História Secrets. - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Tags Sterek
Exibições 101
Palavras 1.022
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Demora de minhas fanfics estarem sendo atualizadas é que eu estou viciado em jogos da Blizzard, eu ganhei dois jogos nessa Black Friday, então tenho jogado bastante, então me desculpem a demora e boa leitura

Capítulo 16 - Dezesseis


- Derek me coloca no chão. – Eu ouvia alguém falar, provavelmente estavam no andar de cima e mais provavelmente ainda era uma garota. – Derek você vai acabar machucando as minhas costas... Ai seu idiota.

Os passos ficavam cada vez mais pesados até que eu vi o maior com uma garota em seus ombros, olhei a mesma e coloquei um sorriso no rosto assim que notei Cora, a garota se arrumava agora no chão e assim que me viu correu em minha direção e me abraçou.

- Pirralho como tem passado? Nossa eu estava com tantas saudades de você. Você não acredita no que me aconteceu durante esse tempo que passei longe de vocês...

- Deixa ele respirar Cora, chega de sufocar as pessoas. – Derek a interrompeu, eu devia um obrigado a ele?

- Eu estou bem, apesar de toda essa reviravolta, ultimamente eu tenho feito alta defesa com um homem, na verdade ele é um caçador, bem legal ele, apesar de mais velho ele é bem bonito e gentil comigo.

O melhor de tudo isso que eu falei foi ver as expressões faciais que Derek fez ao ouvir tudo o que eu falei sobre o Chris, nossa eram as melhores, talvez ciúmes? Raiva por eu estar falando tão bem de outro homem que não seja ele? Mas não precisa de tudo isso, afinal Chris por ser mais velho que eu jamais iria querer nada comigo, então seria e é perda de tempo ele ficar com pensamentos como esse que ele deve estar agora.

- Cuidado, use preservativo para tudo, até para respirar perto dele é capaz de você pegar algo sem saber, já que não podes engravidar. Mas então, onde está seu pai? Vim visitar o velho lobo Peter e o mesmo como uma raposa esperta não está em casa.

Derek soltou um sorriso de lado e se encostou na parede começando a falar.

- Talvez ele não quisesse ver essa tua cara feia, além do mais, Peter está de namorico com um cara ai.

Cora e eu nos olhamos e lançamos um olhar amedrontador para Derek que levantou as mãos em sinal de redenção.

- É só eu sair de casa que as pessoas dessa família se revelam, nossa, tio Peter namorando, Derek afim de alguém cujo eu não vou dizer o nome pois essa pessoa é tola o bastante para não perceber isso e você Stiles afim de um vovô de idade enquanto pode ter um dos melhores garotões da cidade inteira.

Claro que eu entendi as referências dela, Derek afim de mim e eu não dando muita bola para ele.

- Acho que vou indo, tenho muito o que fazer ainda, minha sogra me mata caso eu não chegue antes do que meu namorado em casa. – Foi tudo o que ela disse antes de sumir pelas portas de metal me deixando sozinho com Derek, que me olhava com um olhar terrível.

Eu me levantei do sofá e subi as escadas rapidamente até chegar no quarto de Derek onde eu simplesmente me joguei na cama, enquanto eu ouvia seus passos vindo até o andar de cima eu pensava comigo mesmo em como eu iria fazer para evitar essa situação, Cora praticamente jogou uma bomba em cima de nós e simplesmente foi embora, eu não sei o que fazer, eu posso me render a ele e ouvir coisas horríveis das pessoas que acham que somos irmãos, mesmo que adotivos, ou posso simplesmente evita-lo e dizer que não.

Eu olhava Derek, ele estava encostado na porta que agora estava fechada e me olhava, aqueles braços musculosos cruzados e seus olhos verdes me encarando me fizeram ter mil pensamentos que eu não deveria ter, porém eu tinha e me sentia um tanto culpado por tê-los, mas eram pensamentos bons, realmente muito bons acho que eu deveria me render a tudo isso.

- Quando iria me contar que está com um caçador? – Ele disse sem tirar seus olhos de mim, sua voz era autoritária e isso me deixou um tanto apavorado.

- Eu não estou com ninguém, ele só é meu treinador, não temos nada por que eu não quero e ele tem um alguém. Não sou eu quem vai destruir lares.

Um sorriso se fez no quanto da boca do idiota enquanto o mesmo baixou o olhar, era magnifico e talvez essa fosse a hora. Me levantei e caminhei com rapidez em sua direção, selei nossos lábios em um beijo rápido que fez o mesmo ficar espantado, porém retribuiu o mesmo colocando a mão em meu rosto e aprofundando ainda mais o beijo, eu ousei pular em seus braços, foi quando o mesmo soltou meu rosto e agarrou minha bunda, aqueles apertões eram maravilhosos, eu podia sentir seu volume mesmo ele estando de jeans e isso me levava ao delírio, minhas pernas estavam entrelaçadas em sua cintura e o beijo foi ficando cada vez mais quente, eu podia sentir seu volume latejar na calça, aquilo sendo pressionado contra minha bunda enquanto ele apertava as mesmas e dava alguns tapas.

- Não, não, para, para.  – Derek disse me pondo no chão. – Eu não posso fazer isso, quer dizer, não podemos fazer, não agora, me dá mais um tempo, isso tem de ser especial para você.

Derek romântico? Um lado dele que com certeza eu vou explorar bastante, mas na verdade eu estava querendo poder ver o Derek safado de alguns segundos atrás, porém tudo bem, isso seria especial não apenas para mim, porém para ele também, pois eu tinha umas surpresinhas guardadas para o grandão ali.

Encostei Derek na parede do quarto e simplesmente o agarrei por sua camiseta branco, sua respiração não era das mais normais, então como eu queria isso novamente eu o beijei, nossas línguas se cruzavam algumas vezes enquanto travavam uma batalha em nossas bocas, uma dança frenética e completamente louca, uma loucura completamente deliciosa, até que eu simplesmente afastei nossos lábios e encostei os meus em seus ouvidos.

- Você vai ter seu tempo, porém seja o mais rápido possível.

Foi tudo o que eu disse antes de voltar a beija-lo novamente nessa dança frenética, sensual e completamente louca.


Notas Finais


Quero ver se vocês realmente gostaram? Posso ver 10 ou mais comentários? Não? Vocês quem sabem.

Quero agradece as exibições da fanfic, só aumenta isso aqui gente socorro, até logo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...