História Segurança 7 - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtanboys(bts), J-hope, Jimin, Jungkook, Rap Monster, Suga
Exibições 28
Palavras 2.135
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


😩hiii amores o que tenho a dizer e queb eu tô muito chateada, sério mesmo, o motivo?
mas ninguém comenta, to sentido até falta dos favoritos,isso me deixa mo mal, eu sei.... que e final de ano ta todo mundo ocupado, com provas trabalhos e tals, mas eu também tô passando por tudo isso, e verdade que vcs não são obrigados ta favoritando e comentando.
Sinceramente tô bem triste, gente amo todos vocês, ne esforço pra caralho pra satisfazer vocês, eu sei que sou real primária, mas...as vezes dói no profundo, devo ta sendo um pouco dramática, mas e o que eu sinto.
então gente, só peço uma coisa:não se esqueçam de mim, assim como eu não me esqueço de vcs.
bjss e boa leitura 😙😔

Capítulo 19 - O parecer do que parece😯😕😈😇


Fanfic / Fanfiction Segurança 7 - Capítulo 19 - O parecer do que parece😯😕😈😇

       ~pv nam on~

 Bom eu estava nervoso, eu sabia que não era a hora, mas mesmo assim resolvi fazer o que ja deveria ter feito, afinal de contas eu tenho absoluta certeza do que eu sinto por ela, a verdade e que eu à amo, mas por enquanto acho um pouco cedo pra eu chegar nesse nível cm ela. Ela estava a minha frente sentada ao meu lado na minha cama, e agora ou nunca:

 - lia eu sei que não e a hora certa, mas... quer namorar comigo?_desembuxo de vez, eu sei que se eu demorasse não conseguiria. Ela me olhava pasma, e muito surpresa, acho que ela não esperava,e eu ficava cada vez mais nervoso, eu não sabia se ela iria aceitar ou não, mas minha cara de preocupação, logo virou cara de confusão, quando vejo a mesma abrir um sorriso, lindo que ela sabe que eu amo: 

 - verdade não era o momento certo, mas como não sei como, isso aconteceu, mas aconteceu, eu gosto muito de vc nam, gosto de vdd, então eu...._namjoon me interrompe. 

 - se vc não aceitar, vai fica tudo bem, eu te entendo_o interrompo....

 - nam deixa eu falar_sorriu com seu nervosismo,e ele coça a nuca

-eu aceito seu bobo. 

 - V-você a-ceita?_me olhava incrédulo, e no mesmo instante vi um sorriso aparecer no rosto do mesmo.

 - sim, eu aceito ser sua namorada_e pela primeira vez um sorriso bobo se forma nos meus lábios.                     - eu prometo que vou te fazer muito feliz, ce não vai se arrepender, eu prometo_tenta me abraçar, mas porém vejo o mesmo se distorcer de provavelmente dor.

 - ta vendo só, ninguém mandou vc me desobedecer, agora não pode se mexer, ja pode esquecer beijo e abraços_vejo o mesmo fazer uma cara de cachorro sem dono,me ne fazendo rir, com sua birra. 

 - ahh não lia... so um beijinho, olha eu to machucado_tentava ne convencer, não sabendo ele qye eu so tava de zoeira com sua cara. 

 - eu to brincando lindo_ele sorri, e em seguida o beijo, o beijei calmo tentando ser o máximo  cuidadosa que conseguisse.

 - deita aqui_e assim eu faço, deitando ao lado do mesmo enquanto sentir seus braços envolverem meus ombros. 

 [bts on yoongi]

         - Gente o que foi aquilo com a lia?, ela parecia ter muito medo daquele homem, eu nunca a vi daquele jeito_falava jimin, mostrando preocupação.

 - Eu não sei talvez, ela nos conte depois..._jungkook e interrompido, pela porta se abrindo. 

 - Quem é hobii?_pergunta jin, curioso.

 - ah, e ravena, ela veio ver a lia_grita hobii da porta.

 - oi gente_ela se pronuncia,sorrindo.

 - oi_todos menos eu respondi. - como ces tão, eu fiquei sabendo do ocorrido depois da festa_falou, mostrando preocupação na voz.

- isso e um assunto nosso que não te diz respeito_falo grosso como sempre, realmente eu não sei porque a trato tão mal, nas não e algo pra se discutir agora. 

 - Qual o seu problema em? eu chego aqui, me preocupo com vocês e vc sempre me trata assim, o que vc tem contra mim? eu te fiz alguma coisa?_vejo a mesma irritada, parecia um tanto que triste, confesso que me sentir um pouco mal, mas nada que me leve a pedir desculpas.

 - ravena, não precisa ficar assim, ce sabe como e o yoongi, um pedaço de cavalo, não se estressa com ele não_jimin tentava me acalmar, eu estava mesmo nervosa, a situação com meu pai estava mesmo me afetando.

 - ñ eu to bem, só um pouco nervosa, a propósito, cadê a lia?_pergunta,olhando o local a procura da mesma. 

 - ta se pegando com o namjoon_todos riem do comentário do tae.

 - nossa, então e melhor eu nem subir, ainda quero minha inocência_rio do meu próprio comentário. 

 - como se tivesse_sussurro, e vejo a mesma me encarar, com uma cara de poucos amigos.

 - jin, hoseok, tae, jimin, jungkook, me acompanhem_christofer entra na sala quebrando nossa tensão.

 - e o yoongi? pergunta jin. 

 - ele ja tirou suas medidas, faltam vcs e o namjon apenas_assentimos em seguida o seguindo.

 [...] 

 todos haviam saído, so restava eu e ravena na sala, a mesma ainda me olhava com certa raiva, enquanto eu mantinha minha cara fechada de sempre:

 - falei alguma mentira?_perguntei cínico. 

 - você adora me tirar do sério, eu só queria saber que mal eu te fiz, pra vc me tratar assim_pude sentir que ela tava sendo sincera, mas nem assim baixei a guarda, e continuei a irritar lá.

 - sua existência, ja é meu desgosto_rir da minha própria frase, e vi a mesma ficar vermelha.

 - yoongi não me provoca, garoto_eu ria cada vez mais,da cara dela. 

 - ui, a novinha vai fazer o quê?_vir a mesma vim em minha direção serrando os pulsos, e eu logo me levantei, prefiro não ter contato com essa garota

 - eu vou dar na sua cara_pronto , vamos provoca la mais. 

 - dar de novo_rir mais ainda da minha piada

 - vc me paga seu branquelo azedo, magrelo_eu me fingia de ofendido colocando uma das mãos no peito. 

 -vai fazer o quê ?me bater por acaso?ah!ja sei...invadir meu quarto de novo –rio sarcástico.

 -yoongi vem aqui¡–vi a mesma vim correndo, em minha direção, enquanto eu ria da cara da mesma, que estava vermelha. 

 [...] 

 Já fazia um tempo que estávamos correndo pela casa,e Ravenna ainda não havia me pegado.

 -desisti sua lerda,eu sou mais rápido –falo rindo,mas em seguida sinto meu pé embaracar em alguma coisa e eu cair. E num piscar de olhos Ravenna estava por cima de mim,me socando pra caralho, né que ela bate mesmo,tava ate doendo.

  -já chega....Ravenna, pode parar–peco pra mesma,já que percebi que meu peitoral estava roxo.

 -por quê eu deveria parar?_pergunta dando uma pausa nos socos q me dava. 

 -hum....é.... Ta doendo –tento convence lá, e a mesma me olha arqueando uma das sombrancelhas.

 -ta bom,só vou parar porque to cansada–ela estava ofegante, e suava muito,e eu estava na mesma situação, agora vou ter que tomar banho.

       -oh baixinha,dar pra saí de cima de mim?–pergunto,e a mesma ne olha furiosa.

 -Não vou nem dizer o que e baixinha aqui–fala enquanto sai de cima de mim.

    -ate que em fim,VC e pesada –rir,e e dessa vez acompanho o mesmo, rindo do comentário do próprio.

-VC e um idiota, branquelo-ela começa a rir,e eu fecho a cara,não gostei do comentário-o quê?! Eu também posso fazer piada–sorrir.

  -não deixei VC fazer piada comigo–cruzei os braços a encarando com indiferença.

-Morra ,eu faço com quem quiser e na hora que eu quiser–ela fala,e eu sorrio malicioso,será possível que essa garota só fala coisas sem pensar em duplo sentido.

-agora por sua causa vou ter que tomar banho mais cedo hoje–ela rir, enquanto eu demostrou apenas indignação.

 -nossa...CE sabe o que é banho?–me olha irônica.

-ah!vai se fuder–e dessa vez,foi a vez dela me olhar maliciosa-garota pevertida,vá procurar uma igreja.

-eu não fiz nada–se faz de inocente e eu reviro os olhos.

[...]

[Pv on lia]

Estava deitada sobre o peito do nam,seus braços grandes,e quentes,me envolvia,percebi que o mesmo havia dormido,ele estava muito cansado,depois do ocorrido de mais cedo,ele tem que descansar,.

Ele e um idiota,se arriscar desse jeito, se machucar;se tivesse acontecido algo mais grave,eu me sentiria muito culpada,Mas graças a Deus ficou tudo bem,e gracas a minha mãezinha também.

Foi algo tão sobrenatural, podê sentir ela,mesmo depois de morta, foi como se ela estivese alí Vivinha do meu lado,só em pensar em tudo isso, meus olhos se marejaram.

-por quê ta chorando lia?–nam pergunta um pouco baixo,pois percebi que o mesmo estava com muito sono.

-Nao e nada,volta a dormi que VC precisa descansar–ele assente,enquanto me levanto do peito do mesmo.

-ah...porque levantou?–me olhava fazendo bico.

-VC precisa dormir,e eu sei que com eu aqui VC não dorme direito, então descansa–dou um selinho no mesmo que logo sorrir.

-então e um adeus?–brinca fazendo drama.

-não, e um até logo–entro na brincadeira do mesmo,e ele rir-mas tarde venho te ver–dou mais um selinho no mesmo em seguida saindo do quarto.

[...]

Depois quesair do quarto do namjoon,fui direto pro andar de baixo, onde encontrei na sala sentados no sofá conversando civilizadamente, sem se atracarem,yoongi e Ravena.

-Pera...Jesus fez milagres e eu não vi–interrompo a conversa, e eles me olham confusos.

 -hum?–dizem em uníssono, fazendo me rir da cara de interrogação na cara dos mesmos,mas depois de um tempinho acho que os dois se tocaram do que eu falava,pois se olharam, e começaram a se afastar,tentando manter a cara de um não suporta o outro.

-podem continuar a conversa–vejo os mesmos ficarem meios que sem jeitos.

-ne nada de importante, eu vim te ver mesmo,e ai como CE tá? –me olha um tanto que preocupada

-eu to bem,não se preocupa–passo tranqüilidade, pra mesma.

-bom...tchau pra vocês, tenho coisas importantes pra fazer–yoongi fala se retirando do local.

-vai me fala o que aconteceu –a mesma fala curiosa.

-tá, vou te contar tudo–me sento ao lado da mesma.

[...]

Depois de ter contado tudo o aconteceu, pra Ravenna,ela me olhava Incrédula, parecia não acreitar.

-e foi isso... –falo POR fim.

-você o matou mesmo?sua mãe falou com você?o namjoon te pediu em namoro?VC aceitou!–parecia ficar surpresa com sua própria surpresa, e eu rir-ai...e muita informação pra minha cabecinha.

-ah...não exagera,VC transou com yoongi,e eu não fiz esse drama–ela ne olha indignada.

-mas esse assunto esta encerrado–eu assunto.

-ei,por que ta brigada com seu pai?–ela me olha um pouco cabisbaixa-pode me contar.

 -se eu te contar cê não vai acreditar –fala,e assinto pra que a mesma continue-vamos lá... Eu descobrir que meu pai ta traindo minha mãe, eu vi ele se agarrando com outra–mostra raiva em suas palavras.

-e ele sabe,que VC sabe?–ela nega com a cabeça-nunca pensei que ele fosse um cafageste desses,ele que sempre foi ótimo marido.

 -pois é, as aparências enganam–seu desgosto estava presente a cada palavra que a mesma falava em relação ao seu pai.

-não fica assim,vai ficar tudo bem,relaxa,com o tempo tudo se acerta–tento conforta a mesma.

-espero que sim,hum...lia,e o Christian, ele sumiu–me lembra do mesmo,e eu acabo sentindo uma pequena falta dele.

-verdade depois da morte da minha mãe ele se afastou de tudo, ate de mim–falei cabisbaixa.

-ele era como um pai né? –peegunta me fazendo sorrir.

-sim...o pai que eu nunca tive, me deu amor mesmo eu não sendo sua filha–fitava o chão.

         -algum dia ele se conforma,e segue em frente –sorrir sincera,em seguida seu celular começa a tocar,a mesma logo o atende.

              -quem é? –peegunto após a mesma desligar o celular.

              -minha mãe, ela quer que eu vá pra casa,por que vou receber os resultados das provas–ela faz uma cara de to fundida.

                 -ta bom,espero q tenha sido ótimas em todas–a mesma me abraça em seguida levantando.

                   -tchau lia–retribuo com um aceno,e em seguida a mesma sai.

-tava conversando com quem? –namjoon chega de surpresa,me assustando um pouco.

-que susto seu loko...Ravena, ela veio me ver–o mesmo se aproxima e se senta ao meu lado.

-ata–sorrio pra mesmo.

-nao era para. Senhor ta descansando? –ele rir.

 -mas eu já me sinto melhor,e vc ne largou sozinho naquele quarto–rio da sua carinha de indignado.

-para de drama,e sair por motivos óbvios, vc precisa descansar –ele sorrir,enquanto deposita um selinho nos meus lábios.

-Vc fica muito linda preocupada–reviro os olhos e o mesmo sela nossos lábios, sentir seus lábios era bom,me sentia tão a vontade, que poderia ficado beijando por horas e horas,mas como tudo que e bom dura pouco, fomos interrompido pela puta falta de ar,e pra piorar ainda mais,uma gritaria vinda dos meninos,que nos olhavam maliciosos.

-nao acredito a lia e o namjoon tao namorando –fala tae sorrindo.

-eu sempre soube que ia dar treta esses dois,VIVA AOS CASADOS! –grita hobii fazendo todos rirem.

-não exagera garoto eles ainda só são namorados –diz jimin,se referindo ao hobii.

-fico feliz por vocês, parabéns –jin se pronuncia.

-valeu cara– respondi namjoon,eu não conseguia falar nada,estava com muita vergonha, e vermelha pra caralho.

-olha gente,a lia ta corada,que fofa!–fala jungkook,e todos viram os olhares para meu rosto.

-e-eu não to vermelha seus chatos,podem parar–tento não demostrar minha vergonha,mas era quase impossível.

-não precisa ficar vermelha linda–nam me beija,e todos começam a gritar coisas como:nam pegador,miserave,e tals.

-CALEM A DESGRAÇA DA BOCA,PORRA,NE A MADRINHA DE VOCÊS QUE QUEREM DORMI  NÃO– yoongi grita,e todos começam a rir.

-gente e melhor a gente parar, antes que ele nos ataque com um travesseiro –falo e eles riem ainda mais da minha suposta piadinha.


Pode parecer que já acabou, mas  mal sabe que e apenas o começo, de uma guerra que esta preste a começar, aquela disputa que todos conhecem, entre o amor e o ódio, a vida nos proporciona grandes surpresas, algumas felizes,e outras um tanto que triste,que e capaz de virar suporte pra felicidade,uma simples imagem pode ser o motivo de grandes decepções.

           

             













Notas Finais


Bom gente boa,e isso,vou ser sincera pra vocês, não sentir empolgação pra escrever esse capítulo, e melhor eu falar do que fingi,que esta mil maravilhas, nas isso não quer dizer que eu esteja desistindo de escrever e postar,isso jamais,amo todos vocês demais,e mesmo sem empolgação, repito o que sempre digo, fiz esse CP com muito carinho,bjss amores, comentem e favoritem😥😗👍✌


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...