História Secrets of a passion - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande
Tags Ariana Grande, Jariana, Justin Bieber, Revelaçoes, Romance
Exibições 21
Palavras 687
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá Leitores.
Mais uma fanfic Jariana.
Espero que gostem.
Boa Leitura!

Capítulo 1 - Capítulo I


Fanfic / Fanfiction Secrets of a passion - Capítulo 1 - Capítulo I

'Capítulo I

 

 

P.o.v Alana

Dei um suspiro de alívio quando o carro entrou na estrada que me levava a casa de tia Elizabeth. Como mamãe e eu não estávamos nos falando quando saímos de Oregon, não fazia ideia de onde ela iria me despachar. Ao julgar pelo seu humor, ela seria bem capaz de me comprar uma passagem só de ida para um desses acampamentos de verão em que você usa macacões verdes horríveis e passa o dia inteiro dizendo ''Sim, senhor! Não, senhor!''.

- Espero que você se comporte, não faça sua tia passar vergonha- diz mamãe em tom seco. 

- Assim como eu fiz você passar?- dei um sorriso irônico e, como esperado, não obtive resposta. Ela bate a porta do carro com força e sinto a pressão do porta-malas sendo aberto. 

Vejo ela jogando minhas coisas na calçada e, logo uma pequena moça aparece, Tia Elizabeth. A semelhança entre ela e minha mãe era inacreditável. Mamãe foi até ela e elas começaram a falar alguma coisa. Volto á encarar a rua e, comecei a me lembrar da grande briga com minha mãe. 

Nada se compara á aqueles sermões de toda mãe, do tipo:

''- Quando eu tinha a sua idade...''

Ou até mesmo:

''- Você não tem vergonha? Tem 17 anos nas costas...''

E novamente:

''- Quando eu tinha a sua idade...''

Mas é aí que minha raiva surge

- Isso foi a muuuuuito tempo mãe. Na época em que as meninas usavam calça legging com uma enorme saia por cima e, se achavam estilosas. Já passou. E sinto muito por mim não ser que nem você! - Com certeza foi nossa ultima conversa de verdade. 

Saio de meus pensamentos assim que tia Elizabeth abre a porta do passageiro:

- Vamos?- ela me dá um grande sorriso amarelo. Tento retribuir sem parecer grosseira, mas creio que minha tentativa não deu muito certo. 

Mamãe terminou o assunto com minha tia, entrou no carro e voltou para a vidinha feliz dela. Sinto a decepção tomar conta de mim. Mesmo sendo pouca, ainda havia uma parte de mim que acreditava que tudo voltaria a ser como antes. 

Pego minhas coisas e as carrego para dentro da pequena casa da tia Elizabeth. 

Mesmo sendo pequena, era uma casa aconchegante.

- Gostou?- ela pergunta me ajudando a subir minhas coisas.

- É legal. 

- Só isso?- ela me lança um olhar irônico e, ao mesmo tempo, decepcionado. Eu e meu incrível dom da decepção. 

Termino de arrumar minhas coisas no quarto de hóspedes que tia Elizabeth já tinha preparado para mim. Me encaro no enorme espelho que há perto da porta. Ajeito meu cabelo e enfim percebo: Eu tinha tudo para ser a filha mimada e adorável que todos os pais gostariam de ter. Só faltava eu não ser... eu. 

Saio do quarto e vou para fora. Queria alguma coisa para fazer enquanto fico neste fim do mundo. Foi quando eu o vi...

Ele estava sentado numa cadeira de sol, usando óculos escuros e, estava sem camisa. Suas tatuagens quase preenchiam seu corpo inteiro. 

Seja quem fosse aquele rapaz, uma vontade incontrolável de o ver novamente me preenchia. 

                                                                                       _______--**--_______

 

 

 

Já havia anoitecido. Desistido de sair e passei a tarde inteira vendo tv.  

- Vai ter uma festa na casa dos Sanderson's, vamos?- Tia Elizabeth estava terminando de ajeitar os cabelos molhados. Pensei um pouco e, uma festa seria ideal para tirar as coisas da minha cabeça. 

- Posso me vestir?- tia Elizabeth sorri como se tivesse ganhado uma batalha. 

Subo as escadas e me visto (Look 1). Penteio meus cabelos e saio. 

...

 

A festa estava meio parada. Bem parada. Havia apenas 3 pessoas conversando: Os Sanderson's e tia Elizabeth. O tédio já estava tomando conta de mim então, disfarçadamente, saio dali e começo a seguir o caminho de volta pra casa. Até que dou de cara com um copo cheio de alguma bebida com um gosto horrível. 

- Mas que...?

- Desculpa...

- Qual o seu problema? Olha por onde anda

- Já disse desculpa- encaro a pessoa e, meu Deus, o gato tatuado de mais cedo...

...

 


Notas Finais


Look 1: https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/736x/8a/fa/14/8afa14758a639b32948466dcd1f4c410.jpg

Espero que vocês tenham gostado.
Sei que está curto e chato, mas no decorrer da história, vocês irão conhecer mais os personagens e suas histórias.
Cada personagem é essencial para a fanfic se desenrolar.
Comentem e favoritem.
Até o próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...