História Seria meu sonho? (T3ddy) - Capítulo 59


Escrita por: ~

Visualizações 406
Palavras 1.235
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Festa, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não sei se deu para ler a imagem, que é um twitter do Lucas dizendo: "Ou eu namoro você, ou você me namora? Decide,,,, "

BOA LEITURA💜

Capítulo 59 - Evento em Ribeirão Preto


Fanfic / Fanfiction Seria meu sonho? (T3ddy) - Capítulo 59 - Evento em Ribeirão Preto

POV T3DDY

Chegamos na minha casa e olho para o banco de trás.

Vejo a Luna dormindo igual a um bebê.

-Valeu cara me salvou-Agradeci ao Alex batendo no seu ombro.

-Eu encontrei vocês quase se batendo e pensei: Salvo, ou deixo a merda acontecer?

Começamos a rir.

-Quem diria, você gostava do canal dela e ela está dormindo na sua casa agora-O Alex fala.

Eu sempre gostei da Luna, por isso eu tinha posters dela que vinha em presentes das fãs que nos shippavam.

Pensando nisso, eu ainda tenho que pegar alguns que chegaram para levar para São Paulo.

Mas deixa isso para amanhã

-Então Alex-Concordo sorrindo sem graça.

Ele encara a Luna e logo olha para a porta.

-O que é que a gente faz agora? -Pergunta.

-Deixa comigo

Eu acabo pegando a Luna no colo e deixando na cama, ainda bem que todos estavam dormindo, volto para encontrar com o Alex.

-Que saudade-Falo o abraçando.

-Também senti-Ele responde

Pergunto se ele gostaria de nos acompanhar no evento amanha e ele aceita, depois nos despedimos e entro em casa novamente.

Entro no meu antigo quarto e vejo a Luna deitada na minha cama.

Dou um sorriso de leve.

Tiro a minha camiseta e jaqueta, pego o colchão que estava atrás do meu guarda roupa e o estendo no chão.

Vou até a Luna e dou um bejo na sua testa.

-Boa noite pai- Ela fala e começo a rir.

Deito no meu colchão e escuto passos.

-Boa noite filho-A Luna fala dando um bejo na minha testa, ela sai rindo até a cama.

Dou um sorriso e acabo dormindo cançado.

POV MAURO

Depois do rolo que deu na casa da Luna, nós não nos comunicamos mais.

Fiquei preocupado, mas vejo um vídeo no qual ela participa junto com o T3ddy e a sobrinha dele.

Vejo todos tão felizes e me sinto culpado por ainda gostar dela.

Eu não desisti, quando ela voltar para São Paulo, eu quero dar o meu melhor para conquistá-la

POV LUNA

NO DIA SEGUINTE...

Acordo com uma dor de cabeça desgraçada, olho para o lado e vejo um copo de um suco verde estranho acompanhado de um bilhete escrito: "EU SEI QUE É ESTRANHO, MAS CONFUA EM MIM, VAI MELHORAR A SUA DOR DE CABEÇA :) "

Em baixo avia a assinatura escrito: Titio Lucas.

Sorri e olho para o lado e vejo um colchão desarrumado ao pado da minha cama.

Tapo o nariz e bebo aquele negócio estranho, depois me levanto e vou arrumar a cama e o colchão.

Escuto a porta se abrindo e vejo o Lucas... DE CUECA!

Grito, mas logo tampo a boca.

-Luna! Calma-Ele pega uma coberta que eu tinha acabado de dobrar e se cobre.

Graças ao meu grito, os pais do T3ddy vieram desesperados encontrando o T3ddy semi nu, e eu toda suja pois não havua me trocado na noite anterior.

Corei de vergonha e ele também.

-Gente, sejam mais discretos quando vão fazer isso, usaram camisinha pelo menos? -O Pai dele pergunta.

Eu começo a rir e me jogo na cama.

-Pai, a Luna que é escandalosa-Ele fala me olhando bravo, cubro metado do meu rosto com o travesseiro.

Eles dão risada

-O café está na mesa-A dona Vera fala e os dois se retiram do quarto

Depois que fecham a porta, eu começo a ter ataque de riso e o T3ddy quase me enforca.

-Seus pais são super de boa-Falei olhando para o outro lado enquanto ele colocava a bermuda.

-Eu acabo de sair da minha suíte e você parece que acaba de ser esfaqueada-Ele fala e começo a rir pra caralho.

-Vamos nos arrumar, o evento é daqui a pouco, e o Alex quem vai buscar a gente-O Lucas continua falando e selecionando umas roupas nas malas.

-Ta mas, PELO AMOR DO SANTO DEUS! NÃO COLOQUE UMA CALÇA RASGADA-Falo e ele sorri

-Só porque você pediu-Ele pega uma calça destruida.

Balanço a cabeça e vou até a suíte para me arrumar.

MINUTOS DEPOIS

Finalmente chegamos no evento, entramos e fomos direcionados para os camarins.

-Obrigada Alex por ter me salvado ontem-Falo sem graça.

Ele sorri e balança a cabeça.

-Vou dar uma olhada nos meus fãs, lincença-Falo saindo do camarim acompanhada de dois seguranças.

Resolvi puxar papo com eles.

-É dificil essa profissão? -Pergunto.

-Sim, mas não podemos conversar muito com você. -O Rapaz fala nervoso

Fiz cara feia

"Grossos, vou descontar isso do salário de vocês" pensei.

Logo uma menina quase me derruba no chão me entregando cartas e me dando abraços.

-Eu te amo Luna-Ela fala chorando.

-Qual é o seu nome linda? -Pergunto sorrindo.

-Fabiane, não acredito que estou te conhecendo-Respondeu.

Dou um abraço apertado nela.

-Onde que está o seu celular? -Pergunto e ela esbugalha os olhos-Calma eu não vou te roubar, prometo.

Ela pega na bolsa e desbloqueia o entregando para mim.

Ligo o snap e gravi um videozinho

GRAVAÇÃO DO SNAP ON

-Gente estou acompanhada desse amor de pessoa-Falo a abraçando-Um beijo para todos os amigos da Fabi e... -Dou um beijo na bochecha dela.

-Fui! -Falei

GRAVAÇÃO DO SNAP OFF

Despeço da garota e continuo andando.adoro tratar bem os meus fãs, não é atoa que vou completar 3 milhões em breve

POV T3DDY

-Ela é bem bonita né? -O Alex pergunta.

-Sim-Dou risada

Saímos do camarim.

-Já rolou? -ele pergunta e o encaro surpreso.

-QUE ISSO ALEX? -Pergunto e ele dá risada.

-Vamos ver o que ela está aprontando-O Alex fala e logo encontramos o seu cabelo no meio de uma multidão de garotas.

Eu adimirava o tabto que ela tratava os fãs bem, eu vi ela pegando uma criança no colo.

Ai meu ponto fraco.

Queria tirar uma foto das duaduas, eu adoro crianças, fiquei hipnotizado mas logo fomos chamados pois estaríamos no palco em instantes.

-Tô ansiosa. -Ela fala pulando.

Dou um abraço nela e ela dá risada.

Logo nossos nomes são chamados e escutamos uma multidão gritando:

-LUDDY! LUDDY! LUDDY!

-Vai dar tudo certo. -Falo e ela sorri.

Ela segura a minha mão e me puxa para o palco.

NO PALCO

-OI POVOOOOO! -A Luna grita.

Quase ficamos surdos.

-EAI GENTE TUDO BEM?EU ESTAVA C MUITA SAUDADE DESSA CIDADE! -falo e a ação se repete

Sentamos nas cadeiras e logo falam que a gente iria responder algumas perguntas, a Luna fica ansiosa e nervosa ao mesmo tempo.

Ela me encara e dou um sorriso

E logo se foi a primeira pergunta para mim.

-T3ddy, qual foi a reação dos seus pais quando você falou que criou o canal?

Fico aliviado e respondo

-Eles me apoiaram mais quando eu recebi o meu primeiro salário.

Agora era a vez da Luna.

-Qual foi a sua reação quando conheceu os meninos da trupe?

Ela sorri e fala

-Foi estranho-A palteia deu risada-Mas eles foram muito gente boa, por isso somos amigos até hoje

Aí uma menina grita

-E PORQUE VOCÊ FICA TANTO COM O T3DDY?

Encaro ela e a Luna sorri

-Ele é o meu vizinho, nois dois somos do interior, e acabamos nos identificando, por isso sou amiga dele e fico mais com ele.

Toda a galera grita, então dou um abraço na Luna que sorri.

-Vamos dar conselhos amorosos? -A Luna pergunta e todo mundo diz "Sim" em coro.

-Eu começo te perguntando, o que você faria se um rapaz próximo de você quisesse ter algo a mais do que a amizade?-Eu pergunto deixando claro a indireta.

A Luna fica sem graça e a plateia grita

POV LUNA

Acabei sentindo a indireta. E agora, o que eu respondo?


Notas Finais


Até a próximaa💜💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...