História Serei feliz? - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Mavis Vermilion, Natsu Dragneel, Personagens Originais, Romeo Conbolt, Sting Eucliffe, Wendy Marvell, Zeref
Tags Drama, Fairy Tail, Gruvia, Naju, Romance
Exibições 132
Palavras 1.099
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi e oi pessoas está aqui o capítulo. Eu espero que vocês gostem do capítulo que fiz com muito sono ( poise fiz durante a noite :v hehe ) agradeço pelo comentários no capítulo anterior e também pelos favoritos.
Boa leitura!

Capítulo 4 - Ciumento fofo


Fanfic / Fanfiction Serei feliz? - Capítulo 4 - Ciumento fofo

Já faz uma semana que não vou pra escola. Eu estou no fundo do poço. Ainda bem que minha tia não está aqui, porque se ela tivesse aqui ela mandaria ir pra escola. Eu não aguentaria ver Natsu junto com Lucy.

“gomem...eu tenho que ir. Amanhã te vejo na escola”

Essa é a primeira vez que  fui rejeitada. Nessa semana que faltei. Natsu não teve coragem de mandar uma mensagem ou um ligação pra me. Parece que eu estraguei a nossa amizade.  Todo dia recebo mensagem da Lucy que pouco respondo.

Sinto muito Lucy, mas sou uma amiga falsa pra você. Tomo um banho e saio de casa toda arruamada. Vou até o mercado da esquina e compro uma barra de chocolate e outras besteira. Saio do mercado com duas sacolas e me deparo com Natsu olhando pra me.

-Porquê não está indo pra escola?- pergunta Natsu olhando pra me. 

Eu o  ignoro e passo ao lado dele. Vou direto pra casa, mas ele me seguir.

-Até quando vai me seguir?- pergunto parando de andar.

-Até quando você me responder – responde ele normalmente.

-Você e muito cruel...- Cair de joelhos sobre o chão e começo a chorar – Você partiu meu coração.

-Você também partiu meu coração várias vezes – fala Natsu de pé ao meu lado.

-Do que você esta falando?- pergunto não o entendo.

-se lembra de quantas vezes que tirei do fundo do poço por causa do Gray? Poise, foram quantas vezes que você partiu meu coração – disse Natsu me surpreendendo – Então não venha dizer que fui cruel com você.

-Natsu...você gostava de me?- pergunto olhando pra ele.

-sim, eu gostava – responde Natsu dando um pequeno suspiro.

-Então...não gosta mais de me?- pergunto vendo ele vira a cara pro lado – Natsu-san...

-eu não sei – responde ele – De qualquer forma, vamos até a sua casa.

Andamos lado a lado. Natsu se ofereceu e segurou as duas sacolas pra me. Ficamos em silêncio em todo trajeto. Parei em frente da porta da minha casa e abro. Natsu entra e coloca as sacolas sobre a mesa.

-Você tem que para de comer besteira ou vai ficar uma baleia – fala Natsu me desanimando.

Natsu não é assim. Porquê ele está sendo cruel comigo. Juvia apenas disse que só  gosta dele.

-Natsu-san, você está sendo muito cruel com Juvia – falo vendo ele dar um pequena risada.

-E você que está sendo cruel comigo – disse ele me surpreendendo – cruel de dizer que gosta de me quando estou namorando com outra pessoa.

-E você que está sendo idiota!- grito com ele que me olha surpreso – Você e um idiota por não dizer antes que gostava de me.

-E como eu poderia dizer que gosto de você quando você estava sofrendo por outra pessoa? – pergunta Natsu gritando comigo também.

-eu não sei! Mas a pessoa que gosto neste momento é só de você! – falo vendo ele abaixa um pouco a cabeça – Você e o meu novo amor! Eu te amo, Natsu! Você me ama?!

-sim...- sussurra ele me surpreendendo.

-Então porque não me beija?- pergunto vendo ele pega o celular no bolso.

Ele me mostra uma foto que Gray e Lucy estão se beijando. Espera um pouco...os dois estão se beijando. Eu pensei que Lucy não fosse desse jeito. Juvia se enganou ao seu respeito.

-Porquê esta me amostra do essa foto?- pergunto vendo ele olha depois pra me. 

-Você ainda me ama?- pergunta ele me surpreendendo – Você ainda me ama vendo a foto da pessoa que você já amou por tanto tempo beija outra pessoa?

-E claro que sim – responde Surpreendendo ele – E você me ama?

-sim...- responde Natsu.

-Então porque está duvidando do  meu amor por você?- pergunto vendo ele passando a mão sobre o cabelo.

-Você já amou ele por muito tempo. E claro que eu iria dúvida de você. O pior que eu ainda duvido – responde ele dando um suspiro frustrado. 

Me aproximo dele e seguro sua duas mãos.

-Eu me lembro até hoje do que você falou pra me “ Você e linda quando rir”. Essas palavras me fizeram lembra que eu tinha você ao meu lado. Não venha me dizer que dúvida do meu amor, só porque você levou um par de chifre da Lucy. Você sabe que eu nunca faria isso com você – falo que depois coloca a mão sobre o rosto dele – todo esse tempo que passamos juntos, fez eu percebe que eu amo você. Você me fazia feliz quando a vida me fazia triste. Eu quero ser apenas de Natsu. Juvia quer que Natsu seja só dela.

-Juvia...-Natsu cora.

-Eu dou meu coração se você me dar o seu também – falo olhando diretamente em seus olhos.

-Onde aprendeu a fala essa coisas?- pergunto Natsu dando um pequena risada.

-Não tem graça – digo que faço biquinho de brava.

Na verdade tirei algumas palavras vendo filme de romance de domaras. Confesso que sou uma viciada e assistir quando não estava indo pra escola. 

-Você realmente...-Natsu não completa sua frase, mas abrir outro sorriso enorme.

-Porquê continua sorrindo ?- pergunta ficando brava.

Natsu apenas coloca sua mão sobre a minha que está sobre seu rosto. 

-Você e fofa quando está brava – disse ele fazendo meu rosto esquenta.

Natsu retira minha mão sobre seu rosto e segura minha duas mãos.

-Porquê esta dizendo essas coisas de repente?- pergunto estranhando ele na hora.

-Porquê eu me decide. Eu vou dar meu coração a você – responde ele me surpreendendo – mas se você me trair, eu prometo que você vai se arrepender.

-Natsu...cadê seu lado fofo de antes?- pergunto estranhado aquela mudança repentina dele – Natsu, você está me assustando. 

-Esse sou eu. Eu sou muito ciumento, eu vou querer saber a sua senha do celular de tudo sobre você – Fala Natsu fazendo eu arregalar os olhos – eu sou muito maluco ciumento.

Espera um pouco... Natsu-san sempre foi assim? Que eu saiba ele sempre foi fofo que cuidou de me. Juvia nunca imaginária que ele fosse desse jeito. Porquê estou assustada? Eu deveria está feliz por meu amor está correspondido.

-eu também sou maluca ciumenta. Se você ousa olhar pra mulher além de me. Eu prometo que você vai se arrepender de ter nascido – falo vendo ele fazer uma cara de surpresa – essa sou eu quando estou namorando com você.

Natsu abrir um sorriso e depois me abraçar. Sente meu coração querer pula pela boca.

-Então a partir de hoje seremos namorados- fala Natsu me surpreendendo.

Sente o calor do Natsu me fez lembra do tempo que ele sempre me ajudou.

Natsu sinto que posso ser feliz ao seu lado. Esse seu lado ciumento fofo.

 

 


Notas Finais


Finalmente os dois ficaram juntos, mas será que vai ser assim? Como alguns sabe que minha outra fanfic está tendo um polêmica só porque eu coloquei Naju em um capítulo quando é pra dar Nalu. Sinceramente eu estou aqui pra escrever o que quero é gosto. E questão das pessoas gosta ou não.
Mas de qualquer maneira eu espero que tenha gostado do capítulo.
Qualquer erro gomem, até o próximo capítulo.
Abs: nos próximos capítulos iram aparecer os personagens que tem que aparece na fanfic.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...