História Sempre o amor... - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Arthur Weasley, Cho Chang, Draco Malfoy, Fleur Delacour, Gina Weasley, Gui Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Lilá Brown, Luna Lovegood, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Mundungo Fletcher, Neville Longbottom, Parvati Patil, Percy Weasley, Petunia Dursley, Ronald Weasley, Ted Lupin, Valter Dursley, Viktor Krum
Tags Gina, Harry, Hinny
Exibições 90
Palavras 762
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Confesso que demorei pra fazer esse capítulo. Problemas de saúde e tals...
Também queria fazer um capítulo muito bem feito mas não sei se consegui. Espero que gostem! 💚

Capítulo 5 - A conversa


Fanfic / Fanfiction Sempre o amor... - Capítulo 5 - A conversa

P.O.V. GINA

Quando ele disse eu gelei totalmente.
Parecia que um "Petrificus Totalus" tinha me atingido.
É incrível como apenas uma frase pode mudar sua vida completamente,né?
Senti tanto sua falta,mas a mágoa de ter sido abandonada por tanto tempo ainda está presente no meu coração.
Comecei a subir as escadas automaticamente atrás dele.
Percebi que sua expressão era séria...
Será que ele quer conversar sobre o que eu acho que ele quer conversar? Tomara que sim. Tenho muita coisa pra falar...
Entramos no quarto dele e ele fecha a porta.
 
-Sobre o que você quer conversar, Harry?- Pergunto nervosa e com a voz meio engasgada
-Sobre nós. Quero te explicar algumas coisas, mas antes eu tenho que ter certeza sobre seus sentimentos por mim.- Ele responde meio nervoso
-O que você quer que eu diga?- Respondo tentando ser fria
-Quero que você me diga o que sente por mim.- Ele responde nervoso e parecendo preocupado
-No que isso vai influenciar? Eu tenho que me expor pra você vir com suas desculpas esfarrapadas?- Rebato deixando a mágoa me consumir e percebo uma pontada de tristeza e insegurança no rosto dele
-Não são desculpa esfarrapadas! Eu quero te falar o porquê de tudo isso... A razão de eu ter terminado... Eu quero que você entenda.- Ele finalizou com um tom cansado
-Então fale, Potter. Me fale o porquê de você ter me abandonado assim sem uma explicação decente... Você poderia ir para sua aventurazinha que eu esperaria sua volta pra matar a saudade apenas.- Falo enquanto meus olhos enchem de lágrimas
-Gina, eu quis lhe proteger...- Ele fala mas eu o interrompo
-ME PROTEGER? ME DEIXOU SOZINHA. ABANDONADA. SEM NINGUÉM PRA ME DAR UM FIO DE ESPERANÇA. ME DEIXOU SEM NOTÍCIAS SUAS! COMO VOCÊ ACHA QUE EU ME SENTIA SEM SABER SE VOCÊ ESTAVA BEM? SE VOCÊ ESTAVA VIVO? EU DORMIA PENSANDO QUE DE MANHÃ VOCÊ ESTARIA NO SALÃO COMUNAL ME ESPERANDO PRA ME LEVAR ATÉ A CLASSE. MAS ADIVINHA? DE MANHÃ VOCÊ NÃO ESTAVA! E EU SEI QUE PODE TER SIDO POR UM BEM MAIOR, NÉ ELEITO? MAS VOCÊ NÃO SABE O QUANTO DOEU TE VER SENDO CARREGADO PELO HAGRID ENQUANTO VOLDEMORT ANUNCIAVA SUA MORTE... VOCÊ NÃO FAZ IDEIA!- Eu falo tudo sem dar espaço para interrupções. Sinto as lágrimas escorrendo pelo meu rosto sem permissão.
-VOCÊ ACHA QUE EU NÃO SEI COMO É ESSA SENSAÇÃO? PASSEI MESES SEM PODER TE VER. SABE PORQUÊ? POR QUE VOLDEMORT MATOU TODOS QUE EU AMAVA. EU NÃO PODIA ME DAR AO LUXO DE TE PERDER... TERMINEI COM VOCÊ E NÃO ME ARREPENDO! FOI POR CAUSA DESSA MINHA DECISÃO QUE VOCÊ TÁ HOJE AQUI VIVA... E VOCÊ ACHA QUE NÃO DOEU OUVIR SEU GRITO ACHANDO QUE EU ESTAVA MORTO? DOEU MAIS QUE TUDO! EU SÓ QUERIA GRITAR DE VOLTA PRA ACABAR COM SEU SOFRIMENTO MAS NÃO PODIA! E ADIVINHA OUTRA COISA... VOCÊ É A PESSOA MAIS IMPORTANTE NA MINHA VIDA!- As lágrimas desciam pelo meu rosto enquanto eu negava com a cabeça- NÃO ACREDITA? QUANDO EU ME ENTREGUEI À MORTE ADIVINHA A ÚNICA COISA QUE EU CONSEGUIA PENSAR... Eu só conseguia pensar que nunca mais te veria... Que perdi anos da minha vida sem te notar... Que eu queria uma vida contigo... Você não sabe o quanto doeu só poder te ver pelo mapa... Toda noite eu te procurava nele e ficava te vigiando pra saber se você estava bem mesmo. Eu te amo, Gina!- Ele disse isso tudo em um fôlego só enquanto as lágrimas rolava por nossos rostos. Eu só consegui pensar no quanto o amo.
-Eu também te amo, Harry!

E quando eu falo isso ele levanta a cabeça.
Ele começou a se aproximar devagar de mim enquanto olhava no fundo dos meus olhos.
"Dizem que os olhos são a janela da alma."
Ele está tão próximo de mim que nossas respirações se misturam.
Então quebro totalmente a distância e o beijo.
Um beijo desesperado.
Um beijo emocionado.
Um beijo molhado.
Um beijo apaixonado.
Mil sensações passam pelo meu corpo.
Minha mente tem uma mistura de pensamentos.
Então decido me concentrar apenas no beijo.
Como é bom...
Senti falta dessa sensação...
Nossas línguas entrelaçadas...
As pequenas mordidas...
Os selinhos para finalizar...
O calor emanando de nossos corpos...
Não sei quanto tempo durou. Podem ter sido 5 segundos, 5 minutos ou várias noites estreladas... Não importa!
O importante é que estamos juntos.
Ele separa um pouco nossos corpos, mas não muito.
Nossas testas ficam encostadas.
Encaro seus olhos verdes brilhantes. Estão mais brilhantes que o normal... Tem algo diferente neles.
Parecem mais felizes!




Notas Finais


Espero que tenham gostado!
PEDIDO:
QUERO PEDIR PARA TODOS QUE COLOCARAM NA BIBLIOTECA PARA QUE OU FAVORITEM A FIC OU COMENTEM EM TODO CAPÍTULO PRA EU VER A MÉDIA DE LEITORES. 💚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...