História ShadowElements - Interativa - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 26
Palavras 542
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Ficção Científica, Luta, Mistério, Romance e Novela, Super Power, Violência

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpa o capítulo ser um pouco pequeno, mas espero que gostem! >3<

Capítulo 5 - Hiroshima Nagaki - part three


Fanfic / Fanfiction ShadowElements - Interativa - Capítulo 5 - Hiroshima Nagaki - part three

Finalmente tinha chegado o dia. O dia mais feliz da vida de Hiro, o dia em que sua família estaria completa e feliz. Seus pais estavam se casando e ela seria a entregaria o buque de flores a sua mãe. Ela entrou com o buquê e viu sua mãe no alto do altar. Ela estava linda enfeitada com rosas vermelhas, ela era a pessoa mais linda naquela igreja. Mesmo que Hiro não gostasse de lugares barulhentos, naquele momento não se importava tanto. Quando o sua mãe jogou o buquê para trás, por incrível que pareça caiu nas mãos de Hiro.

- Parabéns, meu amorzinho. Você é a próxima a casar.

Ela disse com um sorriso suave e doce. Hiro chorava como um bebe não conseguia conter aquela felicidade.

Passaram-se alguns meses desde que ela havia se mudado para a casa de seu pai. Sua vida era uma festa. Todo dia acordava e via seus pais felizes. Ela não queria que nada mudasse, ali era o paraíso. Logo seus pais decidiram fazer uma viagem de lua de mel. Hiro não ligou muito pro fato de que iria ficar sozinha, só queria que seus pais ficassem felizes.

Chegou o dia da viagem. Hiro disse adeus a seus pais e foi para dentro do prédio, subindo até a cobertura, que era onde morava. Chegando lá começou a chorar. Não queria ficar sozinha. Além do mais, tinha um pressentimento que essa viagem não ia dar certo, mas não contou aos seus pais porque eles pareciam estar tão felizes.

Param-se alguns dias. Rapidamente passaram as duas semanas da viagem de seus pais. Passou-se mais uma semana. Eles não tinham chegado ainda, era para a viagem já ter acabado. Hiro achou aquilo muito estranho. Mas naquele mesmo momento alguém bateu na porta. Ela abriu e viu dois homens de sobretudos pretos parados na frente da porta. Os dois olharam pra ela. Ela estava com medo. Foi quando um deles resolveu falar:

-Você se chama Hiroshima Nagaki, senhorita?

-Sim. O que vocês querem?

-Nós somos da polícia de Phoenix. Eu sou o oficial Patterson. E esse é o oficial Allen.

Os dois mostraram os distintivos. E continuaram me olhando.

-Eu fiz alguma coisa de errado?

-Não.  Gostaríamos de conversar. Podemos entrar?

Nem esperaram ela responder e já foram entrando. Sentaram nas poltronas da sala e esperaram Hiro sentar também. Ela foi lentamente até a sala e sentou. Ela estava com um mau pressentimento, pois eles estavam com uma expressão muito séria.

-Nós temos que lhe informar que houve um acidente. Envolvendo seus pais, que infelizmente não sobreviveram ao acidente de carro.

Ao ouvir aquilo Hiro paralisou. Não conseguia pronunciar uma palavra. Não entendia o que aquilo estava acontecendo.

-Nós entendemos que deve ser difícil, mas...

-Vocês estão mentindo! Isso não pode ser verdade!

-Nós não estamos mentindo. Precisamos fazer você passar por alguns procedimentos para ir para o orfanato.

Aquela única informação não podia ser aceita por Hiro. Não conseguia acreditar. Não queria acreditar. Era muita informação para uma garotinha de sete anos.

Hiro começou a ficar tonta e sua visão embaçou. Em poucos segundos ela já não via mais nada que estava na sua frente. Só conseguia ouvir as vozes dos policiais, que cada vez mais se distanciavam.


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Desculpa, novamente pelo capítulo pequeno. Lembrando em vou escrever as histórias conforme eu recebi as fichas. No caso o próximo personagem é o Roland Stuart.
Beijo da Fox >.<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...