História Secret: Justin Bieber - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Caitlin Beadles, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Megan Fox, Ryan Butler, Shawn Mendes, Taylor Swift, Zayn Malik
Personagens Caitlin Beadles, Chaz Somers, Christian Beadles, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Megan Fox, Ryan Butler, Shawn Mendes, Taylor Swift, Zayn Malik
Visualizações 10
Palavras 1.757
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Super Power, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Party


Fanfic / Fanfiction Secret: Justin Bieber - Capítulo 2 - Party

12:00 - Sexta-Feira

Laila Stark

Selena: Vamos logo! Temos que comprar comida Laila! Vamos comer o que depois.

Laila: Anjos não precisam ficar comendo toda hora. O mesmo vale para os demônios Selena. - Disse revirando os olhos.

Selena: Eu quero me alimentar Laila! Quero sangue!

Por um momento tinha esquecido que Selena e eu eramos uma parte vampira também.

Laila: *suspiro* Ok. Vamos logo então. - Disse levantando do sofá.

Tirei um cochilo mas acabei acordando. Odeio tirar cochilos mas preciso dormir pelo menos uma ou duas horas por dia.

Laila: Eu dirijo. Pega os capacetes.

Selena: Ok. - Falou pegando os capacetes enquanto eu pego as chaves.

Laila: Qual sua preferência? - Disse fechando a porta e colocando o capacete.

Selena: Hoje eu vou querer algo bem... Grande. Suculento.

Laila: Certo. Vamos nessa então.

Subimos na minha GSX-R 1000 e voamos pela estrada. Sou boa com motos mas sou péssima com carros. É esse o nome da coisa de quatro rodas certo? Carro. Eu acho.

Bom, está nevando um pouco. A estrada fica péssima quando isso acontece. Mas tudo bem, pelo que minha irmã me falou, essa moto tem pneus de neve então acho que não tem muito problema. Parei em um mercado.

Selena: Por que paramos aqui?

Laila: Esconde sua energia Selena.

Selena: Certo.

Laila: Temos companhia. Um lobo.

Selena: Mas isso não é lá muita coisa. - Disse descendo da moto.

Escondi minha energia e entrei no mercado. Estranho... O que um lobo iria estar fazendo por aqui?

Selena: Está sentindo algo?

Laila: Estou com um mau pressentimento Selena. Espera ai... - Caminhei pelos corredores e de repente ouvi um estrondo vindo da porta de entrada.

Merda! Sabia que ia acontecer algo de ruim. Mas o que está acontecendo?

Senti alguém batendo na minha cabeça por trás. Isso está doendo pra cacete! Parece até um... MERDA! O LOBO!

Amarraram minhas mãos e vi alguns humanos ajoelhados, desesperados. O que está acontecendo?

?????: Abaixa e fica quietinha ai. - Me jogaram no chão.

Pude ver a Selena desmaiada no chão. Não que eu me importe mas... Parecem que bateram nela com um item encantado também. Itens encantados tem muito efeito, não importa em que ser sobrenatural seja. Mas os demônios e os anjos, juntamente com os ceifeiros e os fantasmas não são afetados tanto quanto o resto dos seres sobrenaturais. Mas são um pouco afetados sim. Um item encantado pode ser qualquer coisa, qualquer coisa pode ser um item encantado. Mas precisa de sangue de demônio para fazer um item encantado. Muito sangue de demônio e uma bruxa de alto nível.

?????: Hey cara, - Escutei um humano cochichando graças ao meu super poder de audição. Me sinto grata por ser uma parte vampira - Não é ela?

?????: Pior que é. - Não sei de quem estão falando mas eu acho que deveriam estar procurando alguém. 

Eles são... Quatro. Quatro humanos. Tsc. Que ridículo. Um está pegando todo o dinheiro do caixa eletrônico, um está na porta de entrada e os outros dois estão vigiando os reféns. Eu devo agir? Não sei. Se eu reagir posso ter uma baita de uma encrenca. 

Espera... Os humanos estão... Pegando a Selena? Hey, ela é minha irmã. Apesar de eu querer matá-la ela vai continuar sendo minha irmã.

Quando ia me levantar senti um revolver na minha cabeça.

?????: Se levantar morre garota. - Falou no meu ouvido.

---------------------------------------------------------------------------------------------

Anos Atrás....

-Se levantar morre garota.

Atualmente...

Eu odeio quando isso acontece odeio odeio ODEIO! Me levantei e dei um chute na... Garota. Ninguém me ameaça. Que ela saiba disso. Me soltei da corda e corri pra cima daquela loba. Dei um soco no seu olho, mas logo ouvi algo como se fosse preparar um revolver para soltar a bala e corri pra ela a levantei e coloquei ela em minha frente, quando ouvi o gatilho sendo apertado em vez me atingir, atingiu a garota.

?????: NÃO! - Disse o homem que havia atirado na garota.

Dessa vez os três vieram pra cima de mim.

?????: SUA VADIA PUTA DESGRAÇADA! - Ele atira cinco vezes em mim - C-como v-você ain-ainda está d-de p-pé?!

Selena: Vocês estão mortos. - Disse Selena encostada em uma das prateleiras do mercado atrás deles. Eles se viram rapidamente para olhar a Selena - Ham, agora sim pode se considerar mais mortos ainda.

Laila: Seus... - Eu estou de cabeça baixa com uma voz fria e assustadora, como se eu fosse a morte em pessoa - Seus... Vocês estão mortos. - Disse levantando a cabeça e olhando pra eles, eles se viram pra mim e olham meus  olhos, assustados, aterrorizados... Eu comprei esta camiseta ontem e foi super cara. Agora, além de fazer cinco furos nela, também a mancham de sangue e ainda viram as costas pra mim? - Não se preocupem. Eu vou garantir a entrada de todos vocês... NO INFERNO! - Meu corpo todo pegou fogo e as lampadas do mercado quebraram, as prateleiras caíram e eles caíram no chão. Sinto a fúria... Sinto o monstro que eu sou. 

Mate-os. O que você tanto espera? Mate-os. Mate-os. Mate-os. MATE-OS E OS LEVEM PARA O INFERNO!

Farei isso. Um de cada vez.

?????: E-ELA É ALGO MUITO... SURREAL CARA! VAMOS EMBO-EMBORA! TEMOS DE IR! ESSA MULHER É LOUCA! - Um gritou e começou a ir em direção a entrada do corredor em que estávamos.

Laila: Mas a diversão nem começou. - Falei fria como o gelo e assustadora como a escuridão.

Me teletransportei pra frente dele e o empurrei pro chão. Os outros me olharam aterrorizados com a vista. O seu querido amigo está morto no chão. Com a cabeça rachada, saindo muito, muito sangue.

Mate-os! Mate-os!

EU VOU!

Laila: Quem quer ser o próximo? - Falei com um sorriso demoníaco no rosto.

20:34 Sexta-Feira

Laila: É, fazia bastante tempo que eu não comia algumas almas. - Falei deitada no sofá da sala.

Selena: Fazia tempo que eu não bebia tanto sangue assim. E aliás, o que vamos fazer com aqueles corpos no porão? - Diz ela deitada em cima do tapete da sala.

Laila: Exploda eles, ou deixe pra você comer depois Selena. Faça o que bem quiser.

Selena: Tsc. Eu realmente não sei como ainda tenho controle pra me conter e ficar quieta em vez de eu avançar em você e comer seu coração. Ops, desculpe esqueci que você não tem um coração. - Ela subiu pro segundo andar.

Laila: Idiota. - Sussurrei pra mim mesma.

Subi pro meu quarto e arrumei uma roupa em cima da cama. Hoje quero fazer algo divertido. Eu quero... Hum... Uma balada.

Tomei um banho pra me livrar do cheiro péssimo de sangue do meu corpo e depois peguei a roupa e me vesti. Me olho no espelho depois de arrumar um pouco meu cabelo e fazer um pouco de maquiagem não muito forte.

Selena: *Batidas na porta* Tô entrando. - Ela entra no meu quarto - Nossa. Vai se encontrar com quem? - Falou me olhando de cima a baixo.

Laila: Com ninguém em especial. Na verdade, não vou me encontrar com ninguém Selena. - Falei terminando de dar uma arrumadinha no cabelo.

Selena: Posso ir?

Laila: Não. - Falei saindo do meu quarto - Você viu as minha cópia da chave de casa? Eu não a encontro em lugar nenhum. - Falei descendo as escadas.

Selena: Estas chaves? - Disse apontando pras mesmas que estavam encima da mesa da sala.

Laila: Valeu. - Falei pegando elas e as colocando nos peitos.

Selena: Eu vou te dar carona. - Falou pegando a chave do seu carro.

Laila: Tá.

------------------------------------------------------------------------------------

Selena: Esta é a tal balada? - Disse olhando de boca aberta.

Laila: É. E mais uma coisa, fecha a boca que mosca não tem freio Selena. - Disse fechando a porta do carro.

----------------------------------------------------------------------------------

Uau... Que letrinhas bonitas... Gos... Tei...

?????: Mooooça, pode me... Ham... Esqueci... Haaaaaam... O que eu estooooou fazendo aquiiiiiiii?

Laila: N-não seei. Eu estou meiiiiio tonta. - Ri um pouco e ele riu também - Sa-sabe onde está minhaaaaaaa irmla?

?????: Sua... Irmã? Não... Acho... que... Vou... Vomitar...

Ele botou tudo pra fora.

?????: Acho que... Botei tudo que eu comi e bebi... Pla forra.

Laila: Forra?

?????: Aham... - Ele riu um pouco - Acho que estou bêbado... - Ele riu mais alto.

Esse cara é muito... Legal! E é um goooooostosão da porraaaaaa. Será? 

?????: Moça... - Ele para de rir e chega perto de mim, mas ele pisou no vomito. Serááááááááá que ele notou isso? Seeeeeeeerá? - Moça... Eu quero te foder moça... - Ele me beijou.

Tá com um gosto de vomito. Hee hee hee. Acho que vou me divertir muito hoje.

----------------------------------------------------------------------------------

Laila: Ahn...

?????: Moça... Você é a muler mais lida que eu já peguei...

Ele mete muuuuuuuito bem... 

?????: Você é apertadinha moça... De quatro.

Saí do seu colo e fiquei de quatro. Senti como se eu estivesse rasgaaaaando ao meiooooooo... Mas ao

 mesmo tempo eu não me arrependo de nada... Ele é tão booooooooooom... Me sinto muito bem...

Ele ficou algum tempo assim e de repente ele começou a ir MUITO rápido. Acho que ele vai...

?????: Moçaaaaa... E-eu vou... Ouch... - Ele gozou dentro de mim - Moça... - Ele tenta controlar a respiração - Você é gostosa pla caralheo.

Logo em seguida eu gozo também e acabo tendo minhas duas entradas doloridas. Amei... Da sala pra cozinha, da cozinha pra mesa de jantar, da mesa de jantar pro banheiro e finalmente... O quarto. Tô cheia de chupões... Meu corpo está dolorido... Mas valeuuuuuu a pena... Ele mete bem pra cacete pqp.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Minha cabeça... Argh... Quem acendeu a luz? Espera... Esta cama é fofinha... Minha cama é dura feito pedra. Tem algo pesando na minha cintura? Meu corpo está dolorido... Porra... Minhas duas entradas estão doendo... Mas o que aconteceu?!

'Você foi pra balada e se embebedou'

A... É verdade..

Abri os olhos e... Quem é o humano super lindo que está na minha frente?

Anteriormente...

Laila: Ahn... Isso, mete com força... Ah! Acho que vou gozar de novo...

?????: Aguenta mais um round moça?

Laila: Aguento quantos rounds você quiser.

Ele me beijou e me imprensou na parede. Coloquei meus pés em volta da sua cintura e ficamos nos agarrando até o banheiro...

Atualmente...

PUTA QUE PARIU! Agora eu sei de tudo... Espera... Se ele gozou dentro de mim... Então... TENHO QUE TOMAR ALGUM REMÉDIO PRA ISSO! PUTA QUE PARIU! Mas quer saber? Eu amei essa Festa.


Notas Finais


Hi!
Tô aqui com maaaaaais um cap he he heeeee. Espero que tenham gostado. Até a próxima humanos!
Bye bye...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...