História Será que Gosto dela? - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cúmplices de um Resgate
Tags Cumplices De Um Resgate, Novela, Refira
Exibições 23
Palavras 1.017
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 26 - Convite


Fanfic / Fanfiction Será que Gosto dela? - Capítulo 26 - Convite

No carro a caminho de casa safira estava nervosa, começara mais uma vez com a mania de criança de roer as unhas. Esperava que desse tudo certo

Quando estava próxima de casa lembrou que naquele dia. Pri conhecera o próprio pai e ficou pensando como a filha reagira.                Será que perdera Pri para mais uma pessoa? Esperava que não.

Chegara. Era a hora, acionou o portão, como sempre, mas dessa vez esperava que ele abrisse muito, muito devagar. Só que não.

Entra na mansão.  Paolla, Regina, Geraldo Priscilla e Otávio estão lá. A filha no colo do cuinhado e brincando com Regina graças a Deus.

Regina é a primeira a olhar pra ela

Safira: Oi pra todo mundo!

Regina: Você vai me dizer só oi?

Safira: o que você quer que eu faça?

Geraldo: Calma casalzinho. Prometemos não olhar!

Todos riem e viram os rostos menos Pri que recebe um sorriso das mães

Priscilla: AH eu já vi vai. Esqueceram que eu faço parte dessa família?

Regina e Safira se encaram. Essa menina tava melhor que encomenda.

Paolla: Nem venham dizer que isso é culpa minha.

Regina: Mas é claro. De quem mais seria?

Paolla: Pri vem cá vem amor?

Regina: Deixe a minha filha em paz!

Geraldo: Opa quer dizer que eu perdi de vez agora?

Safira: Perdeu! – Diz Safira com segurança assustadora, porém também brincando

Otávio e Paolla: Nossa podia dormir sem essa!

Safira sorri e Geraldo fica vermelho

Regina tenta beija-la mas, ela desvia. Pois fica envergonhada


Priscilla: ah mamãe beija logo. –tampa os olhos, mas os dedinhos estão abertos

Safira e Regina trocam um beijo rápido.

Priscilla: aeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

Safira:Também amo você criaturinha! Diz indo em direção a filha

Priscilla: mãe? O que deu em você? Pra estar tão alegre?

Safira:Bom família. Eu tomei a liberdade de alugar um lugar hoje para termos um dia diferente. Só que a Pri, vai ficar com a vovó hoje está bem princesa?

Pri; AH MAMÃE!

Regina: isso me troca!

Priscilla : Opa

Safira: Mas e se eu te contar que eu vou te buscar no meio pra você Ficar  com a gente? Você vai me ajudar numa coisa.

Priscilla: Uma surpresa? Eba adoro surpresas!

Safira: Sobe! Eu já vou te arrumar!

Regina: Eu faço isso.  – Encara Safira. – Eu sempre fiz isso

Safira: Calma amor. Eu sei. Mas eu preciso combinar certas coisas com a Gi. Pisca para a filha que pisca para a mãe. –Posso ir?

Safira: vai, mas vai devagarinho na escada.

Geraldo: Calma. Eu subo com ela.

Safira se surpreende, mas sorri.

Safira: Obrigada.

Regina desvia a atenção de Safira rápido

Regina: Por acaso essa surpresa é pra mim?

Safira: Talvez pra nós.

Paolla: uau. Eu quero saber!

Regina: Curiosa!

Paolla: Sou mesmo

Safira: Minha ruiva ciumenta! Deixa de ser implicante vai!

Regina: Opa eu gosto desse tom todo macio – diz sedutora

Safira: Regina por Deus as visitas

Regina: Elas que vão embora! Eu estou na minha casa com a minha mulher!

Safira: Regina para! A sua irmã me ajudou besta! Larga de ciúmes

Regina: ciumenta que você ama?

Safira: Que pergunta né?

Para Safira  era difícil se expressar.

Regina faz um bico do tamanho do mundo

Safira: ah deixe de coisa, você sabe a resposta

Vira – se para o restante.

Safira: estão todos convidados se quiserem ir.

Paolla: Safira eu posso chamar uma amiga? Sabe pra que – faz menção a parte superior da casa – ele não fique sozinho.

Safira: claro que pode.

Abraça Regina rapidamente

Safira: eu vou arrumar a Pri. Amor fica aqui embaixo? Não quero que você descubra a surpresa agora.

Regina não gosta muito. Olha para cima. Safira a entende

Safira: Ei calma. Eu estou com você não estou? Confie em mim Regina

Regina. Eu confio em você, não confio nele

Safira: não você não esta confiando em mim

Nisso Geraldo desce, Regina fica calma. Safira sobe.

No quarto de Pri.

Safira veste a filha, um vestido vermelho, o preferido de Regina, com sapatilhas da mesma cor e um lacinho branco.

Safira: filha a mamãe vai te deixar por uma hora com a vovó , por que tanto você quanto ela vão me ajudar na surpresa, então as duas vão sua mamãe não pode desconfiar de nada e você não pode se sujar está bem?

Priscilla: Está bem mamãe. O que você quer  que eu ajude?

Safira pega uma sacolinha no fundo da bolsa, a menina logo entende.

Priscilla: Eu não acredito!

Safira sorri, sabia que a filha estava feliz tanto quanto ela.

Safira: pode levar isso? E cuidar pra não perder?

Priscilla posso sim!

As duas escondem a sacola, na mochilinha de Pri e descem a escada

Regina: Mais essa minha princesa ta muito bonita! Priscilla roda para que todos vejam seu LOOK

Paolla : Mas esta mesmo. Muito linda

Otávio: ah mais eu quero um beijo

Priscilla corre e dá um beijo no tio

Senta –se no colo do pai.

Regina e Safira ficam um pouco incomodadas mais nada dizem

Pouco depois

Safira: Pri vamos? Pegou tudo?

Priscilla: Vamos logo mãe! – A menina agarra a bolsa bem forte. Algo que Regina estranha.

Regina: O que tem ai? Posso saber?

Safira e Pri: NADA! – Safira agarra a bolsa da filha rapidamente

Regina: Ok já entendi é um tesouro!

Priscilla: Quase isso!

Priscilla se despede de todos, sendo apegada a tia, Paolla acaba se demorando nela

Regina: EI EU VOU FICAR COM CIUMES

Priscilla ri

Priscilla: Não precisa mamãe. Eu amo você- corre até a mãe e faz sinal para que Safira espere. Safira espera pacientemente

Priscilla: Colo?

Regina pega a filha. Que encosta o nariz no da mãe

Priscilla: eu sempre amarei mais você!

Regina : E eu você- Recebe um beijo e a criança logo quer descer

Priscilla: Preciso ir. Tchau gente.

Todos se despedem

Safira: Pronta?

A menina assente e as duas saem

Regina: o que elas  estão aprontando? Paolla você vai me contar!

Paolla: Não!. Eu não posso! Você vai se arrumar.

Puxa Regina em direção à escada

Paolla: De preferencia muito bonita viu?

Regina responde lá de cima.

Regina: não me enche!

Paolla e os outros riem

 


Notas Finais


Voltei a postar então certamente será com mais frequencia
Beijo e juizo ou NÃO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...