História Secrets of Harley - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Esquadrão Suicida
Personagens Harleen Frances Quinzel / Harley Quinn (Arlequina), Personagens Originais
Tags Esquadrão Suicida, Loucura, Romance
Exibições 27
Palavras 568
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Espero que gostem, viu!

Capítulo 7 - Um novo paciente


Fanfic / Fanfiction Secrets of Harley - Capítulo 7 - Um novo paciente

Amanda me levou até a sala de terapia do Asilo. Quando entramos nela, meu paciente já estava a minha espera:
- Essa é a sala de terapia do Asilo, e esse sentado na cadeira com camisa de força, é o seu paciente. Jack Napier, essa aqui é a Dra.Harleen Quinzel, ela irá te curar!
- Eu já disse que meu nome é Coringa...
- Hahahah e eu sou a Beyoncé. Harleen, ele é todo seu!- Disse ela saindo da sala de terapia.
- Olá Jack, sou a Dra. Quinzel.
- Você me parece familiar, doutora!
- Sim, eu estudei com você na Universidade Arkham. Não sei se lembra de mim, me chamavam de Harley Quinn. Você derramou achocolatado no meu cabelo...
- Há sim...eu me lembro de você. Você foi a desgraçada que me levou a loucura...HA HA HA, devo dizer, você está muito linda!
- Primeiramente, não fui eu quem escolheu esse futuro trágico para você e segundamente, obrigada mas, não vai conseguir me seduzir, se é o que quer...Vou me tornar uma brilhante psiquiatra, e ninguém vai arruinar isso, nem mesmo um galanteador como você! - Por um momento nos encaramos-...me desculpe, e-eu não...
- Tudo bem. Já estou acostumado...
-Como assim?
- É que...eu tive uma infância infeliz. Meus pais não ligavam para mim, eu não tinha amigos e...era, praticamente invisível.
- Nossa...bom, lá na faculdade, você era um dos mais populares. Sério, eu nem imaginava que você tivesse tido um infância infeliz. Bom, praticamente, esse é um dos motivos que te levara a loucura, né?
- Pois é, sou muito maltratado aqui no Asilo. Você viu como a Amanda falou comigo?
- Vi sim...mas, você é um vilão, e é assim que vilões devem ser tratados. Se você, pelo menos, quisesse mudar, não seria tratado assim! 
- E eu quero mudar!
- A questão não é você querer, é você se esforçar para que isso aconteça por quê, sem esforços, nós não chegamos a lugar algum! 
- Uau, para uma psiquiatra, você é bem poética. Eu gosto disso...Ha Ha Ha.
- Obrigada. Mas, então me diz, você tem quantos anos, Sr. Napier?
- Tenho 19 anos.
- Nossa, e já se tornou o Rei do Crime de Gotham City?! Uau, achei que para chegar a esse título, era questão de tempo?!
- Bom, é que eu sou muito dedicado no que faço, como você...
- Bom, só se tornam reis, aqueles que nascem com o poder em suas mãos. Durante toda sua infância, seu poder deveria estar escondido em seu subconsciente, por isso teve uma infância traumática.
- Nossa, para uma estudante e doutora, você é bem inteligente!
- O que eu posso dizer?! Alguns nascem inteligentes, e outros nascem com a inteligência escondida, só não a demonstram! Bom, seu horário acabou...até amanhã, Coringa!
- Até amanhã, minha rainha Harley!- E assim, eu sai da sala. Amanda Waller estava a minha espera em seu escritório:
- Olá, Dra. Quinzel, como foi seu 1°dia com o paciente?
- Foi ótimo! Sra. Waller, eu acho que ele pode ser curado rapidamente, só vai ser questão de 3 semanas, e depois desse tempo, vocês podem soutá-lo!
- Bom Dra. Quinzel, eu vou pensar nisso.
- Okay, até amanhã!
- Até! Amanhã, tem que estar aqui ás 09:00h, okay?
- Okay. Vou estar...

                                                                                   Continua...

Frase Final: Só são reis aqueles que nascem com o poder em suas mãos!

 


Notas Finais


E aí que a história começa...HA HA HA! Beijos...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...