História Seduction game - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Aquarius, Bickslow, Cana Alberona, Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Layla Heartfilia, Leon, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Rogue Cheney, Sting Eucliffe, Yukino Aguria
Tags Nalu
Exibições 109
Palavras 1.866
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Então pessoal aí vai mais um Nalu para vocês! Espero que gostem! 😘✌

Vamos às recomendações.:

Primeira.: A Lucy vai ser bem a tirada e as vezes fazer o que muitos julgam errado, então estejam preparados!

Segunda.: O Reino de Fiore vai ser localizado em algum ponto da Inglaterra!

Terceira.: Eu sou muito ocupada, mas no geral cumpro meus horários! Caso aja imprevistos eu deixarei recados..

Quarta.: Se houver algum erro, por favor me avisem nos comentários, pois eu escrevo pelo celular, então algumas coisas escapam. Todo mundo sabe como é corretor!

Para mais informações podem me seguir no Twitter @LoveDeify que lá eu vou falar quando sai e como anda os preparativos dos caps!

Acho que é só isso! Vejo vocês lá em baixo!

Boa leitura!! 😘😘

Capítulo 1 - New house


Fanfic / Fanfiction Seduction game - Capítulo 1 - New house

- Lucy? Lucy minha filha, ainda na cama? – ouvia uma voz bem no fundo falar comigo, mas estava muito cansada para levantar – Vamos filha.. já são 8h, assim não vai poder ir à casa do seu irmão, se esqueceu que ele está lhe esperando? – Só de ouvir isso me levantei num pulo.
- Já está na hora? – disse se espreguiçando.
- Sim querida, você dormiu bem? – perguntou a mim sentando-se na ponta da cama.
- Eu..? Bom..
FLASHBACK ON
Depois de uma festa que durou até o amanhecer, Lucy, silenciosamente, passava pela casa com seus saltos em mão indo e em direção ao seu quarto.
- Alô? – atendeu ao seu telefone quando estava no topo da escada e continuou seu caminho falando em voz baixa – Não, já estou em casa.. pode deixar que eles estão dormindo.. Não se preocupe meu amor, eu só vou ficar 3 meses fora, mas quando eu voltar pode ter certeza que vou compensar o tempo perdido – disse a loira com uma voz maliciosa – Agora eu tenho que desligar.. pra você também.. beijos na boca gatinho.. Hum, assim eu apaixono rss.. Tchau! – desligou o celular e entrou no quarto.
A menina foi ao banheiro tomou um longo banho e deitou em sua cama quando o relógio marcava 6:30.
FLASHBACK OFF
- Melhor impossível – conclui ao se lembrar da noite anterior – Mãe.. deixa eu te perguntar, o Sting ainda é amigo daquele gat.. Garoto, como é mesmo o nome dele? Natsu! – olhei para ela curiosa, pois estava louca para rever aquele pedaço de mau caminho e a mesma sorriu.
- Sim! Inseparáveis.. Se não me engano eles moram juntos, acho que vocês vão se ver bastante, pois o Sting me disse que ele faz faculdade de arquitetura, mas é meio período e como o Sting está trabalhando na empresa do seu pai, você vai ver mais o Natsu do que o Sting! – Mamãe disse e eu abri um sorriso discreto tentando ao máximo conter minha animação.
- Ok.. Agora eu vou me arrumar.. te vejo lá em baixo? – falei e mamãe confirmou.
- Não demore! – disse ao sair deixando-me sozinha e eufórica.
Levantei da cama, peguei uma blusa soltinha e um short curto, coloquei na cama, peguei uma sapatilha qualquer e fui para o banheiro tomar banho. Quando sai do banho coloquei minha na roupa e comecei a me maquiar meu celular toca e logo vejo quem é, minha melhor amiga das baladas, Cana Alberona.
- Oi amiga.. Ja chegou em você? Amiga eu ia te contar é que.. Cana.. Eu.. Deixa eu falar? .. Obrigada! Olha eu tenho que passar o verão na casa do meu irmão.. Sim é muito importante.. Não, não posso falar o porquê.. Eu sei Cana, mas isso é muito mais importante.. Cuida de tudo por mim.. Se tudo ocorrer como o meu planejado volto antes do fim do mês e bem melhor do que antes, contudo nem sempre tudo sai as mil maravilhas, né? Entao reservei o verao todo.. Sim Cana.. Se nao fosse necessário eu nao ia.. Eu ja conversei com ele e ta tudo certo.. Ok.. Também te amo! .. Tá, tchau! – desliguei o celular, conclui minha maquiagem e desci para tomar café.
Minha casa era absurdamente grande, nem eu conhecia todos os cômodos da casa e olha que moro aqui a séculos. Minha família é dona maior multinacional do mundo, nós somos a família mais rica junto a dos Dragneel’s. Meu pai Jude Heartifilia quase nunca está em casa por conta do trabalho, se vejo ele duas vezes no mês é muito e por isso nossa relação não é muito boa, pois além de estar sempre trabalhando, quando está em casa me trata como se eu fosse invisível. Minha mãe é maravilhosa, ela é carinhosa, amorosa e, mesmo trabalhando como médica, sempre busca arrumar tempo para sairmos juntas ou batermos papo.
Meu irmão Sting tem duas versões, a primeira era a de famoso pegador. Quando ele tinha a minha idade (17 anos) era o maior pegador e festeiro que Magnólia e Croocus, cidade que ele foi para fazer a faculdade e resolveu morar, já viu, junto é claro de seu melhor amigo Natsu Dragneel que também era conhecido por ter muitas amantes. Natsu Dragneel como o próprio nome já diz é filho de Igneel Dragneel que junto ao meu pai basicamente comanda o mundo. Ele sempre foi um pegador de primeira, todavia minha infância inteira foi dedicada a meu amor platônico por ele, mas com o tempo eu vi que ele só ia se afastando até que nunca mais falou comigo.
Agora voltanto ao Sting, pouco antes de entrar para a bendita faculdade ele decidiu mudar e se tornar mais centrado e responsável, criando, então, o maravilhoso Sting Heartifilia o futuro herdeiro das empresas e o irmão mais protetor que uma caçula pode ter.
E por fim, mas não menos importante, eu! Lucy Heartifilia, a caçula Heartifilia, a anjinha da família, a filha prodígio ou como secretamente sou conhecida, a princesa das noites. Comecei a frequentar umas festas e outras quando conheci a Cana, nos duas nos divertimos muito, acabei me tornado muito popular nelas por ser uma otima animadora de festas, uma boa dançarina e também pelo meu sobrenome que é bem conhecido. Obviamente ninguém alem do pessoal que eu encontro nessas festas sabe dessas minhas fugidinhas, pois dessa forma eu tenho a plena confiança dos meus pais sendo a filha perfeita e de quebra me divirto nas noites sem se preocupar em ser descoberta.
Mas como eu estou crescendo, meu corpo ficando mais atraente e estou chamando muita atenção masculina para outras coisas sem ser beijinhos, decidi que já está na hora de parar de agir feito criança e começar a dar passos maiores e com passos maiores eu quero dizer que nessas férias ou eu transo com o Natsu ou não me chamo Lucy Heartifilia.
- Bom dia família, mãe! – falei indo dar um beijo na minha mãe que estava sentada a mesa já tomando café. Olhei para a parte principal da mesa e vi papai sentado à mesa – Papai! Nossa você está aqui! Eu não... - Fui correndo para lhe dar um abraço, eu amo muito meu pai, mesmo com suas atitudes bem grosseiras.
- Me desculpe, só um momento.. Lucy, não vê que estou falando telefone? Pare de agir feito uma menina boba e aprenda a ser educada! – disse grosseiro e eu abaixei a cabeça – Oi, me desculpe, sim pode continuar... – falou voltando sua atenção ao telefone “Bem feito! Vê se aprende e para de se iludir, ele não te ama, tenha pelo menos dignidade!”
- É... Lucy querida eu fiz uma torta de morangos, sua preferida quer? – perguntou mamãe sem graça com a situação. Me recomponho e com um sorriso no rosto volto minha atenção a mesa sentando-me defronte a ela.
- Sim, com certeza! – falei pegando um prato e me servindo.
O café segui mais ou menos em silêncio.  Papai falava ao telefone e mamãe tentava pucmxar assunto comigo, contudo minha animação estava lá em baixo depois de levar outra bronca do papai. “Você é tão patética.. Fica assim todas as vezes que ele te trata mal, acorda garota!”.
Depois do café nos três entramos no carro e o motorista partiu. Mamãe estava indo para o Brasil como voluntária e papai ia para lá ver de perto o andamento das suas filiais. Como eu não quis ir, mamãe decidiu que era melhor eu ficar na casa de meu irmão, pois, segundo ela eu sou nova de mais para ficar sozinha em uma casa tão grande. A casa de Sting não era tão longe assim, ficava a mais ou menos 2h de distância da nossa casa.
Não demorou muito e já estávamos estacionando de frente para uma casa de madeira escura, com um lindo jardim, uma varanda com um balanço preso no teto todo estofado e o que parecia uma piscina ao fundo, mas não dava para ver nitidamente.
Eu desci do carro quando o motorista deu uma buzina da e vi um loiro saindo da casa junto de um rosado. Peguei minha mochila que estava comigo dentro do carro e fui em direção aos dois quase que desfilando, é uma mania minha. “Com certeza, mania de puta!”
- Sting! – falei abraçando o loiro que me observava – Que saudade! – falei abraçando ele forte.
- Verdade maninha, eu estava tão ocupado com a vida aqui..– falou retribuindo meu abraço - Nossa você está tão linda, quero dizer mais linda ainda! - disse me girando e eu sorri com sua atitude.
Mamãe também havia saído do carro e havia falado para o motorista as malas que ficariam, olhava para Sting e eu sorrindo, enquanto o motorista trazia as malas e as colocava em frente à porta.
- E você.. – falei me soltando de Sting e voltando minha atenção ao gostosão ao seu lado – É o Natsu, não é? – disse o mais sexy e discreta que consegui já que meu irmão está bem ao lado – Não mudou nada.. – Dei um abraço nele e sussurrei em seu ouvido – Continua tão gostoso quanto antes.. - disse e ele se separou do abraço de repente meio surpreso com minha atitude.
– É.. Hun hun.. Já você.. Mudou muito, não é? – apenas sorri e lhe dei uma piscada discreta.
- Então, Sting, tudo certo, né? Eu preciso ir agora.. Filha.. – começou se virando para mim – Se cuida, Ok?  Não se esqueça de manter o celular ligado e funcionado! Vou ligar sempre que puder.. - Se virou para o Sting - Não precisa se preocupar muito com ela, pois sabe se virar, mas não deixa ela jogada Ok? - mamãe estava aflita, até parecia que nunca tinha me deixado em casa para uma viagem.
- Pode deixar dona Layla, vamos cuidar da Lucy muito bem! - Natsu se pronunciou e ela deu um sorriso agradecido.
Tudo bem então! Meninos se cuidem também! Tchau meus bebês – se despediu com um abraço, entrou no carro e o motorista, que já havia colocado todas as minhas maletas na porta da casa, entrado no carro deu partida e eu fiquei olhando o carro partir.
- Bom meninos.. podem levar minhas malas para dentro! – falei quando o carro sumiu da vista sorrindo e os dois viraram rumando em direção às minhas malas que não eram poucas.
- Pra que tudo isso? – Natsu se pronunciou observando a montanha de malas que quase tampava a visão da porta por completo.
- Só trouxe o necessário! Não se esqueçam vou passar 3 meses aqui! Queriam o que? – falei revirando os olhos para atitude deles. Sting tomou a frente e começou a pegar as malas – Além disso, você vai adorar o conteúdo dessa mala.. – falei mais baixo só para o Natsu me ouvir quando ele pegou uma vermelha e dando um sorriso safado para ele fui ajudar Sting deixando ele me observando sem entender. Esse verão ainda vai ser longo, Natsu Dragneel prepare-se!


Notas Finais


Eeeeeh sobreviveram!!

Foi isso, espero que tenham gostado!
Eu vou postar um cap por semana, ainda vou marcar um dia fixo para as pastagens, mas acho que vai ser aos sábados ou domingos, não sei ainda.

Vocês acharam muito grade ou o tamanho está bom? Geralmente eu faço capítulos grandes, mas se acharem melhor diminuir os tamanhos por mim tudo bem! Deixa aí sua opinião para me ajudar!

O que acharam da nossa querida Lucy? E o que será que tem na mala vermelha? Há há há

Até o próximo seus lindos!! 😉😉😉😂


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...