História Seu jeitinho arrogante - Imagine Suga - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~tiana_do_bts

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Leitor X Suga, Namjin, Vhope
Exibições 35
Palavras 653
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fluffy, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiiee toddynho!!! Aqui é a tiana_do_bts! Pra quem não tá entendendo merda nenhuma, eu explico. Eu faço o pov's do Suga. Então amores, boa leitura:3

Capítulo 2 - O que está acontecendo comigo???


P.O.V. SUGA ON

Quem aquela menina pensa que é? Ela acha que pode me bater e se mandar? Ah, mas não mesmo!

Fui em direção a enfermaria furioso. Ao chegar perto, ouço uma conversa. Provavelmente seria eles. Me aproxime um pouco da porta pra ver o que estava acontecendo, vi a novata cuidar do idiota do Jimin. Vi que fiz um belo estrago nele. Sorri de lado. Olhei para a garota. Por um segundo, achei que ela era... Um anjo. Isso. Um anjo... Suas feições são únicas... Sua pele é diferente das branquelas daqui. Sua voz era calma, nem parece que, alguns minutos atrás estava batendo em um valentão como eu. Espera, o que está acontecendo comigo? Por que diabos estou sentindo atração por uma garota que acabou de bater?

Vi ela passar pomada no abdômen de Jimin. Não sei por que mas... Uma raiva resurgiu dentro de mim. Não quero vê-la tocar outro garoto. Sério. Acho que perdi o meu juízo na hora em que ela me socou!

Vi os dois vir na minha direção e sai antes que eles me vissem. Andei pelos corredores da escola a procura do meu melhor amigo. Que é, nada mais, nada menos que Jung Hoseok. Nem sei como o considero melhor amigo. Ele, na minha opinião, é um crianção retardado que adora fazer os outros sorriem. Por isso dei o apelido de esperança. Vi o mesmo conversando com alguns conhecidos na porta da nossa classe.

-EI, HOSEOK!_Gritei ao ver o mesmo.

Ele apenas sorriu e veio até mim.

-Soube que apanhou de uma menina. Isso é verdade?

-E dai se for verdade?_perguntei frio.

-calma sr. Esquentadinho! Eu só fiz uma pergunta_manteve seu sorriso.

-As notícias correm hein?_coloquei as mãos no bolso da calça caminhando com Hoseok até a sala.

-Por que ela fez isso?_perguntou com um ar de preocupação.

-A novata? Sei lá! Eu só sei que tava batendo no Jimin e-

-Você O QUE?_se levantou da cadeira furioso_QUANTAS VEZES EU TE PEDI PRA NÃO BATER NELE???_Saiu correndo da sala com raiva de mim.

-Sei lá. Umas 200?_falei comigo mesmo, rindo sarcástico.

Logo, vi o Jimin e a novata entrarem pela porta da sala. Hoseok estava ajudando o pobre Jimin a se sentar. Logo fiquei na novata, que conversava animadamente com o Park. Miserável! Devia o ter matado! Hoseok percebeu meu olhar de ódio sobre aquele "grupinho" e resolveu se juntar a mim.

-Dá pra ajeitar essa cara? Parece um pirralho que quer briga_sorriu sarcártico.

-Vai se ferrar_lhe mostrei o dedo do meio.
Logo vejo o diretor adentrar na sala.

-Ora, ora se não é o diretor? O que temos pra hoje? Suspensão? Ficar depois da aula? Ou finalmente irá me expulsar?_sorri irônico. Esse diretor se irrita fácil com minhas provocações.

-Senhor Yoongi... Quero que venha a minha sala, por favor_meu sorriso apagou. O diretor está... Triste?

Sai da minha carteira com as mãos no bolso e o acompanhei até a diretoria.

-Sente-se_se sentou atrás da sua mesa.

-Eu juro que não quebrei seu carro_se ele descobre que fui eu... Tô oficialmente morto! Mesmo eu dizendo isso, ele não brigou comigo.

-Eu... Sinto muito_me entregou uma carta.

Um frio enorme invadiu meu estômago. Por que ele está assim? O que houve?

Abri a carta lentamente.

Queremos informar aos amigos e familiares que, nesse domingo(no caso ontem, na história)faleceu o foi mais velho do casal Min...

Ao ler essas palavras, meu mundo desabou. Meu hyung... Meu hyung morreu? Não. Isso não pode tá acontecendo! Meus olhos começaram a arder. Sai da sala correndo para o meu quarto. Eu não queria ver ninguém! Tudo o que eu quero... É o meu hyung vivo! Por onde eu passava, esbarrava em alguém. Mas nada disso importava. Passei pela porta da sala correndo e, sem querer, me esbarra na novata. Mas eu tava tão atordoado que não liguei. Assim que cheguei no meu quarto, me tranquei e desabei no choro.


Notas Finais


Espero que tenham gostado:3
Annyong!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...