História Secret Agents - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~LadyCheetah

Postado
Categorias Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Carter Reynolds, Emily Rudd, Fifth Harmony, Jack & Jack, Jacob Whitesides, Little Mix, Madison Beer, Magcon, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nash Grier, Natalia "Nah" Cardoso, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Personagens Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Camila Cabello, Carter Reynolds, Emily Rudd, Hayes Grier, Jack Gilinsky, Jack Johnson, Jacob Whitesides, Madison Beer, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nah Cardoso, Nash Grier, Perrie Edwards, Personagens Originais, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Exibições 22
Palavras 829
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Festa, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olha o trailer nas notas finais...

Capítulo 2 - Boy Beautiful Eyes


Fanfic / Fanfiction Secret Agents - Capítulo 2 - Boy Beautiful Eyes

A garota caminhava pela praia ouvindo o som do mar e sentindo as ondas passando por entre seus dedos dos pés a cada passo, em sua mente várias perguntas vinham à tona, várias lembranças lhe atormentavam, vários desejos explodiam como uma granada.

— Pantera — alguém gritou e a loira olhou para trás distraída, ao longe ela avistou uma mulher correndo atrás de uma cadela, uma labradora se não estava enganada, a mesma voltou a olhar para frente e se amaldiçoou mentalmente por ter se distraído, a mesma caiu por cima de um garoto que no mesmo instante a segurou firme.

— Me desculpa — sussurrou corada.

O garoto colocou uma mecha de seu cabelo atrás da orelha e a encarou nos olhos enquanto ainda a mantinha em cima de seu corpo.

— Não me parece muito bem — o mesmo comentou.

Ela sorriu simpática e rolou para o lado se largando na areia, colocou suas mãos sobre o rosto e suspirou.

— Está tudo bem — falou em seguida levantou e estendendo a mão para o garoto se levantar.

— Eu que deveria ser o cavalheiro — falou o loiro sorrindo, contudo, aceitou a mão estendida.

— Quem sabe uma outra vez — ela falou e segurou sua mão ajudando o mesmo a levantar — Espero que eu não tenha lhe machucado.

— Tudo bem, estou acostumado a cair em areia de praia com garotas bonitas — sorriu irônico — Tem certeza que está bem?

— Sim estou.

Ele fitou seus olhos azuis e franziu o cenho.

— Já nos vimos antes? — Perguntou o mesmo despertando a garota de seu breve devaneio.

— Tenho certeza que não — sorriu — Melhor perguntar na próxima vez que nos vermos por aí.

Soltou um beijo no ar e saiu andando, o garoto ficou olhando para a mesma que havia retornado por onde viera, em sua mente martelava a questão de “sei que a conheço”, mas como poderia ele lembrar de alguém que não sabe nem o nome? Porém ele sabia bem a resposta, era culpa dos seus olhos.

— Meu bem — a morena o despertou.

— Oi meu anjo — sorriu para sua namorada que havia acabado de chegar com duas casquinhas de sorvete na mão — Obrigada.

— Vamos? — perguntou.

— Sim, vamos...

...

A porta foi aberta e as duas presentes olharam para a mesma instantaneamente.

— Aonde estava? Ficamos preocupada — falou a morena.

— Estou viva, Ivy, não precisa se preocupar, eu mando uma carta caso eu morrer — falou irônica e subiu as escadas.

— Por que está molhada? — Perguntou a castanha.

— Estava na praia Shay, larga de drama — respondeu sumindo de vista.

— Acha que ela está bem? — Ivy perguntou.

— Qual é Ivy, é a Harley, ela faz isso sempre — a mesma deu de ombros e voltou sua atenção para a TV.

....

Uma gritaria se iniciou no meio da rua e as três garotas deixaram seus afazeres para ver o que estava acontecendo, quando abriram a porta puderam ver vários outros vizinhos dos quais elas ainda não conheciam, uma garota gritava no meio da rua e um garoto de cabelos longos e negros tentava contê-la.

— CHEGA DE ESCANDALO, REBECA — gritou o mesmo agora fazendo a garota calar a boca.

Ela o encarava assustada e ele pronunciou um pedido de desculpas logo após, dando a entender que ele nunca havia gritado com ela.

— Entra, conversamos sobre isso depois — falou o mesmo e ela passou por ele feito um furacão.

Todos encaravam aquilo confusos.

— Olá — se fez presente uma voz masculina — Menina da praia.

Harley olhou para o lado e avistou o loiro que havia lhe segurado durante a queda e logo um sorriso alegre tomou o seu rosto.

— Olá, menino dos olhos bonitos — falou a mesma sorrindo.

— Me chame de Jack — falou sorrindo.

— Harley — apresentou-se e olhou para as duas que a encaravam — Essas são minhas irmãs, Ivy e Shay.

— É um prazer conhece-las — ele acenou.

— Ei Jack — gritou um garoto do outro lado da calçada — Quem são suas amigas bonitinhas? Vizinhas novas?

— Cala a merda da boca, Taylor e deixa de ser tarado — riu o loiro — Desculpe por ele, é um sem noção.

— Eu ouvi isso — gritou o mesmo.

— Não estou nem aí — gritou em resposta.

— Tudo bem, chega de gritar, vamos para a caminha bebê — falou um moreno logo atrás dele.

— Qual é mano? Cai fora — Jack empurrou o amigo e riu — Esse é o Jack Gilinsky, meu melhor amigo.

— Olá garotas — Gilinsky se apoiou no ombro do Jack e acenou para as meninas.

— Olá Jack’s — falaram juntas e logo riram.

— É um prazer conhece-las, mas agora — Gilinsky virou Jack de costa para elas — Temos que ir.

Elas acenaram em resposta e os dois entraram em casa, as três então fizeram o mesmo.

— Menina da praia? — Ivy perguntou debochada.

— Cala a boca vaca — Harley riu — Vou dormir que é bem melhor.

— Ei Har, vem aqui, me explica, como conheceu aquele Deus Grego? — Shay perguntou.

— Cai em cima dele — gritou a loira sumindo de vista.

Suas irmãs gargalharam e logo foram para os seus quartos, o dia seguinte seria cheio e novas coisas estavam por vir.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...