande importancia acompanhado de uma que parece aquelas mulheres da vida. E mais que nunca estou torcendo pra que nada saia nos jornais ou vou estrangular essa garota.

-Que... Que opções ? - Ela diz receiosa e recua pra trás.

-Eu posso castiga-la aqui , ou você volta a minha casa - Sorri de canto.

Adoro impor medo. Isso é excitante.

-Senhor , eu não quero voltar - Ela diz olhando seus pés.

-Então , prefere aqui ? - Digo pegando fortemente em seu pulso.

-Na..não - Ela gagueja - Prefiro , sua casa. 

Que pena. Minha fantasia nesse momento era a espancar em um beco qualquer enquanto ela grita como de costume. A dias eu não fazia exatamente nada , e depois que essa desgraçada bancou a espertinha pro meu lado , eu quero descontar tudo nela.

Tudo mesmo.

-Vamos - A peguei pelo braço e caminhamos ate minha casa em silencio.

Se essa cadela queria que a adestrasse era exatamente isso que vou fazer , e vai ser hoje mesmo.

-Não.. Não me machuque - Ela sussurra mais pra si do que pra mim.

-Impossível baby - Sorrio malicioso já imaginando certas coisas absurdas.

Adentramos a sala e lá estava meu hyung jogado no sofá encarando o jogo de futebol como se sua vida dependesse daquilo.

-Fique ai , e não se mova - A joguei no sofá e subi as escadas pra arrumar meu quarto devidamente como queria.

Ela não vai escapar.

--Jeon off--

--Yoongi on --

A garota foi jogada em meu lado com tanta brutalidade que escutei daqui o estralo que sua coluna fez. Nos olhamos por míseros segundos e seu sorriso forcado fazia parte de seu rosto. Eu não havia visto Jeon sair o que foi um ponto negativo a meu bom olhar e percepção das coisas.

O plano parece que pode dar certo agora. Na verdade , espero que de. E agradeço Jeon por ter ido atrás dela.

Isso veio a calhar agora.

Subi as escadas sem ao menos falar com ela , entrei silenciosamente no quarto do mais novo e sorri vitorioso quando vi que estava no banheiro. As luzes como de costume apagadas , parecia um verdadeiro breu o que era melhor ainda.

A como conheço meu menino.

Eu queria aprontar uma com ele , embora ele não tenha muita paciência pra essas coisas. Ele teria que aprender que seus limites foram ultrapassados , e isso já fazia um bom tempo.

Eu não sei , mas senti que deveria proteger essa garota. Ela era mais que fraca e sei que gosta de Jeon , o que só a fara afundar. Conheço o lado obscuro do garoto e sei que as coisas sempre vão de mal a pior , e nunca melhoram. Jeon é possessivo de mais e vai quere-la a sua mercê a qualquer custo. 

Ele não tem sintementos e nunca vai ter , ele não a ama e sabemos disso.

Se apaixonar não e coisa de JungKook.

Peguei uma velha piruca que roubei da Maria. Era vergonhoso , mas me vesti com uma saia e continuei com a parte de cima que estava mesmo. A peruca não era tao longa , mas seria perfeita pra que no escuro não me reconhecesse.

Sentei em sua cama e pacientemente esperei que enfim saísse do banheiro.

Quando finalmente saiu tentei fazer minha melhor atuação e dei um espirro feito moça. Isso era ridículo e queria gorfar ali mesmo por ter que me passar por uma grande bicha.

-O que faz aqui garota ? - O garoto dita ríspido. E confesso assustou ate mesmo eu.

Continuei em silêncio e respirei fundo. Agora já ate comecei a me arrepender desse plano patético , eu poderia simplesmente o ter dado uma surra , mas não , eu tinha que me fingir de Jady.

Yoongi , você parece uma criança

O garoto sentou ao meu lado na cama e senti meu estômago revirar querendo vomitar. Eu sou másculo e não deveria estar aqui sendo aliciado por alguem que praticamente ensinei como se transa.

Isso obviamente e muito esquisito.

-Você vai aprender ... - Beijou minha bochecha. A meu deus - Não desrespeitar seu daddy

Eu não aguentava mais , então nem respondi sabendo que minha voz feminina não sairia. Isso estava mais nojento do que parecia em meus pensamentos. Por fim , o garoto começou com a ousadia de passar as maos em minhas pernas completamente a mostra. Mas obviamente o plano acabaria aqui , já que minha perna não e das mais femininas , entendem ?

-Que perna peluda é essa ? - Jeon indaga se levantando da cama. Comecei a gargalhar como nunca , estava escuro mais ainda sim consegui ver sua cara de espanto quando se levantou.

Eu pensei no plano ate aqui, então não sei o que vou fazer a partir de agora e não tenho nem ideia.

-Hyung ? - Estreita os olhos quando finalmente acende as luzes do quarto.

-Palhaço - Ditei serio. - Você precisa parar de ser desse jeito com ela Jeon.

Era estranho falar seriamente com ele enquanto vestia uma saia e uma peruca. Era difícil entrar nesse assunto já que pensando por esse lado , não havia lição de moral nessa "brincadeira". 

Ou talvez tenha.

Assim pode ser que ele perceba que sei de tudo , e saiba que quando menos perceber eu estarei lá.

-Você tem problema ? - Ele diz meio alterado.

-Você tem problema - Apontei o dedo em sua cara. - Você não entendeu que submissas não sofrem tanta humilhação assim ? - desculpem o tanta mas é a realidade.

-Ela é minha , e eu posso fazer o que quiser - Cerra os olhos.

-Ela nem sabe o que é sua - Debochei - Você não teve coragem de dizer nada a ela - Gritei.

No mesmo instante a porta é aberta e os olhos curiosos da menina se fez presente ali. Ela provavelmente não sabia da parte da submissa e nem ao menos que eu , intitulado seu melhor amigo , sabia e escondia toda essa farsa bem embaixo de seu nariz.

Eu a perdi.

-Vo..você disse , submissa ? - Ela entra de fininho pelo comodo.

-Eu assobiei pra você entrar cadela ? - Jeon a assusta.

-Voce.. Não tem como piorar - Ela o enfrenta com os olhos marejados.

-Jady.. Por favor - Falei calmamente.

-Cala a boca ! - Ela diz já chorando - Você me usou - Sorri sem animo - Isso fazia parte do plano .. Desse dai - Ela olha o garoto com nojo.

-Não ! - Eu disse desesperado.

Não queria a perder , ela era minha , ela se parecia com minha irma e me acalmava quando a via. Eu não vou a perder.

Não por causa de Jeon.

-Você é patética - Jeon sorri e revira os olhos - Eu já te comi tantas vezes que ate enjoei.

-Não continue ! - Ela tapa os ouvidos.

-Eu arregassei você sua vadia ! - Ele grita - Você é gostosinha , mas não satisfaz , Lee Hee faz boquete melhor que você - Sorri malicioso.

-Já chega Jeon JungKook - Grito com ele que me olha - Você não tomou seus remédios , não é ? - Troquei de assunto tentando acalmar os ânimos , mas só tentando mesmo.

-Ela me deu bebida - Aponta o dedo em meio a cara da garota - Voce acha que o efeito seria o que ? Eu dançando como borboleta Min Yoongi ? - Gargalhou de mim.

Havia esquecido desse pequeno detalhe.

-Eu vou embora - A garota diz limpando suas lágrimas - Eu não volto nunca mais aqui.

-Volta , volta amanha mesmo - Jeon disso serio - Você tem familia e não vai a querer deixar passar fome , não é ? 

Jogo psicológico , bem tipico do mesmo.

-Com licença - Ela diz por fim mas o garoto a puxa pelo braco fazendo com que em puro reflexo o acertasse um belo tapa. - Des..desculpe - Ela diz se soltando do aperto do mesmo.

Ela sai correndo dali , provavelmente de medo. Jeon joga um pequeno vaso que ali tinha e joga na parede.

-Eu vou acabar com ela ! - grita em cada dois segundos.

O ignorei e fui correndo ate a saída onde ela estava sentada claramente em prantos.

Não posso permitir isso com minha irmãzinha.

-Yoongi off--


Notas Finais


Espero que gostem.

Omma agradece.

Bye ! ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...