História Sekai Takamura - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Comedia, Ficção, Paródia, Sekai Takamura
Exibições 4
Palavras 913
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Ficção Científica
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Retrocesso


Hiroshi e Akimoto já estavam preparados para a batalha quando um cortina de fumaça cobriu o local todo.

- Mais oque está havendo ali ? Questionava Bumonk olhando pelo monitor.

- Mais oque -----
Disse Akimoto quando um soldado inimigo caiu na sua frente.
- Hiroshi , foi você ?

- Não ....não possuo essa técnica.
Dizia Hiroshi.

Os dois foram puxados para longe da cortina de fumaça , para um corredor.

- Corram.
Disse Desct.
- Salvem a fêmea ,  terráqueos.

Os dois ficaram surpresos com Desct os ajudando. Seria aquilo uma armadilha ? Não sabiam.

- oque você esta fazendo ?
Disse Hiroshi junto a Akimoto.

- Vocês devem salvar a sua amiga , ela está no andar de cima , vão rápido ! .
Disse Desct voltando a fumaça que já estava sumindo.

Ficaram ali parados , tentando entender oque tinha havido quando a tropa avançava contra eles. Hiroshi puxa Akimoto para a escada.

- Não temos tempo para ficarmos aqui imóveis , vamos salva-la logo.
Dizia subindo as escadas.

- Mais Hiroshi... Se isso for uma armadilha ?
Retrucou Akimoto subindo também.

- Que se dane se for , eu quero ver Chiyoko....quero ter certeza que ela esta viva.
Disse ele.

Akimoto se calou quando ouviram as tropas atrás deles.

- Eles foram pelas escadas , vamos.
Diziam acompanhados dos barulhos de passos.

Após subirem as escadas , encontraram um corredor com dois lados para irem.

- Certo Akimoto , eu vou pela esquerda e você pela direita.
Disse Hitoshi já indo deixando Akimoto sem responder.

- Como se eu pudesse escolher.
Disse Akimoto indo pelo lado oposto de Hiroshi.

- Ali ! Eles estão indo pela direita !
Disse um soldado após subir a escada.

- Por que tinha que ser eu ?!?!?
Disse Akimoto correndo.

- Vamos.
Disse todos soldados indo pela direita. Desct sabia que Hiroshi tinha ido pelo outro lado , aliás era oque ele pressentia. Esperou todos soldados irem pela direita , para ir sem vestígios à esquerda.

Hiroshi adentrava pela área pela base , não sabia se tinha ido ao lado certo. Mais tinha confiança de que indo por ali , estava certo.

- Chiyoko..aguente firme...eu estou indo te salvar.

Enquanto isso , Akimoto fugia  pelo corredor  quando parou desolado. Não tinha saída por ali , e não podia voltar , eram muitos para seus espinhos.

- Oque eu faço agora ?
Diz olhando para atrás vendo a tropa se aproximar.

- Oque eu...
Olha para seu lado e vê uma sala e resolve entrar nela.
- Que não me achem aqui...
Dizia olhando pela fechadura da porta.

Ele pôde ver dali que a tropa parou no fim do corredor.

- Aonde ele foi ?
Disse um soldado.

- Deixem ele...olhem o Desct não está conosco , deve ter ido pelo outro lado.
Disse o súdito de Desct.
- vamos acompanhar ele.
Diz levando a tropa em direção ao Desct.

Depois que a tropa se foi Akimoto não saiu da sala , era perigoso demais. Mais foi parar de olhar pela fechadura que percebeu que a sala aonde se encontrava era um puro breu  , não conseguia ver nada.
Mal sabia Akimoto que ele estava no quarto da princesa Soya Hitoshi.

Hiroshi achava a ala das selas. Correu então pelo corredor a procura da sela de Chiyoko.

- Sabia que estava certo....
Dizia quando viu Chiyoko numa sela aberta no fim do corretor.

- Chiyoko !
Gritou e começou a correr , mais sua visão ficou turva.

- Oque esta ...acontecendo ?
Diz ficando tonto.

Hiroshi se viu num campo totalmente branco.

- aonde estou ?
Diz se levantando olhando ao redor.

Uma voz surgiu do além , estranhamente aquela  voz lhe Pareci familiar.
- Hiroshi....Hiroshi....

- Quem  é ? Quem esta aí ?
Perguntou Hiroshi.

- você cresceu muito....
Uma mulher com um cabelo verde apareceu em sua frente.
- ... Filho.

- Filho ? .....Mãe ?
Disse Hiroshi num salto.
- Oque esta fazendo aqui ? Oque estou fazendo aqui ?

- Esta na hora de termos uma conversa.

           Enquanto isso...
Akimoto estava andando pelo quarto quando pegou em algo mole e fofo.

- Oque é isso ?
Aperta aquilo fofo.

A luz acende e Soya Hitoshi aparece na frente de Akimoto. Aquilo fofo era seu peito.

- Des..desculpa.
Solta rapidamente.

Ela abre os olhos , eram magníficos , um com uma cor vermelho e outro azul , os dois agora estavam  o fixando.

- Akimoto Fukida .
Disse ela numa voz angelical.
- Seu amigo corre perigo.

Akimoto gelou completamente .
Como ela poderia saber seu nome ?
E mais , como poderia saber que estava acompanhado. Hiroshi estava mesmo  em perigo ?

- Como você sabe meu nome ? Perguntou Akimoto.

- Eu sou Soya Hitoshi , uma meia Green, meia humana. E eu tenho o dom de prever o futuro.
Disse ela o olhando.

- Confie em mim , seu amigo está em sérios perigos com um mau do passado.

Nesse meio tempo Hiroshi foi levado para um cenário  que não  conhecia. Era uma casa com a porta da frente aberta.

- Hiroshi , meu filho , tudo oque deseja saber , está adiante dessa porta.
Disse ela.

- Tudo oque ...desejo saber ?
Disse Hiroshi baixo.

- Sim...tudo.
Quando Hiroshi entrou o fundo sumiu.
Tudo se dissolveu, não havia mais fundo branco. Hiroshi não sabia aonde ia , mais continuou em frente.


Notas Finais


Notas do autor :
Que coisa !.
Mais um capítulo concluído !.
Eu nem sei oque comentar sobre esse capítulo , muitas reviravoltas. Espero que estejam gostando.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...