História Sem querer, me apaixonei...- Vhope, Jikook, Namjin - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Colegial, Drama, Jikook, Jimin Bottom, Jimin Uke, Jungkook Seme, Lgbt, Namjin, Romance, Tehvalleri, Vhope, Yaoi
Visualizações 239
Palavras 961
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense, Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Como a pessoa maravilhosamente retardada que sou, eu acabei apagando esse capítulo.

Sorte que eu tinha uma cópia salva.

Capítulo 20 - You make me begin


Fanfic / Fanfiction Sem querer, me apaixonei...- Vhope, Jikook, Namjin - Capítulo 20 - You make me begin

*Anteriormente...*

“Mas eu não podia ir, pelo Hoseok. Ele tinha salvado a minha vida. Eu o amava, tinha certeza disso. E nesse momento ele era a esperança. A minha esperança.”

 


Você me faz começar
Você me faz começar
Você me faz começar
(Sorria comigo, sorria comigo, sorria comigo)
Você me faz começar
(Sorria comigo, sorria comigo)
Eu não aguento mais
Porque você está chorando
Eu quero chorar no seu lugar
Embora eu não possa
Você me faz começar
Você me faz começar
Você me faz começar
(Chore comigo, chore comigo, chore comigo)
Você me faz começar
(Chore comigo, chore comigo)

(Begin - BTS)
 

POV TAEHYUNG OFF

POV HOSEOK ON

Estava ainda na sala de espera com o Kookie quando um médico veio falar comigo sobre a situação do Tae.

Md: A situação ele é grave. O Taehyung está respirando com o auxílio de aparelhos, a pancada foi muito forte.

Jk: É... Hoseok?

Hs: Mas ele vai ficar, bem não é?

Jk: Hoseok...

Md: Isso vai depender dele.

Jk: Hoseok!

Hs: O que foi?

Jk: Alguém entrou no quarto onde está o Tae. E não foi um médico.

Me viro juntamente com o médico e vejo alguém saindo do quarto onde o Tae estava. Ah não.

Hs: Vamos rápido, ele fez alguma coisa, eu tenho certeza, por favor, vem logo. –Puxei o médico até a sala.

Md: Chame mais médicos, por favor.

Jungkook assentiu e foi correndo procurar outros profissionais, avisando também a recepcionista para que ela chamasse algumas pessoas.

Md: Ah, não, não, não! Alguém desligou as máquinas! – Uma médica entrou na sala–Rápido, me ajudem!

Md2: O que aconteceu?

Md: Alguém desligou as máquinas.

Md2: Ele não está respirando. Eu não estou sentindo sua pulsação. –A médica começou a fazer massagem cardíaca no Taehyung, mas ele nem ao menos se mexia. –A massagem cardíaca não está funcionando.

O médico pegou uma máquina que estava ali próxima, reconheci pelo que eu tinha visto apenas nos filmes. Ligou a máquina e colocou sobre o peito de Taehyung, que com o impacto do choque se impulsionou para cima, mas não deu nenhum resultado.

Md: Aumente a potência!

A médica aumentou a potência e tentou mais uma vez. Nada. O corpo de Tae estava o mesmo jeito, desacordado. Eu já chorava como uma criança que via algo de mal acontecer e não podia fazer nada.

Hs: Por favor, por favor Tae, você consegue... por favor... –Eu sussurrava rezando para que Tae respondesse, ele iria conseguir, eu sabia disso.

Md: Aumente denovo. –Ela aumentou a potência e tentou novamente.

Md2: Só mais uma vez... –Ela me olhou com um olhar preocupado e compreensivo.

Hs: Vai Tae, por favor...

A médica respirou fundo e colocou mais uma vez o aparelho sobre Taehyung.

Ele respondeu. Ele acordou!

Hs: TAE! –Minhas lágrimas que antes eram de desespero e tristeza caiam agora de alegria, a alegria de ter o Tae de volta, o meu Tae de volta, o Tae que eu nunca mais deixaria escapar os meus braços.

POV HOSEOK OFF

POV JIMIN ON

Estava em casa nervoso e doido pra saber o que tinha acontecido com o Taehyung, quando senti meu celular vibrar no sofá ao meu lado.

-Mensagem on-

Biscoitinho da mamãe: Park? Você está ai? –O Jungkook? Que estranho.

Jm: Sim, to aqui. Diga.

Calma. Deixa eu respirar.

Jm: Não, não tenho. Porque?

Biscoitinho da mamãe: Você se importa de sair comigo? Quero te levar em um lugar.

Jm: Você está me chamando pra sair?

Calma, Park. Respira.

Biscoitinho da mamãe: Talvez?

Jm: Precisa treinar mais quanto a isso.

Biscoitinho da mamãe: Aceita logo antes que eu mude de ideia, Park.

Jm: Ok, então.

Biscoitinho da mamãe: Passo amanhã aí às 19:00.

Jm: Ok. Até mais.

-Mensagem off-

POV JIMIN OFF

POV NAMJOON ON

Jin acabou adormecendo enquanto assistia às fitas, a coisa mais linda de se ver.

Jn: Nam... deixa eu dormir com você... por favor... –Ele diz manhoso, ainda dormindo.

Nj: Eu tenho que te levar pra casa, Jin...

Jn: Por favor...

Nj: Tudo bem. Eu vou ligar pra sua omma, ok? –Ele apenas assentiu de olhos fechados.

-Ligação on-

Nj: Sra. Kim? A senhora se importa de o Jin passar essa noite comigo?

Sra. Kim: Tudo bem, não tem problema, Namjoon. E é Haru.

Nj: Ok, obrigada SENHORA KIM. –Ela riu do outro lado da linha.

Sra. Kim: Você não tem jeito mesmo. Até mais.

-Ligação off-

Levei Jin até minha casa e o deitei em minha cama, mas assim que iria me afastar, senti ele me puxar pra perto.

Jn: Ei, volta aqui... -Ele começou a me beijar intensamente, arranhando meu abdômen por cima da camiseta. 

Passei a deixar leves chupões e mordidas pelo seu pescoço, fazendo ele arquear as costas. 

Em um movimento rápido Jin ficou encima de mim e começou a rebolar lentamente no meu colo.

Nj: Awwwn Jin...

Ele desceu minha calça junto com a box que eu usava e colocou oque cabia do meu membro em sua boca, fazendo movimentos de vai e vem. 

Eu estava me afogando nele. Sua personalidade doce, porém forte, o modo como fica vermelho quando está com vergonha, os seus dedos em minhas covinhas sempre que me via sorrir, seu sorriso maravilhoso, tudo. 

E eu estava disposto a afundar naquele mar que ele era, me aprofundar cada vez mais em seus sentimentos, medos, mistérios e dúvidas, queria descobrir seu passado e fazer parte de seu futuro, queria ser alguém especial pra ele assim como ele era pra mim.

Com um ato final de Jin, eu cheguei ao meu ápice, sentindo ele cair ao meu lado também ofegante. Iria retribuir, mas ele me impediu.

“Jn: Agora, eu estou cansado pra fazer ou receber qualquer coisa, mas na próxima, você é quem vai fazer isso...”

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...