História Segredos!! - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Itachi Uchiha, Madara Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Orochimaru, Rock Lee, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha
Tags Sasusaku
Exibições 155
Palavras 5.510
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Fantasia, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Comentem!

Capítulo 2 - Nao diga nada !


Fanfic / Fanfiction Segredos!! - Capítulo 2 - Nao diga nada !



Fanfic Segredos-Cap 2-Não diga nada

Era uma vez, uma família original de vampiros poderosos, o Clã Uchiha,para preservar a linhagem e seus poderes, esses vampiros se casava apenas com descendentes do mesmo clã. Havia duas ramificações neste mesmo clã, uma composta por vampiros e outras por humanos, assim um vampiro da linhagem do trono se casava com uma humana uchiha. Sendo possível que ambos tivessem filhos e continuassem a linhagem com puros sangues que herdavam o poder. O clã Uchiha era cercado por outros clãs de vampiros que faziam parte da realeza, era estes o clã Uzumaki; Hiuga e Sabaku.

Durante este meio tempo, nasceu uma princesa a qual colocaram o nome de Hana Uchiha, a mesma foi prometida aos filhos de Fukagu Uchiha, o que se casasse com ela herdaria o trono, se tornando assim o rei dos vampiros. Mais em uma noite o palácio foi invadido e a princesa Hana foi roubada, e ninguém nunca mais teve noticias dela.

Anos depois em uma noite de neve aconteceu uma grande chacina que quase exterminou clã Uchiha, um dos integrantes destas famílias encontrou uma arma capaz de matar os originais, esse vampiro secretamente no meio da madrugada matou praticamente quase toda família Uchiha.Sasuke sobreviveu por sorte, depois de uma sangrenta luta conseguiu fugir e se salvou por ter encontrado uma pequena garota, a qual se não fosse pelo sangue desta menina, o mesmo teria morrido antes mesmo de conseguir escapar.

 Depois daquela noite restaram poucos sobreviventes da família Uchiha. Sasuke Uchiha e Itachi herdeiros do trono, e seu tio Madara Uchiha irmão de seu pai.

_Não vai me apresentar querido sobrinho?-questionou Madara, olhando os recém-casados. Um homen alto e moreno e extremamente sérios, seu sotaque fazia parecer ter atravessado décadas.

_Sakura este e Madara meu tio!-disse Sasuke com pouco caso.

_E um prazer te conhecer Sakura Uchiha!-disse o homem com um sorriso forçado no rosto, fazendo ênfase ao Uchiha, educadamente beijou a mão de Sakura a cumprimentando.Seus lábios frios e gelados tocaram aquela pele macia e quente, não havia duvidas “ela e humana!”concluiu Madara.

_Também Sr. Madara!-sorriu Sakura sendo gentil.

_Então Sobrinho agora que você assumiu o lugar de seu pai, talvez precise de um auxilio. -propôs Madara.

_Não force “querido” tio, assim como eu você sabe que nunca nós demos bem. -disse Sasuke que não suportava seu tio, e mantinha fortes suspeitas que tivesse sido ele a roubar Hana Uchiha, e matar toda a família.

_Eu não entendo este seu ódio sobrinho. O que eu fiz?-provocou Madara, um vampiro que atravessara séculos, marcados por sangue e varias emboscadas a família uchiha, na sua velhas tentativas frustrantes de usurpar o trono.

_ Meu ódio e tão profundo sobre você que nem eu mesmo sei onde ele começa. -disse Sasuke fechando a cara, nestes 150 anos de vida em momento algum suportou o tio.Sem cerimônia Sasuke segurou a mão de Sakura, , e a puxou caminhando para outro local, deixando Madara sozinho.

O verdadeiro assassino jamais foi descoberto, alguns dizia que o assassino seria um dos filhos do clã Hiuga, ou ate mesmo do clã Uzumaki que sempre esteve tão perto dos Uchihas.Ou do clã Sabaku que tanto os invejavam. Alguns aceitavam que o assassino seria do próprio clã uchiha, agora restava saber qual dos três.

Madara Uchiha o tio que sempre odiou Fukagu Uchiha o rei, que haveria matado toda a família e sumido com a princesa para impossibilitar que os sobrinhos se casasse com ela e herdasse o trono.

Itachi Uchiha o irmão mais velho o primeiro na sucessão ao trono, que queria logo o trono do pai, e o matou juntamente com o restante da família.

Sasuke Uchiha o irmão caçula que havia sumido com a princesa propositalmente para roubar o trono do irmão mais velho, e matado toda a família.

 Mais ate que isso fosse resolvido o trono estava vago, por ordem Itachi ou Sasuke herdariam a coroa.O clã uchiha se viu desolado, haviam restado apenas três vampiros, e a princesa Hana uchiha havia sido roubada, isso se e que a mesma já não estivesse morta a este momento. O clã escondeu o sumiço da princesa.

Mais chegou o momento que não poderiam mais evitar, sem a princesa era o fim da linhagem uchiha, os outros vampiros não aceitariam ser mandados por um clã a beira da extinção, e o trono a qualquer momento poderia ser roubado, era temido a revolta dos outros clãs que poderiam tentar usurpar o poder facilmente.

Sasuke armou um plano, esconderiam que a princesa havia sumido, e o mesmo arrumaria outra garota qualquer e se casaria com ela. Apresentando a todos como a verdadeira puro sangue Uchiha.

_Essa e Sakura Uchiha a minha esposa!-anunciou Sasuke aos olhos de todos no meio do grande Salão, seguido por vários aplausos, e  Sakura “Uchiha” em seu lindo vestido de noiva sorriu.

 E ao mesmo tempo essa falsa esposa, seria a isca para atrair o verdadeiro assassino. Pois se o mesmo a tiver matado, ou estiver com a verdadeira princesa. Faria de tudo para desmascará-los ou matar a usurpadora.E Sakura caia feito uma pata, em um plano que nem ela mesmo sabia.

Na festa de seu casamento, Sakura recebia os parabéns de milhares de pessoas, nunca pensou que se casaria. Estava realmente perdida o que estava fazendo, este não era pra ser seu casamento.

_O que você fez Sakura?-sussurrou sorrindo forçadamente para os convidados. Passou alguns minutos olhando as pessoas na sua maior elegância. Não tinha como voltar atrás, estava casada e pronto, agora só lhe restava continuar com a farsa.

_Então você e Sakura Uchiha a noivinha prometida!-disse uma ruiva de óculos a encarando fazendo pouco caso, pois não sabia que Sakura não era a tal princesa Uchiha, prometida aos filhos de Fukagu, na verdade nem Sakura sabia que estava se passando por outra.Tudo o que disseram foi para que simplesmente fosse a esposa de Sasuke, acima de tudo desde o passado ate agora.

_Sim sou eu, e você é?-perguntou Sakura tentando ser fina, pois a vontade que tinha era de chapar a mão na cara daquela ruiva indecente.

_Karin Uzumaki! A esposa de Sasuke se você não tivesse aparecido. -disse a ruiva com raiva, ela deveria ser da mesma família de Naruto o homem loiro que sempre conversava com Sasuke.

_Meus pêsames pra você!-sorriu Sakura com elegância, deixando Karin a falar sozinha subiu para o andar de cima do salão, só deu tempo de ouvir a ruiva murmurar algo:

_ Eu não desisti do Sasuke! Vou te tirar da jogada princesa, você vai ver!-ameaçou a ruiva, que como Naruto era uma vampira, que há vários anos era apaixonada por Sasuke.

Sakura mal tinha entrado pra família e descobrira que ganhara uma arqui-inimiga, era o que faltava mesmo como se já não fosse bastante os velhos inimigos que já ganhara nesta carreira de crime. Procurou o garçon para pegar algo para beber, já estava ficando irritada com esta “estúpida festa de casamento” pensou ela.

Ao ver o garçom passar com as bebidas, aproveitou que estava sozinha e pegou uma taça,não era todos os dias que bebia champanhe, só não poderia exagerar. “Imagina se Sasuke descobrir que sua esposa e um alcoólatra.” pensou Sakura repreendendo tal possibilidade.Aproximou a taça da boca, mais foi interrompida por Gaara que a  puxou pelo braço.

_A não Gaara! -protestou Sakura ao ver o champanhe de sua taça ir parar no chão. E o individuo praticamente a arrastar para a varanda do prédio.

 _Sakura o que esta fazendo aqui?Você e louca! -disse Gaara indignado.

 _Qual é Gaara Trinta milhões por um casamento, eu não perderia essa por nada. -disse a rosada remexendo nas sandálias altas, que quase a faziam cair. Se Gaara não a quis escolher, devem estar pensando se Sakura não foi à escolhida porque ela estava ali.

_O que você fez com a verdadeira noiva?

_Ela viajou, e não pode vir. -responde Sakura ajeitando o sutiã do vestido que tanto a incomodava, na verdade tinha ameaçado a garota escolhida, que ficou com tanto medo que nem teve tempo de ligar para Gaara cancelar o casamento.

_Quem era o velhote que te levou ao altar?Pois seu pai eu sei que não era!-perguntou Gaara enfurecido.

_Friedrich! O Motorista do Taxi... Eu disse que meu pai não poderia vir, e lhe paguei um dinheiro. -confessou Sakura a respeito do falso pai que lhe tinha levado ao altar.

_Você nem tem pai!Agora quero ver como você vai se sair dessa!

_Eu sou perfeita Gaara! Sasuke não vai desconfiar de nada. - disse confiante  “eu espero!”pensou ela.

_De que? Que você não e uma dama, que rouba bancos, ou que anda armada?Você e uma enorme farsa Sakura-disse Gaara desmascarandoa

_A garotinho mal, você não vai contar meus segredinhos vai? Gaara vai dar tudo certo poucos meses de casamento, e eu me mando com 30 milhões de dólares. -respondeu Sakura apertando as bochechas de Gaara que ficou ainda mais irritado.

_Sakura!Você sempre se metendo em confusão... -disse Gaara suspirando, não era a primeira vez que Sakura o envolvia em seus golpes.

_Gaara fica tranquilo, não tem como dar errado! E outro o Maximo que pode acontecer e eu ser presa de novo - sorriu à rosada, roubando a taça de Champanhe da mão de Gaara e a virou na boca.

Mais estava absolutamente errada, pois o Maximo que poderia acontecer ela ser morta, na verdade o provável, pois Sakura não sabia mais estava sendo paga por um vampiro e não era pelo casamento,mais para ser a armadilha para pegar um assassino.

A rosada caminhou em direção à porta daquela varanda, observando os convidados que dançavam em baixo e se escorou no canto do salão.

 Seu Marido! “Eu não acredito que estou casada!” pensou ela, conversava com um grupo de pessoas olhando-a de relance, despercebidamente, ele era lindo de terno, educado inteligente, e sexy.

Tudo era tão perfeito, o salão a orquestra de músicos, tudo lindo, as pessoas bem arrumadas, garçons, decoração impecável, um mundo tão diferente que jamais conheceu, sua vida sempre foi tão agitada tumultuada, sempre tinha tão pouco que às vezes não era nada.

Minutos depois, viu o garçom rodopiando com a bandeja, e pegou uma taça de vinho.Sorriu contente, dessa vez ninguém a incomodaria.Balançou a taça levemente, e sentiu aquele cheiro bom de vinho caro.

 Em meio aos seus pensamentos não percebeu quando um uchiha se aproximou, a puxando pelo braço bruscamente, fazendo sua taça cair no chão.

“Só pode ser perseguição!” murmurou a rosada em pensamentos.Olhou para o moreno alto a sua frente,que segurou seu pulso fortemente, impossibilitando que a mesma se movesse.

_Você esta me machucando!-disse Sakura não estava acreditando, que estava sendo agredida.Em outra ocasião facilmente meteria o chute no sem vergonha, e o jogaria no chão no mesmo momento, mais agora não poderia fazer isso.

_Algum problema?-sorriu malicioso, se aproximando dela. E devagar soltou o pulso dela.

_Quem e você?-perguntou Sakura assustada massageando a vermelhidão no seu braço, devido ter sido fortemente apertado.

_Uchiha Itachi irmão de Sasuke, você deve ser a esposa perfeita?-disse o irmão de seu marido, para logo lhe olhar de cima em baixo.

_Não compreendo. -tentou Sakura, afinal o acordo dela entre Sasuke Uchiha deveria ser mantido no mais alto segredo, e agora seu suposto cunhado lhe dizia assim sem cerimônia, o que ele estava tentando insinuar?

_Me deixa adivinhar!Boa procedência!Rica educada!Gentil?Bonita-disse o Uchiha rodeando-a citando cada requisito da lista.

_Não entendo do que esta falando!-negou Sakura, pois sabia que se contasse a alguém o acordo estaria automaticamente quebrado, e poderia dizer adeus aos trinta milhões de dólares.

_Poupe-me querida!Eu li a lista, sei do acordo!Alugar uma esposa isso foi o golpe final! -disse Itachi enfurecido se aproximando de Sakura.

_Golpe?-questionou Sakura sem entender nada.Itachi agora, se aproxima  dela nervoso, a encurralando contra o corrimão.

_Se não fosse você? Tudo seria meu,o trono seria do filho que se casar primeiro com a princesa Uchiha,já que a princesa sumiu eu não esperava que Sasuke se casasse tão rápido.-murmurou Itachi, e Sakura não entendia nada que espécie de trono Itachi falava. E que princesa era essa que sumiu que deveriam casar.

 _ Mais que depressa meu querido irmãozinho, paga uma garota para se casar com ele fingindo ser a puro sangue uchiha!AI E NESSA PARTE QUE VOCÊ ENTRA!Roubando toda minha fortuna e meu trono. -disse ele com raiva, segurando em seus ombros.

_Não era a intenção, eu não Sabia!-disse desesperada.

_E claro querida, você esta aqui só pelo dinheiro! Quanto Sasuke pagou você 20,30 milhões?Eu te pago o dobro pra você acabar com isso agora?-sugeriu ele bem próximo ao seu ouvido.

 Sasuke tinha passado a perna no irmão casando-se primeiro, mais se o casamento não subsistisse, a fortuna voltaria ao irmão primogênito. Itachi estava obcecado e odiava o irmão mais do que tudo. Não que a oferta de Itachi não fosse boa, mais não seria tão má assim, Sakura era uma mulher de palavra, e outro qual garantia  teria que Itachi realmente lhe pagaria o dobro. Juntando os inimigos da família de Sasuke, com o seus já dava pra lotar um campo de futebol.

_Não obrigada! -sorriu de lado para logo sair andando dali, mais e impedida sendo puxada por Itachi.

_Se não esta aqui somente pelo dinheiro, esta aqui por Sasuke?Há querida Sasuke não e o que você 

pensa, não sabe a enrascada em que você se meteu, e acredite em mim tem erros que se pagam com a vida. -ameaçou ele passando os dedos sobre seu pescoço, fazendo com que o corpo de Sakura se estremecesse com o toque.

_Você não sabe o que diz!-recuou Sakura, tentando se soltar.

_há sei sim, sei muito mais do que você possa imaginar. Também estava na lista ser virgem,há que delicia... -sorriu Itachi maliciosamente, aproximando a boca de seu pescoço podendo ver cada fina veia que transportava o sangue dela.

_Se leu a lista viu que tinha fidelidade!-disse Sakura tentando se soltar, sem saber o que Itachi pretendia, mal sabia ela que quem a agarrava naquele momento não era um simples homem mais um vampiro.

_Ele não precisa saber Sakura! - sussurrou Itachi em seu ouvido, aproveitando que os convidados se encontravam no andar de baixo.

Itachi desceu suas mãos sobre a cintura de Sakura, e a puxou para si, seus lábios foram de encontro à pela branca e macia do pescoço de Sakura...

[Em uma sala daquele  Salão]

Enquanto isso, em uma das salas daquele salão dois vampiros conversavam. Sasuke enfurecido lá dentro queria explicações do vampiro Naruto.

_Naruto aonde você arrumou esta garota?-perguntou o uchiha nervoso.

_Que garota?

_Como assim que garota Dobe!De qual garota acha que estou falando, e lógico que e esta que acabei de me casar.

_Ha, sim foi Gaara que ficou com a responsabilidade de encontrar a garota. Com toda certeza deve atender a todos os requisitos da lista. Não vejo nada de errado na garota, seguimos a lista assim como você pediu.

_Não poderia ser ela. -disse Sasuke bagunçando o cabelo, era notável que algo naquela garota o incomodava.

_Porque não Sasuke?A garota e linda, e deve ter todos os requisitos da lista, ela e perfeita para o plano. -disse Naruto sem entender o motivo pelo qual Sasuke se incomodava.

_hun...sabia que o destino não deixaria barato.-murmurou o uchiha praguejando, pegou uma garrafa com um liquido vermelho e a abriu, despejando na taça. O Uchiha olhava o liquido em vermelhar a taça aquilo era sangue, Sasuke parou por um instante molhando um dos dedos na taça,lembrou-se do ocorrido com Sakura:

_O que você fez?-questionou o Uzumaki.

_Esta garota, e a mesma garota daquele dia na neve. -disse o uchiha levando um dos dedos sujo de sangue aos lábios, lembrando-se daquele inconfundível gosto de sangue que não se assemelhava a nenhum outro, que lhe tirou a calma por dias a ponto de se lembrar dele nos sonhos.

_Nani!-se assustou Naruto, lembrando-se do fato, justo a garota que tinha salvado Sasuke, agora o mesmo a usaria como isca para atrair um assassino. Não entendia como Sasuke fora tão imprudente, justo ele que acabava matando todas as suas vitima, agora aparece com uma garota e o pior acabara de se casar com ela na frente de todos.

_Naquele dia ela chegou a ver você?

_Sim. -disse lembrando-se daquela noite nevada, em que foi preso nos olhos de uma garotinha.

_Eu não sei! Mais isso nunca tinha acontecido comigo... Não tive coragem de mata-la. -confessou o uchiha.

_Tem certeza que e ela? Poderia ser qualquer outra. -questionou Naruto

_Eu tenho certeza que e ela. O seu cheiro, os cabelos rosados, os mesmos olhos verdes que me encaravam, era ela a garota daquela noite. - disse uchiha se lembrando daquele dia.

_Você tem certeza, às vezes pode ser outra?

_E ELA!EU SINTO ISSO QUANDO ESTOU COM ELA!-gritou Sasuke com raiva, jogando alguns objetos da mesa no chão.

Mal a garota tinha retornado a sua vida e já lhe afetava as emoções. O próprio Naruto não se lembrava de ver o amigo assim desde daquela noite.Sasuke sempre foi tão frio e indiferente a todos e a tudo a sua volta, de maneira que não se importava com nada, suas vitimas quando não eram mortas pelo mesmo, tinha suas memórias completamente apagadas.Um monstro de sangue frio, que jamais teve compaixão de ninguém, não pensava duas vezes em dilacerar o pescoço de suas vitimas, ou mata-las a ponto de beber ate suas ultimas gotas de sangue.E justo agora que tinha arrumado uma esposa simplesmente para servir de isca, só para completar seus planos, ela reaparece em sua vida para bagunçar tudo.

_Ela te reconheceu?

_Eu não sei!-disse Sasuke pensativo.

_Como assim Sasuke, ela deve ter dado uma pista, ninguém reconhece um vampiro que a atacou! E fica calado. Normalmente elas gritam ou saem correndo, ou fica com medo, algum sinal ela deve ter dado.

_Eu não sei se ela se lembra Naruto, tem momentos que ela me trata como se não desconfiasse de nada, mais a momentos que eu a sinto com medo, como se me escondesse alguma coisa.

_Se você sabia que era ela, não deveria ter se casado.

_E o que queria que eu fizesse? Desculpe garota mais não posso me casar com você, pois desconfio que você saiba que eu sou um vampiro. Qual o seu problema Dobe?- disse o uchiha nervoso.

_Por que você não apagou a mente dela naquele dia?Ou a tivesse matado que fosse.

_Eu não sei... Só sei que não fiz...-respondeu Sasuke jogando um olhar gelado.

_Escuta aqui Sasuke, se ela souber que somos vampiros você sabe muito bem o que vai ter que fazer.

_Sei! Eu vou ter que mata-la. -disse Sasuke quase em um suspiro.

_Espero que não se esqueça disso. -advertiu Naruto lembrando-se do conselho de vampiros que não admitiriam que uma humana pusesse em risco o segredo da existência de vampiros.

_Ela não sabe tenho certeza! -mentiu Sasuke, pois não tinha certeza, mais bem lá no fundo seu coração pedia para que ela não soubesse, virou a taça de sangue na boca.

_E agora o que vamos fazer com o plano?-questionou Naruto.

_Segue normalmente, ela vai continuar sendo a nossa isca para atrair o verdadeiro assassino e finalmente encontrarmos Hana Uchiha.-disse Sasuke lembrando-se do plano.

_Você Sabe que Sakura talvez não sobreviva a esse plano. -advertiu Naruto.

_E um risco que vou ter que correr. -disse Sasuke friamente limpando o sangue da boca.

Sakura era agora oficialmente ao olhos dos outros vampiros declarada à princesa uchiha. Se ela continuasse a se passar por sua esposa, poderia correr o risco de ser morta pelo assassino. Se Sasuke dissesse a todos que ela não era a princesa uchiha,seria obrigado a mata-la pois os outros clãs não suportariam a ideia de uma humana soubesse da existência dos vampiros.Por que justa ela, por que tinha que ser ela?Sasuke girou a maçaneta da porta para sair dali, quando Naruto lhe advertiu novamente.

_Se ela souber que você e um vampiro... -disse Naruto angustiando a hipótese.

_Ela não sabe. -respondeu Sasuke, batendo a porta.



Itachi aproximou os seus lábios do pescoço de Sakura, dando-lhe um leve beijo, enquanto sentia o seu perfume doce de cerejeiras, Sakura imediatamente reagiu o empurrando e o acertou com um forte tapa no rosto. Itachi caiu sobre o corrimão que cercava, impossibilitando que alguém caísse no centro do salão de dança lá em baixo.

Deixe-me em paz!- ordenou Sakura se afastando, mais a sua vontade era de socá-lo naquela hora, mais o que pensariam de si se lhe desse uma surra, a garota da lista com toda certeza não saberia bater.

_Não sabe o que esta perdendo. -disse Itachi massageando o rosto, e logo saiu caminhando em direção a uma das varandas em redor do piso superior do salão.

Sakura deu alguns passos pra trás apressada. Que loucura,estava nervosa,como ele pode ser tão safado! Era melhor voltar para o meio do salão antes que descem falta de si, imagina só! Se Sasuke a pega conversando com seu irmão.

_SASUKE?-disse Sakura dando de cara com ele em sua frente.

_Esta tudo bem Sakura?- perguntou Sasuke colocando a mão em seu queixo levantando levemente seu rosto.

_ Estou!Eu só vim pegar um copo de champanhe!-mentiu

_Você esta exaltada!- disse Sasuke sentindo sua respiração, era incrível como ele prestava atenção nos mínimos detalhes, cada mudança de seu corpo.

_Não e nada. -tentou disfarçar.

“Ainda bem que ele não viu Itachi!”pensou Sakura mais mal terminou,quando de repente surge Itachi encostado no corrimão, Sakura não entendeu quando e como Itachi tinha chegado tão rápido ali, a mesma a tinha visto caminhar em direção à varanda. Sasuke em tom de proteção a puxa para perto de si.

_Itachi?-sussurrou entendendo o seu problema.

_Sasuke Maninho precisava mesmo falar com você! Você escolheu uma moça bem bonita, era o que 

estava na lista, não era?-disse Itachi provocando.

_Itachi! Ainda insiste em assediar as minhas garotas?-disse Sasuke serio.

_Algum problema?Não fique com ciúmes Sasuke, sei que tem inveja de mim. - disse Itachi evidenciando mais ainda a sua rivalidade.

 _Inveja? A única pessoa que tem inveja aqui entre nós, e você! De eu ser o preferido do papai, de fazer mais sucesso com as garotas, de ser o mais inteligente, mais bonito, sexy e responsável, de ter me casado, da minha adorável esposa, ela e linda não é? Pois é! Ela e minha! -disse Sasuke enfatizando o minha.

Sasuke puxou Sakura para si, e a beijou vagarosamente um beijo doce suave e apaixonado fazendo com que todo o corpo de Sakura respondesse com aquele simples tocar de lábios, como se sentia nas nuvens quando ele o beijava. Sasuke se separou da rosada carinhosamente, deixando Itachi um pouco constrangido. Sasuke era diferente era superior ao irmão em tudo.

_Por trinta milhões? E... Ela e incrível, ate eu arrumaria uma esposa assim com toda esta grana!- revirou os olhos Itachi.

_Sua profunda amargura não me comove Itachi.

_Sasuke já conseguiu toda a fortuna, e ainda ser reconhecido na frente de todos como o novo rei do clã Uchiha ainda esta noite! Não perdeu tempo, não e maninho, nem se importou com a noite de Núpcias!Ou... A não tem noite de Núpcias, afinal seu casamento e um golpe! Não e mesmo?-disse Itachi sarcástico.

_Itachi eu sei que tomei todo o dinheiro e a coroa, mais qual e irmãozinho! Sua situação esta tão ruim que não da pra encontrar outra garota?-sorriu debochando.

_hun...Tome cuidado Sasuke, você pode acabar perdendo a sua, você sabe o quanto o mundo tem pessoas perigosas -disse Itachi ameaçando, lançando um olhar gelado para Sakura, que se assustou,ficando atemorizada como se visse a sua própria morte naquele momento.Itachi estava usando de uma de suas artimanhas de vampiro.

Sasuke rosnou pra Itachi o enfrentando com os olhos, o que seu irmão pretendia com aquilo? Que ela descobrisse que são vampiros, assim como Sasuke Itachi sabia que se Sakura não fosse uma verdadeira descendente uchiha, e soubesse da existência dos vampiros, ela deveria ser morta. E naquele momento era isso que Itachi pretendia, fazer com que Sakura descobrisse para depois desmascara-la como uma Usurpadora da princesa Hana uchiha.Em outra ocasião Sasuke não se importaria se fosse qualquer outra garota,mais era Sakura que corria esse risco. Sasuke segurou Sakura em um abraço enquanto a mesma voltava à consciência.Ate que seus olhos voltaram-se a ele.

*Music On*

Ashley Nite - Say Anything

*Music Of*

Sasuke podia sentir o coração de Sakura bater acelerado encostado em seu peito assustada.Carinhosamente Sasuke levou a mão em seu rosto trazendo-o para si, perguntou.

_Aceita dançar comigo? -perguntou Sasuke segurando o rosto de Sakura, trazendo a atenção daqueles olhos verdes para si.

_Sim! E Claro... -aceitou ela sorrindo, e eles desceram as escadas juntos.

[Se ninguém nunca me perguntasse de novo

Sobre nós eu estaria bem]

Sasuke conduziu Sakura para o meio do salão para dançarem. O que estava fazendo?Sakura nem sabia dançar direito, mais não poderia ser tão difícil assim, todas garotas dançavam com tanta facilidade.

Pararam no meio do salão,as pessoas em volta abriram espaço para que os dois dançassem. Sasuke segurou-a pela mão, e uma de suas mãos foi em sua cintura, aproximando-a próximo a si.Sakura deu alguns passos na dança, e voltando-se a ele, que a firmou em seus braços, o coração de Sakura acelerá-la com a proximidade, suava frio naquela noite. Quem era o homem a sua frente?

Sasuke a girou novamente, quando se voltou a ele, deixou que ela deslizasse ate o chão, e bem próximo a ela, segurou ela com as mãos em suas costas, enquanto a mesma estava bem próxima ao chão. Seu rosto se aproximou do seu, olhando-a fixamente nós olhos

“Você Sabe?” questionou Sasuke em pensamentos, tentado achar a resposta naqueles olhos verdes.

[Não diga, não diga

Diga qualquer coisa

Não diga, não diga]

O moreno apenas a segurou-a pelos braços, e lhe puxou roubando-lhe os lábios em um beijo, um beijo delicado que a principio tinha a intenção de ser breve, um simples tocar dos lábios, mais foi se aprofundando, uma sensação indescritível se apossara do seu corpo, Sasuke não sabia explicar, apenas queria poder tomar aqueles lábios.

Ele se agarrou a ela em um abraço trazendo-a pra cima, apoiando a cabeça no ombro dela, dançaram juntos.

Em um instinto de vampiro, sua atenção sendo voltada para o pescoço da rosada, que se encontrava tão perto acabou que sem querer vendo cada veia fina em que transportava seu sangue, naquele delicado e tão chamativo pescoço. Seus olhos antes negros começavam a ficar vermelhos sedentos por aquele sangue.

Sasuke fechou os olhos, resistindo. Não bastando o risco que a colocou quando se casou com ela, agora o mesmo também era um perigo pra ela. Quanto tempo mais resistiria?Ele um vampiro acostumado a ter sempre tudo.

O corpo dela quente abraçado ao seu, mergulhava no perfume da rosada que tanto queria, dançavam, podia ouvir a batida do coração dela, e a respiração quente e arfada. Como aquilo lhe fazia bem...Como podia se sentir tão seguro e em paz nos braços dela.

Apesar de não admitir isso, Sasuke nunca pensou que sentiria novamente aquele cheiro, nunca pensou que se casaria com aquela garotinha que um dia salvou a sua vida. Nunca pensou que começaria a se apaixonar na noite de seu casamento.

 Não queria que ela descobrisse, não queria que o assassino a pega-se, não queria ser ele a mata-la ou que tudo se acabasse, se apegou aquele momento mesmo que tudo fosse uma farsa  uma garota indefesa nos braços de um vampiro sanguinário, deixou tudo de lado e simplesmente dançariam.

[Cada palavra continua cortando através

Diga algo estúpido, algo perturbador

Ou me deixe sozinha e não diga nada]

Se agarrar a nenhuma esperança, praticamente a nada, pois o nada  é mais fácil do que soltar.

[Horas depois...]

Chegaram ate a mansão Uchiha de carro.

_E Linda!-Disse Sakura encantada.

Os portões se abriram, era enorme  com toda certeza Sakura nunca tinha entrado em alguma tão bonita, nem para assaltar.Sasuke estacionou o carro, após descer rodeou o carro e abriu a porta para Sakura, era realmente um cavalheiro.Ao abrir a porta da Casa, já de inicio Sakura se deparou com um rol de escadas:

_O nosso quarto e lá em cima!Posso te ajudar com o vestido!- Sasuke disse segurando sua mão, pelo imenso rol de degraus, com aquele vestido chegar lá em cima sozinha seria um pouco difícil.

_Não precisa se incomodar!-disse Sakura.

_Oh por Favor! Não será incomodo algum, eu te ajudo. -Sasuke disse já a puxando para si, e a pegou no colo. Subiu as escadas, o Uchiha a carregava no colo, ate que no final do corredor ele abriu a porta do seu quarto e delicadamente a colocou na cama coberta de lençóis de seda.

Os olhos de ônix encaravam as esmeraldas, a proximidade de Sakura era uma tentação muito grande,um silencio multo ficou entre os dois, deixando aquele momento ainda mais complicado.Sasuke tentou desviar os olhos daqueles lábios tão convidativos, mais foi pego por uma raiva e frustração ele reconheceu o sedutor sentimento em seus dentes ,mais como cócegas ou formigamento do que uma dor. Era fome, uma fome específica. E não uma que ele estava prestes a ceder. Sangue outra vez o pescoço dela parecia mais que convidativo.

_Eu estou com tanta sede... -sussurrou o uchiha em um halito frio sobre o pescoço de Sakura, deixando Sakura sem entender nada. Desviou os olhos para outro lugar qualquer, e se levantou.Ele desatou a gravata do pescoço, para logo olhar atentamente para Sakura.

_ O nosso casamento, como já deve saber por Gaara e simplesmente falso, você ficara casada comigo por alguns meses, terminado o tempo nos divorciamos, eu te pago os 30 milhões de dólares, o casamento tem que se apresentar verdadeiro para todos, só precisamos fingir na frente dos outros, você vai andar comigo e me acompanhar perante a sociedade, para evitar boatos, ou que alguém desconfie você dorme aqui comigo...-disse Sasuke direto e preciso, sem rodeios.

_Esta bem...

_Você já pode tirar este vestido!- disse ele olhando para Sakura, retirando o palito ficando apenas com a camisa de baixo.Trocar-se? Na frente dele, Sakura ficou aflita ainda não podia estava se recuperando de cicatrizes de algumas de suas ultimas lutas, isso seria muito suspeito.

_Você pode se trocar no Banheiro se quiser!

_A sim! Obrigado

_Eu tenho que sair, talvez não volte hoje!Boa noite. -disse o uchiha se despedindo caminhando em direção à porta.

_Boa noite!- respondeu ela com um singelo sorriso no rosto e fechou a porta do quarto. Suspirou logo em seguida, encostou-se a  porta,pensativa.

O Uchiha desceu as escadas rapidamente. Sasuke ao ver dois  guardas parados à frente de sua casa, ordenou.

_Vocês dois, quero que fiquem de guarda em redor do meu quarto, não deixe que ninguém se aproxime. Eu disse ninguém. -ordenou o Uchiha serio aos dois.

_Sim senhor!-responderam os dois vampiros, vendo o uchiha sair rapidamente como o vento.

Sasuke saiu pelos grandes portões da mansão, caindo na noite escura seus olhos antes negros como a noite, agora possuíam as cores avermelhadas e famintas de sangue, seus dentes afiados procuravam uma presa sentiu a maldade, o ódio, a fúria animal. Precisava conter isso, e era o que estava fazendo, no meio da madrugada escura encontrou uma vitima qualquer, um bela mulher que teve a infelicidade de ser encontrada sozinha no meio da rua por um vampiro.

_QUEM E VOCÊ?-perguntou a garota de cabelos compridos, desesperada. Ao ver um vampiro se aproximar dela.

_Hun...-suspirou Sasuke e sorriu mostrando seus dentes afiados.

_HAAAAAAAA! -gritou a garota ao ser agarrada e mordida.

O Uchiha em uma fome desesperadora bebia o sangue da garota, foi questão de minutos já havia matado-a, o que estava acontecendo? Sede de sangue. Sasuke tinha usado a palavra, mas Sakura não tinha entendido.Como desejava aquele sangue, agora sentia essa sede de sangue... Focada nela, e nenhum outro sangue parecia não ser o bastante.

*Imagen On*














*Imagen Of*

Ao terminar, deixou que a garota caísse ao chão. Voltou seus olhos avermelhados a olhar a lua que iluminava aquela densa escuridão, aquela seria uma noite longa. Um vento , pérfido algoz soprou sobre o seu rosto.Foi quando ouviu passos rápidos correndo na direção contraria a sua, alguém tinha o visto.Correu ao seu encontro, surpreendendo-a aparecendo no meio do vento.
Ele pula no pescoço da jovem que chorava assustada, e a mata enfiando seus dentes afiados no pescoço da jovem, sugando todo o seu sangue.

Era apenas mais uma noite de vitimas de um vampiro violento, um vampiro a procura de um alguém que possa acalmar meu coração,Hun...corações feridos pessoas vazias.
Ambientes escuros vampiros carentes , que acha que o inocente é culpado, vampiros quem acham ter toda a razão.Vampiros da noite somem com a luz, mas aparecem no inconsciente, causando dores físicas e suores noturnos:

_NÃOOOO! -gritou Sakura no quarto acordando em um pesadelo.

Aquela mesma noite de neve voltava a lhe atormentar nos sonhos, um vampiro a atacava.
Virou-se na cama tentando afastar tais pensamentos, contemplou a cama vazia,onde ele estava? Um vento frio e veloz entrou pela janela, soprando no quarto arrepiando todo o seu corpo, como daquela vez.
_Sasuke? -sussurrou Sakura. 

CONTINUA...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...