História Secret Love - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~ReaperDestt

Postado
Categorias ASTRO, Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7, Monsta X, NU'EST, Seventeen
Personagens Aron, Baekho, Baekhyun, BamBam, Boo Seungkwan, Chanyeol, Chen, D.O, Eunwoo, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Hyung Won, I'M, Jackson, JB, Jeon Wonwoo, J-hope, Jimin, Jin, Jinjin, Jinyoung, Joo Heon, Jr, Junghan "Jeonghan", Jungkook, Kai, Ki Hyun, Kim Mingyu, Kris Wu, Lay, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Lu Han, Mark, Min Hyuk, Minhyun, MJ, Moonbin, Personagens Originais, Rap Monster, Ren, Rocky, Sanha, Sehun, Seungcheol "S.Coups", Show Nu, Soonyoung "Hoshi", Suga, Suho, Tao, V, Wen Junhui "JUN", Won Ho, Xiumin, Xu Ming Hao "THE8", Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, 2won, Chanbaek, Changki, Eunbin, Hunhan, Jihancheol, Jikook, Joohyuk, Jren, Junhao, Kaisoo, Kristao, Markjinson, Meanie, Minron, Namjin, Sanjin, Soonhoon, Sulay, Taeyoonseok, Verkwan, Xiuchen, Yugbam
Visualizações 194
Palavras 1.073
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 10 - Capítulo dez


Jisoo acordou, já em sua cama, no dia seguinte. Aqueles vampiros tinham o levado para casa? Deu de ombros e se levantou indo para o quarto de Jihoon, já que precisava se desculpar com o garoto. Bateu na porta ouvindo um "Entra" baixo.

- Jihoonie... - Chamou.

- Ah, é só você. - Olhou para a porta.

- Não fale desse jeito com o seu hyung. - Disse.

- Fale logo o que quer. - Se sentou.

- Eu só vim me desculpar por... Você sabe. - Abaixou a cabeça.

- Sem problemas. - Sorriu.

- Não está bravo? - Perguntou.

- Não. - Disse rindo.

- Ah... - Sorriu fraco.

Jihoon levantou e abraçou Jisoo.

- Você tem que aprender a ser menos ciumento, hyung. - Riu.

- Eu sei... - Riu também.

- Engraçado que... Você diz para não chegar perto de vampiros mas chega aqui com dois deles. - Disse.

- O quê? - Perguntou.

- Ontem você chegou aqui dormindo nos braços de Seungcheol e Jeonghan estava aqui também. - O ômega mais velho corou.

- I-isso é sério? - Arregalou os olhos. - Que vergonha! Eles me trouxeram para cá? Nos braços? - O menor fez que sim.

- Hyung, você está muito vermelho! Parece um tomatinho. - Riu.

- Não ria de mim, Jihoon! - Colocou as mãos na bochechas para, tentar, esconder a vermelhidão.

- Por que você está tão corado, hyung? - Riu. - Está...

- Não ouse em falar essa palavra. Seu anão de jardim! - Olhou para o mais novo.

- Apaixonadinho? - Falou rindo.

- Vou te dar três segundos para correr. - Olhou sério. - 1... 2...

Jihoon começou a correr para fora do quarto.

- 3... - Começou a correr atrás do ômega. - Volta aqui, seu pigmeu!

Após correr alguns minutos até parar no jardim Jisoo conseguiu alcançar Jihoon.

- Últimas palavras, antes de ser morto por cócegas? - Riu.

- Não, hyung. Cócegas não!

Tarde de mais. Jihoon já estava sendo atacado pelas cócegas que as mãos de Jisoo faziam em sua barriga, o pequeno só ria, já que era o que tinha para se fazer.

- Hyung... Para... Eu... Vou... Morrer de rir... - Mal conseguia falar.

- Espero que tenha aprendido sua lição! - Brincou.

- Eu nunca mais vou dizer que você está apaixonado... - Disse tentando recuperar o fôlego.

- Acho bom!

Viram cinco vampiros se aproximar, Junmyeon, Mingyu, Jeonghan, Seungcheol e Soonyoung.

- Soonie! - Jihoon já gritou quando viu o vampiro e pulou para seu colo.

- Oi, Jihoonie. - Riu. - Olá, Jisoo.

- Oi... - Sorriu. - O que vinheram fazer aqui? - Jisoo perguntou.

- Junmyeon veio ver Yixing. - Mingyu disse. - E a gente veio só acompanhar ele.

- Yixing hyung não está. - O ômega mais novo disse.

- Onde ele está? Ele saiu? - Junmyeon perguntou.

- Se eu não me engano ele foi para o castelo dos anjos. - Jihoon disse.

- Você pode nos levar até lá, pequeno? - Soonyoung perguntou.

- Jisoo hyung sabe melhor o caminho.

- O que? - Arregalou os olhos.

- Por favor, poderia nos levar até lá? - Jeonghan perguntou a Jisoo.

- Posso. - Suspirou.

- Obrigado. - Junmyeon agradeceu.

- Venham, é por aqui. - Andou enquanto os outros o seguiam.

Após uma longa caminhada pela floresta eles finalmente chegaram no castelo em que Yixing estava.

- Chegamos. - Suspirou. - Uh, eu vou entrar para avisar para os meus tios que vocês estão aqui. - Disse entrando no castelo.

Não deu nem dois minutos e Jisoo já voltou.

- Entrem. - Abriu a porta. - Quer que eu te leve para o quarto em que Yixing está? - Junmyeon acentiu. - Venha. - Deixou os outros na parte de baixo do castelo.

Alguns minutos depois desce um Wonwoo com cara de indignação e um Jisoo risonho.

- Eu não acredito que fui expulso do meu próprio quarto. - Cruzou os braços. - Ah... - Ficou surpreso ao ver que tinha visitas no castelo.

- Jihoonie, podemos ir lá para fora? - Soonyoung perguntou.

- Ah, claro. - Saíram de dentro castelo indo para o jardim.

- Já se acustumou com isso? - Jeonghan perguntou.

- Isso o quê? - Olhou o vampiro.

- Que Jihoon e Soonyoung se gostam. - Cheol disse.

Suspirou. - Só um pouco. - Abaixou a cabeça.

Jisoo olhou para trás vendo Mingyu e Wonwoo conversando. O vampiro estava contando piadas para fazer o anjo rir, mas, parecia que não estava dando muito certo já que o anjo não tinha nenhuma expressão além de pena, talvez bem lá no fundo ele estava quase rindo. Jisoo foi lá para fora sendo seguido pelos dois vampiros, abriu a porta devagar e viu no meio do jardim, Jihoon e Soonyoung brincando e rindo, sorriu ao ver aquela cena. Eles realmente formavam um casal muito fofo.

- Olha... Eles estão brincando. - Abriu mais um sorriso.

- Realmente fofo. - Cheol riu.

- É... - Sorriu fraco. - Eles realmente parecem se gostar muito.

- E se gostam. - Jeonghan disse.

- Eu não vou mais atrapalhar eles. - Jisoo sorriu. - Se o Jihoon está feliz... O que posso fazer?

- Olha, eles vão se beijar. - O loiro falou.

- Ai é demais. Chega. - Fechou a porta para não ver. Fez cara de quem ia vomitar, os dois vampiros riram.

- Suas piadas não são engraçadas, Mingyu. Aceita que dói menos. - Wonwoo disse.

- Deixa eu tentar mais uma. - Fez bico.

- Vai em frente. - Revirou os olhos e sorriu.

- Para que serve um óculos verde? - Sorriu.

- Não faço a menor ideia.

- Para verdeperto. - Começou a rir, mas Wonwoo continuou com sua cara séria. - Aigoo...

- Que piada horrível. - Disse começando a andar.

- Eu realmente não sou engraçado? - Perguntou triste.

- Não. - Foi até a cozinha.

- Nem um tantinho? - Passou por uma área molhada da cozinha.

- Ai ta molhado, cuidado para não... - Um estrondo de um corpo caindo no chão foi ouvido. Mingyu havia caído. - Você está bem? - Se segurou para não rir.

- Estou. - Sorriu sem graça.

Wonwoo começou a rir da queda de Mingyu que, agora, sorriu também.

- Eu te fiz rir! - Comemorou. - Foi das piores formas mas eu consegui!

- Idiota. - Continuou rindo.

- Eu sou de mais, eu sei. - Sorriu vitorioso.

- Não fica se achando não viu. - Parou de rir. - Mas que foi engraçado você caindo, foi. Você é muito desastrado Mingyu. - Tampou a boca se auto impedindo de rir mais uma vez.

- Desastrado não! - Acabou escorregando mais uma vez. - Ai..

Wonwoo, mais uma vez, começou a rir do pobre vampirobue havia caído no chão. 


Notas Finais


Mingyu me representando (;ω;)
Espero que tenham gostado.
Tia ama vocês.
~Xoxo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...