História Sempre Juntos - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Luna Valente, Matteo, Personagens Originais
Tags Gastina, Jico, Lutteo, Pelfi, Simbar, Yamiro
Exibições 122
Palavras 998
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Romance e Novela, Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oieeeeeeee anjinhos!!!! Como vocês estão?
Desculpem os erros. O teclado do meu celular é uma merda com M maiúsculo

Capítulo 5 - "Decepção Amorosa"


 Matteo não sabia o que fazer ele a ama muito, foi como uma terrível e dolorosa facada no peito, de acordo com Matteo, a questão é que ele a ama muito para poder abrir mão da amada.

-Ah, me desculpa... eu... eu não sabia. 

-Você não tem culpa.-Matteo levanta-se.

-Se me dá licença-Ele diz caminhando para dentro do orfanato. Matteo corre para o seu dormitório e se joga em sua cama, ele fecha a cortina para ninguém o ver chorando. Muito tempo depois Matteo acaba cochilando. 

 Na cozinha todos estavam sentados nas cadeiras esperando Matteo. Luna e Sofia já estavam ficando preocupadas.

-Alguém sabe onde o Matteo está?-Âmbar pergunta e todos negam.

-Eu sei um jeito de chama-lo-Sofia diz-Ôh MAURÍCIOOO EU COMPREI TRÊS CHOCOLATES PARA VOCÊ!

-Isso não vai funcionar-Âmbar diz.

-Não é?-Sofia aponta para Matteo diz que estava com o cabelo bagunçado olhando para os lados.

-Cadê? Cadê? Chocolate? Onde?-Ele pergunta tudo rápido fazendo todos menos Simon rirem-Qual é Sofia Carson?

-Eu? Eu sou tão santinha...

-Hum sei!-Ele diz virando ás costas.

-Onde vai?-Ela pergunta.

-Dumi-Ele diz com voz de bebê. 

 -O bebêzinho não vai "Dumi" não.

-Porquê? 

-Você não vai almoçar?

-Ah, tudo bem-Matteo senta-se coloca uma de suas comidas prediletas; Arroz, estrogonofe de frango e batata palha. Matteo degusta ao poucos a comida.

-Matteo? -Âmbar pergunta. 

-Oi.

-Você sabe?

-O que? Que eu sou o garoto mais lindo do mundo? -Ele diz e todos riem-O que foi? Virei palhaço agora?

-Você realmente é o garoto mais lindo do mundo, mas não é isso.-Âmbar diz

-E, é o que?

-Amanhã é o dia em que a tia Maria vai deixar termos um dia livre.-Diz Âmbar

-Legal! Já termei de comer, vou fazer alguma coisa em que um artista como eu fazem. Tchau.-E sai

-Eu em! O Matteo está ficando louco.-Gastón diz. 

-Né?-Ramiro responde. 

  Matteo procura o seu violão e vai para sala onde tinha algumas pessoas sentadas. Matteo começou a tocar alguns acordes. Simón se incomoda com a situação.

-DÁ PARAR?-Grita Simón

-o que foi garoto insuportável? 

-Esses acordes são horríveis.

-E desde quando você sabe alguma coisa de música?-Matteo pergunta. 

-E desde sempre, eu sou um guitarrista. 

-É, um guitarrista que nunca vai passar da garagem. 

-Cala a boca seu patético. 

- O mundo não gira ao redor de você. Você é apenas um garoto que usa palheta como colar.

-Vai cuidar do que é seu.

-Eu estava na minha tocando violão e você conheça a me criticar. 

-Não vou descutir com você. 

-O que foi em? Perdeu os argumentos? - Matteo pergunta e Simon revira os olhos.

  Matteo olha para o seu violão e pensa em alguns acordes que daria certo com seu sentimentos; angústia e tristeza. Porém do nada, Matteo teve a ideia de criar uma música do que Luna é para ele.

-Que música legal Matteo-Luna diz.

-Eu não acho-Simón retruca.

-pelo amor de Deus, Simon dá pra parar?-Matteo pergunta saido de perto deles. 

-Simon para com isso-repreende Luna.

-Afs quem manda ele ser um idiota sem talento. 

  Matteo cansando de todos, caminha até a pista, onde encontra Sofia olhando para o celular, o moreno caminha na ponta dos pés e quando chega atrás de Sofia tampa o seus olhos.

-Advinha quem é!-disfarça a voz. 

-Hum deixa eu pensar... Matteo. 

-Como adivinhou?

-Eu te conheço muito bem. 

-Isso é bom? 

-claro que é. 

-Quer dançar? -pergunta ele.

-Sim.

-Espera vou colocar os meus patins.-Ele fala sentando-se no sofá, ele tira o seu tênis e coloca os seus patins.-Vamos?

-Ok-Ela fala e dá a mão para tentar ajudar a levantar... ela consegue, mas ele cai por cima dele. 

-Ai!-Resmunga Matteo. 

-Desculpa.-Ele levanta-se e ajuda Sofia a ficar de pé. Ela começa a rir.

-Ué o que foi-ele diz já caminhado para pista onde todos patinavam.-Eu não entendi. 

-E que você é um idiota.-ela respondeu já na pista, chamando a atenção de todos.  

-Porque? o que eu fiz?

-Nada Maurício, nada.

-Passos simples?-Ele perguntou e ela assentiu, Matteo colocou a musica "Love Is The Name". Eles começaram a dançar em perfeita cicrônia, todos se afastam, dando espaço para eles dançarem. Luna tentava conter ao máximo os seus ciúmes, porém a tentativa foi falha, a garota chamou Simon para dançar que logo aceitou. Matteo e Sofia terminam de dançar e o pessoal aplaudem.

-Adoro você-Sofia diz.

-Eu também - ele a abraça.

-Matteo tive uma ideia-Fala Sofia

-Qual?

-Você vai me levar até a sala, legal né?

-Muito-Ele diz irônico-Vamos?-Ele caminha segurando os braços de Sofia que ia sendo levada pelos patins.

"O Matteo não gosta de mim, eu o perdi"-pensava Luna.

 No dia seguinte Matteo foi o primeiro acordar, Luna acordou em seguida. O moreno estava sentado na mesa mexendo no celular, a garota ao o ver logo vai abraça-lo.

-Calma Luna, o que houve?

-Me desculpa, nuna quis estragar a nossa amizade.

-Você nunca estragou a nossa amizade.

-Estraguei sim, você mal falou comigo ontem depois do nosso... sabe...

-Não é nada pessoal Luna, só não quero estragar o seu namoro.

-Entendi... você não quer ser meu amigo.

-Não é isso...-ele diz

-Tá tudo bem-Ela diz triste.

-Luna, eu não gosto se estar mal com você.

-Pensei que não ligasse.

-Eu ligo, e muito. Você é minha melhor amiga do mundo.

-Eu não sei...

-Luna eu sei, eu te adoro muito, tanto que estou abrindo mão da nossa amizade. Pois eu sei que se você está com o Simón é porque ele te faz feliz, não quero ser uma pedra no seu caminho.

-Você nunca será uma pedra em meu caminho-Uma lágrima escorre em seu rosto, Matteo passa o seu polegar no rosto da morena.

-O QUE ESTÁ HAVENDO AQUI?-Simón grita.

- N-nada meu a-amor-Gagueja Luna.

-VOCÊ ESTÁ ME TRAINDO? 

-Não.

-ACABOU LUNA TUDO.

-Mas...

-Nada de mas acabou-Ele diz saindo.

- M-Matteo-Ela diz entre choros.

-Vem cá-Ele abre os braços e ela o abraça-Não fica assim, ele não vale um centavo.

-Matteo, promete ser sempre meu amigo.

-Eu prometo. Nós estaremos sempre juntos.

-Olha o casal dez-Jim diz acompando risos dos amigos que param de rir ao ver o estado sentimental de Luna. A garota explica tudo o que houve.

-Nós temos um dia inteiro livre, o que estamos fazendo aqui?-Ramiro faz uma pergunta.

-Concordo-Gastón responde.

-O que vamos fazer?-Nina pergunta.

-Piscina!-Luna e Matteo exclamam juntos.

-Ótima ideia casal dez- Jim diz-Olha vocês são muito fofos... até falam juntos.

-Não falamos juntos-Luna e Matteo dizem ao mesmo tempo.



Notas Finais


O que acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...