História Secret Love - Capítulo 9


Escrita por: ~ e ~ReaperDestt

Postado
Categorias ASTRO, Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7, Monsta X, NU'EST, Seventeen
Personagens Aron, Baekho, Baekhyun, BamBam, Boo Seungkwan, Chanyeol, Chen, D.O, Eunwoo, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Hyung Won, I'M, Jackson, JB, Jeon Wonwoo, J-hope, Jimin, Jin, Jinjin, Jinyoung, Joo Heon, Jr, Junghan "Jeonghan", Jungkook, Kai, Ki Hyun, Kim Mingyu, Kris Wu, Lay, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Lu Han, Mark, Min Hyuk, Minhyun, MJ, Moonbin, Personagens Originais, Rap Monster, Ren, Rocky, Sanha, Sehun, Seungcheol "S.Coups", Show Nu, Soonyoung "Hoshi", Suga, Suho, Tao, V, Wen Junhui "JUN", Won Ho, Xiumin, Xu Ming Hao "THE8", Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, 2won, Chanbaek, Changki, Eunbin, Hunhan, Jihancheol, Jikook, Joohyuk, Jren, Junhao, Kaisoo, Kristao, Markjinson, Meanie, Minron, Namjin, Sanjin, Soonhoon, Sulay, Taeyoonseok, Verkwan, Xiuchen, Yugbam
Visualizações 211
Palavras 1.000
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Capítulo nove


Soonyoung levantou levemente o queixo de Jihoon o fazendo ficar cara a cara consigo, as bochechas do ômega estavam muito coradas, chegava a parecer que havia levado um tapa. O coração do mais novo parecia que iria sair pela boca, o vampiro se aproximou do menor e celou seus lábios nos lábios quentes do ômega. No início o beijo foi calmo mas depois de alguns segundos Soonyoung quis intensificar o beijo, pedindo passagem com a língua, que, foi rapidamente cedida. Desceu as mãos até a cintura do ômega a apertando, Jihoon levou suas mãozinhas pequenas até a nuca de Soonyoung o aproximando mais de si. Depois de mais alguns segundos eles se separaram.

- Wow... - Foi a única coisa que Jihoon disse antes de perceber o que haviam feito e corar instantaneamente. - Ai meu Deus, desculpe.

- Porque está se desculpando bebê? - Abraçou o ômega. - Eu amei isso. Podemos fazer mais vezes? - Desceu as mãos para as coxas quentes e desnudas do garoto, as apertou e ouviu o menor gemer baixinho. Jihoon topou a boca imediatamente, fazendo Soonyoung rir. - Que gemido bonitinho... eu gostaria de o ouvir mais vezes. - Soonyoung disse a última parte sussurrando no ouvido de Jihoon.

- N-não seja ridículo. - Desviou o olhar.

O outro riu em resposta, pegou Jihoon no colo, como se fosse uma criança, e o colocou na cama.

- Você é tão fofo. - Sorriu. - Me dá vontade de te encher de beijinhos.

- E porque não faz isso? - Perguntou.

Soonyoung distribuiu beijos pelo rostinho de Jihoon, que ria baixo para não acordar as pessoas.

- Já está tarde, você deveria ir dormir. - Disse.

- Eu não quero dormir! - Fez bico. - Quero ficar acordado com você!

- Jihoonie...

- Aigoo! Prometa que vai ficar aqui até eu dormir. - Disse.

- Prometo, agora deite-se. - Ajeitou Jihoon na cama e o viu tremer. - O que foi, bebê?

- Eu estou com frio. - Abraçou o próprio corpo. - Acho que o inverno já chegou.

Soonyoung se deitou ao lado de Jihoon que, instantaneamente, não s sentiu mais frio.

- Você e tão quente para um vampiro. - Soonyoung riu.

- Sei disso. Apenas durma. - O menor suspirou e fechou os olhos.

Soonyoung ficou lá até ter certeza de que o ômega estava dormindo e se levantou da cama do mesmo lhe dando um selinho de boa noite e saiu.

XXX

Jihoon acordou no dia seguinte com um sorriso nos lábios, se levantou da cama rapidamente e colocou alguma roupa para que pudesse descer. Saiu de seu quarto cantarolando algo e logo topou com Kihyun.

- Está feliz hoje? - Perguntou.

- Estou sim. - Disse sorrindo.

- Que bom que está feliz hoje. - Seu appa apareceu sorrindo.

- Yixing está no quarto? - Perguntou.

- Está. Por quê? - Kihyun respondeu.

Jihoon foi até o quarto do mais velho abrindo a porta devagar vendo o ômega mais velho deitado acariciando levemente a barriga.

- Hyung? - Chamou.

- Hum? Ah, Jihoon. Pode falar, estou ouvindo. - O olhou.

- O que significa se seu coração bater rápido quando você está com outra pessoa? - Perguntou.

- Ah, Jihoon... - Riu. - Significa que você está apaixonado. - Riu novamente. - Por quê? Seu coraçãozinho bateu por alguém? - O menor corou.

- Na verdade, sim. - Disse.

- Quem foi o sortudo que roubou o coração do meu irmãozinho? - O outro suspirou.

- Eu deveria falar? - Abaixou a cabeça.

- Você pode confiar em mim. - Sorriu.

- Você sabe quem é Soonyoung? - Perguntou.

- Sei, é o irmão do... - Fez uma pausa. - Ai meu Deus. - Abriu um sorriso de orelha a orelha.

Jihoon se assustou quando o ômega mais velho se levantou e o abraçou fortemente.

- Meu irmãozinho vai desencalhar!

- Hyung... - Tentou se soltar. - Você está me sufocando...

- Oh, desculpe. - Riu. - Já se... - Fez um sinal com as duas mãos. - Beijaram?

- Uhum... - Viu outro sorriso se abrir no rosto de Yixing.

- Foi bom? - Olhou malicioso para o menor.

- Foi. - Falou rápido.

De repente, Jisoo entrou no quarto com uma cara de poucos amigos.

- Hyung? Há quantos minutos está aí? O que você ouviu? - Perguntou.

- Cheguei agora pouco, ouvi algumas coisas. Por quê? Eu não deveria ter ouvido mais alguma coisa? - Falou já um pouco alterado. - Eu disse para que ficasse longe dele. Não disse?

- Mas, hyung...

- Ele não é de confiança, Jihoon! - Os olhos do mais novo já estavam se enchendo d'água. - Ele vai te enganar! Ele não gosta de você!

Jihoon saiu chorando do quarto, Yixing olhou com desaprovação.

- Eu só não quero que aconteça nada com ele. Não quero que ele se machuque. - Abaixou a cabeça.

- Jisoo... - Levantou a cabeça do irmão. - Você não percebeu que quem está machucando o Jihoon é você e não Soonyoung? Pense nisso. - Saiu do quarto.

Jisoo se sentiu mal naquela hora. Saiu do local descendo a escada saiu do castelo sem hora para voltar.

xXx

Agora Jisoo estava sentado de cabeça baixa, já estava anoitecendo e ele não sentia nenhuma vontade de voltar para casa.

- O que faz aí? - Ouviu uma voz.

- Nada... - Levantou a cabeça vendo Jeonghan e Seungcheol parados na sua frente.

- Seus olhos estão vermelhos e inchados. Você está bem? - O loiro perguntou.

- Estou...

- Mentir é feio. - O outro disse.

- Fingir que se importa também é. - Respondeu.

- Se você não quiser contar, não vamos ter obrigar.

- Meu irmão e o seu, eles parecem se gostar. Tenho medo que o irmão de vocês esteja enganando ele, eu não queria que ele se machucasse com isso. Mas eu acabei o machucando. - Jisoo começou a chorar a baixinho.

- Soonyoung realmente parece gostar do Jihoon . - O Moreno falou.

- ...

Alguns minutos depois Jisoo já estava dormindo nos braços de Seungcheol, estavam o levando de volta para o castelo. Os dois perceberam que mesmo que Jisoo fosse chato as vezes, ele era um bebê fofo. Talvez não fossem desistir assim tão fácil dele.


Notas Finais


Finalmente rolou beijo ❤
Espero que tenham gostado.
Tia ama vocês.
~Xoxo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...