História Sentimentos contrários (jikook) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Drama, Ficção, Lemon
Exibições 82
Palavras 860
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Lemon, Policial, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um cap

Capítulo 2 - Chegada


Fanfic / Fanfiction Sentimentos contrários (jikook) - Capítulo 2 - Chegada

Mais um dia normal como sempre mas so um pouquinho agitado porque hoje chega o filho deles o jungkook eles estão animados para sua volta e eu bom como não o conheço to normal, eles estão la em baixo preparando um banquete para ele sim eles comem algumas outras coisas eu to no meu quarto lendo um horauculo um livro de como controlar suas anciedades e para ver qual é o meu outro poder ta dificil porque eu não tenho sangue dos meus pais pra me alimentar vou explicar melhor pra um filho saber qual é o seu verdadeiro poder tem que se alimentar do sangue do pai e da mãe mas infelizmente eles morreram então to tentando encontrar um outro jeito de conseguir isso...

Jin- JIMINNNNNNN 

Ele me chama gritando

EU- QUEEEEE?????

Jin- vem aquiiii

EU- to indo..

Desço aquelas escadas em segundos parando na frente do jin

EU- oie 

JIN- ta ficando cada vez mais rapido

EU- é eu ando praticando

JIN- legal isso mesmo o que ta fazendo la em cima sozinho?

EU- eu so to lendo 

JIN- daqui a pouco eles vão chegar e você tenque estar pronto pra recebelos

EU- sabe que eu não gosto quando sua avó vem não gosto de estar perto dela então não me obrigue

JIN- não faça isso por ela mas pela nossa omma e... Vai vir nosso irmão tambem

EU- seu irmão nem ao menos o conheço e... Não sei se ele vai gostar que eu o chame de irmão então deixeme ficar la em cima sozinho...

Subo aquelas escadas sem ao menos deixar ele me responder tranco a porta do meu quarto e fico la olhando pra fora da janela olhando as arvores enormes ja que nossa casa fica bem longe da cidade e fica no meio da floresta, eu não gosto da avó deles porque desde que vim morar aqui ela sempre me tratou como um lixo fazia de mim seu empregado me batia e falava que eu era um renegado ela foi embora ja faz uns quatro anos e as vezes ela vinha visitar a familia e eu me escondia saia pra caça e so voltava uns dez dias depois nessas caças eu achei varias coisas legais como um anel [midia] eu não sei que anel é esse mas so sei que é muito legal e dentro dele da pra se colocar sangue Então amei

         QUEBRA DE TEMPO

Ja era mais ou menos uma dez horas da noite e so ouvi alguns gritos vindo da sala ja sei ate o que é os convidados ja chegaram não to com nenhuma vontade de ir la eu estava torcendo pra que não me chamassem mas não tive sorte e...

Lilya- JIMIN VEM CÁ 

ela grita com uma voz calma mas eu não quero ir la ja sei que vou ser tratado mal pela aquela veia que nunca gostou de mim mas eles são meus hyung não posso desobedecer eles.

Eu tava todo de preto com o anel desci as escadas bem devagar olhando pro chão 

Lilya- vem cá filho

Xxx- FILHO? Ele não é seu filho 

Lilya- fique quieto ele é meu filho sim

EU- não discutam por mim não vale apena

Eu desvio o olhar e logo vejo o tae e o jin abraçados em um garoto de cabelos preto olhos castanhos ele me encarra com o olhar serio mas logo da um sorriso e desvio o olhar e fito o chão 

Lilya- vem vamos comer

Ela chama todos com um sorriso no rosto que alegra qualquer um

Xxx- ele não vai comer né?

Ela fala e aponta pra mim 

Lilya- vai

Xxx- eu não vou me sentar numa mesa com um renegado ainda mais hoje que meu neto veio ele não merece se sentar na mesa com um renegado

Leon- MÃE PARA COM ISSO NA AGORA

xxx- eu não vou comer com ele se decidam ou é ele ou é eu

Lilya- nã.....

Eu a interrompo

EU- não precisa escolher eu ja vou sair como ela disse não sou da familia e hoje é um dia de comemoração so pra familia ou seja minha presença não é necessaria 

Lilya- claro que é 

EU- não não é mas obrigado 

Quando eu me viro pra ir embora passo a mão pelo cabelo e deixo o anel avista

Xxx- que anel é esse?

Não ligo pro que ela diz e saio dali mas ela vem atras de mim me pega pelo braço me fazendo cair 

Xxx- eu perguntei que anel é esse?

Lilya- solta ele agora

Jungkook- VÓ DEIXA ELE PAZ

ele fala em um tom grosso 

Xxx- esse renegado acha que é quem so porque tem o poder do infinito acha que é o tal pois não é

EU- CHEGA! 

eu falo alto num tom de tristeza quebrando as janelas que ali aviam

Xxx- eu não disse eu não disse olha o que ele fez olha agora

EU- d-desculpe 

Me alevanto rapido ficando longe dela pego um copo de agua e jogo pra cima ao mesmo tempo jogo um pouco para cada lado fazendo os cacos de vidros de montarem de novo e se concertarem 

Jungkook- como você fez isso?

EU- desculpe 

Saio correndo e volto pro meu quarto abro a janela do meu quarto e salto de la não me importo de ter vinte metros de altura eu consigo me curar rapido em segundos


Notas Finais


Desculpe qualquer erro
Kiss kiss kiss
Espero que estejam gostando
Ate o proximo cap


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...