História Sempre ao seu lado - Hunhan - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Tags Drama, Hunhan, Romanse, Sobrenatural, Yaoi
Exibições 34
Palavras 627
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Lemon, Luta, Sobrenatural, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oieeee espero que estejam gostando :3 eu acabei esquecendo de falar uma coisa no capítulo anterior. Quando estiver:
[------------ Luhan ------------] = Luhan está narrando;
[------------ Sehun ------------] = Sehun está narrando.
Só pre deixar claro mesmo jdjjdjdk enfim espero que gostei desse capítulo. Se tiverem críticas construtivas podem deixar nos comentários. Muito obrigada a quem acompanha :3 <33

Capítulo 2 - Sempre ao seu lado


Fanfic / Fanfiction Sempre ao seu lado - Hunhan - Capítulo 2 - Sempre ao seu lado

[------------ Sehun ------------]

Não havia dormido nada naquela noite, naquela e nem em nenhuma outra praticamente, apenas fiquei olhando para o lindo rosto naquele garoto que eu nem sabia o nome. O observava dormir calmamente quando o vejo começar a murmurar, se debater e a suar frio. 

— Ei... garoto — Cutuco ele — Você está bem ? Ei.... — Ele abre os olhos espantado — Calma, calma foi só um sonho... eu to aqui — O abraço e sinto ele retribuir. O acalmo e sorrio para ele — Qual seu nome pequeno ? 

— M-me chamo L-Luhan... e você ?

— Você tem um nome muito bonito sabia ? — Sorrio — eu me chamo Sehun — Penso um pouco — Será que eu poderia te chamar de Hannie ? — Digo e ele sorri envergonhado

— Claro hunnie 

— Hunnie ? — Sorrio — Você tem quantos anos pequeno hannie ?

— Eu tenho 16.... e você quantos anos tem ?

— Tenho 18 — Dou um sorriso para o mais novo

— UM HYUNG! — Diz ele animado pulando em mim 

— Calma pequeno — Rio o segurando — E como eu sou seu hyung vou cuidar muito bem de você — O abraço e o olho — Falando nisso está com fome ? — Pergunto e ele faz um sim com a cabeça — Então vem, vamos comer — O pego no colo novamente 

— Hyung eu já sarei — Diz ele em um tom fofo — por que está me pegando no colo ?  

— É porque eu gostei de pegar você no colo — Sorrio 

— Ah, tudo bem então — O mais novo diz e deita sua cabeça em meu ombro. O levo até o refeitório o sentando em uma das mesas. O olho e noto que ele estava um pouco assustado 

— O que foi pequeno ? — Pergunto em um tom doce 

— É q-que eu n-não gosto d-de muita gente h-hyung... tenho medo — Ele me olha com aquela carinha fofa e eu tenho vontade de apertá-lo 

— Não precisa ter medo eu estou aqui para te proteger... o que você quer comer ? 

— Tem misto quente hyung ? 

— Sorrio — Tem sim, vou fazer para você... já volto — Bagunço seu cabelo e vou lá fazer. Quando chego perto da bancada o "líder" da escola me para — Ah, qual é cara o que você quer ? — Reviro os olhos para ele 

— Quem você pensa que é para revirar os olhos para mim ? Gayzinho de merda — Diz o garoto segurando na gola da minha camisa. Não consigo me conter e lhe dou um soco no rosto. Ele se vira para mim novamente e faz um sinal para seus amigos que começam a me bater. 

— PAREEEMM!!! — Todos olham para o lado e vejo que havia sido Luhan que havia gritado e faço um sinal de não com a cabeça para ele sair dali.

— Ah, esse é seu namoradinho ? — Diz o líder rindo e o joga contra a parede

— Não encoste NELE!! — Fico irritado e o jogo para longe. Volto a olhar para Luhan e o vejo assustado — Desculpa pequeno... e-eu só queria te proteger — Olho para o chão e sinto os amigos dele me baterem novamente 

— NÃO, PAREM, PAREM — Diz o mais novo chorando tentando impedi-los. Um dos garotos o pega e o arrasta até o final do refeitório o impedindo de me ajudar. Ele berrava muito para que parassem, mas eles simplesmente não ligavam. Eles me batem até que minha consciência fosse perdida e liberam Luhan saindo dali. 

[------------ Luhan ------------]

O garoto finalmente me solta e corro até Sehun 

— Hunnie ?!... hunnie — O cutuco tentando acordá-lo — Hyung por favor acorda... hunnie...— Vejo que ele não acordaria e o pego com dificuldade no colo. O levo para o dormitório e o deito na cama. Pego a caixa de primeiros socorros e cuido de seus ferimentos. Após cuidar dele fico ajoelhado do lado de sua cama e acabo pegando no sono.


Notas Finais


Acho que esse capítulo ficou um pouco curto, mas espero que vocês tenham gostado :3
Bbbjjjjjssssss xau xau
Ps: provavelmente eu poste os capítulos nas segundas e quintas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...