História Sempre para sempre - Capítulo 123


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlison, Niall Horam, One Direction, Romance
Visualizações 19
Palavras 941
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei
Desculpa

Capítulo 123 - Cap 25


Fanfic / Fanfiction Sempre para sempre - Capítulo 123 - Cap 25

   - Charles me escuta - falo ou melhor gritava - Sei que ta tarde mas olha. Liga para o Ed e pergunta a ele qual é a melhor hora para ele . Não não me importo com o Zayn. Eu que mando nos meus cantores e ele sabe disso.
Desligo o telefone e o jogo na cama.
Eu estava acabada . Não queria pensar em mais nada. Em em trabalho. Nem em gravadora e nem em cantor. Só queria um copo de chop .
- Nunca te vi tão agressiva - foi o que Harry disse. Olhei para a mesa onde ele estava escrevendo. Ele não olhava para mim, estava prestando a atenção no papel.
- Desculpa. Meio que não estou bem . Odeio fazer agenda e organizar shows - me sento ao seu lado. E deito minha cabeça em seu ombro. - Como vai sua composição?
- Indo - Ele fala e fecha o caderno. Depois me abraça - quer sair? Ou tá muito cansada?
- Eu aceito sair - Falo.- Mas são uma da manhã.
- Tem um barzinho onde eu fazia apresentações antes de ir para o X-Factor, vamos pra lá. - Harry passa a mãos pelos meus cabelos. - Topa?
- Claro . Só vou pegar meu casaco.
Harry faz que sim com a cabeça, ele não se move.
Sorri ao voltar e ainda ver ele escrevendo.
- Deixa eu ler?
- O que?
- Sua música nova.
- Quem disse que é uma música nova?
- Eu .
- Não Lynda . - Foi o que ele falou antes de se levantar e pegar seu casaco . - Vamos?
- A pé? - Pergunto pegando minha carteira e ele a dele.
- Claro - Ele envolve o cachecol branco e colocando as luvas. - É pertinho
Coloco minha toca , meu cachecol e minhas luvas.
- Vamos.
- Vamos - falo saindo pela porta seguindo Harry
Ele estica a mão em minha para mim e eu entre laço meus dedos nos dele .
Durante uns minutos não falamos nada um para o outro, não me pergunte o porque, só não falamos. A noite estava fria, o céu escuro e começava a nevar.
- Você gosta de pão? - Fala Harry
- Que?! - Pergunto rindo
- Sei lá você tá aí, queta e eu aqui quieto e agente tá saindo - Harry riu - Silêncio total. Foi culpa do desespero
Rimos e eu o abraço.
Ao chegar no bar Harry tirou algumas fotos e eu me sentei na última mesa da fileira da parede.
Olhei para o cardápio e peço dois chopps e uma porção de batatas fritas com queijo.
Harry se senta ao meu lado.
- O que você pediu? - Pergunta ele
- Batata e Chopp - falo vendo a gorçonete trazendo nossas bebidas.
- Da última vez que bebi com você terminamos bêbados sen saber nossos nomes - rimos juntos - Vamos conversar . 

- Lary ligou para você-Fala Harry - Chamou agente para ir lá.  Falei que não estamos na cidade.  Ela disse que quando chegarmos era para irmos para lá .  E falei que vamos.  

  O silêncio se fez até eu o quebrei 

- Podíamos jogar nossos jogos . Que jogávamos quando estávamos na London Bridge .
- O de eu pergunto e você responde e Vice e versa. - Harry sorri - Eu topo. Eu primeiro. Quantos anos você tinha no seu primeiro beijo? Foi com quem?
- Tinha 12 e foi com o Jonny. - Falo -Qual foi a coisa mais idiota que você fez?
- Ter deixado você ir. Com quem você dividiria um Bis?
- Com Thomas só com ele - Bebo um pouco - Se você não pode beber e dirigir, porque é que os bares tem estacionamento?
Ele ri muito. Depois responde
- Ótima pergunta. Prefere que tipo de pessoa? Engraçada, ou séria?
- Prefiro você - sorri tímida e Harry sorri
- Otima escolha
- Melhor programa de televisão?
- The late late show.
Rimos.
Olhei para o Harry e ele sorri foi então que percebi que havia um karoke.
- Vamos - Me levanto o chamando para cantar
- Não pode ir - Fala Harry
Eu fui e escolhi música da Baby Rexha I got you .
Enquanto cantava Harry olhava para mim rindo e eu não o culpo . Eu dançava como uma desmiolada.
O chamei pra cantar comigo mas ele negou porque provavelmente ele estava com vergonha de mim. Harry bebia enquanto me via. Teve uma hora que ele pegou o celular e tirou uma foto de mim
Quando acabei desci e fui para ir seu lado.
- arazou - Fala ele me abraçando
- eu sei - Ri
Bebi um pouco do meu chopp
- Isso ta horrível. Ta quente - Harry ri - Não ri seu filho...
- Não xingue sua sogra Lynda .
Ri
- Não tenho sogra
- Como assim?
- Não tenho namorado - Falo comendo um pouco de batata
- Mas e eu?
- Você não me pediu em namoro . - falo seca dando de ombro
O sorriso do rosto de Harry some.
- Achei que já havia pedido - sussurra ele - Quer namora comigo?
Sorrio dando de ombro
- Quero - Falo bebendo um pouco de chopp quente mesmo
- Não. Lynda é sério . - Harry segura meu queixo me fazendo olhar para ele - quer namorar comigo?
Preciso dizer que me perdi em seus olhos verdes. Ficamos perdidos nos olhos um dos outros.
- Claro - Falo e o beijo intensamente esquecendo que estávamos um um local onde era público 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...