História Seguindo com a vida - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 3
Palavras 1.986
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oiii lindos e lindas, voltei com mais um capitulo, espero que gostem! Boa leitura! Vejo vocês lá embaixo!

Capítulo 10 - Dia de jogo, brigas e bebedeiras


Eu acordei animada com o Lucas dormindo ao meu lado e comecei a pular na cama para acordar ele.
- Meu deus, o que aconteceu com você? Está ligada na tomada? – Perguntou ele de olhos fechados acordando
- Não só estou animada porque você vai estar comigo na escola e hoje é seu jogo! – Falei soltando uma risada alta
- É mesmo, hoje é meu jogo! – Falou ele pulando da cama – Que horas são, amor? – Falou ele colocando os braços em minha volta
- Vai dar 7:00, nós estamos atrasados! – Falei olhando para o relógio assustada – Vem, corre, vamos! – Falei vestindo uma roupa e fazendo uma maquiagem rápida
Nós chegamos na escola e o portão já estava fechado, fomos na portaria mas não nos deixaram entrar, tivemos que ir na diretoria, não demorou muito lá, nós ficamos conversando até bater o sinal da segunda aula.
- Corremos atoa! – Falei enquanto esperávamos o sinal tocar sentados em um banco
- Pelo menos podemos ficar namorando! – Falou ele com um sorriso malicioso me beijando
- Vamos falar com o treinador enquanto esperamos! – Falei me levantando
Fomos para a sala do treinador e eles estava em sua mesa.
- Oi treinador, bom dia! – Falamos juntos
- Bom dia, vocês não deviam estar na aula? – Perguntou ele cruzando os braços
- Deveríamos mas chegamos atrasados, a noite foi quente se é que me entende! – Falou Lucas
- Entendo, bom o que vocês querem comigo? – Perguntou o treinador
- Queremos saber quando vai ser o treino dos meninos! – Falei
- Vai ser na próxima aula, o diretor liberou depois do ocorrido de ontem! – Falou o treinador
- Fiquem a vontade! – Falou o treinador – Mas não tão a vontade, estou de olho em Lucas! – Falou o treinador olhando para o Lucas
Nós ficamos ali fazendo hora até a hora do treino.
No treino, eles tinham que fazer vários alongamentos para se prepararem e depois jogar, eu e as meninas ficamos no canto do campo ensaiando a dança.
O jogo ia ser no outro dia, nós não tivemos aula no dia antes do jogo para poder treinar e ensaiar.
No dia do jogo estavam todos nervosos e ansiosos, eles entraram no campo eufóricos gritando um grito de guerra, cumprimentando os jogadores do time adversário e o jogo começou.
- Vamos lá meninas, vamos animar o time, vamos la time, vocês conseguem, vão pra cima do outro time! – Gritei
- É isso ai, vamos lá, vai Lucas faz o gol, L-U-C-A-S, Lucas! – Gritou outra líder de torcida
Eu o encarei e voltei o olhar para o campo, o Lucas viu como eu fiquei e mandou um beijo para mim e fez um coração com a mão e eu mandei um beijo pra ele e a líder de torcida voltou a me encarar.
Lucas fez o gol e eu gritei em comemoração, ele correu até mim e me levantou no ar e me deu um beijo demorado e voltou para o campo, os meninos foram para cima dele em comemoração e voltaram a jogar e eu encarei a líder de torcida que tinha gritado o nome do Lucas e ela estava me encarando com cara de brava.
- Vamos lá time, vamos ganhar, vai Anderson, faz esse gol! – Gritou Vitoria
O jogo estava difícil, Lucas estava com a bola passou para Miguel que passou para Anderson que fez o gol da vitoria e Vitoria foi ate ele correndo e deu um beijo nele
Lucas correu na minha direção e me deu um beijo segurando no meu cabelo para aprofundar o beijo e falou:
- Estou ansioso para a comemoração que eu vou ter depois quando você for dormir la em casa, ficou com ciúmes da outra líder de torcida? Eu só tenho olhos para você, não ligo para as outras! – Falou ele como um sussurro no meu ouvido
- Eu não estava com ciúmes, eu só não gosto de outras meninas torcendo pra você mas tenho que aceitar e você é um ótimo jogador, o melhor, não vou mais ter ciúmes, o Anderson mereceu ganhar aquele trofeu, você já tem um do ultimo jogo, pelo menos isso! – Falei
- É, você tem razão, deixa esse para o Anderson, ele merece! – Falou Lucas
- Vem Lucas! – Falou um menino puxando Lucas fazendo ele me soltar
- Espera ai, Aaron, onde você está me levando! – Falou Lucas tropeçando em seus pés
- Nós vamos comemorar naquela boate que a Júlia levou vocês outro dia, ela nos falou da boate! – Falou Aaron – Você pode levar sua namoradinha, foi ela mesmo que falou da boate! – Falou ele em tom de deboche
- É graças a minha namoradinha como você diz que nós temos esse lugar para comemorar! – Falou Lucas fechando os punhos e cerrando os dentes
-  Calma cara, só falei brincando! – Falou ele com os braços para cima em rendição
- Tabom, vai, vamos! – Falou Lucas – Vou chamar a Jú e o pessoal! – Falou ele se afastando do Aaron
Nós fomos para a boate com o time e para todos os lados que eu olhava tinha gente bebendo e se beijando, vejo o Lucas se aproximando e abro um sorriso bobo.
- Está se divertindo, quer uma bebida? – Perguntou ele pegando na minha cintura
- Estaria me divertindo mais se estivéssemos em casa sem roupa mas vou aceitar a bebida! – Falei com um sorriso provocador
- Vem, vamos pegar uma bebida para ver se você fica mais animada! – Falou ele me puxando
Eu estava indo com o Lucas para o bar e nós esbarramos na Vi no caminho.
- Vem amiga, vamos dançar! – Falou ela me puxando pelo braço
- Pode deixar, eu vou trazer as bebidas aqui! – Falou Lucas se afastando – Você também quer, Vitoria? – Perguntou ele de longe , Vitoria assentiu com a cabeça e rindo
- Vi, você está bêbada? – Perguntei enquanto dançávamos
- Talvez um pouco! – Falou ela dançando alegre
Lucas chega com as nossas bebidas e fico dançando com ele, os meninos chegam com a Gabriela e ficam dançando do nosso lado.
Vitoria estava se esfregando no Anderson e eu me aproximei para conversar com ele.
- Anderson, acho melhor você levar a Vi para casa, ela já bebeu demais! – Falei em tom de preocupação
- Também acho, vou chamar ela! – Falou Anderson
- Nós também não vamos demorar! – Falei me afastando
- Ok! – Falou ele de longe
Depois que Anderson foi embora com Vitoria, o Daniel chegou e ficou dançando com a gente.
- Ei Jú, vamos fazer como nos velhos tempos! – Falou ele me puxando para perto
- Vamos! – Falei acompanhando seus passos
Ele sabia dançar muito bem, sempre me guiava, todos que conhecem sabem que eu sou uma péssima dançarina, ele fazia passos para frente e para trás e eu o acompanhava, de repente ele parou e segurou na minha cintura com uma mão e com a outra segurando minha mão e levantou meu braço me fazendo rodopiar, do canto do olho vejo que o Lucas não está gostando nada daquilo, eu já estava ficando tonta quando ele parou de me rodar e me segurou com as mãos na minha cintura, eu coloquei minhas mãos em seu peito para ele parar.
- Não devemos fazer isso, o Lucas já está ficando bravo! – Falei me afastando e ele me puxa de volta
- Ele sabe que sou só seu amigo e está gostando de ver você se divertindo! – Falou ele me puxando para perto
- Ele não está gostando, vou lá dançar com ele! – Falei me afastando o mais rápido  possível
Eu fui até o Lucas que estava me olhando com cara de bravo.
- Que cara é essa? – Perguntei colocando as mãos em volta do pescoço dele
- Esse seu amigo está dando em cima de você na minha frente e você ainda pergunta que cara é essa? – Falou ele irritado
- Ele é só meu amigo e nós não estávamos fazendo nada de mais, só estávamos dançando, eu te amo, é de você que eu gosto e não dele! – Falei com as mãos em seu peito tentando controlar minha voz
- Vocês estavam próximos demais para serem só amigos, ta cara que ele gosta de você, só você não percebe isso! – Falou ele cerrando os dentes
- Ele pode até gostar de mim mas eu gosto de você ou melhor eu AMO você, então vamos parar de brigar e vamos dançar! – Falei meio alterada dando ênfase no AMO
- Eu também te amo, não quero brigar com você, não gosto de brigar com você! – Falou ele segurando meu rosto para me beijar
- Vamos dançar! – Falei puxando ele
- Vou mostrar pra ele quem manda! – Falou ele me puxando para perto
- E eu acho que vou gostar disso! – Falei rindo
Nós dançamos e ele me jogou para o alto me fazendo girar no alto e cair em seu colo e me colocou no chão e eu comecei a girar o quadril e ele balançou minha saia de líder de torcida e eu me aproximei dele e o beijei.
- Por um momento tinha me esquecido que você é maravilhosa fazendo seus passos de líder de torcida! – Falou ele ofegante
- Você também é brilhante, seus passos são os melhores, vejo que você prestou atenção nos meus ensaios! – Falei com uma mão em seu pescoço e a outra entrelaçada em seus dedos
- Eu estava com saudade! – Falou ele beijando minha testa
- Que melação, vão ficar assim o tempo todo! – Falou Gustavo mais como uma pergunta do que como uma afirmação
Olhei para o lado e o Daniel estava me encarando com cara de poucos amigos.
- Ei, tudo bem? – Perguntei me aproximando dele ainda segurando a mão do Lucas
- Sim, é só que eu vi como vocês se olhavam quando estavam dançando e vi que não teria chance com você, eu vi o quanto vocês se amam! – Falou ele cabisbaixo
- Sim, nós nos amamos e nada nem ninguém vai nos separar! – Falou Lucas apertendo minha mão com mais força
- Está com ciúmes é! – Falei baixinho em seu ouvido
- Ciúmes, serio? – Perguntou ele me olhando sério
- Sim! – Falei levantando as sobrancelhas
- Posso até estar com ciúme mas sei que você me ama e não me trairia! – Falou ele aumentando o tom de voz – E sei que você não ficaria com esse cara nunca! – Falou ele apontando para Daniel
- Abaixa esse dedo, vamos embora, você já bebeu demais! – Falei
- Não! – Disse ele se aproximando de Daniel – Antes eu tenho que ter uma conversinha com o seu amigo! – Falou ele
- Você não está em condições para conversar! – Falei puxando seu braço
Ele puxou o braço e pegou na gola da camisa do Daniel.
- Cara, se acalma, vamos conversar civilizadamente! – Falou ele enquanto tentava se soltar
- Não tem conversa, se ela não tivesse te impedido a essa altura você estaria beijando ela! – Falou Lucas apontando para mim
- Calma cara, você entendeu errado, nós somos amigos a muito tempo, nós sempre dançamos assim! – Falou ele tentando se explicar
- Para, Lucas, não precisa disso tudo! – Falei entrando no meio dos dois
Ele me afasta e dá um soco no Daniel e eu começo a gritar desesperada, quando reparo dois seguranças chegam para separar os dois.
Eu vou até eles para ver se estão bem e dou um beijo no Lucas e dou um olhar como pedido de desculpas para Daniel e puxo Lucas para ir embora, o pessoal estava do lado de fora nos esperando.
Fomos todos no carro do Miguel, ficamos em silencio até que Miguel se pronunciou.
- Gabi, coloca uma musica, está muito calmo aqui, isso está me irritando! – Falou ele segurando no volante
- Pode deixar amor! – Falou ela pegando um CD sem nome, era do Ed Sheeran
Aquelas musicas me deixavam mais triste ainda, desde a briga não tinha trocado uma palavra com o Lucas.


Notas Finais


E ai, O que acharam? Gostaram? Deixem seus comentarios se gostaram, desculpe se tiver erros, é muito frustante escrever e não saber a opnião dos leitores então pesso que deixem a opnião de vocês nos comentarios!! Beijão lindos e lindas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...