História Será que é amor - Capítulo 58


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Tags Cartoon, Yuri
Exibições 38
Palavras 591
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 58 - A-B-O-I-O-L-A-D-O


Henry on 

O Juan ficou comigo o resto do dia comigo, já a irmã dele e o resto saiu pra algum lugar aí, o Juan é simpático e alegre ele até me convidou pra ir na casa dele e eu aceitei, bom a casa dele é grande e tem bastante criança mai ele me disse que a maioria é de crianças adotadas, eu nunca tinha visto tantos mortais juntos foi divertido mais já estava na hora de voltar 

Henry- Eu já estou indo tudo bem Juan - eu me viro em ddireção a porta e sinto algo pegar meu braço e me puxando de leve                       

Juan- Espera, eu poso te levar pra sua casa, que tal - eu aceito então ele vai me guiando pro quintal dele 

Henry- Você já tem carteira de motorista 

Juan- Como assim, ah desculpa mais nos não vamos de carro e nem de moto 

Henry- Por acaso você vai me levar voando pra casa

Juan- Exatamente - eu não entendi - o que você está esperando, sobe aí - ele abaixa um pouco as costas pra mim conseguir subir - se segura e qualquer coisa me avisa que eu paro está bem - ele ccomeça a voar e pela primeira vez eu posso ver a cidade de cima, posso sentir a brisa do vento em meus cabelos e finalmente posso saber como meus irmãos se sentem "correndo" soltos pelo ar - está gostando do passeio

Henry- Eu estou amando, acho que vou repetir a dose - foi divertido, agente parou numa floresta que ficava perto da minha casa e demos uma volta - está procurando algo

Juan- A sei lá, qualquer coisa vermelha serve - ele deve estar com fome 

Henry- Éééé... você quer um gole de sangue - ele me olha com aqueles olhos de cor indefinida pelo menos pra mim 

Juan- Tem certeza - eu acenei que sim com a cabeça, o que ums dois goles de sangue me fariam de diferença - isso bvai doer tudo bem

Henry- Cara é só morder - ele pula da árvore que estava pendurado afia os dentes e vem em minha direção, eu posso sentir sua respiração em meu pescoço, ele respirava pesado, eu logo seus dentes sendo encravados em minha pele me perfurando e deixando duas pequenas marcas de furos, ele levanta e limpa a boca com cara de satisfação 

Juan- É doce 

Henry- Tanto faz agora vamos 

Nos fomos pra minha casa e ele foi eembora com aquele sorriso agradável no rosto, de noite eu deito na minha cama depois de um bom banho e fico pensando naquele garoto, ele é um dos poucos que falam comigo e ainda por cima é gentil e adorável tirando o fato que eu e ele somos super desastrados mais isso só torna a situação mais divertida, eu abraço meu travesseiro e durmo tranquilamente pensando no garoto que vai me dar problemas ainda 


Henry off 

Lolipop on 


O Juan está meio estranho ele vira e mexe sai com um tal de Henry quase não para em casa e ainda por cima não presta mais atenção em nada, ele só sabe ficar indo na casa do Finn pra ficar falando com aquele moleque de cu virgem pode isso, realmente eu tenho um pouco de ciúmes do meu irmão, eu tenho razão ele nunca namorou e pra ser mais realista eu acho que , eu irmão é viado mais tudo bem quem liga, mais é o seguinte se alguém ousar mexer com o meu irmão meio aboiolado eu juro que mato todo mundo nessa porra 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...