História Sentimentos escondidos - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Fofura, Gaanaru, Hyuugacest, itachi X sasuke, Itasasu, Karin, Nejihina, Orochimaru, Sakuino, Uchihacest
Visualizações 73
Palavras 1.363
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Voltei para felicidade mundial, brincadeira, bem mais um capítulo que sinceramente ficou bem ruimzinho mas enfim foi o que minha imaginação permitiu, boa leitura ❤

Capítulo 2 - Novos alunos


Fanfic / Fanfiction Sentimentos escondidos - Capítulo 2 - Novos alunos

    Estava tudo escuro, o jovem não conseguia se levantar, tinha plena certeza que acabara de acorda mas seu corpo continuava inerte, e um peso muito maior que o seu não o deixava se mexer, mas o pior não era nem isso, e sim a respiração em seu pescoço o dando arrepios, junto com o perfume amadeirado que o Uchiha tanto amava.

_ Ohayou Otouto _ Sussurra Itachi, sua voz estava rouca por ter acabo de acordar, suas madeixas que sempre estavam presas, agora estavam soltos e bagunças, uma visão privilegiada. Foi então que os dois se dão conta da posição constrangedora que se encontravam, Itachi estava em cima de Sasuke, com os braços em seus ombros, seus rostos a centímetros de distância um do outro, fato que fez o mais novo esquecer completamente como respirar por alguns segundos.

_ Eu... vou preparar nosso café. _ Diz Itachi se levantando rapidamente, saindo do seu próprio quarto, deixando o menor no cômodo sozinho. Sasuke já recuperado do transe de ter o amado sobre si, pega seu celular na cômoda ao lado, checando suas notificações, descrentes quando vê várias mensagens de seu amigo.

Loiro falsificado; Sasuke vai pra aula hoje ?

Loiro falsificado; Me dá cola de matemática ?

Loiro falsificadoVOCÊ ESTÁ ME IGNORANDO ? DEPOIS DE TUDO QUE VIVEMOS !? 

Loiro falsificado; Quer saber não preciso de vc. Quem é SasUKE ? Não sei =_=

Loiro falsificado; Se não me responder, vou dar teu número pra Karin.

Você; O que vc quer Dobe ?

Loiro Falsificado; Onde vc tá ? Já perdeu o primeiro tempo.

Você; Na cama do Itachi-nii

Loiro Falsificado; ( ‾ʖ̫‾) ohhh. Desculpa atrapalhar.

°^°

Naruto era um dos únicos que sabiam do meu amor pelo meu irmão, e nunca me julgou por isso, pelo contrário até me apoiou a me confessar. No início nós não fomos um com a cara do outro mas depois que de tantas implicâncias acabamos nos tornando muito amigos, ele é irritante ao nível máximo, mas é admito que não consigo mas me ver sem ele, claro que nunca falaria isso a ele.

Me levantei mesmo que a contragosto, estava tão bom ficar naquela cama confortável e principalmente que tinha o cheiro de Itachi, mas não podia me dar ao luxo de faltar aulas hoje, teria uma importante prova de literatura, e não estava disposto a ir para diretoria pois Kakashi que aplicaria a prova, e do jeito "amável" que ele tratava os alunos  com toda certeza mandaria quem não fizesse para a sala de Orochimaru, e apenas de lembrar como aquela cobra me olhava já era o suficiente para me arrepiar.

Ando sem pressa até o meu quarto que era ao lado do de Itachi, tomo um banho gelado e rápido, me visto com uma calça jeans escura, uma regata branca, por cima uma jaqueta azul escura, por último meu all star cano alto preto, até tentaria arrumar meus cabelos mas já tinha consciência que eles eram um caso perdido e por fim o meu inseparável colar com o símbolo da família Uchiha que uso dês dos meus quinze anos.

Dou uma última olhada no espelho, quando vejo meu reflexo, fico com medo de sair de casa, estou muito bonito para um mero mortal, mas pondera todos da minha família são lindos, narcisista ? Nem um pouco. Saiu do meu transe de beleza quando sinto o cheiro de algo queimando, lembro  então que Itachi disse que iria fazer o café da manhã e corro para cozinha tentando imaginar o estrago.

_ MAS QUE PORRA É ESSA !?_ Exclamo quando chego no recinto e vejo vários pratos com ovos em cima da mesa, e atrás Itachi fritando mais algum, suspiro e me sento na mesa.

_ Sem palavrão Sasuke. _ Fala me servindo um prato com ovos e becon, e um copo com café puro.

Como rapidamente quase me engasgando no processo, me despeço de Itachi que também já estava saindo para a faculdade, e saio de casa. O caminho foi tranquilo até escola, e cheguei a tempo para o segundo período, sem levar nenhuma advertência por ter faltado ao primeiro, o que não era novidade pois era o professor Jiraya de história, e ele nunca fazia chamadas, apenas ficava com um livro que muitos alunos diziam que era pornográfico.

Sentei-me do final da sala como sempre, logo Naruto que estava na minha frente se vira para falar comigo com uma expressão muito maliciosa.

_ Então ? _ Ele começa.

_ O que ? _ Falo desinteressado.

_ Não se faça de desentendido teme, como foi a noite com Itachi ? Como se confessou ? Ele foi muito rápido ? _ Eu até gostava de Naruto, mas às vezes queria que o mesmo fosse mudo, como agora.

Antes que eu gritasse com ele e lhe desde um soco, o professor chegou com meia hora de atrasado, dando a desculpa que estava ajudando uma velhinha a atravessar a rua, o que ninguém acreditou, pois praticamente todos os dias Kakashi fala a mesma coisa, mas todos ficaram quietos.

_ Antes de continuar quero que conheçam os novos alunos _ Ótimo, mais gente chata, ele vai até a porta e a abre, foi então que duas pessoas entram. _ Se apresentem.

_ É um prazer meu nome é Kiba Inuzuka. _ Diz um rapaz moreno e com uma aura canina, era moreno e parecia legal, olho para Naruto que não parava de olhar o aluno novo, Kiba depois de se apresentar senta do lado do loiro que ficou vermelho, isso me dá muitas ideias para zuar esse dobe.

_ Sou Hinata Hyuuga, espero que possamos nos dar bem. _ Se apresenta a jovem, que tinha uma presença bem fraca, e parecia muito tímida, seus cabelos escuros e olhos cinzas, muito semelhantes a de Neji, um aluno do terceiro ano. A garota se dirigi com a cabeça baixa até a cadeira do meu lado que estava vazio.

_ Como hoje não vai dar tempo para aplicar a prova, resolvi trocá-la por um trabalho em dupla. - Fala e todos comemoram, e alguns alunos fazem perguntas totalmente estúpidas como;

_ Pode ser dupla de três ? _ Claro, afinal isso nem seria um trio, reviro os olhos, podia estar na cama do Itachi, mas não, estou aqui estragando meu cérebro, que desperdício, todos começaram a conversar e formarem suas duplas quando Kakashi continua.

_ Mas serei eu que farei as duplas. _ Senta em sua cadeira e começa a ler uma folha com as duplas já formadas enquanto os "alunos" se é que posso chamar assim fazem algazarra e reclamam _ Naruto com Kiba, Gaara com Rock Lee, Sakura com Ino, Hinata e Sasuke, todos esses nomes que chamei iram falar sobre poesia, ou melhor faram uma, inspirem-se em algo, quero esse trabalho para daqui a três semanas.

Finaliza saindo da sala, sinceramente não estou nem um pouco interessado em fazer isso, pena que não posso dizer o mesmo de Naruto que conversava animadamente com Kiba, e sinto que não estavam falando sobre o trabalho

Depois de uma aula de artes na qual não prestei atenção pois o professor Deidara não ensinava nada, só ficava falando com as garotas sobre seu novo penteado, fomos liberados para o recreio, e como sempre todos correram como se suas vidas dependessem disso, apenas suspirei e fui até a biblioteca onde me refugia de toda aquela confusão.

_ Oi Sasuke _ Diz Neji, ele ficava responsável as vezes pela biblioteca por ser representante, ele era o mais suportável ali naquele hospício denominado escola.

_ Oi, _ Respondo indo até a prateleira de livros antigos que ficava no fundo, acabei pegando qualquer um, estava sem paciência para ler todos os títulos, vou até a mesa onde Neji estava sentado organizando algumas pranchetas, foi quando me lembro da novata da minha sala.

_ Neji, posso te fazer uma pergunta ? _ Digo e o vejo ficar surpreso desviando seus olhos para mim, mas acenando positivamente com a cabeça, prossigo _ Você conhece uma garota chamada Hinata ?

_ Sim, é minha prima. _ Fala baixo _ Desculpe tenho que ir. _ Se levanta e daí da sala,me pergunto se disse algo errado.


Notas Finais


E é isso, obrigada por ler 🐒


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...