História Sem ele não sou nada! - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 2
Palavras 1.247
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Hello!

Capítulo 4 - Chama o samu!


Fanfic / Fanfiction Sem ele não sou nada! - Capítulo 4 - Chama o samu!

Fomos andando até o rio, cheguei lá todos já estavam na agua, eu dei uma fuga neles e subi ate a pedra, o Kota vê e se desespera:
   -O que aquela índia doida ta fazendo ali?!
   -Ela vai pular como sempre.-Disse a Nika.
   -EU NÃO SOU ÍNDIA!-Gritei de lá de cima.
   Dei um pulo, meu corpo caia, ate que eu toquei a agua, o Kota ficou paralisado:
   -T...Thyngui?
   -Hey!-Dei um pulo pra fora da agua.-Tacharam!
   -Doida.-Disse o Toki.
   -Talvez.
   Voltamos a brincar dentro da agua, o Toki me colocou nos ombros e começou a correr, depois me derrubou, eu empurrei ele e joguei água no rosto dele, o Kota ficava parado na ponta, só observando.
   Todos se divertiam de boas, ate que eu comecei a me sentir tonta, então como doida fui ate lá em cima de novo e pulei, no que eu pulei e cai na agua, eu me levantei, mas acabei desmaiando.

   Kota on...
   A indiazinha caiu na agua, e como todos estavam distraídos ninguém sentiu a falta dela, eu então fui me aproximando, ate que encontrei o corpo dela caido, e boiando, eu peguei ela no colo, todos então notaram o que tinha acontecido:
   -Meu deus, Lalu!
   -Calma Nika.-Disse o Tyu abraçando ela.
   Eu a deitei na pedra, o Toki segurava a cabeca dela.
   Eu comecei a fazer massagem cardíaca nela:
   -Vamos! Reaja! Reaja!
   Eu paro e encosto o ouvido no peito dela:
   -Meu deus, rápido! Reaja!-Volto a fazer massagem cardíaca.
   -Meu deus.-A Nika estava desesperada abraçada no Tyu.
   Eu então tiro o cabelo do rosto dela e faco um boca a boca, e volto a fazer massagem cardíaca, e nada, então faco boca a boca de novo, ela então acorda, cuspindo a agua pra fora:
   -Indiazinha!-Eu abraço ela mas logo me separou.
  
   Thyngui on.
   Ele me abraça mas se afasta, eu me levanto com calma olhando em volta, então me lembro do que houve, o Jim e a Nika me abraçam junto com o Kyu.
   Eu tento me levantar mas estou um pouco tonta, sem perda de tempo o Kota me pega nos bracos e me leva ate a casa da dona Rosa.
   Ele me senta na mesa:
   -Obrigada Kota.-Dou um sorriso tímido.
   Ele devolve com um sorriso ainda melhor, e mais encantador, começo a corar, ele tambem.

    Jim on...
   Não acho mada legal tudo isso!
   -Kyu, não sei como pode estar calmo quando a Thyngui ta lá a sós com aquele ...aquele...Abusado e safado duma figa!
   -Calma Jim! Entenda que ele salvou a vida dela!
   -E ela quer agradecer da melhor forma possível.-Diz a Nika. (Jim: Do melhor jeito? Melhor jeito?! Imagino o que deve ta rolando naquela casa! (◎_◎;) Nika: o mané, parece ate que não conhece a Lalu, ela nunca faria isso! (¬_¬) -Kyu: Verdade, mas que mente poluída em Jim! ͡° ͜ʖ ͡°   )
   -Querem saber? Eu vou lá e vou falar tudo o que sinto pra ela!
   -Que?!-Gritaram eles.
   -Isso...Ela vai me entender!
   Eles se olham por alguns segundos, e quando viram! Pum! Eu já tava correndo ate a casa da Thyngui.
   Eu cheguei lá o Kota ainda tava lá, ela estava sentada em cima da mesa, eles estavam corados, não..não me diga que....Calma, ele ta saindo!
   Eu me escondo e assim que ele sai eu entro na casa:
   -Thyngui?
  
    Thyngui on....
    -Oi?
    -Tudo bem?
    -Sim, então, o que foi?
   Ele respira fundo:
   -Tenho uma coisa ora te falar.
   -Diga me, o que foi?
   -Eu te amo.
   -Woooooon que fofo, eu também maninho!
   -Não, você não ta entendendo, eu te amo, te amo como mulher! Thyngui eu te cortejo faz tempo e você não percebeu! Eu então vou logo falar que te amo! E não suporto aquele idiota te paparicando tanto assim!
   -M..Mas Jim.
   -Eu te amo e isso não vai mudar!-Ele me beija.
   Eu me Afasto:
   -Jim...Eu...Eu não te amo desse jeito, por favor, entenda, eu...te vejo como meu maninho, meu irmão e nada mais.
   -Eu já sabia que você iria falar isso, só queria confirmar, e tirar esse peso de dentro de mim.
   -A Jim!-Eu abraço ele.
   Ele sai, não entendo, o Jim, logo meu maninho! Eu vejo pela janela a Nika, ela parece preocupada:
   -Lalu!
   -O que foi Nika?
   -O Kota e o Jim, eles estão estranhos.
   -Estranhos como?
   -O Kota esta irritado e Jim, bom o Jim e o Kyu foram pro bar.
   -Pro bar?!
   -O que foi Lalu? Você sabe de alguma coisa?
   -Sei sobre o Jim.
  
   Kota on.
   Eu dei as costas mas senti alguem passar por trás de mim. Eu olho pela janela , e vejo de longe o Jim falando com a indiazinha, eles conversam e se beijam, mas ela se afasta deles, e depois ela abraça ele, o que sera que ta acontecendo lá? E que pouca vergonha e essa? Por que essa indiazinha me irrita tanto? Porque ela mexe tanto assim comigo?! Ate mais que a Chiu, sera que e por ela ser exatamente parecida com ela? É, isso me preocupa, e raro achar alguem ao parecida com ela.
   Mesmo assim isso ainda ame irrita! Eu saio andando e vejo a Nika, passo direto e me sento na beira do rio, sem falar nada, isso me irrita! Me irrita muito!

   Jim on..,
   Uma rejeição do amor da sua vida, até que eu to bem, eu ando com um pequeno sorriso que aos poucos se desmorona, encontro o Kyu e falo pra ele o que houve, puxo ele ate um bar, e lá ficamos bebendo, sim...tenho que esquece a pequena índia.

   Thyngui on....
   -Dai ele saiu...
   A Nika me olha apavorada:
   -Ta querendo me matar não e?
   -Não.-Digo rindo.
   -Enfim, eu vou lá ver se acho os dois cornos.
   -AiAi só você viu Nika.
   Eu me levanto, espero a Nika se distanciar e saio, vou ver o que o doido e revoltado do Kota tem.
   Eu encontro ele sozinho, parado na beira do rio:
   -K..Kota?
   Ele vira:
   -O que foi indiazinha?
   -HAAAAAAAAAAA! EU JA DISSE QUE NAO SOU ÍNDIA!
   -Ta bom! Calma não precisa gritar!
   -D..Desculpa, e que não entendo o porque me chama de índia!
   -Porque,-Ele se aproxima.-Você parece-Ele se aproxima mais-Uma.-Ele me ergue no ar.-E não sei o que faria se você tivesse morrido.
   -C...Como assim?
   -Eu iria embora, e também, eu preciso de alguem pra mim encher o saco!
   -Aé é?
   -É.
   Eu jogo agua no rosto dele, ele começa a correr atrás de mim, eu pulo no rio e começo a jogar agua nele, ficamos brincando de correr de um lado pro outro, parecíamos dois doidos, ele e incrível....EM?! NÃO NÃO DISSE ISSO!
  
   Murynji on...
   -Ei, vocês perceberam que a índia e o Kota estão tao próximos?
   -Verdade.-Disse o Toki meio bravo.
   -Finalmente o Kota esta olhando pra outros garota, melhor do que ele ficar revivendo aquele momento ruim.-Disse o Tyu olhando a Nika de longe.
   -E parece que vice também.-Disse o Murynji.
   -É...talvez...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...