História Segredo Oculto - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 36
Palavras 1.081
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Escolar, Ficção, Hentai, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpem demorar para postar esse cap.! Estava com problemas para escrever a parte HOT, como é minha primeira vez... Tô surtando aqui, espero que tenha ficado legal... ~by:ADIFERENTONA~
Boa leitura, esperamos que gostem! ~by:2EM1~

Capítulo 33 - "Onde é seu quarto?"


Junko P.O.V’s

                Vejo Namjoon se levantar rapidamente, percebo pelo seu jeito, que está tenso. Ele abre e a pessoa entra no quarto. É JungKook. Solto o ar que não sabia estar prendendo e relaxo.

            -Hyung... –Ele começa a falar mas para quando percebe minha presença. –O que ela está fazendo aqui?

            -Se escondendo. –Ele dá de ombros, como se não fosse nada o fato de eu estar no quarto dele. – O que você está fazendo aqui?

            -Queria checar se Sumi não tinha vindo pra cá. Pelo jeito não. – Bagunça o cabelo, decepcionado.

            -VOCÊ NÃO ESTÁ COM ELA?! –Grito desesperada.

            -Eu... eu estava, mas ela... fugiu. – Diz em um tom de lamentação.

            -O que você fez? – Diz Namjoon, cruzando os braços, se preparando para a resposta.

            -Nada! Eu só... nada, eu não fiz nada!

            -Não importa, a gente tem que achar ela antes que outra pessoa ache. – Sei que JungKook não vai falar o que aconteceu, então não pretendo perder tempo esperando a resposta.

 

Taksumi P.O.V’s

 

Corro como se minha vida dependesse disso. Não olho para trás em nenhum momento, e só paro de correr quando esbarro em alguém. Jimin.

-Você está bem? Onde estava? Te procurei por toda a escola! – Ele põe suas mãos em meus ombros, claramente preocupado.

Não respondo nada. Eu simplesmente o beijo de um jeito selvagem, como se não houvesse amanhã. Peço passagem com a língua e ele rapidamente sede. Coloco minha mão em sua nuca aproximando seu corpo do meu, deixando colados um no outro. Jimin desliza sua mão sobre meu corpo, com se tentasse decorar cada curva que tenho.

-O que foi isso? –Ele pergunta, quando nos separamos. Percebo que seu membro está ficando rígido, e eu rio com a situação.

- Só estava com saudade do meu namorado. Onde é seu quarto? – Ele olha para mim com olhar de espanto, mas vejo que em seus olhos, um brilho de esperança, como uma criança prestes a ganhar um doce.

-É por ali. – Ele aponta para a direção de seu quarto sem desviar o olhar do meu.

Ando em direção em que ele apontou e procuro a porta com a plaquinha escrita ”Jimin”. Quando a acho, me escoro na parede ao lado, esperando Jimin abri-la. Ele pega as chaves em seu bolso e de um jeito atrapalhado e fofo, abre a porta.

Entro em seu quarto e me atiro na cama, como se fosse minha. Jimin fecha a porta e me observa, de um jeito malicioso, se aproximando de mim lentamente, como se apreciasse cada instante.

Ele segura meu queixo e me beija, não de um jeito selvagem, mas sim de um jeito sexy, erótico.

Ele me deita em sua cama, e fica por cima de mim, acariciando minhas pernas descobertas pela saia. Tiro seu blazer deixando ele apenas com sua camisa social. Sem parar com os beijos, ele tira o meu blazer e minha camisa social, deixando-me apenas com minha saia e minhas roupas intimas.

Ele para de me beijar para desabotoar sua camisa e a retirar, expondo seu abdômen definido. Fico o encarando na maior cara de pau e ele percebe, dando um sorriso, que se eu não estivesse nessa situação, diria que é fofo.

-Poderia me ajudar a tirar isso? –Ele diz, apontando para sua calça e me fazendo parar de encarar seus músculos.

Tiro suas calças lentamente, o provocando. Ele fica apenas com sua cueca, na qual consigo ver claramente sua ereção.

Ele volta a me beijar, retirando a minha saia agressivamente, impaciente. Fico apenas de calcinha e sutiã e Jimin para com os beijos e se afasta de mim, tendo uma visão completa me mim, apenas com roupas íntimas.

-É melhor do que eu imaginava. – Me olha maliciosamente, com desejo, me comendo com os olhos.

Dito isso, fico mais excitada do que já estou. Tiro sua cueca, vendo seu membro já enrijecido saltar para fora.

Olho para ele, satisfeita por ver seu estado. Sem mais delongas, coloco-o na boca, fazendo movimentos de vai e vem coma cabeça. A parte que não cabe em minha boca, masturbo-o com minha mão, fazendo Jimin soltar alguns gemidos roucos, excitando-me ainda mais.

Ele segura meus cabelos, ditando os movimentos. Não demora muito e ele goza em minha boca. Engulo o líquido, limpando seu membro com minha língua.

-Minha vez. – Ele diz, sentando-me na cama e abrindo minhas pernas. Ele distribui beijos ao longo de minha coxa, até chegar em minha calcinha. Ele tira delicadamente a mesma, como se eu estivesse prestes a quebrar. –Tão molhada... – Fecha os olhos e lambe os lábios, como se pudesse sentir meu gosto.

-Vai logo! – Digo impaciente, fazendo ele sorrir.

                Ele se põe entre minhas pernas, e começou a me chupar, de vez em quando colocava um de seus dedos para fazer o trabalho. Mais algumas lambidas e eu chego em meu ápice. Jimin lambe todo meu líquido.

                Tiro meu sutiã e ele logo abocanha meu seio esquerdo, massageando o direito com a mão. Solto alguns gemidos baixos e ele sorri, vitorioso.

                Ele estende a mão até seu criado mudo e abre uma gaveta, assim retirando de dentro, uma camisinha. Ele encapa seu membro rígido, e se põe em baixo de mim.

Rebolo um pouco sobre seu membro, provocando-o máximo possível. Ele morde o lábio, excitado e segura seu íntimo para encaixar no meu.

Ele começa a penetra devagarinho dentro de mim, arrancando um gemido de minha boca.

                -J-Jimin... m-ais r-rápido. –Estou tão excitada que nem me dou conta do que falo.

                Ele intensifica os movimentos, estocando-me várias vezes, tocando em meu ponto sensível. Mordo o lábio na tentativa de segurar os gemidos, mas não consigo. Nem eu, nem ele.

                -J-min...! –Noto que em cada gemido meu, Jimin se excita mais, aumentando a velocidade e me fazendo delirar.

                Sinto que estou perto de meu ápice, então cravo minhas unhas em seus braços musculosos, arranhando levemente.

                Jimin chega em seu ápice antes de mim, mas continua estocando até que eu chegue ao meu. Mais algumas estocadas e me desfaço em cima dele.

                Vou até o banheiro para me limpar e ele se masturbando, enquanto me observa. Minhas bochechas coram quando lembro do que fizemos. Não sou tão ousada assim, não com garotos, mas Jimin me levou a loucura.

                Saio do banheiro e vejo Jimin com sua calsa e camisa social. Visto minha calcinha, sutiã e saia, e quando começo a abotoar minha camisa, alguém bate na porta.

                Por costume, a abro, esquecendo que estou no quarto do Jimin, não no meu.


Notas Finais


Eu realmente preciso que comentem para saber se a parte hot ficou boa. Nunca escrevi, então não sei se ficou legal, preciso que comentem! ~by:ADIFERENTONA~
Erros ou sugestões, escrevam nos comentários. Obrigada por lerem. Se gostaram, favoritem plss. ~by:2EM1~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...