História Secret of the Zodiac - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Afrodite de Peixes, Aiolia de Leão, Aioros de Sagitário, Aldebaran de Touro, Camus de Aquário, Dohko de Libra, Hyoga de Cisne, Ikki de Fênix, Kanon de Gêmeos, Marin de Águia, Mascára da Morte de Câncer, Miro de Escorpião, Mitsumasa Kido, Mu de Áries, Saori Kido (Athena), Seiya de Pégaso, Shaina de Cobra, Shaka de Virgem, Shion de Áries, Shiryu de Dragão (Shiryu de Libra), Shun de Andrômeda, Shura de Capricórnio
Exibições 82
Palavras 1.390
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Lemon, Mistério, Misticismo, Policial, Romance e Novela, Shonen-Ai, Suspense, Universo Alternativo, Visual Novel, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Cheguei com mais um cap!
Aqui vai começar o drama da história, inspirado Em GG e PLL.
Espero que gostem!

Capítulo 4 - Sentiu Minha Falta?


Ao ouvir a voz conhecida Seiya se levantou rapidamente. Passou por Aiolia o empurrando. E sorriu feliz ao ver o rosto conhecido que não via há semanas.

O garoto tinha uma pele morena, cabelos pretos, olhos azuis. Usava uma camisa regata preta mostrando seus braços musculosos, calça jeans apertada e tênis brancos. Ao seu lado tinha um homem com uma aparência um pouco mais velha, tinha longos cabelos cor de lavanda, pele branca como porcelana, usava uma camisa de manga verde, calça jeans e tênis pretos. Mas Seiya estava focando no moreno.

-Ei Seiya! Olha por onde anda! - Aiolia exclamou com Raiva.

-Ikki!  -exclamou Seiya feliz e pulando para cima do moreno.

-Ei Seiya! - exclamou Aiolia.

Seiya havia pulado no colo de Ikki.

-Seiya quanto tempo. - disse Ikki deixando de lado um pouco a rebeldia e sorriu. Deu um beijo na bochecha de Seiya.

-Ora então o Seiya conhece o Ikki. - Disse Mu sorrindo calmo.

-Mu! - disse Seiya feliz.

-Espera você conhece o Mu? - perguntou Aiolia surpreso.

-Claro Tio Dohko é casado com Tio Shion. - disse Seiya como se fosse óbvio.

Aiolia estava ainda mais confuso.

-Bom vamos entrar e conversamos sobre isso de forma confortável pode ser? - Perguntou Mu calmo.

-Claros, claros entrem. - Disse Seiya os convidando.

-Você não mora aqui para mandar em algo! - exclamou Aiolia.

-Sou pupilo do mestre Aiolos, então a casa é minha também. Foi o que ele disse.  -disse Seiya sorrindo.

-Ora seu!  -disse Aiolia com raiva.

-Seiya tenha mais respeito você é pupilo e Aiolia é irmão. Se ele não quiser nos convidar nós não entramos. - disse Ikki sério.

Seiya ficou entristecido na mesma hora, não gostava de levar bronca do moreno. Mesmo sendo irmão mais velho do Shun, para Seiya era também já que perdeu sua irmã.

Aiolia estava surpreso pelo jeito que Ikki poderia dizer domava Seiya.

-Ei, não seja assim com o Seiya. Ele não fez por mal. -Disse Mu calmo e abraçando o castanho e continuou -  E o Aiolia ia nos convidar de qualquer jeito.

Os quatro entraram na casa.  Todos sentaram a mesa. Aiolia serviu a todos um copo de suco e bolo.

-Muito bem. Agora expliquem como se conhecem. - disse Aiolia curioso.

-Meu tio é casado com o Dohko como você sabe e Dohko tem um afilhado. - Disse Mu calmo.

-Sim. É Shiryu né?  -perguntou Aiolia.

-Sim, Shiryu e Seiya junto com Shun e Hyoga são amigos há anos. Logo eles conhecem Tio Shion e a mim. - disse Mu.

-Ah entendi.  -disse Aiolia.

-Ikki você está tão sumido. Até mesmo Hyoga sente sua falta. Ele não tem mais ninguém para implicar. - disse Seiya sorrindo.

-Aquele pato. Só ele mesmo. - disse Ikki com raiva.

-Não precisa ficar com raiva Ikki todos sabem que vocês são caidinhos um pelo outro.  -disse Seiya sorrindo.

-Eu não sou caído por ele!  -disse Ikki um pouco envergonhado.

-Se você diz.  --diz Seiya sorrindo.

-E como estão os outros? - perguntou Mu.

-Hyoga está bem ele e Camus se entenderam. Shiryu ta o mesmo de sempre inteligente. Shun é o mais novo então tentamos tomar conta dele. Alias ele está lá em casa.  - disse Seiya.

Quando falou isso o celular de Seiya tocou e a imagem de Shun apareceu.

-Falando nele. - disse Seiya atendendo o celular.

Ligação On.

-Shun! Acabei de falar de você. Adivinha com quem eu estou. - disse Seiya animado.

-Seiya volta pra casa agora rápido!  -disse Shun nervoso.

-Shun o que houve?  -perguntou Seiya preocupado.

-Não posso falar pelo telefone. Shiryu e Hyoga já estão vindo.  -disse Shun.

-Shiryu e Hyoga? Não vai me dizer que... Ai meu Deus. - disse Seiya arfando.

-Rápido. - disse Shun desligando o telefone.

Ligação Off.

 O rosto de Seiya demonstrava aflição.

-O que houve Seiya? Aconteceu algo com o Shun? - perguntou Ikki preocupado.

Seiya começou a arrumar o material jogando tudo na mochila de qualquer jeito.

-Ei o que houve? - perguntou Aiolia preocupado.

-Preciso de uma carona. - disse Seiya serio.

-Eu vim de moto com o Ikki. -disse Mu.

-Eu vou com o Seiya na minha moto e você com o Ikki na sua Mu.  -disse Aiolia.

Mu concordou. Em menos de dez minutos depois eles estavam nas ruas. Seiya estava na garupa agarrado a Aiolia. Ele estava tão preocupado que nem pode ficar imaginado coisas eróticas o que ele normalmente faria.

Eles chegaram na rua onde Seiya morava. E estava lotada de pessoas carro de policias e ambulância. Assim que pararam Seiya pulou da moto e foi correndo para o prédio. Foi seguido por Ikki, Mu e Aiolia.

Aiolia ia e avistou um cabelo loiro e ruivo conhecido.

-Aqueles são Camus e Milo? - Perguntou confuso.

Mu parou de correr e olhou perto do casal tinha outro casal conhecido do lilás.

-Tio Shion e Dohko? - perguntou Mu.

-Vão ver o que eles fazem aqui. - disse Ikki.

Seiya estava na frente do prédio em que morava chocado com o que via.

Pregado na parede todo ensangüentado estava uma pessoa conhecida de Seiya seus olhos marejaram.

Um garoto de sua idade, cabelos loiros olhos azuis, usava uma camisa de manga roxa e estava de cueca.  O desenho em volta dele era um pentagrama. Não podia ser mais claro.

-Seiya! - gritou uma voz conhecida.

Seiya olhou para trás e viu seus três amigos se aproximando.

-O Jabu.  -disse Seiya triste.

-Eu sei. - disse Shiryu indo abraçar o amigo.

-Eu pensei que tudo tinha acabado. - disse Hyoga chocado.

-Não acredito. -disse Shun chorando.

Ikki estava com Hyoga e Shun em seus braços.

 

-Agora eu sei por que pensei que tinha visto Seiya antes. - disse Milo.

-Como assim?  -perguntou Aiolia.

-Há dois anos atrás houve uma massa de seqüestro de jovens garotos. Foram doze no total. - disse Milo.

-Não pode ser o serial Killer Zodíaco? - perguntou Aiolia abismado. Então se lembrou de uma reportagem que mostrava cinco garotos chocados encontrado em cativeiro. Dois loiros, um esverdeado, um castanho e um moreno.

-Sim, eles foram salvos antes de serem mortos. O culpado chamado Radamanthys disse que era o culpado e tudo e disse que orquestrou tudo sozinho. -disse Shion se aproximando.

-Está mais do que na cara que ele era apenas mais um peão.  -disse Dohko com raiva.

-E colocaram o corpo do garoto bem na porta da casa de Seiya não podia ser mais obvio.  -disse Camus de forma fria.

-Ele voltou pra terminar o trabalho.  -disse Mu triste.

Aiolia ficou chocado ao ouvir.

Ouviram passos atrás de si. Eles se viraram e viram Seiya com os garotos.

Eles estavam abalados.

Dohko foi para o sobrinho e o abraçou. Camus foi para o irmão. Seiya estava sozinho. Aiolia foi ate o castanho e o abraçou forte. Tentando mostrar que iria proteger ele.

-Com licença. - disse uma voz feminina.

-Srª Úrsula algum problema? - perguntou Seiya para avizinha.

-Sei que não é o momento, mas entregaram isso mais cedo na minha casa e mandaram entregar para você. - disse ela entregando uma caixa.

Seiya a pegou. Shiryu, Hyoga e Shun se aproximaram do amigo.

Seiya colocou a caixa no chão e abriu e olhou surpreso. Tinha quatro bonecos dentro idênticos a ele e aos seus amigos.

-O que diabos é isso? -Perguntou Ikki com raiva.

Cada um pegou seus bonecos e la tinha uma foto que surpreendeu Seiya.

-Essa foto. -disse Seiya sem entender.

-Foi tirada ontem. -disse Shiryu.

-Depois que o Camus foi embora. - disse Hyoga.

Shion e Dohko como polícias pegaram a caixa, os bonecos e a foto para levarem a delegacia.

Aiolia junto com os outros foram conversar com outros policias sobre o que havia acontecido.

Seiya, Shiryu, Hyoga e Shun ainda olhavam abismados a quantidade de sangue na porta do prédio onde o castanho morava.

-Acho que devemos ir para perto do Mu e dos outros. – Disse Shiryu sério.

-O Shiryu tem razão.  -Disse Hyoga desviando o olhar da cena.

Quando começara a andar o celular de Seiya soltou um apito.

-Uma mensagem?  -Perguntou Seiya confuso.

Logo os celulares de Shiryu, Hyoga e Shun apitaram com o som da mensagem.

-Isso não pode ser bom. – Disse Shun choramingando.

Eles pegaram o celular e leram a mensagem aflito.

Sentiram minha falta?

-Z


Notas Finais


Então o que acharam? Gostaram?
espero que sim!
Fui


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...