História Sempre ao seu lado... - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts Army Viagem Kawaii
Visualizações 29
Palavras 1.125
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Famí­lia, Ficção Científica, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Pessoal, mais um capítulo 😍

Capítulo 2 - Guarras afiadas.


Fanfic / Fanfiction Sempre ao seu lado... - Capítulo 2 - Guarras afiadas.

Cece POVs

Kim Namjoon, ( O semi Deus da faculdade ), todos os adjetivos, que eu tentasse adicionar a esse discurso, seriam poucos, para descrever a sua altura, seu corpo e a maneira como ele me pôs nós seus braços. Não consegui raciocinar direito, agarrada a ele, vendo o suor descendo pelo seu pescoço, a sua respiração, a maciez de sua pele, a leveza do seus lábios e ainda sentindo a força dos seus músculos.

Eu imaginei tantos fetiches, que minha cabeça doeu, me situei, quando ele abriu a porta de uma sala. Havíamos chegado a enfermaria...

Kim Namjoon - hooooope, ajuda aqui, ela levou uma queda, a peguei mas ela não conseguia falar nada.

J- Hope - deixe-me ver, calma, não é necessário todo esse alvoroço , não há nada que um bom curativo não resolva, você está legal?

Cece - estou, agora estou bem melhor, obrigada. Obrigada você também.

Digo olhando pra Namjoon, a propósito, a todo o momento, eu olhava pra ele, parecia que eu havia entrado em um tipo de transe, nós dois estavamos fazendo, uma refeição cerebral, apenas com o olhar, até que ele lembra de uma reunião com os líderes estudantis, ele era um dos!!!

Namjoon - tenho que ir agora, Hope cuida dela, e você senhorita, fique saudável. A propósito sou o Kim Namjoon...

Eu realmente estava disnorteada, mas, aos poucos, fui melhorando, conversei muito com o hoseok ou Hope, como ele mesmo preferia que o chamassem, fui aproveitando a oportunidade, para falar sobre o curso, eu era iniciante, mais ele já estava no 4° período de medicina, e atuava na infermaria da universidade, para constar em seu histórico escolar, ficamos um bom tempo conversando, até que eu fui liberada.

Cece- obrigada por tudo Hope, posso vir conversar com você mais vezes?

Hope- claro que sim, estarei a sua disposição. Só cuidado com as " quedas".

Fiquei um pouco sem graça, mas acho que aquele, seria o início de uma boa amizade, hoseok também era lindo, mas a chama do fogo se acendia com o Kim, eu só queria aquele homem, na minha cama, pra eu poder arranhar, amassar e morder em todos os lugares.

Finalmente cheguei ao meu corredor, quando me deparo com o Kim, no maior amasso com uma menina, que mais parecia um protótipo de Barbie, ela chupava seu pescoço, enquanto ele se revirava. Fiquei ali olhando aquela cena deplorável, até que alguém me puxa pelo braço.

Laura- Puta que pariu cee, o que aconteceu com a sua perna? Foi por isso que você demorou ?

Cece- Laurita, eu vou te explicar tudo, mas agora, nós precisamos entrar.

Namjoon POVs

Eu tinha acabado de sair de uma briga terrível com o meu pai, sempre estamos em conflito, ele não aceitava o fato, deu ter escolhido, a medicina, ao invés de assumir sua empresa. Saí com a minha mãe, que me deixou na faculdade, eu estava muito ansioso, já tinham me qualificado, como líder da sala, mesmo sendo trabalhoso, eu estava feliz pelo cargo. Quando vou entrando vejo uma menina, despencar do 2° andar, Puta que pariu a queda que ela levou foi terrível, todos estavam rindo e ela não se levantava, até que fui até lá, perguntei se ela estava bem, mas ela não conseguia falar, eu a peguei nos braços e ela era linda de mais, ela se agarrou a mim de um jeito...

Sua cabeça estava no meu pescoço, pude sentir sua respiração e meu membro ficando duro, preciso me controlar, até que chegamos a sala do meu amigo Hope, a coloquei na cama da enfermaria e não conseguia parar de olhar para ela, seu rosto era o botão recete, que apagou meus problemas. Infelizmente não pude ficar, nos despedimos, e disse pra ela ficar saudável, durante todo o debate com a grade estudantil, só conseguia pensar no quanto eu a desejava, até que achei sua ficha; Cecília Montez, vi o número do seu quarto, e sim eu irei vê-la, vou andando pelo corredor, quando vejo a Tracy, minha ex namorada do colégio.

Tracy- sabia, que eu iria te encontrar Nam, temos tanto pra conversar!!

Namjoon- temos? pelo o que me lembro nós encerramos todos os nossos assuntos.

Tracy- não seja malvado Nam. Eu te amo tanto, aposto que não se esqueceu de como a gente fazia...

Ela aperta o meu membro, e começa a chupar meu pescoço, ainda que continuasse linda, não havia nenhum sentimento da minha parte.

Namjoon- ei, ei, ei Tracy, para com isso.

digo a afastando.

Tracy- vem cá o que é que tá havendo com você?

Namjoon- nada! só acho que passamos dessa etapa, não adianta tray, mesmo tentando, sabemos que as coisas não vão dar certo, como antes. agora eu preciso ir tá.

Falei a verdade para ela, apesar das loucuras, tinha um bom coração, não podia enganala, por ela só sentia mesmo, prazer sexual.

Cece POVs

Depois de explicar tudo pra Laura, decidi me arrumar, e ficar linda, para ir ao refeitório, por mais que eu estivesse triste pelo Namjoon, tinha que comemorar, pela bolsa integral, eu ralei muitooo, minha família não era rica, aliás, dificuldade era o meu segundo nome, então, estar naquele lugar era uma vitória, e a oportunidade que eu tinha, para ajudar meus pais, então, coloquei um vestido azul, e fui andando com Laura.

Tracy- Ei, espera, você é a cece?

Cece- sim, sou eu mesma, você é?

Meu Deus era o projeto da Barbie Polyana, quando me dei conta, minha garganta secou!

Tracy- muito ousado um vestido curto, quando se está com a perna cheia de creca, não acha?

Tracy- olha aqui vou dizer uma só vez, quero você longe do Kim Namjoon, ou com a posição que eu tenho, sua pobretona, te mando de volta pro lixão, de onde você saiu. Não me subestime, seria um prazer ser a vilã da sua histórinha, eu já te estudei, se aproxima dele e eu acabo com você.

Depois de tudo aquilo que eu ouvi, me senti um lixo de verdade, as lágrimas caiam como a chuva caí, me desculpei com a minha prima, e me tranquei no meu quarto, só de pensar que eu teria que lidar, com pessoas como aquela menina, egoístas e preconceituosas, eu sentia náuseas, mais tive que me fortalecer, pois em todo lugar, existiam pessoas assim. De repente escuto a porta bater, será possível, eu pedi pra Laura me deixar só. Mas quando eu abri...

Namjoon- oi cece, eu tô com seus horários e eu, espera, você tava chorando?

Cece- eu só tô sentindo falta dos meus pais, mas obrigada, pelo meu horário, você ia falar mais alguma coisa?

Namjoon- eu, eu... eu ia fazer isso!

ele entra, fecha a porta do meu quarto, e começa a me beijar!!!


Notas Finais


Gente desculpa pelo capítulo pequeno, ainda estou pegando o jeito, mais uma vez espero que gostem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...