História Seria um Sonho? - Capítulo 123


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Got7, Monsta X
Personagens BamBam, D-Lite (Daesung), G-Dragon, Hyung Won, I'M, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Joo Heon, Jungkook, Ki Hyun, Mark, Min Hyuk, Personagens Originais, Rap Monster, Seungri, Show Nu, Suga, T.O.P, Taeyang, V, Won Ho, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts, Coreanos, Fic, Got7, Humor, Idols, Iludida, Monsta X
Visualizações 60
Palavras 1.028
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, FemmeSlash, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


🔴 Nesse capítulo tem hot 🔴
Desculpa a demora 😀
Boa leitura babys 🌚

Capítulo 123 - 116°


Fanfic / Fanfiction Seria um Sonho? - Capítulo 123 - 116°

Acabei cochilando esperando o Kook, acordei sentindo alguém beijando minhas costas e passando a mão pela lateral do meu corpo.

Kook: Você vai acabar me deixando louco ~ ele sussurrou no meu ouvido ~ desculpa a demora

Maya: De boa ~ me virei para ele e o mesmo começou a beijar meu pescoço descendo para meus seios, eu já estava começando a ficar excitada ~ P-para Jungkook

Kook: Que? ~ ele me olhou confuso e se sentou

Maya: Eu não estou afim agora ~ me sentei

Kook: Foi por que eu demorei? Eu posso te ajudar ~ ele foi me beijar eu correspondi e afastei ele

Maya: Realmente não estou afim ~ puxei a coberta e sorri para ele ~ Vamos dormir, que horas você vai amanhã?

Kook: Eu vo 10 horas para Busan ~ ele ficou me olhando com uma cara engraçada, parecia uma criança que acabou de perder o doce ~ Por que você está fazendo isso?

Maya: Isso o que? ~ me levantei e fui fechar a cortina que tinha esquecido aberta, fechei ela e me virei para o Kook que estava me olhando como um predador ~ Não sei do que você está falando

Kook: Esse é o castigo que você falou?

Maya: Você acha isso um castigo? ~ fui engatinhando até ele que ainda estava parado no mesmo lugar, e sua ereção já estava visível pela calça

Kook: Sim, e saiba que é maldade ~ ele me segurou pela nuca ~ não me provoca

Maya: Maldade foi o que você fez comigo ~ beijei o pescoço dele e subi para os lábios ~ e saiba que seu castigo é minha greve

Kook: Não acredito que você realmente vai fazer isso ~ ele foi beijando meu pescoço e me afastei, vou acabar perdendo o controle

Maya: Já estou fazendo ~ me deitei e peguei meu celular, ele bufou e foi no banheiro. Eu respirei fundo, quero muito ele droga. Depois de um tempo ele saiu do banheiro com o cabelo molhado e de cueca boxe. "Aí que lindo! Se controla Maya"

Kook: Gosta do que vê? ~ sai do meu transe e sorri

Maya: É... ~ respirei fundo novamente e deixei meu celular na cômoda, me deitei e ele foi para cima de mim

Kook: Você realmente vai continuar com isso? ~ ele roçou nossas intimidades e soltei um gemido baixo

Maya: Vou ~ olhei para ele e o mesmo se deitou do meu lado, desliguei o abajur e me virei para ele ~ Boa noite Kook

Kook: Boa noite ~ ele disse emburrado e eu dei risada, ele me abraçou e dormimos.

~ Quebra de tempo ~

São 01 da manhã, acordei ofegante e suando. Olhei para o Kook e ele estava dormindo.

-Kook? ~ chamei ele mas o mesmo continuou dormindo ~ Aishi!

"Tive uma idéia" ~ me sentei sobre ele e comecei a beijar seu pescoço, senti a mão dele passar sobre minha coxa e a empurrei. Apoiei minhas mãos sobre seu peito e rocei nossas intimidades, ele sorriu mas continuou de olhos fechados. Continuei com os movimentos, fiquei cada vez mais ofegante e molhada, seu membro já duro na boxe estava me enlouquecendo. Senti que ia chegar ao meu orgasmo, ele segurou com uma mão na minha cintura me ajudando a continuar e a outra foi nos meus seios massageando.

Maya: Kook... ~ senti meu orgasmo chegar e cai sobre ele

Kook: Eu sabia que você não ia aguentar ~ ele deu risada e bati em seu braço

Maya: Cala boca ~ ele inverteu as posições

Kook: Hora do seu castigo ~ ele mordeu meu seio

Maya: Que?... Ah... ~ foi descendo dando mordidas e lambidas na minha barriga, olhou nos meus olhos e foi tirando minha calcinha, sugou minha clitóris e gritei. Ele ficou brincando com a língua na minha intimidade subindo e descendo. Penetrou a lingua na minha entrada e ficou me torturando ~ Jun... Jungkook vai logo

Kook: O que você quer? ~ ele colocou um dedo e ficou fazendo movimentos de vai e vem

Maya: V-você... ~ ele começou a fazer movimentos circulares na minha clitóris enquanto trabalhava com os dedos na minha entrada, sugou ela e quando pensei que ia chegar ao meu orgasmo ele parou ~ Droga Jungkook!

Kook: É seu castigo! ~ ele tirou a cueca e colocou o preservativo sobre seu membro, começou a brincar na minha entrada colocando e tirando de forma lenta ~ Me chama de Oppa

Maya: Não ~ Provoquei ele

Kook: Tem certeza? ~ ele estocou forte e tirou, seu cabelo estava grudado em sua testa e seu corpo suado

Maya: Kook... por favor... ~ falei ofegante e fraca

Kook: Me chama de Oppa ~ ele me penetrou novamente mas dessa vez deixou, se debruçou sobre mim, passou a mão no meu cabelo e me beijou de forma calma ~ Me desculpa pela forma como falei com você de tarde, eu fui um idiota

Maya: Desculpo ~ sorri e o beijei, ele mexeu o quadril e ambos soltamos um gemido que foi abafado pelo beijo ~ Oppa eu te quero!

Ele segurou com força na minha cintura, com certeza vai ficar marca, e sem nenhum aviso tirou e estocou forte. É uma mistura de dor e prazer ao mesmo tempo. Ele se debruçou sobre mim e sua respiração ofegante em meu ouvido me deixava ainda mais excitada.

Maya: Kook... Ah... ~ ele acelerou as estocadas e eu entrelacei as pernas em sua cintura. Ele tirou e me penetrou com força acertando meu ponto G, cravei minhas unhas em suas costas e mexi o quadril buscando mais daquela sensação maravilhosa.

Kook: Maya... ~ Com mais algumas estocadas gozamos juntos, ele caiu sobre mim ofegante e eu abracei ele. Não conseguíamos dizer nada, apenas sentíamos os espasmos do orgasmo. Ele se deitou ao meu lado e passou a mão no meu cabelo ~ Eu te machuquei?

Maya: Não, foi maravilhoso ~ sorri

Kook: Você é perfeita, vamos tomar banho?

Maya: Eu não consigo mexer minhas pernas no momento ~ dei risada e ele também

Kook: Eu te ajudo minha princesa ~ ele se levantou e foi no banheiro, depois voltou e me pegou no colo. Me ajudou a tomar banho, colocou meu blusão em mim e nos deitamos.

Maya: Boa noite Kook ~ ele me abraçou e deu um beijo na minha cabeça

Kook: Boa noite linda ~ e aos poucos peguei no sono.


Notas Finais


Obrigada por ler! ❤
Me desculpa se ficou ruim o hot ;-;
Kissuss 😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...