História Sem querer amei você. - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Personagens Originais, Suga
Tags Bangtan, Boys, Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, K-pop, Rap Monster, Suga
Exibições 505
Palavras 1.006
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura :)

Capítulo 5 - A RESPOSTA


Fanfic / Fanfiction Sem querer amei você. - Capítulo 5 - A RESPOSTA

Graças a Deus era sábado. Só trabalhava até as duas. Antes mesmo de levantar para tomar banho me veio a recordação que Suga havia ignorado minha mensagem. Não era a primeira vez que ele havia feito isso, mas eu continuava mantendo as esperanças. Peguei meu celular para checar se não havia nada e me deparo com duas notificações. Uma dizia que J Hope havia visualizado minha mensagem e a outra era... Uma mensagem dele?! Meus olhos se arregalaram. Eu não acreditava no que via. Meu coração começou acelerar e eu suava frio. Cliquei em cima da notificação e a mensagem dele dizia: " Me lembrei de você porque te achei uma garota legal haha. Vamos ter outras oportunidades para tirar a foto e eu não posso esperar para isso. Eu que agradeço pelos sorrisos e carinho por nós. Se cuide e até mais!" Fiquei ali parada, com o celular na mão, sem saber o que fazer. Eles nunca haviam me respondido antes! Foi uma sensação única. Eu pensei em responder de volta mas achei que seria demais e ele me acharia uma chata. Fui tomar banho e a mensagem dele não saía da minha cabeça. Peguei o ônibus para o trabalho e durante todo o caminho até lá eu ficava lendo sua mensagem. Chegando lá a Sra. Kyung-Soon não estava.
  - Onde ela está? - Perguntei a Sra.  Yang Mi. Uma senhora gentil que trabalha na cozinha da cafeteria.
  - Ela só deixou recado dizendo que não vinha hoje. 
Assenti para ela e me virei para colocar o avental. O que deu no mundo hoje? J Hope me respondeu, a Sra. Bruxa-Soon não vem me atormentar... Estou até estranhando. O dia na cafeteria foi normal, porém com uma nuvem branca por a Sra. Kyung-Soon não está lá. As duas da tarde, quando eu estava saindo, Taeyang estava lá na frente. Era outra tradição que tínhamos. Aos sábados sempre íamos para o cinema, ou shopping ou um para casa do outro para conversamos e nos divertirmos. Cumprimentei ele e entrei no carro.
  - Você não vai acreditar - Eu disse pegando o celular 
  - O que houve agora? - Ele ligava o carro. 
  - Espera. Não dirige ainda. Lê isso - Não conseguia esconder o sorriso no meu rosto.
  - O que?! Não é possível! - Ele sorria e me olhava com cara de "não acredito" 
  - E mais... A Sra. Kyung-Soon  não veio hoje! Fala se o mundo não está girando melhor para mim.
  - E você não mandou mais nada para ele? - Agora ele já ligava o carro e dava partida. 
  - Não! Eu vou falar o que? Ele vai me achar uma chata por mandar várias mensagens para ele só porque ele me respondeu.
  - Tem razão. Mas você pode esperar até amanhã e daí manda algo.
  - É, pode ser. Não sei ainda. Eu queria que tivesse outro show deles só para eu ir vê - lo e saber qual seria sua reação.
  - Huum olha só! Mudou de bias foi? - Ele sorria e olhava para a rua.
  - Não eu só... Só queria vê - lo - Eu tentava esconder a vergonha mas não dava. 
  - Sei... Só vê - lo. Tá bom - Ele ria e eu não sabia onde enfiar tanta vergonha. Eu precisava falar mais com ele. Mas o que eu falaria? Será que ele me responderia de novo? Eu não sabia o que mandar.
Acabamos indo para o shopping. Andamos por lá, tiramos fotos e sentamos para comer. 
  - O que você acha que eu devo mandar? - Perguntei 
  - O que? - Eu o encarei e ele mordeu o sanduíche e sorriu - Eu não sei. O que você quer perguntar para ele?
  - Tudo né Taeyang!
  - Mande algo perguntando sobre um show ou festival, não sei.
  - Eu vou mandar isso? Não né! Tem que ser mais do que isso.
  - Então diga para ele que no show da semana que vem você estará lá e cobrará pela foto. 
  - Mas o show da semana que vem é horas longe daqui. Não sabemos se vamos - Ele apenas me olhou e sorriu mordendo seu lanche - Você vai dirigir até lá por mim?! Você é demais! 
  - Não é só por você. É pelo show também ok? - Mas ele sorria com cara de " Me Agradeça porque é mais por você mesmo" 
Peguei o celular e minhas mãos já  começaram a suar antes mesmo de eu começar a digitar. 
"Estarei no show que farão na cidade ao lado semana que vem. Vou cobrar pela foto" e mandei. 
  - Pela cara já mandou né? - Ele ria. Eu balancei a cabeça - Eu só acho que você gosta dele.
  - Eu só fico nervosa. Mas sabemos que meu bias é o Suga - Eu não tinha certeza do que falava.
  - Se você diz... Não vou perder tempo discutindo com algo que vejo - Ele tentava me provocar.
  - Ta bom Sr. Sabe Tudo! 
Terminamos de comer e fomos para minha casa. A tarde já caía e nós estávamos na minha sala vendo séries. 
  - Eu já estou com fome de novo - Ele disse com a mão na barriga e fazendo cara de cachorro.
  - Vou preparar alguma coisa para gente comer - E acabei rindo com sua cena.
Fui para cozinha e peguei pipoca de microondas, sucos e o que mais eu tinha. Enquanto eu esperava a pipoca ficar pronta Tae entra na cozinha com cara de assustado e ao mesmo tempo com um meio sorriso nos lábios.
  - O que foi? - Perguntei 
  - Acho que você vai querer ver com seus próprios olhos - O sorriso dele se alargou mais e ele me entregou o meu celular. Assim que peguei meu coração acelerou. J Hope me respondera. De novo.


Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Conto com seu like e comentário
Até o próximo capítulo :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...